Terra de Sérgio Moro na posse de B17

Um grupo de maringaenses, de maneira espontânea e voluntária, arcando cada qual com suas despesas esteve acompanhando este momento histórico: pelo baixo custo da campanha, pela ausência de tempo de TV, pela contumaz publicações negativas, não me resta dúvida de que este Governo foi literalmente carregado pelo povo até o Palácio do Planalto.

3 comentários sobre “Terra de Sérgio Moro na posse de B17

  1. Roberto 3 de janeiro de 2019 13:14

    Bando de alienados, igualzinho aos vermelhinhos tão criticados aqui. Gastando às vezes um dinheiro que nem tem, comprando pacote em 10 parcelas, pra ir Brasília pagar pau pra Moro e BOZO. 18 horas de viagem. Maluquice total. Lembrar que o ídolo Moro quanha quase $ 100 mil por mês e apenas estava fazendo seu trabalho. Se eu tiver que aplaudir alguém por fazer seu trabalho, os garis seriam melhor homenageados. E enquanto os Minions curtiam a viagem lascada de retorno, os comandantes em chefe dos BOZOS fazia acordo como Maia. Lembram o quanto detonaram o Maia por aqui? Agora sentaram no colo dele. Não chega ser hilário isso? Traídos na noite de núpcias? Não é uma desgraça ser Bolsominions? Kkkkkkkkkk kkkkkkkkkk KD a história de ser contra tudo que está aí? KD o discurso de não compactuar com encrencado com justiça?? Vcs são uma comédia….. Vou passar sempre por aqui, pra lembrar vcs do quanto foram e ainda são imbecis…..

    • José Paulo 6 de janeiro de 2019 10:20

      Muito bem. Ė a sua opinião! Mas, o que você tem a ver com isso? Cada qual pagou sua despesa, como você o reconhece, bem diferente do que o seu partido (PT) fazia…

  2. maso 3 de janeiro de 2019 13:42

    E jornalista que fala bem de Bolsonaro, a gente sabe que não é por jabá! Já os que apoiavam a propinocracia…..

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.