Comissão do FLIM que aprovou Tiburi em ¨consonância¨com curador

-Alessandra Regina de Carvalho; – Amanda Mantovani ; – Caroline Camitti Dolfini ; – Eliane R. Oliveira Turlin; -Francisco Pinheiro da Silva; -Joaquim Francisco dos Santos Neto; -José Flauzino Alves; -Judith Aparecida de Souza Bedê; – Luiz Fernando Neves; -Márcia – Divanira Pereira; -Marcos Peres Maria; – Maria Eliana Palma; -Marivânia Conceição Araujo; -Romicarla Rodrigues de Matos; -Tiago Valenciano Previatto Amaral; -Valdeir Gomes de Sousa ; Victor Simião; – Yáskara Cristina dos Anjos, são os membros Comissão Organizadora da 5ª Festa Literária Internacional de Maringá – FLIM – Edição 2018, instituída pelo Decreto 736/2018 para acompanhar todas as fases de realização do evento, envolvendo: concepção, temática, espaço de realização, período de realização, apontamentos e aprovação de programação (autores, oficineiros, palestrantes entre outros), bem como apreciar a prestação de contas e relatório final do evento. Segundo o Secretário de Cultura, a vinda de Márcia Tiburi foi acordada por consonância entre o curador contratado e esta comissão.

Comente aqui


Explicação do Secretário contradiz material da divulgação da FLIM

Em vídeo postado em mídia social, o Secretário afirma que o tema (a narrativa pós eleitoral da esquerda derrotada – Resistência) foi escolhido em função da dificuldade em se produzir literatura no Brasil, um argumento diferente do usado no material de divulgação do evento, além do que não parece estar perfeitamente esclarecido no que se refere à recurso público, que não se resume apenas à pagamento de cachê/hospedagem/viagem, mas também ao usofruto, similar à questão agora presente do sítio de Atibaia, que seria para regojizo da família do ex-Presidente preso por corrupção em Curitiba.

1 Comentário
 

Então eu vou me declarar a favor da bruscheta

Marcia Tiburi, filósofa petista, deu declarações bem mirabolantes, bem na linha argumentativa da esquerda, com narrativas espetaculosas para abrir espaço no mídia.  Creio então não causar espanto, declarar-me a favor bruscheta, visto que neste país retrocomunista, uma bruscheta crocante, com molho escorrendo pelas bordas, promove uma revisita na construção metamórfica exógena  no metabolismo da fome regurgitada na fronteira da Venezuela.

Comente aqui


Mais avós que netos

Segundo estudo (Fardo Global das Doenças/2017), publicado na revista científica Lancet, a taxa de fecundidade em quase metade dos países do mundo está abaixo do nível de reposição, isto é, indicando tendência à diminuição da população do planeta. Este fato trás grandes implicações políticas e econômicas mundiais, com redução de mercados (populações consumidoras) e dificuldades nos sistemas de pecúlio e previdência.

1 Comentário


Suas mgs de WhatsApp podem sumir na segunda feira

Todos os usuários do sistema Android (Samsung), terão suas mensagens apagadas definitivamente neste dia 12 de Novembro. Isto ocorrerá devido à um acordo entre o WhatsApp/Facebook e o Google, para permitir que  todas as conversas, fotos e vídeos enviados pelo aplicativo possam ser armazenados no Google Drive, o serviço de hospedagem de arquivos do buscador, sem consumir espaço da conta do usuário.

Comente aqui


Cursos técnicos, públicos e gratuitos

Estão abertas as inscrições nos cursos profissionalizantes que o Estado mantém em funcionamento em Colégios Estaduais (veja no site do NRE a oferta e localização). No que se refere ao colégio JK, ele abriga os cursos de formação de Técnico de Edificações, Meio Ambiente e Segurança do Trabalho e assim como nos demais cursos, as inscrições vão até o dia 14 de Novembro,

Comente aqui


Sítio – favor pessoal

A juíza Gabriela Hardt, que substitui Sérgio Moro colheu depoimento de Marcelo Odebrecht sobre a reforma do sítio de Atibaia.

  • “Seria a primeira vez que a gente estaria fazendo uma coisa pessoal para presidente Lula. Até então, por exemplo, tinha tido o caso do terreno do instituto, bem ou mal, era para o Instituto Lula, não era pra pessoa física dele.”
Comente aqui


Tempo nublado

Na sessão de terça-feira, da Câmara Municipal de Maringá, seis vereadores foram, digamos, mais ácidos em suas posturas em relação à atual administração da cidade.  Homero Marchese (Pros), Chico Caiana (PTB), Willian Gentil (PTB) e Odair Fogueteiro (PHS) e por que não dizer Mário Verri (PT) e Alex Chaves (PHS) subiram o tom passadas as eleições. Foi aprovado um convite para que o Secretário de Obras faça uma explanação sobre os motivos que levaram o Dnit a não aprovar as mudanças que se propuseram os viadutos do Contorno Norte, o que acabou provocando o cancelamento da licitação.

Comente aqui