Mês: fevereiro 2011



Nunca tive arma, diz vereador

.
Conversei nesta segunda-feira (28) com Wellington Andrade (PRP) sobre o falatório de que ele teria se envolvido numa briga de bar, na noite de sábado, e apontado arma de fogo a outros clientes.  O vereador maringaense confirmou que houve um desentendimento, porém, garantiu que não estava armado.

“Não existe isso de arma, tanto que não houve ocorrência policial. Durante a briga, entrei no carro o fui embora”, comentou o vereador. “Nunca tive arma“, reforçou. A PM esteve no bar na noite de sábado, mas a briga não consta do Boletim de Ocorrências.
.

Comente aqui


Dor crônica afeta 28% dos brasileiros, mas têm cura

Milton Blanco

.
Estudo do Hospital das Clínicas e da Universidade de São Paulo (USP) aponta que a dor crônica atormenta 28% dos brasileiros com mais de 18 anos. A boa notícia é que o problema tem cura ou, na pior das hipóteses, tratamento eficaz.

Presidente da Sociedade Paranaense para o Estudo da Dor (SprED), Orlando Colhado explica que pequenos detalhes, como a postura inadequada ou até mesmo a mania de mascar goma, podem ser os causadores de quadros dolorosos.

Leia mais em odiario.com.

Leia também a história de Milton Blanco, paciente que encontrou a cura para dor crônica após 48 anos e 11 cirurgias.
.

1 Comentário


Vereador armado causa pânico em bar na Prudente de Morais

.
A presença de um homem armado durante discussão acalorada em um bar na Avenida Prudente de Morais, quase esquina com a São Paulo, causou pânico e rendeu uma série de telefonemas ao 190, por volta das 20 horas deste sábado (26/02). A Polícia Militar (PM) compareceu ao local e revistou quase 100 pessoas, entre clientes, funcionários do estabelecimento e transeuntes que passavam defronte ao bar. A arma de fogo não foi encontrada.

Entre os envolvidos na briga estava o vereador Wellington Andrade (PRP), o mais votado de Maringá nas eleições de 2008. Pessoas que presenciaram o tumulto relataram aos policiais, durante a revista, que o vereador apanhou um revólver em seu carro após trocar xingamentos com outro cliente. Não foram efetuados disparos e Andrade deixou o local antes da chegada da PM.

A lado curioso da história é que, passadas quase duas horas do incidente, Andrade teria retornado ao bar para terminar de beber sua cerveja. O repórter policial de O Diário, Roberto Silva, que recebeu várias ligações com relatos sobre o tumulto, entrou em contato com a PM. Policiais de plantão disseram que foram informados sobre o fato de Andrade portar arma de fogo no bar, porém, não confirmaram a denúncia por não terem localizado o vereador.

 

Nota do LF: se ficar comprovado que o vereador esteve com um revólver no bar – pior, se ele não tiver porte de arma de fogo -, além de se explicar à polícia ele corre o risco de ter seu mandato cassado na Câmara Municipal.
.

8 Comentários


Consumidor recorre às redes sociais para garantir direitos

.
A profissão de gerente de mídias sociais surgiu de um fenômeno recente. Os internautas estão descobrindo, aos poucos, que Twitter não serve apenas para comentários engraçados de até 140 caracteres, que Orkut não é só “fazendinhas e comunidades”, que Facebook pode ser mais do que encontrar amigos e “curtir” o que eles postam e que YouTube também serve para a divulgação de vídeos relevantes, como cenas de desastres naturais e não apenas “videocassetadas”. Os internautas estão descobrindo um poder de mobilização, sem precedentes, nas redes sociais.

Não entendeu direito, então leia a matéria em odiario.com.
.

Comente aqui


Sob risco de CPI, Nardi dá esclarecimentos na Câmara

.
O secretário de Saúde, Antonio Carlos Nardi (foto), esteve reunido com vereadores na tarde de ontem, a portas fechadas, na Câmara de Maringá. Diante do risco de a bancada de oposição conseguir os cinco votos necessários para instaurar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), para investigar o suposto desvio de R$ 1 milhão em sua pasta, Nardi apresentou relatórios de uma auditoria interna da Prefeitura e colocou os documentos da secretaria à disposição do Legislativo.

Leia a matéria em odiario.com.
.

Comente aqui


Clacy e as Celtics dancers

.
Clacy. Sempre considerei curioso o nome de minha mãe e, até hoje, nunca tinha ouvido falar de outra pessoa com o mesmo nome. A “invenção” de meus avós seria única? Claro que não. Hoje, com ajuda do Google (sempre o Google), descobri pelo menos uma centena de mulheres que se chamam Clacy – com C no começo e Y no final. Para minha supresa, uma delas é dançarina do Boston Celtis, time de basquete da NBA.

Clacy do Celtics: bom motivo para assistir a um jogo, em Boston

Curiosidades à parte, aproveitei para ver os papéis de parede das animadoras de torcida do Celtis. Para quem quiser ter elas (ou uma delas) no computador, confira aqui!

http://www.youtube.com/watch?v=TyTwIKC66D8
.

Geral
Comente aqui


Ourizona é o melhor município

.
Fato hilário na sessão ordinária desta quinta-feira (17) na Câmara de Maringá. A mesa diretora agradecia a visita de um vereador de Ourizona – cordialidade que é de praxe na Casa de Leis – quando o vereador Mário Verri (PT), de sua mesa, saiu com essa:

Mário Verri (PT)

“Quero dizer que Ourizona é um dos melhores municípios do País. Onde existe ouro e zona não há algo melhor”. Todos, claro, riram, inclusive o vereador visitante.

***

Situação chata, na mesma sessão. No uso da tribuna, o líder do prefeito na Câmara, Heine Macieira (PP),  descreveu matéria da página de cultura de O Diário como mentirosa e sugeriu que editor e repórter agiram de má-fé. Uma infelicidade do vereador, que desconhece a carreira dos profissionais mencionados – que duvido terem agido de má-fé. Como Heine não citou nomes, eis a parte chata: fui alvo de olhares do plenário, que entendeu serem destinadas a mim as críticas.

***

O mais interessente ocorreu antes mesmo do início da sessão, na reunião do Secretário de Saúde, Antonio Carlos Nardi, a portas fechadas com os vereadores. A oposição quer instaurar CPI para apurar denúncia de desvio de R$ 1 milhão e Nardi apareceu para dar esclarecimentos. Todos os detalhes na edição de O Diário desta sexta-feira.

5 Comentários


Câmara rejeita proposta redução de gastos em mais de meio milhão

.
O projeto de reforma política da Câmara de Maringá foi aprovada em segunda discussão, por 10 votos a 4, na sessão ordinária de terça-feira (15). Na ocasião, os vereadores reprovaram, pelo mesmo placar, duas emendas supressivas, apresentadas pela bancada da oposição, que propunham redução de despesas em valor superior a meio milhão de reais – além da economia de R$ 3,5 milhões para 2011, estimada pela mesa diretora com base na reforma de 2009.

Aqui matéria em odiario.com.

Uma das emendas propunha que redução dos salários pagos aos assessores de cada um dos 15 vereadores. O chefe de gabinete teria salário fixado em R$ 2.973,19 – incluído reajuste anual de 6,4% –, contra os R$ 3.914,72 propostos pela mesa diretora. A economia mensal seria de R$ 20,8 mil, totalizando R$ 312 mil a menos na folha de pagamento dos gabinetes ao final de um ano.

A outra emenda pedia e extinção de dez cargos ligados à presidência da Casa. O gasto com cargos atribuídos a relações institucionais e assuntos comunitários, segundo a oposição, é da ordem de R$ 350 mil por ano. “É o vereador que tem de se relacionar com a comunidade. A presidência não precisa de assessor para isso”, justificou Marly Silva (DEM).

Autores das duas emendas, os vereadores Humberto Henrique (PT), Marly Silva e Manoel Sobrinho (PC do B) partiram para a tribuna em defesa da proposta. Cada um falou por quase dez minutos, sem sucesso. “Com corte de cargos que não são necessários e com o ajuste dos salários, teremos uma economia de quase meio milhão, dinheiro que poderia ser reinvestido em outras áreas aqui na cidade”, alegou Humberto.

Para alívio dos assessores, prevaleceu a vontade da maioria. “Não concordamos com as emendas porque se você quer ter bons assessores é preciso pagar bem”, comentou o presidente da Câmara, Mário Hossokawa (PMDB). Líder do prefeito na Casa de Leis, Heine Macieira (PP) entende que seria difícil manter bons assessores na função com os cortes propostos. “Assessores jurídicos são advogados, assessores de comunicação são jornalistas. São pessoas que tem uma formação técnica adequada e que certamente buscariam no mercado uma oportunidade melhor se não pagarmos um salário ideal”, disse Heine.

O gasto limite nos gabinetes ficou em R$ 12.140,55 mensais, contra R$ 10.406,17 proposto pela bancada de oposição. Sem a aprovação de emendas, a reforma política da Câmara foi aprovado sem a necessidade de uma terceira discussão. O projeto de lei segue agora para sanção do prefeito Silvio Barros (PP).

Nota do LF: toda redução de gastos públicos é bem-vinda, porém, neste caso os argumentos de Hossokawa e Heine são pertinentes. Quem deseja contar com profissionais qualificados precisa pagar um salário competitivo no mercado. Quem não está satisfeito com o salário, cedo ou tarde, vai embora. É assim em qualquer profissão e, num Estado democrático e de livre mercado, é bom que continue sendo.
.

Comente aqui


Ranking dos políticos no Facebook

.
Primeiro foi a febre do Twitter e suas postagens com limite de 140 caracteres, agora, é crescente o número de políticos que fazem uso do Facebook na divulgação de suas atividades como representantes da população. Em Maringá, aqueles que demonstram mais familiaridade com o meio virtual vêm, desde as eleições do ano passado, utilizando a maior rede social do mundo como canal de diálogo com os eleitores. Esse é o caso dos políticos mais bem classificados no ranking elaborado por O Diário.

Dos dez nomes que figuram no ranking, os seis primeiros colocados interagiram duas ou mais vezes, desde o início do ano, com outros usuários da rede. Com quase 3 mil “amigos” no Facebook, o deputado estadual Evandro Jr. (PSDB) não lidera o ranking por acaso. Além de escrever diariamente sobre seus primeiros passos como deputado e de demonstrar domínio da ferramenta, é ele quem dialoga com mais frequência com os eleitores. “A rotina de um deputado é bem mais intensa do que imaginei. Até mesmo nos fins de semana são muitas as reuniões”, postou Evandro Jr, às 11h50 da última segunda-feira.

Clique para ler a matéria completa e o ranking com detalhes.

1º Deputado Estadual Evandro Jr. (PSDB) – 4.539 pontos
2º Secretário de Estado Ricardo Barros (PP) – 4.171 pontos
3º Vereador Flávio Vicente (PSDB) – 4.148 pontos
4º Deputado Federal Edmar Arruda (PSC) – 2.527 pontos
5º Deputada Federal Cida Borghetti (PP) – 2.461 pontos
6º Deputado Federal Luiz Nishimori (PSDB) – 1.688 pontos
7º Deputado Estadual Enio Verri (PT) – 1.599 pontos
8º Vereador Humberto Henrique – 1.229 pontos
9º Prefeito Silvio Barros (PP) – 124 pontos
10º Vereador Mario Verri (PT) – 68 pontos

Obs.: O método de elaboração do ranking foi detalhado na matéria publicada na edição de domingo (13) de O Diário.
.

Comente aqui


Prêmio Sebrae de Jornalismo tem premiação de R$ 3 mil a R$ 25 mil

.
Prosseguem até 5 de março as inscrições para o Prêmio Sebrae de Jornalismo 2011, que este ano vai dar aos vencedores prêmios em dinheiro entre R$ 3 mil e R$ 25 mil. Se comparado ao piso da categoria (de R$ 2.049 para jornada de cinco horas diárias) é uma bolada.

Organizado pelo Sebrae Nacional e Revista Empresa, o prêmio tem por objetivo reconhecer os profissionais da imprensa autores das melhores reportagens sobre práticas vitoriosas em pequenos negócios, empreendedorismo, cooperação, competitividade, inovação, políticas públicas e legislação.

Poderão ser inscritas no prêmio matérias publicadas nos veículos de comunicação no período de 1º de janeiro de 2010 a 28 de fevereiro de 2011. Quatro categorias principais serão premiadas: impresso, radiojornalismo, telejornalismo e web, além das premiações especiais Prêmio Especial do Júri Sebrae, Grande Prêmio Sebrae de Jornalismo e Menção Honrosa para fotojornalismo e repórter cinematográfico.

O Paraná já teve seus vencedores. No ano passado, por exemplo, venceu um jornalista da Rádio CBN de Curitiba. Ele faturou um cheque no valor de R$ 12 mil (5,8 vezes mais que o piso de jornalista). Ficou tentado a participar, então saiba mais na página do concurso.
.

Comente aqui