Mês: abril 2016



Discípulo do Amor

IMG_20160423_091649070Voltando da Missa dominical de hoje, o Evangelho ficou martelando na minha cabeça:

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São João:
31 Depois que Judas saiu do cenáculo, disse Jesus: “Agora foi glorificado o Filho do Homem, e Deus foi glorificado nele. 32 Se Deus foi glorificado nele, também Deus o glorificará em si mesmo, e o glorificará logo. 33 a Filhinhos, por pouco tempo estou ainda convosco. 34 Eu vos dou um novo mandamento: amai-vos uns aos outros. Como eu vos amei, assim também vós deveis amar-vos uns aos outros. 35 Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se tiverdes amor uns aos outros”.

Minha intenção nesta missa era de agradecer a Deus pela conquista de ontem. Agradecer pela permissão que recebi para desfrutar de tão bom momento que quero repetir por tantas vezes na vida.

Mas como sempre, recebi uma nova lição trazida por uma explicação tão simples do evangelho, a de ser um DISCÍPULO DO AMOR. Quero aprender a ser cada dia mais seu filho meu Deus, de pregar mais que tua palavra, o teu exemplo. De superar minhas fraquezas para ser um verdadeiro filho, de pedir perdão diariamente por não conseguir atingir o teu pedido, mas de ser minimante digno das promessas de Cristo.

Após a terceira cirurgia, realizada em 24/02/2016, ontem eu fiz minha primeira trilha de Mountain Bike com destino a uma cachoeira. Uma trilha curta de 35 km, mas com muitas subidas, muito sol e clima extremamente seco e empoeirado. Tudo isto aumentou o grau de dificuldade e me colocou em cheque várias vezes. Será que consigo terminar? pensava o tempo todo.

Chegando na Cachoeira do Itapoá, 19 km da minha casa, realmente perto, tive uma medinho de entrar, mas desci as escadas naturais feitas de pedras com corrimãos de galhos e raízes das árvores. Muito apreensivo e cuidadoso para não escorregar cheguei até o ponto em que poderíamos entrar no rio e tomar uma bom banho de re-inauguração. Daí em diante foi cuidar para não escorregar no fundo do rio, com muito cuidado cheguei até o chuveiro forte e natural da cascata, perdi o fôlego até acostumar com o friozinho da água.

Naquele momento, passava tanto coisa pela minha cabeça que nem me lembro mais dos detalhes, mas ficou uma alegria profunda misturada com a doce sensação de vitória que tomou conta do meu ser.

Deus se fez presente e juntos com meus amigos do pedal, pude realizar o sonho de estar de volta, de abraçar a natureza e dizer, estou vivo junto com você.

Saindo da cachoeira, enfrentamos uma subida de 5 km em cascalho solto e sem nenhuma árvore para descansar um pouco. Foi uma provação e tanto.

Glória, eu estou de volta aos Pedais com Pedais da Liberdade.

Medo, Força, Felicidade, Cansaço, Liberdade, Realização, Alegria, Superação, Ânimo… Senti tudo ao mesmo tempo e tudo mais de bom!!!

Hoje, além do Evangelho, a música da comunhão, ORAÇÃO PELA PAZ, do Padre Zezinho, invadiu o interior desta humilde criatura de Deus.

Cristo, quero ser instrumento de Tua
Paz e do Teu infinito amor
Onde houver ódio e rancor, que eu
Leve a concórdia, que eu leve o amor

Onde há ofensa que dói
Que eu leve o perdão
Onde houver a discórdia,
Que eu leve a união e Tua paz

(Trecho)

Obrigado amigos pelo apoio, palavras de elogio e em especial, pelas suas preces em meu nome.

Tudo é do Pai, toda honra e toda glória. É Dele a vitória alcançada na minha vida.

Saúde
1 Comentário