blogid == 71){ ?> janeiro 2011 - Coisas do Japão

Coisas do Japão

Publicidade

Shinmoedake

Categorias: Sem categoria

As autoridades japonesas retiraram mais de mil pessoas de suas casas e ampliaram a zona de circulação proibida nos arredores de um vulcão que tem lançado cinzas e pedras nos últimos dias. A erupção do Shinmoedake começou na quarta-feira passada, depois de 52 anos anos inativo. Ele fica em uma área remota de Kirishima, na ilha de Kyushy. Nenhuma vítima foi registrada até o momento.

O governo pediu que cerca de 1.100 moradores abandonem suas casas devido ao risco de cinzas e deslizamentos. Destes, cerca de 600 moradores de Takaharu, localizada no pé da montanha de 1.421 metros, abrigaram-se em ginásios e centros comunitários depois do alerta de retirada às 23h50 de domingo.

  • por: Eduardo
  • Postado em: 31 de janeiro de 2011 às 10:36
  • tags:

Comitiva do Japão no PR

Categorias: Sem categoria

O Paraná receberá uma comitiva de técnicos da Agência de Fomento do Governo Japonês (Jetro) de 3 e 7 de fevereiro. A missão deverá analisar possíveis investimentos do governo japonês em tecnologias limpas (energias renováveis, créditos de carbono e outros) e no setor de meio ambiente. Curitiba foi escolhida pela Jetro, junto com Taiwan (China) e Estocolmo (Suécia), como uma das três melhores cidades do mundo para se investir no setor de meio ambiente e no desenvolvimento limpo.

  • por: Eduardo
  • Postado em: 27 de janeiro de 2011 às 13:48
  • tags:

Saídas e entradas

Categorias: Sem categoria

Cerca de 5,3 mil brasileiros deixaram o Japão em novembro de 2010, segundo o mais recente levantamento do Ministério da Justiça do arquipélago nipônico. Já o número de entradas foi de pouco mais de 3,2 mil, o maior desde junho do ano passado. A diferença entre as saídas e entradas foi de 2.104 pessoas.

Em outubro de 2010, o número de saídas foi de 4.540 e de saídas, 4.283. Em novembro de 2009, as saídas somaram 6.569 e a entradas, 3.130.

  • por: Eduardo
  • Postado em: 25 de janeiro de 2011 às 12:52
  • tags:

Menos sexo

Categorias: Sem categoria

Uma pesquisa do Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar do Japão mostra que os jovens japoneses têm cada vez menos interesse em sexo. Segundo o levantamento, 35,1% dos homens entre 16 e 19 anos no país possuem aversão ou não têm interesse em sexo, o dobro do resultado de 2008.

O estudo também revelou que as pessoas casadas têm feito pouco sexo – 40,8% afirmaram não ter mantido relações sexuais no último mês. A pesquisa se baseou em respostas de 671 homens e 869 mulheres entre 16 e 49 anos.

A baixa taxa de natalidade e o envelhecimento da população é um assunto que preocupa o governo japonês, uma vez que há cada vez menos pessoas economicamente ativas no arquipélago.

  • por: Eduardo
  • Postado em: 24 de janeiro de 2011 às 14:19
  • tags:

Humor negro da BBC

Categorias: Sem categoria

O governo do Japão apresentou um protesto contra a rede de televisão britânica BBC por considerar que a emissora insultou a memória de um sobrevivente das bombas atômicas de Hiroshima e Nagasaki, definido de forma cômica pela TV como “o homem mais infeliz do mundo”.

Tal como informou hoje a agência local Kyodo, a embaixada japonesa em Londres enviou outra queixa à produtora do programa de humor QI, que em 17 de dezembro apresentou com humor negro Tsutomu Yamaguchi, homem símbolo da tragédia atômica no Japão, que morreu no ano passado. Durante a transmissão, o apresentador lembrou que Yamaguchi sofreu sérios ferimentos pela bomba atômica de Hiroshima, de 6 de agosto de 1945, e viajou depois a Nagasaki, onde em três dias depois seria vítima da segunda bomba atômica lançada pela Aeronáutica americana durante a Segunda Guerra Mundial.

Yamaguchi sobreviveu e dedicou boa parte de sua vida à luta contra as armas nucleares, até sua morte em janeiro de 2010, aos 93 anos, de câncer de estômago.

  • por: Eduardo
  • Postado em: 21 de janeiro de 2011 às 13:34
  • tags:

Bases americanas

Categorias: Sem categoria

O governo do Japão assinou hoje um acordo com os Estados Unidos pelo qual se compromete a financiar, por mais 5 anos, a manutenção das bases americanos no arquipélago, com um suporte de 188,1 bilhões de ienes (1,7 bilhão de euros) anuais. O contrato, que ainda terá que ser ratificado pelo parlamento japonês, substitui o atual, que expira em março e estabelecia que o Japão deveria ser o responsável por pelo menos 70% das despesas de manutenção das bases, segundo informou a televisão local NHK.

Este apoio econômico faz parte do chamado “respaldo de nação anfitriã”, segundo o qual Tóquio custeia a maior parte das instalações militares dos EUA no Japão. Washington é o principal aliado de Tóquio em termos de segurança, e começou a receber ajuda econômica dos japoneses a suas bases na região em 1978, em plena Guerra Fria.

  • por: Eduardo
  • Postado em: às 13:24
  • tags:

Milagre econômico que durou 40 anos

Categorias: Sem categoria

Chegou ao fim o reinado de 40 anos da segunda potência mundial, um milagre econômico que foi abatido pelo peso da dívida pública, deflação endêmica e o rápido envelhecimento de sua população. O Produto Interno Bruto (PIB) da China superou em 2010 os US$ 6 trilhões, valor nominal que o Japão não alcançará, pois calcula-se que seu PIB feche abaixo de US$ 5,5 trilhões.

Embora seja preciso esperar até 14 de fevereiro pela divulgação do dado de crescimento japonês no último trimestre do ano, o governo nipônico admitiu ontem que a vizinha China passou a sua frente como segunda economia mundial.

E, à maneira japonesa, o ministro de Política Econômica, Kaoru Yosano, pediu para aproveitar a oportunidade para reestruturar a economia em busca de maior inovação e considerou como positivo para o Japão o forte crescimento chinês.

  • por: Eduardo
  • Postado em: 20 de janeiro de 2011 às 12:04
  • tags:

Neve em Tokai

Categorias: Sem categoria

Moradores das províncias de Aichi, Gifu e Mie sentem as consequências da nevasca que começou na tarde de domingo em toda a região Tokai. Hoje de manhã, o funcionamento do trem-bala e de linhas férreas foi prejudicado. A rodovia expressa também foi paralisada em diversos trechos.

Cerca de 30 centímetros de neve foi a marca registrada na província de Gifu, segundo a agência japonesa de meteorologia. Aichi e Mie amanheceram cobertas com 5 cm cada. Nagoya registrou pela manhã temperatura entre -1ºC e -6ºC. Em Gifu, a média ficou em -2ºC e Tsu (Mie) registrou -1ºC. Em todos os lugares houve acidentes causados pela pista congelada.

  • por: Eduardo
  • Postado em: 17 de janeiro de 2011 às 11:22
  • tags:

Índice de confiança

Categorias: Sem categoria

O sentimento dos consumidores japoneses desce, em dezembro, pelo sexto mês consecutivo. O índice de confiança das famílias desceu para os 40,1 pontos depois de ter ficado nos 40,4, em novembro, e nos 40,9 em outubro.

O indicador foi pressionado pelas componentes relacionadas com o emprego e com as encomendas de bens duradouros, apesar de uma melhoria nas percepções sobre as condições de vida e o rendimento.

  • por: Eduardo
  • Postado em: às 11:16
  • tags:

Morte por excesso de trabalho

Categorias: Sem categoria

A secretaria de Trabalho da Província de Ibaraki, no Japão, reconheceu hoje a morte de um chinês por excesso de trabalho. O homem morreu em 2008 vítima de um ataque cardíaco depois de fazer mais de 100 horas extras em uma fábrica na cidade de Itako.

Segundo a agência de notícias Kyodo, o Escritório de Normas Trabalhistas de Kashima informou que o estagiário tinha 31 anos e trabalhava desde 2005 em uma fábrica de processamento de placas de metal. Tinha esposa e filho.

Essa é a primeira vez que uma autoridade pública reconhece a morte de um estrangeiro por excesso de trabalho.

  • por: Eduardo
  • Postado em: 12 de janeiro de 2011 às 11:47
  • tags:

Coisas do Japão

odiario.com 2010 - 2018 © Todos os direitos reservados à Editora Central Ltda.