Foi dada a largada: Ciro (PDT), Rabello (PSC) e Vera Lúcia (PSTU) são candidatos à Presidência

Ciro Gomes foi confirmado hoje candidato a presidente da República, na convenção do PDT. A decisão foi feita antes da definição das coligações. Estão mais próximos de Ciro e do PDT o PSB e o PCdoB. O Solidariedade anunciou divergência com Geraldo Alckmin e pode decidir apoio a Ciro Gomes.
O pré-candidato a governador do Paraná pelo PDT, Osmar Dias, participou da convenção.
Paulo Rabello foi confirmado candidato a presidente pelo PSC. Ele é economista, foi presidente do IBGE e do BNDES.
O PSTU também fez convenção e confirmou Vera Lúcia Pereira Salgado como candidata a presidente da República. Formada em Ciências Sociais, ela nasceu no sertão de Pernambuco e se mudou, ainda criança, para Sergipe. A militante sindical já foi datilógrafa e garçonete antes de começar a trabalhar em uma fábrica de calçados.
A frente de partidos de centro deverá reunir PSDB, Progressistas, Democratas, PSD, PR e PRB. O grupo indicou Josué Gomes, filho do ex-vice-presidente José Alencar, para ser vice de Alckimin.
Marina Silva, da Rede Sustentabilidade, também busca o apoio do PSB e conversa com Pros e PMN.
Jair Bolsonaro (PSL) não conseguiu definir o seu vice. Uma das possibilidades é a advogada Janaína Pachoal, também do PSL. A convenção do PSL acontece neste domingo, dia 22. O Patriotas deve anunciar apoio e coligação.

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.