Agricultura



Ministro Blairo Maggi e deputado Sérgio Souza na Feira da Coopavel

O deputado Sergio Souza (PMDB-PR), presidente da Comissão de Agricultura da Câmara Federal, acompanha hoje (8) o ministro Blairo Maggi, da Agricultura, na visita à Feira Agropecuária “Show Rural Coopavel 2018”. O evento, que teve início na última segunda-feira e se estende até a próxima sexta-feira (10), na cidade de Cascavel, Oeste do Paraná, deve receber cerca de 300 mil visitantes.

Na agenda do ministro com o parlamentar está prevista a seguinte programação: 11h, lançamento de Custeio Digital pelo Banco do Brasil; 14h, assinatura de Protocolo de Intenção e Convênios entre Itaipu, Programa Oeste em Desenvolvimento, Cooperativas, Prefeituras e Parceiros; 15h, lançamentos de Tecnologias da Embrapa; 16h, visita aos stands da feira.

Para o deputado Sergio Souza, é gratificante ver de perto a Show Rural, que é um dos mais importantes espaços do setor agropecuário brasileiro. “Trata-se de um evento que vem mais uma vez contribuir para reforçar o potencial de uma das vocações do Paraná, o segundo maior produtor de grãos, com uma safra estimada em 38 milhões de toneladas, no ciclo 2017/18”.

Segundo o presidente da Comissão de Agricultura, a expectativa de se movimentar cerca de R$ 2 bilhões este ano, 33% superior ao do ano passado, de R$ 1,5 bi, mostra a pujança desse setor, que sempre aposta na inovação tecnológica em busca de eficiência, da geração de renda e da sustentabilidade, “segmento este que é, sem dúvida, o mais exitoso da economia brasileira. Já imaginou o Brasil sem o setor agropecuário? ”

O parlamentar paranaense reportou que a feira de Cascavel ocorre no momento em que duas Indicações de sua autoria foram acatadas pela Mesa Diretora da Câmara Federal. Uma delas sugere a revisão dos acordos alfandegários entre países membros do Mercosul para o leite, trigo, maçã e arroz. A outra Indicação é para conter a indisciplina da Funai na demarcação de terras indígenas, em especial em Guaíra e Terra Roxa (PR).

A “Indicação” é uma proposição legislativa por meio da qual os parlamentares sugerem que o Poder Executivo realize ato administrativo de sua competência, no presente caso do Mercosul os Ministérios das Relações Exteriores; e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Quanto às demarcações de terras indígenas, a Indicação foi para a esfera do Gabinete Civil da Presidência da República.

Comente aqui


Quase tudo pronto para o Safratec Cocamar

Maior mostra tecnológica para o agronegócio da região será na quarta e quinta-feira em Floresta

Um contingente de profissionais vem trabalhando em ritmo integral para finalizar os detalhes do SafraTec Cocamar 2018, a maior mostra tecnológica do agronegócio regional, que será realizada quarta e quinta-feira (dias 24 e 25) na Unidade de Difusão Tecnológica (UDT) da cooperativa em Floresta, região de Maringá (PR).

ATRAÇÕES – Quase uma centena de empresas de segmentos ligados ao setor e instituições de pesquisa montaram seus estandes e experimentos na área de 500 mil m² e as atrações são muitas. Em resumo, nos dois dias, os mais de 5 mil produtores esperados vão percorrer nove protocolos técnicos para comparar o desempenho de cultivares de soja e híbridos de milho, conhecer novas tecnologias em produtos e serviços, conferir maquinários e equipamentos em ação e, com certeza, se surpreender com as novidades.

MODERNIDADE – Pela primeira vez em um evento do setor agro no Brasil, eles vão interagir com um robô, que responderá perguntas sobre o que existe de mais moderno em soluções para as culturas, visando o aumento da produtividade. Destaque, também, para o uso cirúrgico de drones na agricultura de precisão, que racionaliza recursos, sem esquecer do espaço que vai tratar das inovações e dos avanços da biotecnologia, possibilitando antever o que os próximos anos reservam para a atividade.

CONHECIMENTOS – Voltado a transferência de conhecimentos e tecnologias, o Safratec é uma universidade a céu aberto, com demonstrações e experimentos técnicos conduzidos por dezenas de profissionais da cooperativa e por pesquisadores de renomadas instituições, entre as quais a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Instituto Agronômico do Paraná (Iapar) e Universidade Estadual de Maringá (UEM). Em pauta, estações sobre manejo de solo, herbicidas, manejo de nematoides, tratamento industrial de sementes, tecnologia de aplicação de produtos, inoculação, cultivares de soja, pecuária, integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF) e café.

SAFRATEC COCAMAR 2018
Dias 24 e 25 de janeiro
Unidade de Difusão Tecnológica da Cocamar
Floresta (PR) – ao lado da rodovia PR-317

Comente aqui


Planejamento do II Dia de Campo ILPF ‘Café com Leite’

Eng. Agr. Joaquim N. Girardi EMATER Maringá, Eng. Agr. M.Sc. Edson L. Diogo de Almeida – unidade macrorregional EMATER Mgá, Extensionista Rural Dr. Ricardo Silva, casal de agricultores Roseli e Claudinei Sussai, médico Veterinário Robson J. Curty, zootecnista coordenador Regional Carlos E. Vercesi EMATER Mgá e consultor (pesquisador aposentado IAPAR) Dr. Tumoru Sera

SANTA FÉ Aconteceu ontem reunião de planejamento II Dia de Campo ILPF “Café com Leite” na propriedade da família Sussai, evento promovido pelo Governo do PR – EMATER – IAPAR – SANEPAR e empresas privadas.

IMPORTANTE Sou particularmente fã do trabalho realizado pela Emater, outras empresas e órgãos do governo do Paraná. Apoio fundamental aos produtores rurais.

Comente aqui


Agrononia: Alimentos e força para a economia brasileira

Projetos e trabalhos do curso de Agronomia da Uningá têm se destacado pela qualidade.
Vou compartilhar esse vídeo também no Facebook (Ideias&Fatos) e mais as fotos correspondentes ao texto abaixo, do professor Ecker Flowerland:

“No domingo (19), alunos do 3º ano de Agronomia da Uningá, com o apoio de alunos do 1º, 2º e 4º ano e de integrantes da Agro Uningá Consultoria (AUC), realizaram nova colheita oriunda de novos projetos em andamento junto ao Núcleo Experimental de Agronomia/Uningá.
Após levantamento de possibilidades (hipóteses), revisão artigos, planejamento (cronograma), instalação ensaios (várias culturas com vários objetivos), acompanhamento, avaliações chegou o momento da colheita e obtenção dos primeiros resultados.
Os trabalhos em evidência neste último sábado estão relacionados a cultura da alface com o uso de adubação orgânica e/ou mineral, aplicados na base e também foliar. Mais informações podem ser obtidas com os autores dos projetos, alunos do 3º ano de Agronomia, matriculados na disciplina de Olericultura.
Certamente o trabalho não para por aqui, mas a alegria em vê-los colhendo sua própria produção e realizar a distribuição dos alimentos aos familiares, vizinhos, colegas de trabalho, funcionários, amigos, enfim, levar o conhecimento a frente… ah, é um valor simplesmente maravilhoso.
O presente projeto faz parte do planejamento do Laboratório de Horticultura e Sementes do Centro Universitário Inga – Uningá com o intuito de contribuir com o crescimento profissional destes jovens.
Reiteramos nossos agradecimentos à Uningá por apoiar todo o trabalho, e ao coordenador do Curso de Agronomia, professor Sérgio Ricardo Sirotti”.

Vale a pena ver as fotos.

Comente aqui


Dia 25 tem o 3º Dia de Campo da Uningá

O curso de Engenharia Agronômica da Uningá promove no próximo dia 25 de novembro o 3º Dia de Campo com culturas de verão. O evento começa às 8 horas, no Núcleo Experimental de Agronomia ao lado do campus na avenida Morangueira e é aberto a toda comunidade.
Durante o Dia de Campo serão apresentadas as culturas de verão, especialmente soja e milho, além de algumas frutíferas. Serão 14 estações destinadas a apresentação de demonstrações de materiais como as cultivares desenvolvidas pela Embrapa Soja e de pesquisas em andamento
Serão apresentados ainda técnicas de manejo agroecológico no controle de doenças em hortaliças, resultado da recente parceria entre o curso de Agronomia da Uningá e o Mestrado em Agroecologia Profissional da UEM.
O Núcleo Experimental de Agronomia conta com área aproximada de 14 hectares anexa ao campus da Uningá, onde os acadêmicos realizam atividades práticas com várias culturas. Na área de estudo existe ainda o campo agrostológico, cultivo de eucalipto, café e cana-de-açúcar entre outras atividades.
Junto com o curso de Agronomia e a Agro Uningá Consultoria participam do Dia de Campo os parceiros Coodetec, Fort Green, Yara, Cocari, Sementes Adriana, Inquima, Bayer, Agroquim, Mim Fertilizantes.

Comente aqui


Sérgio Souza defende agricultura de acusações de poluição

O deputado federal Sérgio Souza (PMDB), presidente da Comissão de Agricultura da Câmara dos Deputados, rebateu as informações do Observatório do Clima que apontam a agricultura como principal responsável pelo aumento dos índices de poluição do Brasil.

Comente aqui


Bayer mostra soluções no XX Congresso Brasileiro de Sementes

Bayer expõe portfólio de soluções para a lavoura de soja

A safra de verão está prestes a começar e os agricultores se preparam para superar desafios em busca de altas produtividades das lavouras brasileiras. O manejo adequado desde o início do plantio, principalmente em culturas de grande importância econômica, pode viabilizar o máximo potencial das plantas. Assim, a escolha da semente e sua proteção se destacam neste processo de produção como diferencial competitivo.

Diante deste cenário, e o sob o tema “Novos Desafios e Inovações Tecnológicas”, a Bayer participa do XX Congresso Brasileiro de Sementes até dia 10 de agosto, que acontece em Foz do Iguaçu (PR). De acordo com Marcia Terzian, gerente da Bayer SeedGrowthTM, a proteção inicial é um passo essencial para que o produtor rural possa proteger o potencial produtivo da sua semente, por isso é importante tratar a sua semente com produtos com alta tecnologia.

Marcia diz: “Os agricultores devem se questionar: ‘E se eu pudesse controlar melhor os fatores de riscos da minha lavoura?”.

Pioneira no Tratamento Industrial de Sementes (TSI), a companhia disponibiliza para o mercado a possibilidade de uso das sementes já tratadas industrialmente por meio de parceiros de negócio. A vantagem é que o produtor economiza tempo e recursos, além de receber a semente com a dose exata dos produtos recomendados.

De acordo com o 10º levantamento da safra 2016/17, realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o Brasil está caminhando para uma produção recorde de grãos: 237,22 milhões de toneladas, 27,1% a mais que a safra passada, o que equivale a 50,6 milhões de toneladas a mais. Estes resultados ficariam muito aquém se o produtor não tomasse certos cuidados na fase inicial do plantio como, por exemplo, o tratamento de sementes, que viabiliza o máximo plantabilidade, protegendo a lavoura de uma série de pragas e doenças naturais.

Soluções para o tratamento das sementes

Poncho Energy® é a mais nova tecnologia disponível para o agricultor. Composto por dois inseticidas e um fungicida, o produto oferece um excelente arranque inicial da cultura da soja, melhor crescimento radicular e proteção da parte aérea nos primeiros dias após a germinação. De acordo com pesquisas realizadas pela Bayer, lavouras com Poncho Energy® apresentaram produtividade até 25% superior, confirmando a importância do tratamento de sementes. Outro produto que complementa o tratamento, seja ele na fazenda ou industrial, é o CropStar®, que previne os danos causados por pragas, nematoides, assegura a emergência, o stand e o potencial produtivo da cultura, resultando no desenvolvimento efetivo das raízes e folhas.

O inseticida CropStar® oferece ao agricultor a possibilidade de proteger as sementes contra os principais fatores de risco – sugadores, mastigadores e nematoides –, além de ter um efeito positivo no vigor das plantas. Hoje, este produto pode ser usado em 12 culturas: soja, milho, algodão, trigo, feijão, arroz, amendoim, aveia, mamona, girassol, cevada e sorgo.

Inovação no setor

Além disso, para as atividades do evento a Bayer levará a marca global de sementes de soja, Credenz™, desenvolvida com base na expertise da empresa na cultura da soja, integrando assim genética diferenciada, uma grande e inovadora plataforma de traits (tecnologias), além das soluções já conhecidas no mercado.

Dentro deste portfólio está a tecnologia LibertyLink®, inserida em 11 variedades de soja, distribuídas entre as marcas de sementes da Bayer. A tecnologia permite o uso do herbicida Liberty® em pós-emergência, para o manejo de plantas daninhas, sem prejudicar o cultivo. Esse controle é muito importante e necessário para que estas não afetem a produtividade das plantas de soja, já que competem diretamente por espaço, luz, água e nutrientes, além de comprometerem a pureza na entrega do grão. Como no Brasil há crescentes problemas de plantas daninhas resistentes a herbicidas, esta nova opção para o agricultor é essencial para o manejo eficiente das lavouras.

“Esta é uma excelente oportunidade para nós, pois o contato com os produtores rurais, pesquisadores e especialistas durante o evento é fundamental para que possamos contribuir com o desenvolvimento sustentável da agricultura, com tecnologias de ponta para o aumento da produtividade das lavouras brasileiras”, completa Filipe Romano, gerente de marketing de Sementes de Soja da Bayer.

Bayer: Science For A Better Life (Ciência para uma Vida Melhor)
A Bayer é uma empresa global focada em Ciências da Vida nas áreas de cuidados com a saúde humana e animal e agricultura. Seus produtos e serviços são desenvolvidos para beneficiar as pessoas e melhorar sua qualidade de vida. Além disso, a companhia objetiva criar valor por meio da inovação. A Bayer é comprometida com os princípios do desenvolvimento sustentável e com suas responsabilidades sociais e éticas como uma empresa cidadã. Em 2016, o grupo empregou cerca de 115 mil pessoas e obteve vendas de € 46.8 bilhões. Os investimentos totalizaram € 2.6 bilhões e as despesas com Pesquisa & Desenvolvimento somaram € 4.7 bilhões. Esses números incluem os negócios de polímeros de alta tecnologia, que foram lançados no mercado de ações como companhia independente nomeada Covestro, em 06 de outubro de 2015.

Para mais informações, acesse www.agro.bayer.com.br.

Informações à imprensa

Weber Shandwick – Assessoria de Imprensa
Carlos Nascimento Jr. – [email protected]
Telefone: (11) 3027- 0210 / 98459-5253
Joelma Amaral – [email protected]
Telefone: (11) 3531-4957 / 98335-0082

Bayer – Comunicação Brasil
Renan Magalhães – [email protected]
Telefone: (11) 5694-8020 / 96930-6999
Aline Pasetchny – [email protected]
Telefone: (11) 5694-4278/ 98380-0530
Paulo Pereira – [email protected]
Telefone: (11) 5694-5947/ 98338-7313

Declarações antecipadas quanto ao futuro: Este texto pode conter declarações quanto ao futuro baseadas em suposições e previsões atuais feitas pela administração do Grupo Bayer ou suas divisões de negócios. Diversos riscos conhecidos e desconhecidos, incertezas e outros fatores podem causar diferenças relevantes entre os reais resultados futuros, situação financeira, desenvolvimento ou desempenho da Empresa e as estimativas aqui fornecidas. Tais fatores incluem aqueles discutidos nos relatórios públicos da Bayer disponibilizados em seu website www.bayer.com. A Empresa não assume responsabilidade alguma pela atualização de tais declarações antecipadas quanto ao futuro nem sua adaptação a eventos ou desenvolvimentos futuros.

 

Comente aqui


Astorga lança Patrulha do Campo Municipal

Será lançado em Astorga, no próximo sábado, dia 9, o Programa Patrulha do Campo Municipal.
O Programa visa, entre outros objetivos, oferecer suporte ao setor agropecuário, valorizando o setor produtivo do Município com a readequação de estradas rurais para o escoamento da produção, além de oferecer melhores condições de acesso às propriedades rurais.

Lançamento do Programa Patrulha do Campo Municipal de Astorga
Data: 9 de agosto, sábado
Local: Recinto de Leilão da Sociedade Rural de Astorga
Horário: 17 horas

Comente aqui


Municípios debatem com governo do Paraná ações na agricultura e meio ambiente

Agora à tarde está acontecendo reunião dos secretários municipais de Agricultura, Meio Ambientes e coordenadores da Emater da região com as equipes da Secretaria de Agricultura e Abastecimento (SEAB-PR), Emater, Adapar, IAP e Senar.
Na primeira parte da reunião Toninha Santos, coordenadora do Programa de Desenvolvimento da Região da Amusep (Proamusep), fez uma apresentação sobre as últimas atividades e realizações, destacando a agenda positiva desejada para este ano.
Consórcio de Gestão – Em seguida o prefeito de Astorga, Arquimedes Ziroldo (Bega),  presidente do Consórcio de Gestão, fez uma breve apresentação sobre o Consórcio Público Intermunicipal de Gestão Proamusep, nascido dentro do programa, no ano passado, em fase de operacionalização. O consórcio tem como objetivo inicial conquistas quatro patrulhas mecanizadas completas, para operação nas quatro microrregiões pré-definidas para atuação por afinidade geográfica.
No entanto, Bega destacou que o consórcio pode atuar em todas as áreas de gestão, como pavimentação, obras, investimentos e serviços realizados de forma conjunta.
O gerenciamento de resíduos sólidos, por exemplo, é uma das áreas em que os municípios já se mobilizar para estabelecer um projeto de atuação conjunta.
Agricultura e desenvolvimento – O chefe regional da SEAB-PR, engenheiro agrônomo Romoaldo Carlos Faccin, coordenou a reunião e apresentou os programas e projetos do governo do Paraná para os municípios da região.
O chefe regional da Emater, César Migueo Candeo dos Santos, e o engenheiro agrônomo Celso Daniel Seratto, apresentaram o planejamento da Emater.
O ex-secretário da Agricultura do Paraná, Antonio Poloni, falou sobre projetos da Faeap, Adapar e Senar.
O objetivo da reunião foi intensificar as parcerias dos municípios com o governo do Paraná e as entidades como a Amusep, seu programa de desenvolvimento, seu Consórcio de Gestão, os órgãos de governo e as entidades da agricultura do Paraná.
A agricultura é predominante na economia da região e está totalmente ligada ao desenvolvimento e aos desafios ambientais dos municípios.
A participação dos municípios foi maciça . O coordenador da Região Metropolitana de Maringá, João Carvalho Pinto, acompanhou a reunião.
Na foto o prefeito Bega apresenta o Consórcio de Gestão, ao lado do chefe regional da SEAB, Romoaldo Carlos Faccin.

Comente aqui


Reunião de secretários de Agricultura e Meio Ambiente da região

Hoje (12), às 14 horas, no anfiteatro da Sociedade Rural de Maringá (SRM), reunião dos secretários municipais de Agricultura, de Meio Ambiente, coordenadores da Emater, com equipes da SEAB, Emater, Adapar, IAP e SENAR.
Na pauta, programas de governo, execução de projetos, prioridades da região e procedimentos operacionais.

Informações: Amusep – Toninha Santos – 9932-8716

Comente aqui