Sebrae



Allan Costa faz palestra hoje, em Apucarana

Hoje, às 19 horas, no Cristal Palace Eventos, de Apucarana, Allan Costa faz palestra.
Empreendedor corajoso e de sucesso, ele vai falar sobre “A Arte de Fazer Acontecer”.

Veja a programação no site da Conampe AQUI.

Inscrições: R$ 20,00 > AQUI

Comente aqui


Conampe assume vaga no Conselho Nacional do Sebrae

Durante mais de 20 anos Ercílio Santinoni lidera a luta pelo reconhecimento da micro e pequena empresa no Brasil. Chegar ao Sebrae Nacional era uma das lutas, hoje finalmente vitoriosa.
A Confederação Nacional da Micro e Pequena Empresa (Conampe) ganhou na legislação e depois na Justiça (por incrível que pareça isso foi necessário) uma vaga no Conselho Nacional do Sebrae. Assumiu a representação Ercílio Santinoni, presidente da Conampe, com Pedro Gilson Rigon, da Femicro (ES) como suplente.
Políticas públicas efetivas e realistas para a microempresa são essencias para a inclusão, a geração de novos empregos e o desenvolvimento do país. É preciso que a micro e pequena empresa recebam apoio efetivo dos setores públicos para se manter cumprindo seu papel essencial na economia brasileira.

Comente aqui


Curitiba sedia IX Encontro Sul/Sudeste da Microempresa

IX encontro sul-sudeste conampe 3 banner pequeno horizontal w

Na próxima segunda e terça-feira Curitiba sediará o IX Encontro Sul/Sudeste da Micro e Pequena Empresa. O evento será aberto às 13h30, do dia 23, no auditório do SEBRAE-PR, à Rua Caeté, 150, Prado Velho, Curitiba-PR.
O evento acontece em momento de grande importância para as micro e pequenas empresas, que respondem por 52% dos empregos com carteiro assinada no país e são responsáveis por mais de 80% dos primeiros empregos no Brasil.
O segmento está pronto para ser o principal instrumento de políticas públicas de inclusão e desenvolvimento no país, mas espera decisões efetivas do governo federal.
Nos estados e municípios onde a micro e pequena empresa têm recebido atenção e apoio especial a geração de empregos e o crescimento da economia têm sido comprovados. São exemplos o estado do Paraná, melhor ambiente estadual para os pequenos negócios, segundo pesquisa  nacional do Sebrae, estado que hoje é a 4ª maior economia estadual no país, superando o Rio Grande do Sul, e o município de Maringá, primeiro a aprovar uma lei municipal geral da microempresa, hoje considerado o 4º melhor município do país, com uma economia vigorosa, em crescimento e geradora de empregos.

Convidados – Estão convidados os presidentes das federações de setores produtivos, como a FIEP, FECOMÉRCIO e FAEP, os deputados federais Helder Salomão, do Espírito Santo, e Luiz Carlos Hauly, do Paraná. Dirigentes da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil.
Na área da inovação, identificação e TI são convidadas as empresas Safeweb e Sage. O Sescap terá também participação importante no evento.

Palestras – Duas palestras são muito espetadas no IX Encontro Sul/Sudeste da Micro e Pequena Empresa. Na segunda-feira, às 17 horas, palestra de Allan Costa, “A arte de fazer acontecer – Como cortar o blábláblá e criar resultados extraordinários”. Com currículo de formação internacional e uma carreira muito bem-sucedida, Allan deixou um emprego de R$ 900 mil por ano para ser um empreendedor de sucesso.
A palestra de terça-feira, dia 24, às 10h30, não é menos intrigante. O título é “Quero Vender! E agora?” O palestrante é o carioca Alex Ludwig, psicanalista, hipnólogo, parapsicólogo e especializado em RH, além de pesquisador do comportamento humano. É consultor e palestrante na área comportamental, já tendo falado em todo o Brasil assim como no exterior para mais de um milhão de pessoas.
Sua palestra é muito importante, pois a venda é o objetivo de todos os empresários e empresas. E vender é uma ciência, uma arte.
É presidente do GRUPO GIGA PIZZA que conta com uma rede de empresas no setor alimentício. Considerado uma case de sucesso, a empresa GIGA PIZZA FRANCHISING está em fase de expansão para todo o território nacional.

Informações sobre o evento podem ser obtidas no e-mail [email protected] e no site www.conampe.org.br.
Nas redes sociais, fan page Sistema Conampe.

Comente aqui


Micro e pequena empresa realiza convenção nacional em Curitiba

XII convenção nacional da MPE 6 - banner 6x2.cdr

Acontece nessa segunda-feira, dia 25 de maio de 2015, a XII Convenção Nacional da Micro e Pequena Empresa, a partir das 8 horas, no Centro de Eventos do Bristol Portal do Iguaçu, em Curitiba, Paraná.

Com o tema “Micro e pequena empresa: A hora é agora!” a convenção nacional busca posicionar o segmento em relação às conquistas das lutas, ao longo de três décadas e, em especial, nos últimos anos, e a necessidade de aplicação de todas as políticas públicas de apoio à microempresa em momento de recuperação da economia brasileira.

A palestra de abertura, com o tema “As Políticas do Governo Federal para as Micro e Pequenas Empresas” será feita por Mauro Sérgio Bogéa Soares, secretário de Racionalização e Simplificação da Secretaria da Micro e Pequena Empresa da Presidência da República.

Em seguida Silvio Magalhães Barros, secretário de Estado do Planejamento e Coordenação Geral do Paraná, falará sobre “As Políticas do Governo Paranaense para as Micro e Pequenas Empresas”. O Paraná é o estado com melhor ambiente para os pequenos negócios, no país, segundo estudos do Sebrae.

O evento prossegue com palestras e debates até o final da tarde.

Veja no site da Conampe a programação completa.

O evento é realizado pela Confederação Nacional da Micro e Pequena Empresa (Conampe), com apoio da Fampepar e patrocínio do Sebrae-PR, Caixa e Banco do Brasil.
Apoiam a realização da Convenção Nacional as federações Fecomércio, Fiep, Faep e Fempipar, Microtiba, Sescap, Safeweb e Monampe.

2 Comentários


Prêmio Sebrae de Jornalismo: até 13 de fevereiro

Jornalistas têm até dia 13 de fevereiro para se inscreverem na  sexta edição do Prêmio Sebrae de Jornalismo, uma iniciativa da Revista Imprensa e do Sebrae Nacional. Os interessados no Paraná podem inscrever seus trabalhos e concorrer a R$ 120 mil em prêmios, com os demais inscritos em todo o país.

Podem participar reportagens veiculadas de 1º de janeiro de 2013 até 31 de dezembro de 2013 que tenham como foco o fomento ao empreendedorismo, parcerias entre empreendedores; encadeamento produtivo; gestão, inovação e competitividade; inclusão produtiva; sustentabilidade e, por fim, políticas públicas e legislação que contemplem o universo dos pequenos negócios.

Veículos de todas as regiões do Brasil disputam o Prêmio, em etapas estaduais e nacional. Até agosto, serão definidos os vencedores nas categorias de Rádio, Jornalismo Impresso, TV, Web, Reportagem Cinematográfica e Fotojornalismo. O vencedor de cada categoria receberá prêmio de R$ 15 mil.

Serão reconhecidos ainda o profissional da imprensa brasileira com o título de Jornalista Parceiro do Empreendedor, que receberá R$ 15 mil, e o vencedor do Grande Prêmio Sebrae de Jornalismo, selecionado entre os vencedores como o melhor trabalho apresentado e que acumulará mais R$ 15 mil como prêmio.

No Paraná, não haverá etapa estadual. Os melhores trabalhos inscritos serão indicados pelo Sebrae/PR para concorrer à etapa nacional.

As inscrições para o Prêmio Sebrae de Jornalismo podem ser realizadas no site www.premiosebraedejornalismo.com.br com o preenchimento de uma ficha e o upload dos trabalhos. Cada participante pode inscrever até três trabalhos, mas não há limite de inscrições por veículo.

 

Acompanhe o calendário

De 1º de janeiro a 31 de dezembro de 2013 – Período de veiculação das matérias que concorrem ao Prêmio

De 13 de novembro de 2013 a 13 de fevereiro de 2014 – Inscrições nas etapas estaduais, indicação de matérias e indicações de Jornalista Parceiro do Empreendedor

Maio de 2014 – Divulgação dos vencedores estaduais

Junho de 2014 – Divulgação dos finalistas da categoria “Jornalista Parceiro do Empreendedor”

Agosto de 2014 – Evento de premiação nacional

Mais informações, acesse o www.premiosebraedejornalismo.com.br.

 

Informação encaminhada por Camila Cabau.

Comente aqui


Sebrae ajuda na declaração anual de microempreendedor

Os empreendedores que têm dúvidas sobre a prestação de contas podem procurar as Salas do Empreendedor e os escritórios regionais do Sebrae/PR em todo o Estado até o dia 30 de maio
O Sebrae/PR reforçou o atendimento nas Salas do Empreendedor e em seus escritórios em todo o Estado para auxiliar os empresários que precisam fazer a Declaração Anual de Microempreendedor Individual. Estão convocados a prestar contas os empreendedores que optaram pela formalização por meio do regime de microempreendedor individual, que ganham até R$ 60 mil ao ano. Para saber os locais e horários em que haverá atendimento basta ligar para o 0800 570 0800.
A figura do microempreendedor individual foi criada em 2009 e reúne mais de 400 ocupações, entre elas pedreiro, cabeleireira, mecânico, técnico de computador e artesão. O valor de contribuição mensal é de R$ 42,20, o que permite ao empreendedor ter até um funcionário, emitir nota fiscal, possuir alvará, participar de licitação pública e ter máquina de cartão de débito e crédito.
Em todo o Paraná, mais de 194 mil empresários formalizados devem fazer a declaração neste ano. O prazo termina no dia 30 de maio, mas o ideal é que a declaração seja feita até o dia 20 de fevereiro, conforme explica a consultora do Sebrae/PR, Juliana Schvenger.
“Quem não fizer até esta data terá que pagar juros, pois a guia de pagamentos, que é a contribuição do microempreendedor individual, só pode ser impressa depois da prestação de contas”, esclarece.
Para fazer a declaração é preciso ter em mãos o certificado de condição de microempreendedor individual, os relatórios de receita bruta, preenchidos e referentes ao exercício de 2013, com as notas fiscais e comprovantes anexos a esses relatórios. Quem não fizer a declaração ficará sujeito a multa mínima de R$ 50.
Juliana Schvenger explica que o Sebrae/PR prestará auxílio gratuito aos empreendedores, mas quem preferir poderá fazer a declaração pela internet. “Para isso, é preciso acessar o Portal do Empreendedor. É muito simples e autoexplicativo, basta ter conhecimentos básicos em informática. O importante é não esquecer de prestar contas”, conta.
A declaração é gratuita e o endereço do Portal do Empreendedor é o portaldoempreendedor.gov.br.

Informações encaminhadas por Camila Cabau.

Comente aqui


Eventos marcam Semana da Micro e Pequena Empresa do Paraná

Eventos vão marcar Semana da MPE do Paraná

Eventos vão marcar Semana da MPE do Paraná

Na semana que vem, de 27 a 30 de novembro, será realizada a I Semana da Micro e Pequena Empresa Paranaense e o 50º Encontro Estadual da Micro e Pequena Empresa e Empreendedores Individuais do Paraná (50º Enempe). No dia 27 no Sebrae Curitiba, dia 28 no Sebrae Maringá e nos dias 29 e 30 em Paranavaí, na Amunpar. A realização é da Confederação Nacional da Micro e Pequena Empresa (Conampe), Federação das Associações de Micro e Pequenas Empresas e Empreendedores Individuais do Paraná (Fampepar), Federação das Associações de Micro e Pequenas Empresas Industriais do Paraná (Fempipar), Instuto Monampe e Secretaria de Indústria, Comério e Assuntos para o Mercosul do Paraná.
Os eventos tem apoio do Sebrae, Fecomércio, Fiep, Faep, Fomento Paraná, Banco do Brasil e Caixa.
Confira a programação:

Dia 27 de novembro, 19h30 – quarta-feira – Curitiba-PR
Auditório do SEBRAE-PR – Rua Caeté, 150 – Bairro Prado Velho – CURITIBA – PR
19h30 – Palavras de Abertura e Homenagens.
Abertura oficial do evento com as palavras das autoridades e sessão de homenagens aos amigos da micro e pequena empresa, destacando personalidades que tiveram papel relevante para a aprovação da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa do Estado do Paraná e que têm uma história de dedicação e apoio ao segmento.
20h30 – Palestra: O papel da Micro e Pequena Empresa no Desenvolvimento.
Palestrante: Allan Marcelo de Campos Costa – Formado pelo Programa de Gestão Avançada pela Harvard Business School. Mestre em Gestão Empresarial pela FGV, MSc in Information Technology, Management and Organizational Change pela Universidade de Lancaster, Inglaterra e MBA em Gestão de Negócios pelo IBMEC. Cursou o Programa de Desenvolvimento de Dirigentes Empresariais do INSEAD, na França, é Conselheiro de Administração formado
pelo IBGC. Conselheiro da Fomento S/A. (PR), do SEBRAE Nacional (DF) e conselheiro atuante na Empresa de Transportes Coletivos Pérola do Oeste (Guarapuava/PR).
Co-autor do livro “Electronic Business in Developing Countries”, possui artigos publicados no Brasil e no exterior.
Diretor Superintendente do SEBRAE/PR no período de 2007 a 2013, onde tam­bém foi Diretor Técnico, Gerente de Gestão Estratégica e CIO. Entre 2005 e 2006 foi Diretor Geral e Secretário de Estado da Secretaria de Planejamento e Coordenação Geral do Estado do Paraná. Foi eleito personalidade do ano em Governo Eletrônico no Paraná em 2007.
É professor convidado de MBA na Fundação Getúlio Vargas e da Estação Business School (PR). Membro do Harvard Business School Startup Club, capítulo Brasil.

Dia 28 de novembro, 19 horas – quinta-feira – Maringá-PR
Auditório do SEBRAE – Avenida Bento Munhoz da Rocha Netto, 1116 – Zona 07 – MARINGÁ – PR
19h00 – Coffee Break Micromar
19h30 – Abertura Oficial do Evento.
Abertura do evento com as palavras das autoridades e lideranças.
20h00 – Palestra: O futuro do Paraná com a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa do Estado do Paraná.
Palestrante: César Reinaldo Rissete – Economista pela Universidade Estadual de Maringá e Mestre em Desenvolvimento Econômico pela Universidade Fe­deral do Paraná. Especialista em Produtividade e Qualidade pela JICA/Japan Productivity Center – Japão. Especialista em Políticas Públicas para Micro e Pequenas Empresas pela Unicamp. Especialista em Desenvolvimento Local e Competitividade Territorial pela CEPAL/ILPES e AECID (Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento).
Consultor do SEBRAE Paraná desde 2008, atualmente responde pela Gerência da Unidade de Inovação e Competitividade.
Na instituição já exerceu a Coordenação Estadual de Políticas Públicas. Dentre os trabalhos realizados se destaca apoio as prefeituras na Implantação da Lei da Micro e Pequena Empresa e da criação de um Ambiente Favorável aos Negócios no Estado.
Antes de ingressar no SEBRAE/PR, trabalhou como consultor do Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP) e do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), economista do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (IPARDES), exerceu a função de Coordenador de Estudos e Projetos da Secretaria de Planejamento e Coordenação Geral do Estado do Paraná, de janeiro de 2003 a março de 2008, e no período de janeiro a agosto de 2013 a Superintendência da Secretaria de Administração e Planejamento da Prefeitura de Curitiba. Neste período, coordenou o grupo de trabalho da elaboração de Planos de Governo, Planos Plurianuais do Governo do Estado, Plano de Desenvolvimento do Estado do Paraná, Plano de Apoio aos Arranjos Produtivos Locais, assessorou os municípios na elaboração do Plano Plurianual e em Planos de Desenvolvimento Econômico.

Dia 29 de novembro, 18h00 – sexta-feira – Paranavaí-PR
Amunpar – Rua Profª Neusa Cascão Borba, 1691 (próximo à OAB) – Centro – Paranavaí – PR
18h00 – Abertura Oficial do Evento.
Abertura com a participação de autoridades e lideranças da MPE.
18h30 – Palestra: Os benefícios da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa do Estado do Paraná.
Palestrante: César Reinaldo Rissete – Economista pela Universidade Estadual de Maringá, Mestre em Desenvolvimento Econômico pela Universidade Fe­deral do Paraná e gerente da Unidade de Inovação e Competitividade do Sebrae Paraná.
19h30 – Painel de Debates: O Crédito e o Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e Empreendedores Individuais.
Palestrantes: Representantes da Fomento Paraná, Banco do Brasil S.A. e Caixa Econômica Federal.

Dia 30 de novembro de 2013, 9h00 – sábado – Paranavaí – PR
Amunpar – Rua Profª Neusa Cascão Borba, 1691 (próximo à OAB) – Centro – Paranavaí – PR
50º ENEMPE – ENCONTRO DE LÍDERES
Evento para dirigentes de entidades de representação da micro e pequena empresa, empreendedores individuais e membros do Fórum Regional Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Estado do Paraná.
9h00 – Abertura
9h30 – Tema da Sessão Plenária: “Discussão e debates sobre a regulamentação da Lei Geral Estadual”.
No texto da lei sancionada há a determinação para que seja regulamentada em 90 dias.
12h00 – Encerramento.

Informações: www.conampe.org.brwww.facebook.com/sistemaconampe
Telefone: (44) 3226-9134 – E-mail: [email protected]
Em Paranavaí: Ampec Micropar – www.facebook.com/MicroparParanavai

Comente aqui


Iguaraçu realizou oficina de crédito e empreendedorismo

Empresárias e empresários de Iguaraçu participaram de Oficina de Crédito e Empreendedorismo

Empresárias e empresários de Iguaraçu participaram de Oficina de Crédito e Empreendedorismo

Empresárias, empresários e empreendedores individuais de Iguaraçu participaram na manhã dessa quinta-feira (14) de uma Oficina de Crédito e Empreendedorismo, organizada pela Federação das Micro e Pequenas Empresas do Paraná (Fampepar) e Confederação Nacional das Micro e Pequenas Empresas (Conampe), com apoio do Sebrae e participação do Banco do Brasil e Prefeitura do Município.
A reunião foi realizada na Casa da Cultura e foi aberta pelo prefeito Tião Aurélio, que apoiou a realização do evento. Ele destacou que o encontro era uma oportunidade para a classe empresarial de Iguaraçu, em especial do segmento das micro e pequenas empresas, debater o seu momento e se organizar para os desafios do futuro.
O prefeito também detalhou o Programa de Desenvolvimento Local, instituído neste ano, com objetivo de atrair empresas e fortalecer as empresas já existentes, movimentando a economia, gerando empregos, oportunidades, renda e desenvolvimento.
O presidente da Conampe, Ercílio Santinoni, falou sobre a importância do associativismo para as micro e pequenas empresas e empreendedores individuais. Hoje, no Brasil, são 8 milhões de empresas (MPEs) e mais de 4 milhões de empreendedores individuais (MEIs), responsáveis por 25% do Produto Interno Bruto. Através das associações de MPEs e MEIs é possível debater melhor os desafios e oportunidades, nas diferentes realidades dos municípios e regiões do país.
O gerente do Banco do Brasil, Mecca, falou sobre as linhas de crédito para os pequenos negócios e colocou o banco a disposição de todos. Mecca também enfatizou a importância da organização do segmento em associação, o que favorece o desenvolvimento das empresas e da economia local.
Eliane Bento representou a Fampepar e falou sobre os serviços que o Sistema Conampe presta às empresas e empresários, com informações sobre crédito, certificação digital, orientação para crédito, cursos e treinamentos.
Empresários e empreendedores individuais de Iguaraçu manifestaram seu desejo de fundar a Ampec do município e atuar unidos para obter melhorias e benefícios para as empresas, contando com apoio do Sistema Conampe, do Sebrae e Prefeitura.

Comente aqui


Eventos debatem micro e pequenas empresas do Paraná

Semana da Micro e Pequena Empresa marca Lei Geral do Paraná

Semana da Micro e Pequena Empresa marca Lei Geral do Paraná

 

Dois eventos terão como tema as micro e pequenas empresas e empreendedores individuais do Paraná, neste mês de novembro.
De 27 a 30  será realizada a I Semana da Micro e Pequena Empresa Paranaense, com eventos em Curitiba, dia 27; Maringá, dia 28, e Paranavaí, dias 29 e 30 de novembro.
Em Paranavaí, a Semana terá as atividades do 50º Encontro Estadual das Micro e Pequenas Empresas e Empreendedores Individuais do Paraná, com palestra, debate sobre crédito e encontro de líderes e membros do Fórum Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Estado do Paraná.
A semana começa no Dia da Micro e Pequena Empresa do Paraná, 27 de novembro, reconhecido na Lei Geral da MPE do Estado do Paraná, recentemente sancionada. Esta data é muito importante, porque realmente é a mais importante para as pequenas empresas uma vez que há 29 anos, no dia 27 de novembro de 1984, foi aprovado o 1º Estatuto da MPE, a Lei 7256/1984, que criou o termo MICROEMPRESA.

A programação dos eventos será a seguinte:

Datas e Locais:

27 de novembro de 2013 – Auditório do SEBRAE-PR Rua Caeté, 150 – Bairro Prado Velho – CURITIBA – PR

28 de novembro de 2013 – Auditório do SEBRAE – Avenida Bento Mu­nhoz da Rocha Netto, 1116 – Zona 07 –

MARINGÁ – PR

29 e 30 de novembro de 2013 – Auditório da AMUNPAR Rua Professora Neusa Cascão Borba, 1691 (próximo à OAB) – Centro – PARANAVAÍ – PR

Dia 27 de novembro – quarta-feira – Curitiba-PR

19h30 – Palavras de Abertura e Homenagens.
Abertura oficial do evento com as palavras das autoridades e Sessão de homenagens aos amigos da micro e pequena empresa, destacando personalidades que tiveram papel relevante para a aprovação da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa do Estado do Paraná e que têm uma história de dedicação e apoio ao segmento.
20h30 – Palestra: O papel da Micro e Pequena Empresa no Desenvolvimento.
Palestrante: Allan Marcelo de Campos Costa – Formado pelo Programa de Gestão Avançada pela Harvard Business School. Mestre em Gestão Empresarial pela FGV, MSc in Information Technology, Management and Organizational Change pela Universidade de Lancaster, Inglaterra e MBA em Gestão de Negócios pelo IBMEC.
É professor convidado de MBA na Fundação Getúlio Vargas e da Estação Business School (PR). Membro do Harvard Business School Startup Club, capítulo Brasil.

Dia 28 de novembro – quinta-feira – Maringá-PR

19h30 – Abertura Oficial do Evento.
Abertura oficial do evento com as palavras das autoridades e lideranças.
20h00 – Palestra: O futuro do Paraná com a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa do Estado do Paraná.
Palestrante: César Reinaldo Rissete – Economista pela Universidade Estadual de Maringá e Mestre em Desenvolvimento Econômico pela Universidade Fe­deral do Paraná. Especialista em Produtividade e Qualidade pela JICA/Japan Productivity Center – Japão. Especialista em Políticas Públicas para Micro e Pequenas Empresas pela Unicamp. Especialista em Desenvolvimento Local e Competitividade Territorial pela CEPAL/ILPES e AECID (Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento).
Consultor do SEBRAE Paraná desde 2008, atualmente responde pela Gerência da Unidade de Inovação e Competitividade.

29 e 30 de novembro – Paranavaí-PR: 50º Enempe.

Informações sobre a 1ª Semana da Micro e Pequena Empresa Paranaense e o 50º Encontro Estadual das Micro e Pequenas Empresa e Empreendedores
Individuais do Paraná: www.conampe.org.br – [email protected]
Telefone (44) 3226-9134. Acompanhe no www.facebook.com/sistemaconampe.
Informações sobre o 50º Enempe, em Paranavaí: Ampec Micropar – Rua Albino Silva, 80 – Jardim Canadá – Paranavaí – PR. Ligue: (44) 3045-5800 ou escreva para o e-mail: [email protected] Acompanhe no Facebook:
www.facebook.com/MicroparParanavai.
Seja um associado da Ampec Micropar em Paranavaí, Ampec Micromar em Maringá, Ampec Microtiba em Curitiba ou da Associação da sua cidade e região. Convide suas amigas e amigos empresários e empreendedores para participarem do movimento em defesa da MPE e MEI.

50º ENCONTRO ESTADUAL DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS E EMPREENDEDORES INDIVIDUAIS  (50º ENEMPE)

Dia 29 de novembro – sexta-feira – Paranavaí-PR
18h00 – Abertura Oficial do Evento.
Abertura com a participação de autoridades e lideranças da MPE.
18h30 – Palestra: Os benefícios da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa do Estado do Paraná.
Palestrante: César Reinaldo Rissete – Economista pela Universidade Estadual de Maringá, Mestre em Desenvolvimento Econômico pela Universidade Fe­deral do Paraná e gerente da Unidade de Inovação e Competitividade do Sebrae Paraná.
19h30 – Painel de Debates: O Crédito e o Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e Empreendedores Individuais.
Palestrantes:
Representante da FOMENTO PARANÁ.
Representante do BRDE – Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul.
Representante do Banco do Brasil S.A.
Representante da Caixa Econômica Federal.
22h00 – Encerramento.

Dia 30 de novembro de 2013

ENCONTRO DE LÍDERES – 50º ENEMPE
Evento para dirigentes de entidades de representação da micro e pequena empresa, empreendedores individuais e membros do Fórum Regional Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Estado do Paraná.
9h00 – Abertura
9h30 – Tema da Sessão Plenária: “Discussão e debates sobre a regulamentação da Lei Geral Estadual”.
No texto da lei sancionada há a determinação para que seja regulamentada em 90 dias.
12h00 – Encerramento.

 

1 Comentário


Cidade Empreendedora é sucesso em Marialva

Há cinco anos, o empresário Hélio Sigaki abriu o restaurante Joy Full em Marialva e, desde então, participa do Programa Cidade Empreendedora, lançado em 2009 no município. Para ele, a iniciativa, promovida pelo Sebrae/PR em parceria com a Prefeitura Municipal e com a Associação Comercial e Empresarial de Marialva (ACIMAR), contribui significativamente para o sucesso de seu empreendimento.
Entre as melhorias já alcançadas, Hélio Sigaki cita a redução de desperdícios, a padronização do visual do restaurante e da qualidade dos produtos e serviços prestados, o comprometimento da equipe e os resultados financeiros. “Esse trabalho contínuo é muito produtivo, aplicamos as ações na prática e vemos os resultados. Certamente, continuarei participando do Programa.”
Assim como Hélio Sigaki, mais de 7 mil empreendedores e colaboradores já foram alcançados pelo Cidade Empreendedora, que está em sua quinta edição consecutiva. O gerente regional do Sebrae/PR no noroeste do Paraná, Luiz Carlos da Silva, faz uma avaliação positiva do projeto, que tem auxiliado o aperfeiçoamento e a dinamização dos empreendimentos em Marialva.
“Esse trabalho, que une os esforços de várias entidades em prol de um objetivo comum, é muito importante para o desenvolvimento da economia da cidade, tendo em vista que são as micro e pequenas empresas que geram a maior parte dos empregos e da distribuição de renda. Os resultados são excelentes e todos, empresas e cidade, ganham”, afirma.
Edgar Silvestre, prefeito de Marialva, reforça que o Programa é uma ação de grande proporção para o município e que as empresas locais têm apresentado melhorias significativas em profissionalismo e competitividade. “A administração pública busca ferramentas que auxiliem o empresários e a parceria com o Sebrae/PR, sem dúvidas, traz inúmeros benefícios a todos.”
Ideuber Carlos Celeste, secretário da Indústria e Comércio de Marialva, ressalta que o Programa tem ganhado cada vez mais destaque porque, nos últimos dois anos, além de palestras, treinamentos e consultorias, desenvolve projetos extras em áreas específicas, como turismo e agronegócio. “Ainda mais completa, a iniciativa tem transformado a cidade ao estimular a cultura do empreendedorismo na população”, pontua.
Para a presidente da ACIMAR, Cristina Murata, que também é empresária da Foto Ideal Studio e uma das participantes do Cidade Empreendedora desde a 1ª adição, as ações do Programa abrem os horizontes dos empresários porque percebem que, embora estejam instalados em uma cidade de pequeno porte, o profissionalismo, a qualidade e a visão de mercado e de negócios fazem a diferença.
“Muitos abrem um negócio sem planejamento e, depois, enfrentam desafios. Eu mesma estava com dificuldades por falta de visão de mercado. Durante as capacitações, percebi que não precisava me restringir às fronteiras da cidade e me organizei para ganhar clientes de outras localidades. Estou muito satisfeita com as melhorias que o Programa tem proporcionado para a minha empresa e para o empreendedorismo de toda a cidade”, comenta a empresária.
O consultor do Sebrae/PR, Gustavo Ishikawa, explica que o Cidade Empreendedora alcança segmentos do comércio, indústria e agronegócios em Marialva. Essa abrangência, segundo ele, resulta, em especial, dos esforços das entidades parceiras que, além de subsídios financeiros, mobilizam e motivam as pessoas a participarem com dedicação.
“Na Prefeitura, por exemplo, diversas secretarias, como as de Turismo, Cultura, Educação e Tributação têm se dedicado à realização do Programa. Dessa forma, o Sebrae/PR encontra suporte para desenvolver ações que atendam cada vez mais as necessidades do município. Inclusive, os empresários são muito participativos e isso é um dos sinais de bons resultados”, completa.
Balanço – Em 2009, ano da primeira edição do Cidade Empreendedora, cerca de 1.400 pessoas foram atendidas pelo Programa. Entre as ações, estavam quatro workshops, 250 horas de consultorias, 60 horas de treinamentos, duas palestras, missões técnicas e atendimentos específicos para os setores do vestuário e agronegócio.
No segundo ano, em 2010, por volta de 1.400 empreendedores e colaboradores também foram alcançados, sendo 25 deles do setor de agronegócio. Ao todo, foram prestados cinco workshops, 60 horas de consultorias, duas palestras e duas missões técnicas.
Em 2011, o Programa atendeu aproximadamente 50 empresas e 1.300 pessoas por meio de mil horas de consultorias, 40 horas de capacitação e duas palestras. No ano seguinte, em 2012, o Cidade Empreendedora impactou cerca de 1.900 empresários e colaboradores ao realizar três palestras e consultorias nas áreas de gestão e inovação.
Para 2013, o Programa ganhou uma nova proposta e as expectativas são de alcançar cerca de 1.650 pessoas. No primeiro semestre, já foram realizados um workshop, uma palestra e a primeira etapa de consultorias, na qual 15 empresas são atendidas na área de gestão e 15 na área de inovação.
No setor de agronegócios está sendo estruturada a cooperativa Núcleo de Flores e os produtores já fizeram uma missão técnica a Holambra, em São Paulo. Também estão em andamento orientações empresariais para 100 empresas e o Projeto Cidade Empreendedora Lei Geral.
Até o final do ano, devem ser realizados mais um workshop, uma palestra e quatro treinamentos específicos para o Núcleo de Flores. Além disso, há ações extras com o Projeto de Turismo, orientações aos microempreendedores individuais e cursos de oratória.

Mais informações sobre o Programa Cidade Empreendedora podem ser obtidas no Sebrae/PR, telefone (44) 3220-3474.

 

Comente aqui