Governo



Estado repassa recursos para atender pessoas com deficiência

A Secretaria da Família e Desenvolvimento Social começou a repassar os R$ 24 milhões destinados a 100 municípios para aquisição de veículo adaptado a crianças e adolescentes com deficiência. Mais R$ 20 milhões serão liberados ainda este ano por meio de outros editais para melhoria da estrutura das entidades voltadas para este público.

No caso dos carros adaptados, cada prefeitura selecionada receberá, pela modalidade fundo a fundo, R$ 240 mil para a compra do veículo, com capacidade mínima de 10 lugares, para atender a rede socioassistencial. A deliberação que rege este repasse é a 005/2017 do Conselho Estadual de Assistência Social (Ceas) e os recursos são do Fundo Estadual da Assistência Social (Feas).

A iniciativa beneficiou 100 municípios de pequeno porte que ainda não foram favorecidos por outras iniciativas com mesma destinação nos últimos quatro anos. Os recursos serão transferidos em parcela única diretamente para o Fundo Municipal de Assistência Social.

A secretária estadual da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, disse que os repasses vão melhorar as condições de acesso e inclusão social de crianças e adolescentes com deficiência. “Além de garantir um direito, o veículo serve como adaptação, principalmente às pessoas com deficiência intelectual, para uso do transporte coletivo. Assim, o impacto ao entrar em um ônibus convencional é menor”, afirmou a secretária. “Podemos dizer que é uma inclusão gradativa”, acrescentou.

Fernanda Richa citou também os editais 002 e 004/2017, do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca), que liberaram R$ 20 milhões, do Fundo da Infância e da Juventude (FIA), para organizações da sociedade civil, no ano passado. “As entidades sociais são braço de nossa rede estadual de assistência social. Elas puderam acessar esses recursos para melhorar o atendimento, realizar ações ou mesmo comprar bens móveis”, disse.

Ainda está aberto o edital 006/2017 do Cedca, que repassa R$ 6,9 milhões para atendimento exclusivo a crianças e adolescentes com deficiência. Organizações da sociedade civil têm até 28 de fevereiro para inscrever projetos.

A documentação necessária deve ser entregue em um dos 22 escritórios regionais da Secretaria, distribuídos em todo o Estado. Essa chamada pública complementa a 002/2017. Só estarão aptas ao novo edital as entidades sociais que não participaram de outros processos para o mesmo fim.

Municípios atendidos – Agudos do Sul, Alto Paraná, Alto Piquiri, Ampére, Antonina, Antônio Olinto, Assaí, Bela Vista do Paraíso, Boa Ventura de São Roque, Bocaiúva do Sul, Cafelândia, Campina da Lagoa, Candói, Cantagalo, Capanema, Capitão Leônidas Marques, Carambeí, Carlópolis, Catanduvas, Centenário do Sul, Cerro Azul, Céu Azul, Chopinzinho, Clevelândia, Congonhinhas, Contenda, Corbélia, Cruz Machado, Faxinal, Figueira, Florestópolis, Formosa do Oeste, Foz do Jordão, General Carneiro, Guaraniaçu, Icaraíma, Imbaú, Ipiranga, Iporã, Iretama, Itapejara d’Oeste, Ivaí, Jaguapitã, Jataizinho, Jesuítas, Joaquim Távora, Lindoeste, Mallet, Mandaguaçu, Mangueirinha, Marmeleiro, Matelândia, Moreira Sales, Morretes, Nova Aurora, Nova Cantu, Nova Laranjeiras, Nova Londrina, Nova Prata do Iguaçu, Palmital, Paraíso do Norte, Peabiru, Planalto, Porecatu, Primeiro de Maio, Querência do Norte, Quitandinha, Realeza, Rebouças, Ribeirão do Pinhal, Rio Azul, Rio Bonito do Iguaçu, Roncador, Salto do Lontra, Santa Cruz de Monte Castelo, Santa Isabel do Ivaí, Santa Izabel do Oeste, Santa Maria do Oeste, Santa Mariana, Santo Antônio do Sudoeste, São Jerônimo da Serra, São João, São João do Triunfo, São Jorge d’Oeste, Sengés, Siqueira Campos, Teixeira Soares, Terra Boa, Terra Rica, Terra Roxa, Tibagi, Tijucas do Sul, Tomazina, Três Barras do Paraná, Turvo, Uraí, Ventania, Vera Cruz do Oeste, Verê, Wenceslau Braz.

Comente aqui


Coluna do dia 24 de novembro, sexta-feira

SANEAMENTO O presidente da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), Mounir Chaowiche, estará hoje (24) em quatro municípios da Região Noroeste. Ele anunciará investimentos e visitará obras em Maringá, Mandaguari, Mandaguaçu e Nova Esperança.

LOCAIS Em Maringá, Mounir visitará a captação do Rio Pirapó. Em Mandaguari e Mandaguaçu entregará ampliação do sistema de esgotamento sanitário. Em Nova Esperança assinará de ordem de serviço em obras em poços artesianos.

APOIO Articulações em torno da candidatura de Cida Borghetti (PP) ao Palácio Iguaçu tomam corpo. Nesta semana, um jantar em Brasília reuniu lideranças suprapartidárias.

REGIÕES DO PARANÁ Estiveram com Cida deputados federais, prefeitos e vereadores de diferentes partidos e com votos espalhados em todas as regiões do Paraná.

IMPRENSA Por onde passou, terça e quarta-feira, em Brasília, Cida foi muito procurada pela imprensa para falar sobre o Paraná, seus projetos e realizações.

ACIM Na visita de Osmar Dias a Maringá destaque para a mobilização do Podemos, que compareceu com seus diversos núcleos setoriais, atuantes e bem organizados.

GRUPO MASSA O Grupo Massa realizou esta semana o 1º Encontro geral de integração e planejamento. A informação está na fan page do deputado Ratinho Junior.

2018 No evento, realizado em Cornélio Procópio, que prossegue hoje, sexta-feira, as empresas estão realizando um planejamento estratégico para o ano que vem.

DIA DO SÍNDICO A data é 30 de novembro e é nacional. Em Maringá, o Secovi realiza, dia 1º de dezembro, o Jantar do Síndico.

OLÍMPICO Este ano o tema do Jantar do Síndico será “Noite Sertaneja”, no Clube Olímpico, dia 1º de dezembro, a partir das 20 horas.

RELACIONAMENTO O ex-deputado estadual Ricardo Maia bem mantendo um excelente relacionamento com lideranças da região.

VEREADORES Fernanda Richa, secretária estadual da Família e Desenvolvimento Social, participou da abertura do 2º Congresso Interestadual de Fortalecimento e União da Vereança.

INTEGRAÇÃO Fernanda falou sobre a relação entre governo e município, município e câmara de vereadores. Para ela, quando ocorre de forma tranquila, os efeitos para a comunidade são diretos e efetivos.

LEGISLAÇÃO TRABALHISTA O Fórum sobre mudanças na legislação trabalhista, que será realizado hoje, a partir das 13 horas, no Hotel Metrópole (Bristol) é imperdível para empresários, advogados, contadores e profissionais de RH. Alto nível.

 

MUNICÍPIOS

SABÁUDIA O governador Beto Richa esteve ontem em Sabáudia para as inaugurações do Pronto Atendimento Municipal, da Praça Antonio Zanin e Trevo na PR-218.

PR-317 Municípios como Munhoz de Melo, Santa Fé e outros estão preocupados com árvores que estão caindo sobre a rodovia.

MANUTENÇÃO O DER precisa providenciar corte e manejo para evitar acidentes. Isso pode ser feito em convênios do estado com prefeituras.

ACIDENTE GRAVE No dia 10, sexta-feira, no km 61, próximo ao trevo de Munhoz Melo, uma árvore caiu sobre um carro. Veja as fotos no blog.

 

FRASE
“Os únicos limites das nossas realizações de amanhã são as nossas dúvidas e hesitações de hoje” Franklin Roosevelt

 

PARA LEMBRAR

HOJE – 24 DE NOVEMBRO, 13 horas, Hotel Metrópole. Fórum Justiça, Capital e Trabalho. A terceirização, a flexibilização da jornada, o fatiamento das férias e o fim da contribuição sindical. Temas em debate com o advogado tributarista Dirceu Galdino; desembargadores Cássio Colombo Filho e Ney José de Freitas e juiz federal Marlon Mellek, membro da Comissão de Redação Final da nova Lei Trabalhista.
Vagas limitadas. Informações no site www.forumjct.com.br.

25 DE NOVEMBRO, das 8 às 12 horas. O curso de Agronomia da Uningá realiza neste sábado, 25 de novembro, o 3º Dia de Campo com culturas de verão e variedades frutíferas. O Dia de Campo da Uningá tem um alcance mais amplo que os eventos do gênero realizados por cooperativas e empresas. Na instituição além de apresentar as novidades aos agricultores o evento tem um cunho educacional, envolvendo os acadêmicos em todo processo de realização. Será no Núcleo Experimental de Agronomia, ao lado do campus no final da avenida Morangueira

27 DE NOVEMBRO, 8 horas, Victoria Villa Hotel, Curitiba. IV Semana da Micro e Pequena Empresa Paranaense e XII Encontro Sul Sudeste da Micro e Pequena Empresa. Apoio do Sebrae. Palestras da jornalista Sulamita Mendes, advogado Marcelo Alvarenga, empreendedor e escritor Allan Costa. Inscrições gratuitas: goo.gl/wsaU8u

 

ÚLTIMA
Pior cego é aquele que não quer ver.

3 Comentários


Governo do Paraná libera mais R$ 100 milhões para municípios


O governador Beto Richa confirmou nesta terça-feira, 21, mais R$ 100 milhões para obras e outros investimentos em 250 cidades do Paraná. As prefeituras vão executar obras de pavimentação e melhorias na agricultura, esporte, caminhos para coleta seletiva de lixo, obras de combate à erosão. “Essa parceria entre o Estado e os municípios se fortalece a cada dia. Praticamente todas as semanas repassamos recursos para os prefeitos. Vale lembrar que só conseguimos destinar recursos graças ao ajuste fiscal iniciado há dois anos que permite ampliar os investimentos nas cidades do Estado”, disse Richa.

1 Comentário


PPS confirma pré-candidaturas ao Governo do Paraná

Cesar Filho, Rubens Bueno e Marcelo Rangel

Em dois encontros realizados na sexta-feira, 29, e no sábado, 30, o PPS lançou as pré-candidaturas de Cesar Silvestre Filho (prefeito de Guarapuava) e Marcelo Rangel (prefeito de Ponta Grossa) à disputa do governo do Estado, em 2018.
O deputado federal Rubens Bueno, presidente do PPS, relata que está quase completando o roteiro de visitas às regiões do Paraná, em um projeto que busca chamar as lideranças para o debate, que se torna ainda mais necessário devido o momento delicado que vive o nosso país.
Bueno também afirma que PPS sempre busca apresentar boas opções para a comunidade e desta forma tentar mudar este cenário político. O projeto do partido para 2018 é o de escolher um candidato a governador e apoiar o senador Cristovam Buarque para que dispute a eleição presidencial.

Comente aqui


Contas do governo têm pior julho em 21 anos

O governo federal registrou um déficit primário de R$ 20,152 bilhões em julho, o pior desempenho para o mês da série histórica, que tem início em 1997. O resultado, que reúne as contas do Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central, sucede o déficit de R$ 19,227 bilhões de junho.
O resultado de julho ficou acima das expectativas do mercado financeiro, cuja mediana apontava um déficit de R$ 18,2 bilhões, de acordo com levantamento do Projeções Broadcast junto a 24 instituições financeiras. O dado do mês passado ficou dentro do intervalo das estimativas, que foram de déficit de R$ 25 bilhões a R$ 11,15 bilhões.
Entre janeiro e julho deste ano, o resultado primário foi de déficit de R$ 76,277 bilhões, também o pior resultado para o período da série histórica. Nos primeiros sete meses do ano passado, esse mesmo resultado era negativo em R$ 55,693 bilhões.

Comente aqui


PP faz articulações

O momento é de diálogo, negociações e articulações para 2018. A foto é do encontro que ocorreu nesta semana no gabinete do governador Beto Richa (PSDB). O PP, que já anunciou Cida Borghetti candidata ao governo, articula com o PSDB um das vagas do Senado para Beto Richa. Uma repetição da dobradinha vitoriosa de 2010 e 2014.

1 Comentário


Em Paiçandu

O prefeito Ulisses Maia esteve prestigiando a posse de Felipe Maia Kotsifas como novo secretário de planejamento de Paiçandu. Ele se licenciou do cargo de vereador. Ulisses disse que novamente foi firmado o compromisso de parceria entre Maringá e Paiçandu.

Na foto, ao centro, os prefeitos Ulisses, de Maringá, e Tarcisio Marques dos Reis, de Paiçandu.

1 Comentário


Rombo

As contas do setor público consolidado, que englobam o governo federal, os estados, municípios e as empresas estatais, registraram um déficit primário de R$ 35,18 bilhões no primeiro semestre, informou o Banco Central nesta sexta-feira (28). Isso significa que as despesas superaram as receitas com impostos no mês passado, na conta que não considera os gastos com pagamento de juros da dívida pública.
Este foi o pior resultado para o primeiro semestre desde o início da série histórica do Banco Central, em dezembro de 2001, ou seja, em 16 anos. No mesmo período do ano passado, o déficit das contas do setor público consolidado foi bem menor: de R$ 23,77 bilhões.

Comente aqui


Governo diz estar no prejuízo

O governo federal afirma que a suspensão do aumento de tributos sobre a gasolina, diesel e etanol, determinada na terça-feira (26), por um juiz de Brasília, causa um prejuízo de R$ 78 milhões por dia. O argumento é citado no recurso da Advocacia Geral da União (AGU), com base em informações repassadas pela Secretaria do Tesouro Nacional. O juiz substituto Renato Borelli, da 20ª Vara Federal de Brasília, determinou na terça-feira (25) a suspensão imediata do decreto publicado na semana passada pelo governo que elevou a alíquota de PIS/Cofins que incide sobre a gasolina, o diesel e o etanol. Sem a receita prevista com o aumento do imposto, o Tesouro Nacional argumenta que vários programas do governo poderão não ter continuidade, e isso envolve o Ministério da Saúde, de Segurança Pública e até o Bolsa Família (veja a nota do Tesouro na íntegra abaixo).
A decisão liminar (provisória) vale para todo o país e atendeu a pedido feito em uma ação popular, movida pelo advogado Carlos Alexandre Klomfahs.
Apesar de determinar a suspensão imediata do decreto, tecnicamente a decisão só vale quando o governo for notificado. A decisão também determina o retorno dos preços dos combustíveis.
O aumento começou a valer na sexta (21). Segundo o governo, a tributação sobre a gasolina subiu R$ 0,41 por litro e mais que dobrou: passou a custar aos motoristas R$ 0,89 para cada litro de gasolina, se levada em consideração também a incidência da Cide, que é de R$ 0,10 por litro.
A tributação sobre o diesel subiu em R$ 0,21 e ficou em R$ 0,46 por litro do combustível. Já a tributação sobre o etanol subiu R$ 0,20 por litro.

Comente aqui


Investimentos

O Governo do Paraná conta hoje com cerca de R$ 800 milhões para investimento nos municípios paranaenses através de financiamentos e outras modalidades de transferência. O anúncio foi feito pelo chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni, que esteve no interior do estado. “Sabemos o quanto é importante o apoio do Governo, principalmente para as pequenas cidades. O governador Beto Richa determinou que os repasses sejam acelerados para que a população possa ser beneficiada e tenha melhores condições de vida. Enquanto o restante do Brasil reclama da crise, nós trabalhamos”, disse o secretário.
Rossoni também pediu agilidade das prefeituras na elaboração dos projetos e entrega de documentos para que os recursos possam ser autorizados.

Comente aqui