Internet



Pela internet

Com as articulações cada vez mais intensas em Brasília, há quem tenha decidido votar a denúncia contra o presidente Michel Temer por outros critérios. Aliás, não decidiu: deixou a escolha para seus eleitores. A deputada Renata Abreu (Podemos/SP) montou uma enquete no site do partido para que os próprios eleitores orientem sua decisão em plenário. A votação digital foi aberta em 13 de julho, mesmo dia da votação na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) pela apreciação do relatório do deputado Sérgio Zveiter (PMDB-RJ) sobre a admissibilidade da denúncia da Procuradoria-Geral da República contra o presidente por corrupção passiva. Na CCJ, Renata votou a favor do parecer.
Até a tarde desta quarta-feira, 19, 608 pessoas participaram da votação e 88% delas são a favor do prosseguimento da denúncia. Para a deputada, a ferramenta funciona como uma forma de engajar o eleitor. “O cidadão está muito apático. Eles criticam, mas precisam participar”, disse. Nesse caso, a participação valerá muito: Renata explica que se a enquete mudar e a maioria votar contra a aceitação da denúncia, ela acompanhará os eleitores.

Comente aqui


Confiança


O Brasil é o segundo país em que os consumidores de notícias online mais confiam nos veículos de comunicação, apontou um estudo realizado pelo Reuters Institute e a Universidade de Oxford.
A pesquisa também identificou que as redes sociais, como o Facebook, perderam espaço como fontes de disseminação de informação, enquanto aplicativos de mensagem, como o WhatsApp, avançaram.
Esse movimento foi impulsionado porque os smartphones superaram os computadores e se tornaram o principal aparelho para consumidor notícias. No Brasil, o índice de confiança chegou a 60% dos entrevistados. O percentual só não é maior do que o da Finlândia, de 62%. Os pesquisadores perguntaram aos entrevistados se eles concordavam com as seguintes afirmações: “Eu acredito que você pode confiar na maioria das notícias na maior parte do tempo / Eu acredito que eu posso confiar na maioria das notícias na maior parte do tempo”.
Dentre os países analisados, os que registram menores indicadores de confiança são Eslováquia (27%), Grécia (23%) e Coreia do Sul (23%).

Comente aqui


Compras online

Comprar pela internet se tornou um hábito do brasileiro, revela um estudo feito pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) nas 27 capitais do país. De acordo com o levantamento, 89% dos internautas realizaram ao menos uma compra online nos últimos 12 meses anteriores à pesquisa, percentual que se mantém elevado em todos as classes sociais analisadas. Os homens lideram entre os compradores online (93%), pessoas de 35 a 49 anos representam 95% dos consumidores e 99% pertencem às classes A e B. Apenas 4% das pessoas que têm acesso à internet admitiram nunca ter feito qualquer compra online.
A pesquisa mostrou que, mesmo em um cenário de crise, quase metade dos consumidores online (43%) aumentou a quantidade de produtos adquiridos pela internet este ano, na comparação com 2016. Para 38%, o volume se manteve estável, enquanto 18% diminuíram o número de compras feitas por esse meio. A consulta foi feita entre os dias 18 e 27 de abril passado.

Comente aqui


Pela internet

A partir dessa segunda-feira (19), os laboratórios do Instituto Ambiental do Paraná (IAP) disponibilizam os resultados de suas análises por meio eletrônico. Com a novidade, os escritórios regionais e usuários do IAP que solicitam análises laboratoriais de qualidade da água, do solo e efluentes para verificar a contaminação do ambiente receberão as informações por e-mail e também podem acessá-las no site do instituto. Antes, os laudos eram impressos e encaminhados aos usuários e escritórios regionais que atendem acidentes e recebem as denúncias. “O processo era mais demorado, pois além do tempo de análise havia o período do envio das informações por meio físico, com o uso de grande quantidade de papel. Agora igualamos nossos serviços aos demais laboratórios”, explica a diretora de Monitoramento Ambiental e Controle da Poluição do IAP, Ivonete Chaves.

Comente aqui


Esportes no Maringá Clube

Fundado em 28 de junho de 1956, o Maringá Clube é o pioneiro da cidade, com tradição de realização de eventos sociais. A atual diretoria tem se dedicado também ao esporte, oferecendo aos sócios apoio para a prática de diversas modalidades.
Atletas e equipe têm se destacado nas competiçõe, na cidade e no Paraná.
Depois de ter vencido o Beal Open, em Cascavel, no fim de semana passado, Gustavo Junqueira voltou a vencer, sagrando-se campeão 1ª Classe, Tênis 🎾FPT, Etapa Osmoze, em Paranavaí.
No Futsal, a equipe sub 7 ficou em 3º lugar na Taça Estrela.
No Vôlei, vitória sobre o Country, durante a semana, por dois sets a zero.
O clube tem o seu site e está nas redes sociais, com Facebook, Twitter, Instagran e outras. O objetivo é informar os sócios e seus dependentes de todas as suas atividades.

Comente aqui


Reportagem em SC mostra tecnologia aplicada à saúde

Muito interessa uma série de reportagens que  RBS vem fazendo em Santa Catarina tendo como  tema central a campanha “Vote Consciente”, para uma cidade mais inteligente.
Eles mostram que os prefeitos são responsáveis por destinar recursos para soluções. Apresentam inovações que ajudam a fazer uma cidade mais inteligente.
Com sistemas, aplicativos e internet, de forma muito simples, é possível resolver os problemas de saúde mais simples e corriqueiro, com médico e eficiência.

Interessante. Veja aqui a reportagem.

Comente aqui


Sessão da Câmara será transmitida ao vivo, no You Tube

A sessão especial da Câmara de Maringá para eleição dos membros das comissões para 2015, que começa daqui a pouco, às 19 horas, será transmitida ao vivo pelo canal TV Câmara Maringá, no You Tube.

Comente aqui


Inovação: Canal digital de acesso à Prefeitura

A Prefeitura de Maringá concluiu mais uma inovação em benefício dos maringaenses. Na última semana foi aberto na internet o serviço “Acesso Cidadão”, um canal de acesso direto do cidadão à administração. Essa será mais uma ferramenta de governo eletrônico disponível em Maringá.
O “Acesso Cidadão” permite aos proprietários de imóveis acompanhar tudo sobre suas propriedades e interagir com a Prefeitura pela internet. O sistema beneficia o cidadão, o município e a população, com uma inédita troca de informações.
Para participar é necessário acessar o novo serviço e cadastrar uma SENHA WEB. Essa senha será utilizada para usar a ferramenta eletrônica “Acesso Cidadão”.
O secretário de Gestão e Fazenda, José Luiz Bovo, destaca que a administração vem investindo em tecnologia da informação para inovar e oferecer cada vez mais serviços online, de fácil acesso e com muitos benefícios aos maringaenses.
São exemplos de sucesso a implantação do Portal Geomaringá, Atendimento ao Contribuinte, ISS Eletrônico, Certidões, Laudos de Viabilidade, Alvará Online, Agiliza Obras e o e-Atende Fiscalização.
Agora, com o cadastro de usuário e a senha, o maringaense terá acesso a informações que vão ajudá-lo a cuidar e gerenciar seu terreno e imóvel.
No “Acesso Cidadão” a Prefeitura também vai se comunicar com o proprietário, informando sobre situações do imóvel. Isso auxiliará a manter a cidade limpa, evitando multas, de uma forma direta e rápida.

Acesso – O diretor de Fiscalização, Marco Antônio Lopes de Azevedo, lembra que para ter o acesso e os benefícios é necessário que cada contribuinte dono de imóvel faça o seu cadastro no site da Prefeitura www.maringa.pr.gov.br. Com esse canal, o maringaense estará em contato online com a Prefeitura.

Futuro – O secretário Bovo anuncia que a implantação de inovações e novas ferramentas de governo eletrônico são continuadas. Em breve será possível ter acesso a serviços como notificação eletrônica de IPTU.
Na Ouvidoria outras mudanças estão em implantação, integrando geoprocessamento, fiscalização e o canal de acesso do cidadão. Os maringaenses poderão encaminhar solicitações de serviços, reclamações e outras informações com imagens, utilizando até mesmo seus telefones celulares, tudo online, de forma rápida e documentada.

Como acessar e participar do “Acesso Cidadão”

1. Sistema e Senha
a) Para acessar o novo sistema é necessário cadastrar uma SENHA WEB, chave para o uso da ferramenta eletrônica. Acesso para cadastro pelo www.maringa.pr.com.br/acessocidadao. Veja no App Store ou Google Play aplicativos para cadastro pelo celular.
b) Após o cadastro da SENHA WEB, o sistema faz a busca dos dados do cidadão, listando todos os imóveis do contribuinte e a situação de cada um deles.
c) A partir daí o cidadão passa a interagir com a Prefeitura, recebendo notificações e comunicados em diversas situações. Uma delas, por exemplo, será a ocorrência de mato alto em terreno.

2. Benefícios
a) O acesso ajudará a fornecer dados atualizados em cadastro eletrônico dos contribuintes, permitindo que os contribuintes colaborem com a rápida e eficiente atualização de dados.
b) O contribuinte ganha com desburocratização e agilidade no atendimento. Poderá consultar serviços e comunicar intervenções por internet, sem a necessidade de deslocamento até a Prefeitura.

3. Notificações
a) A regularização de terrenos e imóveis com mato alto e outras ocorrências será imediata, com o contato online entre o cidadão e a Prefeitura. Ajudará sobremaneira na limpeza da cidade e no combate ao mosquito da dengue, dentre outras pragas.
b) O proprietário do imóvel será notificado do que precisa fazer. Terá 7 dias para fazer roçada e comunicar a Prefeitura. Se roçar dentro do prazo ficará isento de multa.
c) Além da rapidez das comunicações, ganha o contribuinte, que evita multa, e a população que terá a cidade muito mais limpa.

 

Comente aqui


O que é a micro e pequena empresa no Brasil

conampe - quem somos

A micro e pequena empresa tem papel relevante no Brasil.
99% das empresas são micro e pequenas. Elas mantém 52% dos empregos formais no país.
Em 2013 87% dos novos empregos formais criados no Brasil foram gerados pelas micro e pequenas empresas.

A Confederação Nacional da Micro e Pequena Empresa e Empreendedores Individuais (Conampe) tem 20 anos de atuação no país, com sede em Brasília e presença em 21 estados. Ela tem feito um trabalho para difundir o associativismo e fortalecer o apoio aos pequenos negócios na internet. Mantém o seu site www.conampe.org.br e está nas redes sociais, no Facebook, Twitter e outras redes.

Quem quiser acompanhar, curtindo e seguindo nas redes sociais, estará ajudando a fortalecer o movimento, em todo o país.

Comente aqui


Site do Fórum Permanente do Paraná

forum 1 w

O site do Fórum Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Estado do Paraná tem conteúdo atualizado sobre todas as atividades que estão sendo desenvolvidas em benefício do segmento, no Paraná.

No dia 10 de dezembro, em Londrina, será anunciado o lançamento da REDESIM (EMPRESA FÁCIL). O portal deve ficar pronto até o fim deste ano.

O acesso ao site pode ser feito nesse endereço: www.forumpme.pr.gov.br

Comente aqui