Investimentos



Prefeitura destaca avanços no tansporte coletivo da cidade

 

Ônibus tipo BRT, com suspensão a ar e ar condicionado chegam em Maringá, no começo de 2018

A Comunicação da Prefeitura de Maringá distribuiu informação sobre avanços e melhorias nos ônibus do transporte coletivo. Foram destacadas as ações de instalação de Wi-Fi em 100 % das linhas e a inclusão de 80 novos horários, em períodos com maior movimentação de passageiros.
Com a inclusão de novos horários em algumas linhas e em horários específicos, reduziu-se em 46% a média de passageiros por ônibus (considera-se registros nas catracas incluindo passageiros que descem dos veículos). A linha 009 – Interbairros 2 é um dos exemplos que mais reflete a diminuição do registro da catraca. De 120 passou a registrar metade de passageiros. Outras linhas, conforme a necessidade, também terão a inclusão de novos horários.
Entre as melhorias solicitadas pela administração estão a instalações de câmeras de monitoramento nos ônibus e de ar-condicionado (os ônibus atuais não têm potência para esta instalação, informa a empresa), novos pontos de venda de crédito e opção de compra das passagens por cartão de crédito.

NOVOS ÔNIBUS A TCCC comprou seis novos ônibus, que serão referência para compras posteriores, trarão mais conforto, ar-condicionado, Wi-Fi e um novo layout, para os corredores da avenida Morangueira e Kakogawa. Estes novos ônibus já deveria ter chegado, o atraso oorreu em razão de um incêndio na empresa que monta os veículos. A previsão é que os novos ônibu comecem a operar no começo do próximo ano.
Mais modernos, os ônibus batizados de “Mega BRT”, que mencionam a sigla inglesa (Bus Rapid Transit), ou Transporte Rápido por Ônibus, tem 15 metros de comprimento, capacidade para 150 passageiros – o dobro dos convencionais – suspensão a ar, garantindo conforto e mais agilidade com um motor de 310 cavalos, 100 a mais do que a média dos veículos atuais.
A Prefeitura infrma que, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), promoveu melhorias no conforto de usuários do transporte coletivo e apenas neste ano instalou mais de 180 abrigos todos cobertos, com bancos e fechamento traseiro, em diversos pontos do município e nos distritos de Iguatemi e Floriano.
A Semob também desenvolveu projeto de modernos abrigos com display LED, que apresentam informações sobre as próximas linhas e tempo de espera, carregadores de celular e bicicletários para quem deseja fazer intermodal. Fechados nas laterais e ao fundo com vidros laminados, os abrigos serão mais resistentes contra o vandalismo. A Semob elabora edital de licitação para contratação de empresa a executar e instalar os abrigos.

SAIBA MAIS Usuários podem utilizar o “Moovit”, um aplicativo gratuito que apresenta em tempo real, informações sobre o transporte coletivo, com horário de linhas atualizadas, localização de pontos, planejando da melhor forma o itinerário. Está disponível para plataformas Android, iOS e Windows Phone e pode ser obtido gratuitamente pelo Google Play e App Store.

1 Comentário


Coluna de 30 de novembro, quinta-feira

INVESTIMENTOS Na contramão da crise em todo o país, os investimentos em Curitiba cresceram 59,4% entre janeiro e agosto deste ano. O avanço constatado pelo município contrapõe o índice médio das demais capitais brasileiras, com redução de 63,2%, segundo matéria do jornal Valor Econômico.

SÃO PAULO O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, vai fazer o mesmo que Beto Richa, no Paraná: Vai antecipar o pagamento do 13º salário aos servidores paulistas.

DATAS O Paraná vai depositar o 13º no dia 8 de dezembro. São Paulo no 15. Este ano vários estados não pagarão o 13º em dezembro e alguns não têm sequer previsão para este pagamento.

URBANISMO A lei complementar nº 1.101, de 1º de novembro, alterou zoneamento do solo de algumas ruas de Maringá. Passaram a ser “Eixo de Comércio e Serviços ‘E’”.

AS RUAS Ouro Verde, entre as avenidas Nildo Ribeiro da Rocha e a rua Maria Josefa de Araújo; rua Santa Joaquina de Vedruna, entre a avenida Rio Branco e a rua Nassib Haddad.

TERCEIRA ÁREA Rua dos Gerânios, entre a avenida Luiz Teixeira Mendes e a rua Pioneiro Waldemar G. da Cunha.

REQUISITOS LEGAIS Segundo a lei, para a realização desta mudança seria necessária a aprovação do Conselho de Urbanismo após realização de audiência pública.

FISCALIZAÇÃO Fica a pergunta: a Câmara fiscalizou as exigências da legislação urbanística? Porque as atas do Conselho de Urbanismo não são publicadas no Portal da Tansparência?

ROÇADA A praça Augusto Ruschi recebeu roçada, há alguns dias. O vereador Do Carmo protocolou pedido ao Executivo para que faça a revitalização da praça.

PINTURA Como na semana passada escrevemos sobre as pinturas, é justo voltar ao assunto: as vias recuperadas no centro estão recebendo a sinalização horizontal.

MUDANÇAS NA EQUIPE Em janeiro deve ser realizada uma reestruturação da equipe da administração municipal, em Maringá.

BONÉ Pelos menos dois secretários já confidenciaram a amigos que vão pedir o “boné” em dezembro. Não vão esperar a reforma administrativa.

ESTADUAL Cida Borghetti concedeu entrevista a Deniam Couto, falando sobre as suas ideias para administrar o Paraná, em 2018, como governadora e candidata à reeleição.

QUADRANGULAR Ratinho Junior recebeu o apoio da Igreja Quadrangular, em congresso da igreja encerrado no domingo.

 

MUNICÍPIOS

MANDAGUARI Os produtores da agricultura familiar interessados em fornecer produtos para a merenda escolar em 2018 participarão de uma reunião, dia 5.

LOCAL A reunião será realizada no dia 5 de dezembro, às 8 horas, no Módulo Cultural.

FLORAÍ Começa hoje a Novena da Padroeira Nossa Senhora da Conceição, em Floraí, prosseguindo até o dia 8 de dezembro. Missas todos os dias, às 20 horas.

PREFEITOS Nesta quinta-feira (30), os prefeitos da região realizam reunião itinerante em Itaguajé. Início às 16 horas, na sede da Associação dos Funcionários da Prefeitura.

 

FRASE
“Tudo que um homem pode imaginar pode ser realizado”. Júlio Verne

 

PARA LEMBRAR

1º DE DEZEMBRO, 19 horas, na Praça da Prefeitura. Chegada do Papai Noel, em Maringá.

02 DE DEZEMBRO, a partir das 10 horas, Ecofeira de Natal, na rua Antonio Carniel, 179 – Ecostume. Artesanato, cesta de produtos orgânicos, delícias de café, cervejaria Haka, arte para vestir e abertura de forno de alta temperatura (às 17h30).

7 a 10 DE DEZEMBRO – 17ª Festa das Nações de São Jorge do Ivaí.

 

ÚLTIMA
Tá crescendo a fila pra pegar o boné.

 

http://uninga.br/vestibular


1 Comentário


Tecpar confirma investimentos em Maringá

Reunião no final da tarde desta sexta, 17, em Curitiba, entre o prefeito de Maringá, Ulisses Maia, e o presidente do Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar), Júlio César Felix, definiu localização das futuras instalações da empresa em Maringá. O investimento de R$ 61 milhões para fabricação de medicamentos e vacinas será feito em terreno de 70 mil m2 doado pelo município. O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Maringá (Acim), José Carlos Valêncio, também participou da reunião.

Inicialmente, a empresa seria instalada em terreno de 100 mil m2 conectado à etapa 4 do Loteamento Cidade Industrial, cuja precária infraestrutura está sob investigação da Câmara de Vereadores e com pedido de auditoria no Tribunal de Contas do Estado. A falta de rede de esgoto, água e energia, além de autorização de órgãos ligados ao meio ambiente, inviabilizou o uso do terreno para instalação da empresa, conforme relatório elaborado pela Secretaria Municipal de Obras Públicas.

“Assim que confirmamos a impossibilidade da Tecpar se instalar no local, nos apressamos em definir outro terreno e apresentar à diretora da empresa. Trata-se de um empreendimento de extrema importância para a cidade, a começar pela geração de emprego”, afirma Ulisses Maia. A fábrica vai demandar mão-de-obra qualificada para finalização de medicamentos e vacinas, como antirrábica, já produzida pelo instituto. “Estamos na cidade há mais de 30 anos e pretendemos reforçar ainda mais os laços com o município”, disse o presidente da Tecpar, Júlio César Felix.

A produção desses medicamentos biológicos e hemoderivados pelo Tecpar deve gerar 250 empregos diretos e qualificados, além de envolver mestres e doutores especializados em pesquisas para auxiliar o desenvolvimento dos produtos. O presidente da Acim, José Carlos Valêncio, destaca o esforço do prefeito Ulisses Maia e da comunidade empresarial da cidade para atrair o parque biotecnológico Tecpar para o município. “Esse centro de tecnologia vai gerar empregos e absorver mão de obra qualificada na área da saúde”, disse.

Com a definição do novo terreno, a prefeitura vai encaminhar à Câmara projeto de lei revogando a doação do antigo terreno e fazendo cessão da nova área. “Encontramos a melhor solução para preservar o investimento na cidade. Esse esforço garante que sejam gerados empregos qualificados em Maringá”, disse Ulisses Maia, acrescentando que reconhece a urgência da Tecpar em iniciar as obras e que vai agilizar, junto com a Câmara, os processos burocráticos para viabilizar rapidamente o investimento.

1 Comentário


Maringá inaugura Complexo de Saúde Mental

Convite

Nessa segunda-feira, dia 27, às 9 horas, a Prefeitura de Maringá inaugura um complexo voltado ao atendimento em saúde mental.
Serão quatro unidades integradas, prestando serviços à população. Na rua Pioneiro João José Queiroz, no Conjunto Santa Felicidade.
Em um mesmo local, com uma área de mais de 4 mil metros quadrados, estarão atendendo o o Centro de Atenção Psicossocial CAPS III, o Centro de Atenção Psicossocial Infanto Juvenil Pastora Cenita CAPS i, o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e outras Drogas Viva a Vida CAPSad III, e a Unidade de Acolhimento.
No Paraná somente Maringá terá um complexo assim. Um investimento de mais de R$ 10 milhões próprios e do Fundo Municipal de Saúde.
Dados e índices mostram Maringá entre os 30 melhores municípios do país. O Complexo Maringaense de Saúde Mental é mais um investimento de referência, que coloca Maringá a frente de mais de 5.550 municípios, em todo o país, incluindo capitais e grandes cidades.
Sem dúvida merecem aplausos pela obra o prefeito Roberto Pupin, o secretário de Saúde, Antonio Carlos Nardi, os vereadores que aprovaram e apoiaram esses investimentos e políticas públicas, enfim, todos que ajudaram a trazer recursos e conquistar essas obras na área da saúde para Maringá.
Também contribuiu para essa conquista a continuidade administrativa de Maringá, que vem executando há 10 anos, passo a passo, um único planejamento de longo prazo, com resultados cada vez mais expressivos e importantes para a população.

Referência – O Centro de Atenção Psicossocial Infantil (CAPSi), vai atender das 7h30 às 17h30 com uma equipe multiprofissional que conta com médico psiquiatra, terapeuta ocupacional, psicólogo, farmacêutico, enfermeiro, técnico de enfermagem, instrutor de artes, auxiliar de enfermagem, assistente social, auxiliar administrativo, auxiliar operacional e motorista.
O Centro de Atenção Psicossocial III (CAPS III), tem atendimento das 7 às 19 horas, e conta com uma equipe composta por médico psiquiatra, psicólogo, farmacêutico, enfermeiro, técnico de enfermagem, auxiliar de enfermagem, assistente social, auxiliar administrativo, auxiliar operacional e motorista.
O Centro de Atenção Psicossocial para álcool e outras drogas III (CAPSad III) terá atendimento das 7 às 22 horas, e conta com médico psiquiatra, terapeuta ocupacional, psicólogo, farmacêutico, enfermeiro, educador social, técnico de enfermagem, instrutor de artes, auxiliar de enfermagem, assistente social, auxiliar administrativo, auxiliar operacional e motorista.
A estrutura do Complexo Maringaense de Saúde Mental Vereador João Waldecir Scramim conta com recepção, farmácia, administração, almoxarifado, sala acolhimento, posto de enfermagem, consultórios, refeitório, cozinha terapêutica, sala de terapia ocupacional, leitos de observação e acolhimento, rouparia, depósito e sala de expurgo.
Além de acolhimento de usuários com transtorno mental ou necessidades decorrentes do uso de crack, álcool e outras drogas, o complexo vai oferecer consultas médicas e de enfermagem, atendimento psicológico, atendimentos individuais e em grupo, oficinas terapêuticas, grupos e acompanhamento familiar, matriciamento, reuniões de equipe, reuniões com demais serviços da rede do município e dispensação de medicamentos.
O Complexo Maringaense de Saúde Mental, lembra Nardi, será referência na área para todo o município. “Hoje contamos com todos esses serviços em locais separados, além da emergência psiquiátrica e as residências terapêuticas, dentro dos padrões estabelecidos em saúde mental. Com a estrutura do complexo vamos oferecer melhor condições de trabalho a toda equipe e um atendimento ainda mais humanizado”.

 

Comente aqui


Ações no momento certo

Quem assistiu o jogo de vôlei entre a equipe de Maringá e o Sesi, no sábado à noite, em transmissão nacional pelo SporTV, pode ver uma propaganda da Cidade Industrial de Maringá e o convite para que empresas venham investir aqui.
A Cidade Industrial de Maringá é um passo fundamental para o futuro da cidade, pensado em momento estratégico.
Agora é hora a de agir, somando forças para buscar investimentos que mantenham a cidade em crescimento, como polo regional criador de empresas e empregos.
Maringá é uma cidade com potencial superior. Vem se preparando para isso, na última década, e agora está em situação favorável no país, mesmo em momento de tantas incertezas.
Ação não está faltando e isso é boa notícia. Na semana passada o prefeito Roberto Pupin esteve em Curitiba e definiu com o secretário de Planejamento, Silvio Barros, que Maringá estará na lista de cidades do estado preparadas para receber investimentos de empresas com interesse no Paraná, principalmente nas áreas farmacêutica, metal mecânica, tecnologia da informação e aeronáutica.
Para estar na lista não basta apenas querer. Maringá planejou, fez a lição de casa e agora tem o Parque Cidade Industrial com terrenos disponíveis às empresas, uma das melhores infraestruturas do país e outras alternativas empresariais.
Polo educacional, de saúde, de tecnologia de informação, de comércio, Maringá tem o que as empresas precisam e está agindo para continuar sendo um dos melhores municípios do país.

Comente aqui


Paraná busca investimentos para pólo aeronáutico

 

r

O secretário de Indústria e Comércio do Paraná, Ricardo Barros, está em São José dos Campos neste sábado, onde participa da Expo Aero Brasil, uma das mais importantes feiras de aeroespacial do mundo. Barros trabalha para montar um pólo de aeronáutica e defesa no Paraná e está na feira para negociar com empresários do setor. Segundo ele, o Paraná tem que aproveitar as oportunidades criadas com a decisão do Governo Federal de investir U$S 100 bilhões em defesa nos próximos 20 anos.
Na foto Ricardo está com os comandantes Sérgio Franco, Decio Correa e C. Hammer, com o superintendente do aeroporto de Maringá, Marco Valêncio, e o presidente da Câmara de Maringá, Ulisses Maia.

Comente aqui


Govenador apresenta Paraná Competitivo na ADVBPR

O governador Beto Richa apresenta nesta terça-feira (16/04) os exemplos de sucesso do Programa Paraná Competitivo no “”Estrela da Manhã””, encontro promovido pela Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil – Seção Paraná (ADVB–PR). Será às 8 horas, no Buffet Du Batel, em Curitiba.
O Programa Paraná Competitivo, em dois anos de atuação, já atraiu mais de R$ 20 bilhões em investimentos ao Estado.
O “Estrela da Manhã” é um evento que promove discussões, com objetivo de gerar redes de trabalho e disseminar ideias. Já palestraram no evento Michel Levy, presidente da Microsoft Brasil; Marcelo Velloso, diretor de Marketing do HSBC, e Romeo Lacerda, diretor da Kraft Foods Brasil.

DATA: 16/04/13 – terça-feira
HORARIO: 8 horas
LOCAL: Buffet Du Batel – Alameda Dom Pedro II, 183 – Batel, Curitiba

Comente aqui


Governador entregou primeiro lote de novas viaturas para a PM

O governador Beto Richa entregou no começo da semana 41 novas viaturas Renault Duster para a Polícia Militar do Paraná e outras sete viaturas Nissan Frontier para a Defesa Civil do Paraná. As novas viaturas fazem parte do lote de 1.220 adquiridas pelo Governo do Estado.
Segundo o governador, “há mais de seis anos, a Polícia Militar e os paranaenses aguardavam novas viaturas. Em até 60 dias, todas as 1.220 viaturas estarão prestando segurança nas cidades do Paraná”.
O governador destacou que neste ano serão investidos R$ 324 milhões em obras e e equipamentos na segurança pública, valor oito vezes maior que o aplicado em 2010. A compra de viaturas faz parte do Programa Paraná Seguro que prevê ainda a contratação de 10 mil policiais, a construção de 95 delegacias cidadãs e 400 módulos policiais.

Comente aqui


R$ 20 bilhões em dois anos para as empresas do Paraná

No perfil de Ricardo Barros, no Facebook, encontrei essa informação que foi publicada no perfil do governador Beto Richa.

Compartilho aqui: “Desde o primeiro dia de governo imprimimos uma marca ao governo: a marca do diálogo. Acredito que o Estado ganhou muito com essa atitude. Por exemplo, com o estabelecimento de um ambiente favorável ao desenvolvimento econômico. Com diálogo e respeito aos contratos, conquistamos um novo ciclo de industrialização, cujo eixo institucional é o programa Paraná Competitivo.
Em menos de dois anos foram R$ 20 bilhões aplicados em novas fábricas e na ampliação de plantas já existentes, com a criação de mais de cem mil empregos. Investimentos que diversificam nosso parque fabril, além de desconcentrar a economia e gerar emprego e renda em todas as regiões.
Investimentos que, é bom que se diga, não caíram do céu. Se o Paraná voltou a ser procurado pelo capital produtivo, é porque as empresas identificaram aqui as condições propícias para as suas atividades: boa infraestrutura, mão de obra capacitada, qualidade de vida e um Estado livre das incertezas políticas e jurídicas que antes afugentavam os investimentos produtivos. O Paraná restaurou a confiança do empresariado e a prova disso é registrada por uma pesquisa divulgada pela imprensa no fim de novembro. O levantamento indica que 73% das empresas paranaenses acreditam em mais crescimento ano que vem, índice superior aos 68% de 2011. Quase 80% preveem aumento do faturamento e 46% afirmaram que vão investir mais em 2013, ante 36% dos consultados na pesquisa anterior. Para quem acredita na falácia de que o Paraná automaticamente cresce mais que o País, por seu potencial material e de recursos humanos, é bom lembrar que entre 2002 e 2010 o crescimento médio do PIB paranaense foi inferior ao do PIB brasileiro. No mapa, a distribuição dos investimentos do Paraná Competitivo.”

Comente aqui


Indústrias de bioenergia planejam investir R$ 750 milhões no Paraná

Empresários austríacos da Entec Biogás GMBH e da Cattalini Bio Energia apresentaram nesta terça-feira (11/12) ao governador Beto Richa uma proposta de implantar no Paraná 15 unidades de processamento de resíduos orgânicos para produção de energia e biogás. A iniciativa deverá ser executada nos próximos cinco anos com investimento estimado de R$ 750 milhões.
O tema foi discutido em reunião no Palácio Iguaçu, em Curitiba, com a presença do cônsul do Brasil na Áustria, Lothar Ernest Wolff. Inicialmente, as duas empresas irão trocar tecnologias para instalar um projeto piloto na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). “Investir em biogás atende uma proposta do nosso governo em zerar o envio de resíduos para aterros sanitários. Com o apoio da iniciativa privada iremos conseguir esse objetivo”, disse o governador Beto Richa.

Com informações recebidas de Ricardo Caldas

Comente aqui