Lançamento

 

Alvaro Dias prestigia lançamento do livro do promotor Cruz

José Aparecido da Cruz e Alvaro Dias

O senador Alvaro Dias (Podemos) participou na noite de sexta-feira do lançamento do livro do promotor José Aparecido da Cruz, “Aventuras pelas três Américas”.
Muita gente compareceu, amigos do escritor e do senador.

 

1 Comentário


Lançamento do livro “Paraná: Uma história”

O livro “Paraná: Uma história”, de Diego Antonelli, será lançado no dia 23 de março, quinta-feira, às 19 horas, na Livrarias Curitiba,no Maringá Park Shopping Center. O autor autografará até às 21 horas.
A obra reúne uma série de reportagens que conta a história da formação do Paraná como conhecemos. Dividido em três partes, traz uma releitura dos principais fatos do estado para compreendermos as razões que o levam a ser o que é hoje.
Diego Antonelli é graduado em jornalismo, atuou nos jornais Diários da Manhã e Jornal da Manhã, em Ponta Grossa, e na Gazeta do Povo em Curitiba. É também autor do livro-reportagem “Em Domínio Russo”.

Comente aqui


Livro propõe reflexão sobre liberdade de expressão e imprensa

livro

O juiz Max Paskin Neto, da comarca de Maringá, está lançando livro para discutir sobre a liberdade de expressão e imprensa no País. O autor autografará o livro, em Maringá, na Livrarias Curitiba, dia 28 de abril, quinta-feira, às 19h30.
O título do livro é desafiador: “O direito de ser rude – liberdade de expressão e imprensa”. O autor propõe um largo debate sobre o direito à liberdade de expressão e de imprensa no Brasil.
O livro tem prefácio do ministro do Supremo Tribunal Federal, Marco Aurélio Mello, e pretende trazer uma reflexão crítica e construtiva sobre os temas propostos, com o objetivo de tratar da enorme preocupação com a questão da saúde econômica, jurídica, política e social do país.
Com vasta experiência na área jurídica, Max Paskin aborda no seu livro casos reais e contemporâneos, fatos em que o judiciário teve que intervir e julgar a liberdade de expressão. Bastante fomentado pela imprensa, o caso Rafinha Bastos x Wanessa Camargo é discutido em ampla escala. Outro famoso caso citado no livro é o do deputado Marco Feliciano e a Lei da Cura Gay.
O direito de ser rude – O livro é estruturado em sete capítulos que discorrem entre Censura, Liberdade de Expressão e liberdade de Imprensa, Legislação Brasileira de Comunicações, Medidas de Regulação da Imprensa, Decisões Paradigmáticas do STF, O Modelo Norte Americano e por último, Em busca da Imprensa Livre: O direito de ser Rude. A obra apresenta, ao final, um capítulo com notas e outro com bibliografia.
O primeiro capítulo, Censura, aborda a diferença entre a boa e a má censura. Como exemplo da primeira, Paskin cita a criação dos filhos, como a obrigação de fazer o dever de casa e obedecer aos horários da escola – essa também chamada de censura edificante, garante maiores liberdades de expressão futuras. Já a má censura corrói e manipula a sociedade. No último capítulo da obra, Em busca da imprensa livre: o direito de ser rude, o autor enfatiza a importância de assegurar também o direito ao discurso odioso (hate speech) garantindo assim a máxima liberdade de expressão aos cidadãos.
O dinamismo da obra reflete a natureza inquieta do autor; na sua atuação como juiz e professor ele lida com ideias em confronto, de onde nasce sua força como escritor. Ele busca promover a pluralidade de pensamentos, questiona as estruturas que engessam o País e não teme as críticas: “Precisamos abrir um espaço permissivo para opinar, informar, formar e até mesmo ser rude”, declara o juiz de direito.

 

Max Neto
Sobre o autor – Max Paskin Neto nasceu no Rio de Janeiro e, ainda criança, viveu nos Estados Unidos por uma década com sua família. Formou-se em direito pela Universidade da Cidade do Rio de Janeiro, em 2007. Desde junho de 2011 é juiz de direito do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, ocupando atualmente o cargo na comarca de Maringá. Com Pós-Graduação em Direito Público pela Universidade Gama Filho, é professor na Escola da Magistratura do Estado do Paraná- Emap, na Escola de Servidores da Justiça Estadual do Paraná- Eseje, e na escola da Magistratura do Rio de Janeiro- Emerj. O autor é também idealizador, fundador e coexecutor do projeto social de combate à evasão escolar no ensino médio “Linha do Horizonte”.

Lançamento
O direito de ser rude – liberdade de expressão e imprensa
Livrarias Curitiba – Av. São Paulo, 120 – Maringá Park Shopping
Dia 28 de abril, quinta-feira, às 19h30
Autor: Max Paskin Neto
Editora: Bonijuris
190 páginas
R$ 44,90
ISBN 978-85-65017-12-1

 

1 Comentário


Especialista em comunicação lança livro em Maringá, na terça

Livro tem formato inovador de storytelling relata a importância da comunicação nas empresas

Livro tem formato inovador de storytelling relata a importância da comunicação nas empresas

Sulamita Mendes lança dia 1 de março seu livro, em Maringá, que demonstra em relato leve e linguagem pessoal a necessidade de que a comunicação corporativa precisa do envolvimento dos gestores e de todos os funcionários

A publicação traz a experiência de 30 anos da especialista em Marketing e Comunicação, Sulamita Mendes, junto a organizações públicas e privadas. A autora diz que a comunicação não deve ser responsabilidade somente de uma área da empresa, mas sim, de todos os gestores e de todos os funcionários. “Infelizmente muitas empresas ainda nao valorizam a comunicação, como algo estratégico e necessário em uma organização. Obviedades como lançar uma campanha publicitária sem antes apresentar ao público interno, podem ser de grande importância no resultado da marca da empresa”, destaca.
Mesmo com toda a mudança da tecnologica e da necessidade de se planejar melhor o investimento nas novas plataformas de comunicação, Sulamita afirma que muitas empresas e profissionais ainda desconhecem sobre a importância de como se comunicar com o mercado e com seus colaboradores. Ela relata em seu livro  “As sutilezas e o óbvio da comunicação corporativa”, que  situações e problemas cotidianos e antigos de comunicação ainda acontecem com frequência nas empresas, “mesmo nos tempos atuais, de tecnologia digital”, ressalta.

Responsabilidade nas decisões de comunicação – Sulamita diz que as empresas perdem muito em resultados na divulgação de seus negócios quando a decisão da comunicação não fica nas mãos de um profissional da área. “A lógica do profissional de comunicação é outra da lógica de um administrador, por exemplo, e aí entram vários conflitos decisórios. Um se baseia em números, normalmente é cartesiano e o outro, além dos números, baseia-se muito na intuição e na experiência adquirida, e é muito dificil dar certezas, pois nem sempre se pode tangibilizar um servico ainda não testado. Precisa haver confiança e respeito pelas competências de cada um”, explica a profissional.
Essas e outras situações estão relatadas em formato inovador de storytelling, recurso que explora o diálogo descontraído pela autora para narrar suas histórias ao longo da carreira. São relatos que envolvem desde aspectos comportamentais, que influenciam nos resultados dos negócios, até estratégias de comunicação organizacional que poderiam ter alguns cuidados sutis e óbvios, para um resultado mais eficaz e eficiente.
O diretor de Graduação da ESPM SP – Escola Superior de Propaganda e Marketing em São Paulo, Luiz Fernando D. Garcia, avalia na apresentação do livro que o crescimento das redes sociais tecnológicas e da facilidade de acesso à informação tem aumentado ainda mais a percepção da ação da Comunicação Corporativa na geração de valor de marca, seja construindo, mantendo ou revertendo situações de crise. Ele destaca que “nesta obra, a profissional e professora Sulamita nos apresenta a sua obviedade, isto é, a sua rica experiência mais do que vivida e refletida em situações tão diferenciadas como gestora ou consultora. Enquanto somos apresentados aos ‘óbvios’ fundamentais, surgem as saborosas sutilezas que somente a experiência e o espírito crítico permitem perceber”.
O consultor de comunicação e marketing, Eloi Zanetti, que também endossa a publicação apresentando sua percepção sobre a obra na orelha do livro, aponta que Sulamita convida a todos a ver o óbvio. “São raros os diretores de empresas que realmente entendem os processos e o uso correto das diferentes ferramentas da comunicação. Para que a verdadeira comunicação aconteça, esta deve ser realizada de forma simples e sutil – a sua maior força”, revela.

A autora – Sulamita já atuou como Gerente de Marketing no Sebrae/PR, e trabalhou com assessoria de comunicação por quinze anos na entidade, sendo a responsável pelo primeiro Top de Marketing da ADVB e a Agência de Noticias no Paraná, entre outras ações implantadas e outras ainda sendo executadas. Foi Superintende por dois anos na Secretaria Municipal da Comunicação Social, na Prefeitura de Curitiba. Atualmente, faz consultorias em comunicação e marketing, tanto pontuais para gestão de crises ou análise crítica do planejamento que o profissional de comunicação ou marketing já realizou (gerente, coordenador ou diretor). Segundo Sulamita, muitos profissionais sentem “necessidade de um par para discutir que caminho tomar, algumas vezes até só pra confirmar o que estão fazendo” e foi desta forma que resolveu montar sua empresa, para este e outros servicos, como palestrante e professora convidada de Pós-graduação em várias entidades de ensino, no Paraná e em Santa Catarina.

SERVIÇO
Livro:  “As sutilezas e o óbvio da comunicação corporativa”
Lançamento dia 01/3 – 18h
Local: Livrarias Curitiba, no Shopping Maringa Park – Rua São Paulo, 120
Contato: 41 9234-3556  –  [email protected]

 

3 Comentários


Livro aborda política e conta como funciona o Brasil

livro

Rafael Egídio Leal e silva e Tiago Velenciano lançam no próximo dia 29, às 19 horas, na Festa Literária de Maringá (FLIM), um livro de leitura obrigatória para todos que gostam de política.
O título é ousado: “Política Brasileira: Como entender o funcionamento do Brasil”.
Estou muito curioso e vou garantir o meu exemplar no dia 29.

1 Comentário


No tranco será que pega?

Lula e Dilma vem outra a vez ao Paraná lançar Gleisi a governadora

Lula e Dilma vem outra a vez ao Paraná lançar Gleisi a governadora

A senadora petista Gleisi Hoffmann será lançada ao governo do Paraná pela quarta vez neste 3 de julho.
Essa parece ser mais uma tentativa de fazer a candidatura de Gleisi “pegar no tranco”, em mais um evento com a presença de Lula e Dilma Rousseff.
Os petistas já haviam se reunido em fevereiro, março e neste mês de junho para outros lançamentos que não repercutiram.
Detalhe é que a popularidade de Dilma só tem caído, puxando Lula e o PT.

1 Comentário


De Paula lança livro, em Maringá

Antonio Roberto de Paula lança o livro "Futebol - Recortes de uma Paixão" nesta segunda-feira, 19h30, no Sesc Maringá

Antonio Roberto de Paula lança o livro “Futebol – Recortes de uma Paixão”

O jornalista, poeta e escritor Antonio Roberto de Paula lança nesta segunda-feira, dia 26, às 19h30, no Sesc Maringá, o seu livro “Futebol – Recortes de uma Paixão”.
O evento terá apresentação do Grupo Receita do Samba.

O caderno de Cultura do O Diário de hoje (25) trouxe reportagem, assinada por Luiza Recco, sobre esse “bate bola com o leitor”. Acesse o texto AQUI.

convite

Comente aqui


Ministro da Saúde em Maringá, na segunda-feira

convite

O ministro da Saúde, Ademar Arthur Chioro dos Reis, estará em Maringá, na segunda-feira, às 9h30, na ACIM, para o lançamento do novo Portal de Saúde do Município de Maringá.
O novo portal tem informações, serviços e atendimentos online. Inclui a ferramenta de consulta ao Cartão Saúde, que possibilita o acesso a resultados de exames, carteira de vacinação e histórico médico.

 

Comente aqui


Evento importante

O lançamento da 42ª Expoingá, realizado ontem no Parque de Exposições de Maringá, não foi apenas grande, reunindo mais de 1.200 pessoas. Foi importante.
Estiveram presentes o governador Beto Richa; o prefeito Roberto Pupin; o presidente da Câmara, Ulisses Maia; o senador Alvaro Dias, deputados federais, incluindo Osmar Serraglio, deputados estaduais, vereadores, muitos prefeitos da região.
Nos pronunciamentos o registro de compromissos dos poderes públicos com o fomento à economia local e regional, razão do crescimento, ano a ano, da Expoingá.
O governador Beto Richa falou do crescimento econômico do Paraná, bem acima da média nacional, da importância do estado no país e a falta de reciprocidade no retorno de recursos por parte do governo federal.
Ele também voltou a relatar os problemas que o estado tem enfrentado com o bloqueio de empréstimos, uma situação com claro objetivo de desgastar politicamente o governo do Paraná.
Em entrevista a O Diário, o governador falou sobre mudanças nas secretarias, a maioria deles motivadas para que os seus titulares sejam candidatos. De forma geral as mudanças de secretários ocorrem com os diretores gerais assumindo as pastas.
O senador Alvaro Dias fez um pronunciamento firme, mostrando que terá papel relevante na campanha eleitoral no Paraná.

Comente aqui