TIM



Procon de Maringá consegue liminar de alcance nacional

Após uma fiscalização em empresas de telefonia, realizada no dia 11, o Procon de Maringá iniciou um trabalho para fazer com que fossem cumpridas as ofertas anunciadas. Obteve liminar, de alcance nacional, em ação proposta contra a TIM por propaganda enganosa.
A liminar foi conseguida porque os serviços oferecem valor promocional apenas para clientes Tim Pós ou clientes que fizerem portabilidade de outras operadoras. O consumidor que não se enquadra nestes termos, ao tentar adquirir o mencionado plano, é surpreendido com a informação de que para cada plano diferente haverá uma suplementação de valores”, argumenta o Procon de Maringá na ação, referindo se aos planos chamados TIM Fixo Brasil, TIM Fixo Brasil +TIM e TIM Fixo Mundo.
No entendimento do Procon de Maringá, no caso específico da promoção TIM Black, também alvo da ação, é ofertado plano de R$ 99 nos dois primeiros meses, mas esse valor seria válido apenas para clientes oriundos de outras operadoras, beneficiados com a vantagem no processo de portabilidade. O material publicitário da Tim não faz ressalva quanto as regras da promoção.
Na petição à Justiça o Procon Maringá afirma que “a conduta caracteriza prática abusiva, passível de danos morais coletivo e individuais”, mostrandi que a normativa da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) “é clara ao afirmar que as contratações de quaisquer planos, inclusive os oriundos de promoção, devem estar disponíveis para contratação por todos os interessados”.
A petição também sustenta que o comportamento contraria o Código de Defesa do Consumidor.
Em caráter liminar, o Procon de Maringá pede que a operadora seja “obrigada a cumprir imediatamente as ofertas veiculadas, inclusive em face dos contratos já ativos, sob pena de multa diária no valor de R$ 10 mil”.
O juiz Marcel Ferreira dos Santos, da 2ª Vara da Fazenda Pública de Maringá, concedeu liminar determinando que a operadora cumpra a oferta veiculada e que os efeitos de sua decisão sejam estendidos a todo território nacional.
De acordo com o diretor do Procon de Maringá, Rogério Calazans, “é dever do fornecedor, nas relações de consumo, manter o consumidor informado permanentemente e de forma adequada sobre todos os aspectos da relação contratual. O direito à informação visa a assegurar ao consumidor uma escolha consciente, permitindo que suas expectativas em relação ao produto ou serviço sejam de fato atingidas”.
A atuação do Procon de Maringá, com a liminar conseguida, beneficia os consumidores de Maringá e também de todo o país.
Sem dúvida o trabalho do Procon local alcançou o objetivo de ser útil à população, de atender as pessoas e fazer valer os seus direitos.

Comente aqui


Tim, a impunidade sem fim

Mantenho um número Tim pré-pago para receber e fazer ligações para infelizes clientes dessa empresa, me incluindo entre eles com toda a tristeza e indignação inerente.
Coloquei créditos há 10 dias. Possuía pouco mais de R$ 3,00 de crédito. Coloquei R$ 18,00.
O que acontece: Eu tento fazer as ligações para números Tim pela Tim. Mas não consigo as ligações.
Da mesma forma, as pessoas que tentam falar comigo pela Tim  reclamam que não conseguem as ligações.
Hoje, dia 14, fiz seis tentativas de ligação, sem sucesso. Ontem foram várias tentativas também, igualmente não concretizadas.
Tentativas de mandar SMS terminaram com uma mensagem “Falhou”.
Em 10 dias eu não consegui fazer ligações, não acessei internet e também não consegui mandar SMS pela Tim (uma das mensagens era de trabalho e a falha me causou prejuízo).
Tudo errado. Linha sem utilidade.

Agora o pior: Há 10 dias eu tinha pelo menos R$ 21,00 de créditos. Hoje, depois de várias tentativas, consegui ver que tenho R$ 3,82 de crédito.
Como assim? Eu não usei o telefone. Só tentei ligar de Tim para Tim e não consegui! Não recebi ligações porque as pessoas não conseguiram também. As mensagens falharam. Não acessei a internet. Onde foram parar meus créditos?

Percebo que outras pessoas reclamam também da mesma forma. Minha mãe, o engenheiro agrônomo Ricardo Silva, o jornalista Edson Lima e a lista é grande. Não se completam ligações, mensagem “falham” e os créditos somem.
Lamentável: Órgãos de defesa do consumidor, parlamentares e governantes sabem do caos que a Tim tem causado aos seus “clientes” e não fazem NADA!

Ainda muito pior: Receber, ver e ouvir a propaganda de que a liberdade é uma porta azul… mas o meu nariz é vermelho, é nariz de palhaço!

3 Comentários


Cadê o sinal?

Impressionante a dificuldade de fazer e receber uma ligação telefônica pela TIM em Maringá. Problemas recorrentes de sinal, queda das ligações e muitas ligações simplesmente não são completadas ou mesmo informadas.
Ontem tive muito problemas e hoje a situação parece ainda pior.
Fico fora de área (sem saber), tento ligações, não consigo.
Como se o sinal da operadora quase não existisse e ficasse ligando e apagando o tempo todo, intermitente.
A situação está cada vez pior.
Quem não conseguir falar comigo ao celular por favor mande um SMS ou Whatsup ou e-mail [email protected]

Comente aqui


O país do “me engana que ninguém faz nada mesmo”

Estou sem celular e algumas pessoas perguntaram se eu havia perdido o telefone. Não, ele está na assistência técnica, abatido por uma atualização oficial sugerida e baixada do site da Sansung… e assim caminha o Brasil, com total desrespeito aos consumidores. No site da Sansung Galaxy III milhares de reclamações a respeito das atualizações que eles disponibilizam e que travam e inutilizam o telefone. Sem contar que os serviços da TIM vão de mal a pior: Ligações que não se completam ou caem, dificuldades até para mandar uma mensagem (parece coisa de manivela…), 3G que não acessa nada e assim por diante…
Meu número para contatos: 44-3305-9496.
Avisarei quando estiver com o celular, adiantando que, considerando o desrespeito dessas empresas, não estou otimista: possivelmente continuaremos tendo dificuldades para os contatos, pois as ligações parecem prêmios que alguns conseguem, algumas vezes e que outros ficam tentando, tentando… Falta de vergonha criminosa. Todos nós, consumidores dessas empresas, deveríamos receber indenizações pelos prejuízos que nos causam.

Comente aqui


A Tim ligou

Recebi agora há pouco um telefonema da área de engenharia da TIM. Por solicitação da área de comunicação, que leu as reclamações que postei aqui no blog, uma engenheira da companhia me informou a respeito dos problemas ocorridos em dezembro. Segunda ela, a TIM está procedendo uma modernização de equipamentos e na transferência houve problema com o 3G.
Tive a oportunidade de sugerir que a TIM utilize os meios de comunicação mais importantes de cada região, preventivamente ou, muito mais, quando os problemas ocorrem.
Uma mensagem de texto também seria muito bem-vinda. Cliente quer atenção e carinho.
A iniciativa do contato sem dúvida não resolve os transtornos, mas mostra um esforço da TIM para se comunicar com os clientes, o que é animador.
A engenheira que fez contato é de Curitiba, foi muito educada e competente no seu contato.

3 Comentários


TIM causa problemas aos clientes em Maringá

Nas redes sociais se multiplicam as reclamações sobre as panes da operadora de telefonia celular TIM, em Maringá.
Ontem praticamente não consegui fazer ligações e recebi muito poucas. O jeito foi apelar para o velho e bom fixo.
Os problemas com a TIM vêm ocorrendo há um bom tempo em Maringá. Incrível é que os clientes não receberam qualquer comunicado da operadora, explicando o que está ocorrendo e quais as providências que estaria tomando (?). Ou seja: o que está acontecendo e o que será feito?
A Anatel precisa agir. Os problemas em Maringá não são os únicos da operadora no país.
O Procom de Maringá poderia notificar a operadora, em nome dos consumidores, solicitando explicações e exigindo uma reparação aos clientes. Quem tem conta, descontos, quem tem pré-pago, créditos. Afinal, constrangimentos e prejuízos de toda a ordem não têm faltado para quem precisa falar e receber ligações pela TIM e fica sem sinal.

6 Comentários