Vagas



Projeto de lei para compra de vagas nas creches privadas está pronto, em Maringá

O prefeito Ulisses Maia acabou de assinar projeto de lei que será enviado à Câmara Municipal para aquisição de vagas nas creches. O objetivo é zerar a espera por vagas no município. Mais detalhes serão publicados ainda hoje no site da Prefeitura de Maringá.

Comente aqui


O mimimi da fila

Escrevi hoje na coluna sobre a história sem fim da fila de espera por vagas para as creches (CMEIs).
A discussão que continua, quando estamos quase em SETEMBRO, é quantas pessoas estavam na fila de espera no dia 1º de janeiro.
Na verdade isso agora não é mais importante. O fato é que não há vagas para atender a demanda. Isso deve ser solucionado, este é o problema.
A lista informatizada foi criada pela professora Solange Lopes, na gestão passada, com loguin e senha entregues ao Ministério Público, ao Conselho Tutelar e à Câmara Municipal.
No momento, ainda não é possível comparar, os números da educação favorecem a administração anterior, o que não quer dizer que a atual administração esteja impedida de superá-los, o que é a torcida de todos os maringaenses que amam a cidade.

As notas na coluna de hoje são as seguintes:

POLITIZANDO A política, que mais atrapalha do que ajuda, chegou aos números da fila de espera para creches (CMEIs) de Maringá. Polêmica que se arrasta desde o começo do anos.

A SOLUÇÃO Ontem, na Câmara, os vereadores concordaram que a educação de Maringá está bem e que é preciso resolver o problema, criando as vagas que faltam.

NÚMEROS Os números da educação favorecem a administração anterior: IDEB 7.1, melhor das médias cidades, maior número de construção de escolas/CMEIs em quatro anos, na história: 19 unidades e 38 reformadas e ampliadas.

2 Comentários


Samu de Maringá garante vaga em evento mundial de resgate

O diretor de Urgências e Emergências do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu/ Norte Novo), Maurício Lemos, e o socorrista Arnaldo Marques estarão na Romênia em setembro representando o Brasil no Desafio Mundial de Resgate. A conquista da segunda colocação na II Desafio Nacional de Trauma, realizado no último fim de semana em Curitiba, garantiu a viagem. Dupla do Siate de Curitiba ficou em primeiro lugar. O evento foi organizado pela Secretaria de Estado da Saúde em parceria com a Associação Brasileira de Salvamento e Resgate (Abres).
“Fomos para participar, conhecer a estrutura, e ficamos felizes porque os protocolos de resgate utilizados pelo Samu em Maringá e região estão dentro dos padrões nacionais e internacionais”, comemora Maurício Lemos, acrescentando que a equipe vai se preparar para representar bem Maringá e o Brasil no mundial. No total, 20 equipes de todo o país foram avaliadas em situações que compreendiam o atendimento a agressões com arma branca, atropelamentos, quedas em altura, colisões de motocicletas e automóveis e demais traumas.

1 Comentário


257 mil novas vagas para educação integral no Ensino Médio

A notícia é muito importante: O Ministério da Educação homologou 257 mil novas vagas para escolas estaduais, na política de indução à implementação de escolas de ensino médio em tempo integral. A medida foi publicada na quarta-feira, 14, no Diário Oficial da União, e abre um novo ciclo de adesão no ciclo 2018-2020. Com a reforma do ensino médio, o MEC lançou o Programa de Fomento à Implementação de Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral, criando 500 mil novas vagas, com investimento inicial de R$ 1,5 bilhão.
O ministro da Educação, Mendonça Filho, falando sobre as prioridades do ministério, disse que “a ampliação dessas vagas está em sintonia com a implantação do novo ensino médio. O apoio aos estados tem como foco elevar a qualidade do ensino no país, garantindo mais oportunidades aos jovens”.

Com o programa, o MEC vai garantir apoio às redes estaduais por 10 anos, com recursos de R$ 2 mil por aluno/ano matriculado em escolas de tempo integral. O valor corresponde a cerca de 50% a 70% do custo adicional gerado por este modelo de educação e pode ser destinado a cobrir despesas de manutenção e desenvolvimento das escolas participantes. O programa, implementado de forma gradual, foi concebido para induzir o alcance das metas do Plano Nacional de Educação (PNE). A meta 6 visa o atendimento de 50% das escolas públicas e de 25% dos estudantes em tempo integral até 2024.

Até meados de 2016, o número de vagas no ensino integral no país era de 308 mil, segundo dados do Censo Escolar. Em outubro do ano passado, foram ofertadas pelo MEC 266 mil vagas para o ciclo 2017-2020 e, agora, com a nova portaria, mais de 257 mil vagas serão criadas, totalizando 831 mil. O documento estabelece mudanças que melhoram o processo, o suporte e o planejamento para as secretarias de educação na implantação do programa. De acordo com o secretário de Educação Básica, Rossieli Soares, o MEC vai colocar à disposição das redes estaduais a lista das escolas que estão aptas a participar da ação.

No caso de haver demanda acima do previsto, a prioridade será para escolas em áreas de maior vulnerabilidade socioeconômica, que tenham maior número de alunos atendidos no ensino médio, conforme o censo escolar, e com disponibilidade de infraestrutura. Neste último quesito, as unidades deverão atender a, pelo menos, quatro dos seis critérios mínimos de infraestrutura exigidos: ter biblioteca ou sala de leitura, no mínimo oito salas de aula, quadra poliesportiva, vestiários masculino e feminino, cozinha e refeitório.

Caso queiram incluir escolas que não estejam na lista elaborada pelo MEC, caberá às secretarias estaduais comprovar que o estabelecimento cumpre os critérios exigidos pelo ministério, entre eles, mostrar como pretende alcançar o mínimo de 350 alunos ao final do terceiro ano de inclusão no programa, bem como comprovar que o prédio estará pronto até o mês de outubro do ano de inclusão.

A informação completa está no site do MEC.

Comente aqui
 

Sesc Maringá abre inscrições para vagas da educação infantil

Estão abertas as incrições para preenchimento das vagas remanescentes da Educação Infantil do Sesc Maringá. As inscrições vão até dia 09 de abril e poderão ser feitas no Serviço de Atendimento -SAC da Unidade, das 8h às 20:30.
A Educação Infantil do Sesc atende crianças de 03 a 05 anos no período matutino ou vespertino,e o candidato contemplado com a bolsa recebe ainda lanche, material escolar e uniforme.
Para concorrer a bolsa é necessário atender os requisitos abaixo:
* Dependentes de comerciários com renda familiar bruta de até 03 salários mínimos – piso nacional;
* Antedam a idade mínima exigida de 03 anos completos no início do ano letivo de 2013;
* Atendam a idade máxima exigida de 06 anos a completar após 31 de março de 2013.
Documentação para incrição:
* Original e cópia do RG e CPF dos pais ou responsáveis;
* Certidão de nascimento do candidato;
* Comprovante de renda atual (03 meses) dos pais ou responsável legal;
* Comprovante de residência atualizado;
* Cartão cliente Sesc.
Mais Informações:
Sesc Maringá
Av. Duque de Caxias, 1517 | CEP 87020-025 | Maringá – PR
Tel: (44) 3262-3232

Comente aqui


Vagas no programa “Jovem Aprendiz”

Recebo informação sobre centenas de vagas para o programa Jovem Aprendiz, em Maringá.
A Sasc foi novamente destaque no jornalismo da RPCTV 1a edição (PARANÁ TV) na quarta feira (9), quando abordou os cursos oferecidos através da Escola Profissionalizante Professora Laura Rebouças.

Veja a reportagem >>>

1 Comentário


Prominp oferece 196 vagas em cursos gratuitos no Paraná

Prazo para inscrições vai ate 12 de setembro
As inscrições para o processo de seleção pública que o Prominp (Programa de Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo e Gás Natural) vão até 12 de setembro. No Paraná, as vagas serão distribuídas para os municípios de Curitiba (40) e Araucária (156).
Além do Paraná, serão oferecidas vagas para os estados do Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Sergipe e São Paulo.
Em todo o país, as 27.915 vagas estarão assim distribuídas: 20.601 para cursos gratuitos de nível básico; 5.188 para os de nível médio; 1.286 para o nível técnico e 840 para as categorias de nível superior. Nos níveis médio e superior, há oferta de vagas para portadores de necessidades especiais em algumas categorias específicas. O processo será executado pela Fundação Cesgranrio.
Para os cursos de nível básico, a inscrição custará R$ 24,00. Nos níveis médio e técnico, R$ 40,00. Para as categorias de nível superior, o valor será de R$ 60,00.
Para concorrer a uma das vagas oferecidas, o candidato deve ter idade igual ou superior a 18 anos, além de preencher os pré-requisitos do curso desejado. As inscrições podem ser feitas através do site do Prominp (www.prominp.com.br), ou nos postos de inscrição credenciados, listados no edital. Outros postos serão criados no decorrer do período de inscrições e divulgados no site do Programa e grande imprensa.
Os candidatos aprovados que estiverem desempregados durante o curso receberão uma bolsa auxílio mensal no valor de R$ 300,00 (cursos de nível básico), R$ 600,00 (níveis médio e técnico) e R$ 900,00 (nível superior).
Todas as informações sobre os cursos oferecidos nesta etapa de seleção podem ser obtidas no edital, que está disponível para consulta e download, nos sites da Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br).
Assessoria de Imprensa Petrobras – Paraná
Zaira Sachetti
Gerência Regional de Comunicação São Paulo – Sul
Telefones: (41) 3013 5018 ou (41) 8432- 5250
[email protected]

Comente aqui
 

ESTÁGIOS IEL divulga vagas no Paraná

O Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) procura, por meio do IEL Estágio, estudantes de nível técnico e universitário para ocuparem vagas disponíveis em empresas de diversos portes e setores no Paraná. São mais de 500 vagas disponíveis em todo o Estado.
Os cursos com vagas disponíveis em Curitiba e RMC são administração,
arquitetura e urbanismo, ciência da computação, ciências contábeis, comércio exterior, comunicação social, publicidade e propaganda, desenho industrial, design, direito, economia, engenharia industrial, mecânica, engenharia de alimentos, engenharia de computação – ênfase em software, engenharia de produção, engenharia elétrica, engenharia mecânica, engenharia mecatrônica, engenharia química, estatística, farmácia, geologia, gestão da informação, informática, logística, marketing, mecatrônica, pedagogia, psicologia, relações públicas, secretariado executivo, secretariado executivo bilingue, sistemas de informação, técnico em administração, técnico em biodiagnóstico, técnico em edificações, técnico em eletrônica, técnico em mecânica, técnico em mecatrônica, técnico em meio ambiente, técnico em química, técnico em radiologia, técnico em secretariado, tecnologia em alimentos, tecnologia em informática, tecnologia em logística, tecnologia em marketing, tecnologia em mecânica, turismo e web design.
Em Londrina e região: administração, ciências contábeis, comunicação social, economia, eletroeletrônica, jornalismo, marketing e propaganda e pedagogia.
Em Cascavel e região: administração, ciências contábeis, economia, educação física, engenharia civil, informática, jornalismo, técnico em administração, técnico em enfermagem e técnico em segurança do trabalho.
Em Ponta Grossa e região: administração, eletrônica, eletromecânica, mecânica automobilística, projetista mecânico, pedagogia e química.
Em Maringá: administração, ciências contábeis, educação física, mecânica, publicidade e propaganda e secretariado.
Em Paranavaí: administração, ciências contábeis e processos gerenciais.
Em Campo Mourão: administração e pedagogia.
Em Cianorte: administração, processos gerenciais e pedagogia.
Em Umuarama: técnico em enfermagem
Outras vagas disponíveis podem ser consultadas no site www.ielpr.org.br.
SERVIÇO IEL PARANÁ:
Curitiba – Av. Cândido de Abreu, 200, Centro Cívico – fone: (41) 3271-9400
Ponta Grossa – Av. Accioly Filho, 250 – fone: (42) 32195-033
Londrina – Rua Belém, 844 – fone: (43) 3294-5137
Cascavel – Rua Dr. Flausino Mendes, 254 – fone: (45) 3220-5410
Maringá – Rua Vereador Nelson Abrão, 80 – Zona 5 – fone:(44) 3218-5702
Toledo – Rua Júlio de Castilhos, s/n – Vila Industrial – fone: (45) 3279-6159
Comunicação Social
Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná – FIEP
‘Fone:+55(41)3271-9131  7 Fax:+55(41)3271-9145
Comente aqui