Dia Nacional de Oração pela Vida da Juventude em Paiçandu

A Pastoral da Juventude se reúne nesta quarta-feira (15) com a comunidade da paróquia Santo Cura D’ars, em Paiçandu, para rezar o ofício do Dia Nacional de Oração pela Vida da Juventude. A data marca exatos dois anos do assassinato do assessor nacional do Setor Juventude da CNBB, padre Gisley Azevedo Gomes. O momento celebrativo terá início às 20h na igreja matriz.

O Dia Nacional de Oração pela Vida da Juventude foi instituído neste ano por ocasião dos altos índices de violência contra os jovens brasileiros e também para fazer memória do testemunho de vida do padre Gisley. O sacerdote ficou conhecido nacionalmente pela sua dedicação em defesa dos direitos e da vida dos jovens.

De acordo com o último levantamento do Mapa da Violência, Maringá subiu quase 400 posições no ranking nacional de homicídios entre jovens. Comparando com os dados divulgados em 2010, neste ano a cidade passou da posição 723 para a 332 no ranking. Já o estado do Paraná, pelo relatório, possui um dos maiores índices de mortes violentas de jovens no país.

Contra essa realidade, padre Gisley coordenava, entre outros trabalhos, o lançamento da Campanha Nacional Contra a Violência e o Extermínio de Jovens. “A sua ausência se faz presença no meio da juventude, serve de luz, inspiração e motivação para que cada jovem cultive em si a indignação e se sinta incomodado ao ver tantos outros jovens mortos todos os dias”, destaca carta das Pastorais da Juventude.

Por PJ Maringá

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.