Mês: janeiro 2015



O tempo já se completou. Convertei-vos

O Senhor Jesus, no início do evangelho de Marcos afirma: “O tempo já se completou e o Reino de Deus está próximo. Convertei-vos e crede no evangelho” (Mc 1,15). Conversão e fé andam juntas, criando um processo de mudança no aspecto físico, psicológico e espiritual, pois somos seres humanos em transformação permanente. Quando falamos em conversão, logo nos lembramos de conversão espiritual, apenas.

O convite de Jesus vai além de uma conversão só espiritual, muitas vezes feita apenas de práticas exteriores, ritos e cultos desencarnados da vida cotidiana.

O convite “convertei-vos” está nos dizendo que não é mais possível viver como se nada estivesse acontecendo. Deus pede a seus filhos e filhas colaboração. Está na hora de mudar nossa maneira de pensar e agir.

A mudança começa em nós, a iniciativa deve ser sempre nossa. Deus não impõe nada pela força, mas está sempre atraindo nossa consciência para uma vida mais humana.

Mais do que falsa piedade religiosa a nossa conversão começa pela nossa humanidade, nos conhecendo melhor e aceitando a própria realidade, reconhecendo que precisamos mudar os hábitos e comportamentos. Esta é a hora de criar relações verdadeiras, destruir os relacionamentos falsos, viver e estar no mundo, mas não ser do mundo.

No processo de conversão temos uma grande diferença. Em outras religiões, o ser humano procura Deus; no cristianismo, é Deus que procura o ser humano. A sua proposta, direta e pessoal, aguarda uma resposta também direta e pessoal. O cristianismo não é uma ideologia. A ideologia é uma vacina contra a fé. A fé é a relação que eu estabeleço com Jesus como Senhor e Salvador. A fé é uma relação concreta e única com Ele. A fé é o fato de cada um de nós pertencer amorosamente a Ele e Ele pertencer amorosamente a nós. Portanto fé é uma relação de amor entre o Senhor Jesus que está em mim e eu estou Nele. Todo nosso ser entra em jogo no relacionamento com Jesus.

O tempo já se completou. Não perca tempo! É hora de mudar de hábitos, de comportamentos, criar relações verdadeiras entre nós e nós com Jesus, Senhor, Salvador, amigo incondicional.

Por isso cada dia, cada encontro, cada pessoa, cada acontecimento é uma oportunidade de conversão. Vamos aprender com o nosso querido Papa Francisco, que vai ao encontro não só do pobre, mas do diferente na fé, dos cristãos separados e dos não cristãos.

Ele se aproxima de todos, provoca mudanças, estabelece a paz, une nações, busca novos horizontes para a humanidade.

Conversão significa mudar nossa mentalidade fechada em esquemas e estruturas caducas e ultrapassadas. O tempo exige abertura, acolhida do diferente sem perder as diferenças. Conversão e fé é o caminho de todos, pois a humanidade grita por misericórdia e paz, que começa no teu e no meu coração.

Dom Anuar Battisti

Comente aqui


Jubileu de prata de Dom Edmar, padre Sidney Fabril e padre Paulo

O bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, Dom Edmar Peron, vai celebrar o aniversário de 25 anos de ordenação presbiteral no próximo domingo, 18 de janeiro, em santa missa na igreja São José Operário em Maringá, às 10h.

Também irão celebrar os 25 anos de ordenação presbiteral o padre Sidney Fabril, pároco da paróquia São José, e o padre Paulo Campos, que atualmente trabalha na diocese de Paranaguá. Os três foram ordenados por Dom Jaime Luiz Coelho, a serviço da Arquidiocese de Maringá.

Sem categoria
1 Comentário