Duplicação da PR 323

    

ACIM na campanha pela PR 323

ACIM na campanha pela PR 323

 “Pela vida. Pelo desenvolvimento”. Este é lema da campanha que reivindica a duplicação da PR-323, entre Maringá e Iporã. A estrada, que é administrada pelo estado do Paraná, registra altos índices de acidentes de trânsito e duplicada contribuirá para o escoamento da produção e para desenvolvimento da região.

Na segunda-feira da semana que vem (dia 8) será realizada, na sede da Associação Comercial e Empresarial de Maringá (ACIM), uma reunião para lançar a campanha de duplicação da rodovia. Para o encontro, que está marcado para as 14 horas, estão sendo convidados prefeitos e presidentes de associações comerciais de toda a região, secretários municipais, vereadores, presidentes de entidades de classe, entre outros.

A reivindicação é pela duplicação de cerca de 210 quilômetros da rodovia estadual entre Maringá e Iporã, passando por Cianorte, Tapejara, Cruzeiro do Oeste, Umuarama, Perobal e Cafezal do Sul e outros 60 quilômetros da BR-272, entre Iporã e Guairá, sendo esta uma rodovia federal. Um levantamento feito em 2008 mostrou que o tráfego diário varia de 15 mil a 20 mil veículos por dia próximo a Maringá, 9 mil veículos por dia até Umuarama e 3 mil automóveis no trecho final, de Iporã a Guairá.

Participação da população

Toda a comunidade poderá participar da reivindicação e assinar abaixo-assinados, que foram disponibilizados em pontos estratégicos de Maringá, inclusive na sede da ACIM, em Umuarama e outros 30 municípios da região. A intenção é que depois de coletar as assinaturas seja proposta uma lei popular. Inclusive foi formada uma comissão permanente com representantes de Maringá, Cianorte e Umuarama para acompanhar a discussão e o andamento do projeto.

A campanha é uma iniciativa da ACIM, TV 3º Milênio e das associações comerciais de Umuarama (Aciu) e Cianorte (Acic) e conta com apoio de diversas associações comerciais, órgãos governamentais e entidades dos municípios situados entre o eixo Maringá e Guairá.

Fonte: Assessoria de Imprensa ACIM – Textual Comunicação

Comente aqui


Pela duplicação da PR-323

Na manhã de terça-feira (17), várias lideranças das cidades da região de Umuarama, Cianorte e Maringá estiveram reunidas na Associação Comercial, Industrial e Rural de Umuarama (ACIU), onde estiveram unindo forças para reivindicar juntos às autoridades competentes a duplicação da PR-323, que vai de Maringá até Iporã; e da BR-272 rodovia que liga Iporã a Guaira, sendo considerado como “corredor da morte”, devido as quase 30 mortes decorridas do início do ano até agora.

Esta união visa defender a vida dos cidadãos que trafegam pela PR 323, que devido ao crescimento do transporte de cargas, teve um aumento considerável no número de acidentes. Segundo levantamento da Polícia Rodoviária acontece dois acidentes por dia em média na PR-323, apresentando um crescimento de 34% em relação ao ano passado.

Entre as autoridades que manifestaram seu apoio, merecem destaque o presidente da ACIU, o empresário José Celso Zolim, que foi um dos responsáveis por esta iniciativa, junto a Dom Anuar Batistti e a equipe da TV 3º Milênio da Arquidiocese de Maringá; e o Frei Rivaldo Vieira, OFMCap, que manifestou o apoio da Diocese de Umuarama na divulgação e luta por esta causa. Para auxiliar na divulgação, estão sendo preparados materiais publicitários a serem veiculados em várias mídias, nas cidades que participam da campanha, com patrocínio dos próprios meios, em favor desta causa que é de interesse de todos nós.

Ao final da reunião os presentes optaram pela criação de uma comissão permanente, com lideranças dos vários órgãos e municípios representados para tratar desta questão, além da criação de uma comissão de comunicação, para articular em suas cidades a divulgação da campanha.

Comente aqui


Pela duplicação da PR 323

Diversas lideranças da região noroeste do Paraná se reuniram na manhã desta quarta-feira, 04, na sede da TV 3º Milênio em Maringá, para a apresentação da campanha pela duplicação da rodovia PR 323. A iniciativa do encontro foi da emissora ligada à Arquidiocese de Maringá. O objetivo é articular um projeto unificado com diversos setores da sociedade.

Participaram da reunião representantes das associações comerciais de Umuarama  e Cianorte, do CODEM-Conselho de Desenvolvimento Econômico de Maringá, paróquias de Paiçandu e Doutor Camargo, Polícia Rodoviária, Cocamar; Sindicato da Indústria do Vestuário de Maringá, e do Maringá e Região Convention & Visitors Bureau.

A TV 3º Milênio irá produzir materiais em vídeo mostrando os problemas que a rodovia enfrenta e os benefícios que a duplicação poderá promover. No dia 17 de agosto haverá uma reunião às 9h em Umuarama para dar os próximos encaminhamentos do projeto, já articulado pela comunidade em Umuarama.

Empresas e entidades que quiserem aderir ao movimento podem entrar em contato pelo e-mail [email protected]

2 Comentários