Pacote contra presos rebelados

O governo do Paraná definiu, no início da noite de ontem, um pacote severo de medidas para conter a série de rebeliões que desde o início do ano se alastrou pelo sistema penitenciário do estado.

Por meio de uma resolução (n.º 560/14), a Secretaria de Estado da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (Seju) proíbe, a partir de hoje, que os presos rebelados sejam transferidos para outras unidades penais.

Além disso, o governo formulou um anteprojeto de lei que obriga as operadoras de telefonia móvel a bloquear os sinais nas prisões do estado. Só neste ano, 4.647 celulares foram apreendidos com detentos paranaenses..

*Até que enfim. Jã comentados aqui que as rebeliões acontecem, porque o governo faz tudo o que os bandidos pedem.

Geral
6 Comentários

Isenção de IPTU

Na sessão ordinária desta quinta-feira o plenário da Câmara Municipal de Maringá analisará o veto total do Executivo ao projeto de lei 9860, de autoria dos vereadores Ulisses Maia (SDD) e Carlos Mariucci (PT), instituindo o Imposto Predial e Territorial Urbano (Iptu) Verde em Maringá. A justificativa da prefeitura é que o projeto interfere na atividade administrativa de competência do Poder Executivo, reduz a arrecadação sem cumprir as exigências legais, o projeto fere os princípios da isonomia e da capacidade contributiva e não cumpre as exigências do artigo 14 da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Geral
2 Comentários

Gleisi não volta e Bernardo não fica

Do blog do Fábio Campana:

*Se a presidente Dilma se reeleger no domingo, vai compor novo ministério. E já sinalizou: Paulo Bernardo não fica. Gleisi Hoffmann não volta. O casal está fora por conta das denúncias de que recebeu R$ 1 milhão do esquema de desvio de dinheiro da Petrobras. A denúncia contra Paulo Bernardo e Gleisi foi do operador do esquema de dinheiro roubado da Petrobras, o ex-diretor Paulo Roberto Costa. Confirmado pelo doleiro Alberto Youssef.

Para o lugar de Paulo Bernardo irá Ricardo Berzoine, do PT.

*Gleisi foi a maior decepcão das eleiçòes para o Governo do Paraná neste ano. Com apoio de Dilma e Lula, ficou em terceiro lugar.

Geral
15 Comentários

Aécio é São Pedro?

A presidente e candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT) voltou a dizer que há falta de planejamento e gestão dos governos tucanos e usou novamente a crise hídrica vivida no Estado de São Paulo em discurso em Petrolina (PE).

“São Paulo, o Estado mais rico do País, não se preparou para a seca. Já o governo federal se preparou e trouxe água para o Nordeste”, disse a presidente ao lado do seu padrinho político, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Na segunda-feira, 20, Dilma negou que estivesse usando a falta de água em São Paulo de forma eleitoreira.

Geral
23 Comentários

22 de outubro 2014

Hoje é Dia do Paraquedista.

Em 22 de outubro de 1797, foi realizado o primeiro salto bem-sucedido de paraquedas. O autor da façanha foi o francês André Jacques Garnerin (1769-1823). Ele pulou de uma altura de 914 metros no Parque Monceau, em Paris.

*Em Maringá existem muitos paraquedistas. Eles aparecem de 4 em 4 anos para levar votos. Dr. Rosinha, do PT, é um exemplo.

Geral
9 Comentários

Dilma à frente de Aécio

Pela primeira vez desde o início do 2.º turno, pesquisa Datafolha mostra a presidente Dilma Rousseff (PT) numericamente à frente de seu adversário, Aécio Neves (PSDB), embora ainda em situação de empate técnico, no limite máximo da margem de erro. A petista tem 52% das intenções de voto, e o tucano, 48%.

Divulgado nesta segunda-feira, o resultado se refere aos votos válidos, do qual são excluídos nulos, brancos e respostas dos eleitores indecisos. Nesse universo, Dilma cresceu três pontos porcentuais desde o levantamento do Datafolha da quarta-feira da semana passada, quando aparecia com 49%. Aécio, que tinha 51%, caiu os mesmos três pontos. Leia na íntegra.

Geral
70 Comentários

28 parlamentares corruptos

Como parte da delação premiada, o doleiro Alberto Youssef afirmou que a campanha da presidente Dilma Rousseff, em 2010, foi financiada, em parte, com dinheiro proveniente da estatal.

Além disso, o doleiro entregou aos investigadores uma lista com o nome de 28 parlamentares da base aliada do governo que eram financiados pela quadrilha.

Segundo Youssef, dependendo da importância de cada parlamentar, os pagamentos variavam de R$ 100 mil a R$ 150 mil por mês. Os nomes não foram revelados. As informações são da revista Veja.

De acordo com a reportagem, o doleiro contou que o esquema de arrecadação começou em 2006, um ano depois de o mensalão ter sido denunciado pelo ex-deputado Roberto Jefferson. Confirmou também que a indicação do ex-diretor de Abastecimento Paulo Roberto Costa foi negociada com o então presidente Lula diretamente pelo ex-deputado José Janene (PP), já morto, envolvido no esquema do mensalão.

Geral
16 Comentários

Debatinho ruim

O debate entre Aécio e Dilma, ontem na Rede Record, foi o pior até agora.

 Dilma e Aécio demonstram cansaço com debates.

E os mediadores da Record não ajudaram em nada. Expirava o tempo, não permitiam que o candidato sequer terminasse a frase.

A emissora, para valorizar o evento político, anunciou o debate como “decisivo” para o eleitor decidir ou manter o seu voto.

Decisivo mesmo vai ser o debate de sexta-feira, antevéspera da eleição, na Rede Globo.

*Em tempo: Aécio recebeu do senador Alvaro Dias o depoimento do ex-diretor da Petrobrás, Paulo Roberto Costa, onde ele diz aos policiais federais os nomes da cúpula petista que ele repassou dinheiro. Aécio levou a papelada para o debate e só não usou porque Dilma foi não o atacou como sempre.

Geral
18 Comentários