Geral



Ex-diretor da UTFPR construía prédios com grana desviada. Vinte estão em cana

A Polícia Federal prendeu nesta terça-feira, 13, o ex-diretor-geral do Câmpus Cornélio Procópio da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) Devanil Antônio Francisco (foto). Ele é um dos principais alvos da Operação 14 Bis, que investiga desvios da entidade. Sandro Rogério de Almeida, que ocupou o cargo de diretor de Planejamento e Administração do Câmpus Cornélio Procópio, também foi preso. Ao todo, foram 20 ordens de prisão.

Devanil Francisco é acusado de ter alcançado um grande patrimônio durante o período em que exerceu as funções no Câmpus. Ele montou uma empresa, a 14 Bis exclusivamente para administrar os bens, entre os quais dois edifícios em Cornélio Procópio (PR), um com 32 quitinetes e outro com 26, que eram alugados para os próprios alunos da Universidade.

Além dos bens imóveis, Devanil Francisco, segundo a PF, é sócio na construção de um terceiro prédio de luxo, em parceria com um empresário envolvido nas fraudes, na mesma cidade situada a 400 quilômetros da capital, Curitiba.

A Operação 14 Bis, deflagrada pela PF em parceria com a Procuradoria, a Controladoria-Geral da União e a Receita, prendeu ao todo 20 investigados, em regime temporário por cinco dias, e realizou buscas em 26 endereços – além de joias, carros de alto padrão e três lanchas, os federais apreenderam 27 mil dólares.

Outro ex-servidor da Universidade foi preso: Sandro Rogério de Almeida, que ocupou o cargo de diretor de Planejamento e Administração do Câmpus Cornélio Procópio.

1 Comentário


PF busca 20 envolvidos nos desvios da UTFPR de Cornélio Procópio

A PF começou a sacudir o abacateiro da UTFPR de Cornélio Procópio (Norte do Paraná), nesta primeira leva, 20 dos graúdos para a cadeia. Se a PF sacudir no restante das universidades federais do Paraná, as cadeias vão ficar forradas! Ou seja, tendo como cortina de fumaça a tal Pátria Educadora, essa turma do PT et caterva roubava como se não houvesse amanhã.

São 20 mandados de prisão temporária e 26 de busca e apreensão. As investigações da PF, na operação denominada 14 Bis, apontaram irregularidades em contratos celebrados entre a UTFPR-CP e empresas que prestaram serviços de manutenção predial, manutenção de ar-condicionado, manutenção de veículos, fornecimento de materiais de construção e serviços de reprografia. Há indícios de irregularidades de cerca de R$ 5,7 milhões.

A Operação acontece em parceria com o Ministério Público Federal (MPF), Controladoria Geral da União (CGU) e Receita Federal. As ações ocorrem nas cidades de Uraí, Cornélio Procópio, Nova América da Colina e Maringá, todas no Paraná.

Comente aqui


“Nóis é jeca mas temo zape, seu Facó!”

O argumento da pretensa autoridade é o pior argumento numa demonstração acadêmica ou pretensamente científica. Geralmente o sujeito chuta, mas como é formado em sorbonesca universidade, todo mundo diz amém a essa “autoridade especializada”. O diretor de Comunicação e Marketing da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Marcos Facó, especializado em marketing digital pela Universidade de Harvard, acaba de dar um chutão em entrevista ao Estadão. Diz ele e de cátedra: “As agências de marketing e consultorias querem criar um novo mercado e ficam alimentando um mito em torno do poder das redes sociais em uma eleição. Elas são só mais uma ferramenta. Não têm o poder de eleger ninguém”.

E o senhor Facó vai mais fundo na sua análise: “Quando a gente fala do poder de influência das redes sociais estamos falando dos eleitores dos centros urbanos, de universitários, de gente esclarecida e que consome notícias nessas plataformas. Os especialistas ignoram esse recorte e tratam como se todo o Brasil fosse igual. A TV e o rádio ainda são os melhores meios de penetração nos rincões do País. A comunicação é mais palatável e direta”.

Ora, se o caro Facó tivesse feito pelo menos uma campanha numa pequena cidade, saberia que sua afirmativa é uma enorme falácia, para não dizer besteira. Coordenei a comunicação de pelo menos quatro campanhas em cidades do interior aqui do Paraná e se não fossem as redes sociais, não teríamos como alcançar os eleitores de forma precisa, direta e econômica. Panfletos, jornais impressos e programas eleitorais  no rádio e TV não conseguem mais “motivar” o eleitorado, neste novo mundo tomado pela web, o próprio eleitor faz a integração, quando interessa, dessas velhas mídias nas redes sociais, daí sim, a opinião geral se consolida, a tal da opinião pública. O senhor Facó, tem que andar mais de ônibus e trem, pelos sítios e fazendas, enfim pelas ruas e estradas dos “rincões” do país, ver o comportamento de nosso povo, principalmente com seus celulares. Ninguém é mais tão bocó, coió, ou caipira que não tenha o mínimo acesso ou não sabe se utilizar das redes sociais: “Nóis é jeca mas temo zape, seu Facó!”

2 Comentários


PF cumpre 91 mandados, alvos são frigoríficos nesta segunda-feira

A Polícia Federal saiu mais uma vez às ruas nesta manhã (5) para uma nova fase da Operação Carne Fraca que tem como alvo frigoríficos.

São executados 91 mandados decretados pela Justiça Federal: 11 pessoas estão com ordem de prisão temporária e 27 de condução coercitiva. Os policiais cumprem ainda 53 mandados de busca e apreensão em unidades da BRF (Sadia e Perdigão). Logo mais traremos o nome dos meliantes presos.

Comente aqui


PT se infiltra nas secretarias de Foz do Iguaçu

Depois de ter políticos locais envolvidos em maracatuaias de toda espécie, passar por uma nova eleição, Foz do Iguaçu ainda anda capenga na política. Militantes de carteirinha do PT, por exemplo, entre outros suspeitos apeados de Itaipu, que não conseguiram cargos eletivos, estão infiltrado nas secretarias, aproveitando o vácuo do poder instalado naquele município de fronteira.

Foz de Iguaçu é último entreposto para quem sai do país legal e ilegalmente e por onde entram contrabando, armas e drogas. Não há de se esperar portanto, nada mais do que o velho discurso de sempre, em que os políticos fingem que trabalham nos mais alucinantes projetos de desenvolvimento do turismo e comércio, ineficazes, é lógico, enquanto a população é refém da violência e da falta de perspectivas de trabalho e renda.

2 Comentários


A “esquerda” nóia defende traficante e ladrão

Soldado do Exército não trata bandido a pão de ló, mas a militância dessa “esquerda” de apartamento chique do Leblon e Ipanema do Rio de Janeiro adora dizer que o povo é vítima da violência do Exército. Isso mesmo, usam o povo trabalhador e honesto como escudo para seus vícios ao defenderem ladrões e traficantes, os que realmente provocam a violência contra as pessoas.

Está claro que esses militontos nóias (drogados) estão querendo criar um clima de vitimização de quem mais precisa de segurança, nossa gente que trabalha e vive com medo, não do Exército, mas dos bandidos.

Na realidade, os militontos de “esquerda” estão se cagando de medo dos milicos e têm pavor de sair de casa para pegar drogas no morro, como faziam tranquilamente até esses dias sob a benevolência de um Estado corrupto e assim, sustentar tráfico e toda violência no Rio de Janeiro.

Só existirá traficantes se alguém os sustentar e é raro encontrar um militonto burguês, filhinho de papai, cheio de problemas existenciais, que se chamam falta de trabalho e vergonha na cara, que não seja pelo menos fumeiro, nóia de beira de praia de bacana, boy sem futuro; otário na linguagem da malandragem.

Foto: JB.

 

3 Comentários


PF prende diretor do DER e mais cinco em nova Operação da Lava Jato

Polícia Federal (PF) prendeu temporariamente seis pessoas na manhã desta quinta-feira (22), na 48ª fase da Operação Lava Jato, batizada de Integração. Um dos presos é o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem no Paraná (DER/PR), Nelson Leal.

Presos pela Polícia Federal na Operação de hoje:

    • Nelson Leal Júnior – diretor-geral do DER/PR
    • Oscar Alberto Gayer da Silva – ex-funcionário do DER/PR
    • Wellington de Melo Volpato – sócio da Eco Sul Brasil Construtora
    • Helio Ogama – diretor-presidente da Triunfo Econorte
    • Leonardo Guerra – administrador da empresa Rio Tibagi
    • Sandro Antônio de Lima – funcionário da Econorte

Mais detalhes clique aqui.

 

Coletiva da PF, o áudio está um pouco ruim, desculpem-nos.

http://https://youtu.be/iBxHNcKpat8

Comente aqui


PF prende diretor-geral do DER e faz buscas na Casa Civil de Beto Richa

Muita gente do governo do Paraná e do interior do estado amanheceu debaixo da cama. A Polícia Federal (PF) faz buscas na sede do Governo do Paraná nesta quinta-feira (22), na 48ª fase da Lava Jato. Os policiais também cumprem sete mandados de prisão temporária no Paraná e em outros três estados nesta nova etapa da operação, batizada de Integração. O diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem no Paraná (DER/PR), Nelson Leal, foi preso.

A investigação apura corrupção, fraude a licitações e lavagem de dinheiro na concessão de rodovias do Paraná.

Os alvos principais, conforme o Ministério Público Federal (MPF), são servidores públicos e empresas investigadas por corrupção, lavagem de dinheiro, associação criminosa e peculato.

 Um dos alvos de busca e apreensão é Carlos Nasser, funcionário com cargo em comissão da Casa Civil. Atualmente, ele trabalha na coordenadoria de assuntos políticos da pasta.

O mandado de busca e apreensão cumprido no Palácio Iguaçu, sede do governo paranaense, tem como alvo a Casa Civil. Também há mandados de busca e apreensão sendo cumpridos na presidência do Departamento de Estradas de Rodagem no Paraná (DER/PR) e na Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar).

Ao todo, há 50 mandados de busca e apreensão que devem ser cumpridos nas seguintes cidades: Londrina, Curitiba, Campina Grande do Sul, Jataizinho, Paranavaí, no Paraná; em Balneário Camboriú, em Santa Catarina; Rio de Janeiro; e São Paulo.

Matéria atualizada clique aqui.

2 Comentários


Mistério: clarão ilumina noite na Bahia, foguete, OVNI ou meteoro?

Centenas de relatos dão conta de estranho clarão que iluminou o céu da Bahia, na noite de ontem. Especialistas levantam várias hipóteses para explicar o fenômeno. Entre elas, a possibilidade da queima de um meteoro que entrou na atmosfera terrestre ou a desintegração de um foguete russo que levaria suplementos para a estação espacial. Veja uma das muitas filmagens disponíveis na internet.

 

Geral
Comente aqui


Filme estranho e Hospital Evangélico ainda sem verbas da Prefeitura de Curitiba

O Setor de Inteligência que acompanha a aplicação dos recursos federais no Hospital Evangélico identificou que tem uma agência de publicidade de Curitiba supostamente fazendo um filme sobre a história do Hospital Evangélico.  A propósito, a Prefeitura de Curitiba ainda não repassou os recursos federais devidos ao Hospital que atende 30 mil pacientes/mês, deve estar esperando o Evangélico ir a leilão e virar um belo empreendimento para especulação imobiliária, já que o prédio do hospital fica em área nobre, cercado por bacanas, e atende pelo SUS, ou seja, gente pobre.

Comente aqui