recorde



Paranaense captura o recorde mundial da pirarara

O pescador Alexandre Dick, de Santa Helena/PR, fisgou uma pirarara de 132 cm no Rio Negro, no Amazonas, enquanto que o recordista anterior possuía 126 cm. O feito do brasileiro já foi homologado pela International Game Fishing Association (IGFA).

Pirarara com 132 cm de comprimento

Dick conta que havia viajado para Barcelos/AM com o intuito de pescar tucunarés-açu. No entanto, ao chegar no Rio Negro, se deparou com uma situação de repiquete, bastante desfavorável para pescar a pesca com iscas artificiais.

“Não me atrelo a um peixe só  e gosto de estar preparado para outras espécies”, conta Dick. “Então decidimos tirar um período para pescar os peixes de couro”.

Dick pegou equipamento emprestado da pousada onde estava e usou vara de 180 lb, linha 0,90 mm de monofilamento, carretilha grande, anzol 12/0 e chumbo pesado o suficiente para segurar uma cabeça de piranha como isca no fundo do rio.

Medição do recorde na régua oficial da IGFA

O pescador conta que não pretendia ficar muito tempo em apenas um ponto, “não mais que 15 minutos”. Mas, com menos de cinco minutos, Dick teve a ação, embarcou a gigante pirarara e, com o auxílio do guia Wilson, fizeram todos os procedimentos para a homologação de recorde na IGFA.

“Nunca imaginei que fosse pegar um exemplar para recorde”, conta. “Mas sempre levo a régua da IGFA na minha tralha”.

Apesar da façanha, Dick revela que já havia pegado exemplares maiores, mas não havia feito os procedimentos corretos para homologação. “Acredito que outros pescadores também já tenham conseguido maiores”, cita.

Fonte: Revista Pesca & Cia

Comente aqui


Pescador londrinense captura gigantesco tambaqui de 41kg

O grande amigo e pescador Jair Stopa, de Londrina-PR, realizou o feito de fisgar um gigantesco e legítimo tambaqui de exatos 41kg no Pesqueiro Córrego das Antas em Glicério-SP. Mesmo sendo capturado em um lago artificial, há anos um exemplar desse porte não era fisgado por lá. Segundo Jair, frequentador do local, é comum fisgar exemplares com peso entre 20 e 35kg, mas com mais de 40kg foi a primeira vez. É um possível recorde da espécie já capturado em um pesqueiro no Brasil. O pescador utilizou uma vara de 30lb e uma carretilha pequena com linha 0,37mm, o peixe brigou por cerca de 40 minutos antes de se entregar. Após as fotos, o tambaqui foi devidamente solto no lago, parabéns Jair!

jair

jair 3

jair 2

2 Comentários


Americano fisga ‘peixe esquisito’ e bate recorde que durava 16 anos

O pescador amador Joe Ludlow estabeleceu um novo recorde mundial ao fisgar um enorme peixe opah, conhecido também por peixe-sol, peixe-lua e peixe-imperador. Ele capturou um opah de 82,10 quilos na costa da Califórnia (EUA). Segundo a Associação Internacional de Pesca Esportiva (IGFA), o peixe fisgado por Ludlow supera o antigo recorde em mais de 8,5 quilos. A antiga marca (73,93 kg) pertencia ao também americano Thomas Foran desde 1998.

Fonte: Globo (G1)

Infelizmente o raríssimo exemplar foi abatido.

Peixe opah

1 Comentário