Edir Macedo e Igreja Universal denunciados por charlatanismo – Confira…

Foi protocolado uma denúncia no MPF (Ministério Publico Federal) de São Paulo uma denúncia contra o Bispo Edir Macedo e Bispo Clodomir da IURD por charlatanismo (exploração da credulidade pública). Clique, leia e comente…

Denúncia feita à Procuradoria da República em São Paulo, e encaminhada ao Dr. Jefferson Aparecido Dias, procurador regional dos direitos do cidadão, acusa os bispos Edir Macedo e Clodomir, da Igreja Universal do Reino de Deus, de charlatanismo.

A denúncia se baseia no vídeo da IURD TV em que ambos aparecem exorcizando um rapaz chamado Leandro, supostamente homossexual, e afirmam durante o vídeo que o ato “queima até AIDS se tiver”.

O autor da denúncia preferiu o anonimato, porém disponibilizou as denúncias feitas à Procuradoria através do blog “Gay Católico”, que em seu texto, critica a falta de iniciativa contra a Universal e seus líderes em relação ao vídeo: “As ONGs LGBTs são as legítimas responsáveis para sair em defesa dos interesses da comunidade LGBT e seus membros. A ABGLT é a principal ONG em nível nacional, é pessoa jurídica que em tese têm toda credibilidade junto aos orgãos de governo, e portanto deveria ser a primeira responsável para agir, tomar atitudes, usar das ferramentas formais à sua disposição para defender pessoas vítimas dos nossos únicos agressores reais, os fundamentalistas religiosos”.

Segundo informação do site da revista “Lado A”, o responsável pelo blog “Gay Católico” seria uma pessoa de nome Benjamin, que “anteriormente já apresentou outra denúncia ao MP, desta vez contra o pastor Silas Malafaia, por homofobia”.

Os bispos Edir Macedo e Clodomir Santos não divulgou comunicado oficial comentando a denúncia feita até o momento.

Assista abaixo ao vídeo em que os bispos da Igreja Universal exorcizam o rapaz supostamente homossexual e em seguida copia da denuncia feita ao MPF/SP:

Copia da denúncia:


post inforgospel.com.br – com informação Gospel+

 

15 comentários sobre “Edir Macedo e Igreja Universal denunciados por charlatanismo – Confira…

  1. oseas 15 de fevereiro de 2012 15:44

    Essa é uma “guerra difícil e sangrenta” Que Deus tenha misericórdia da humanidade.

    Muitos gay’s não tem possessão demoníaca, são assim porque escolheram, ou foram abusados quando criança, etc. É um terreno muito complicado de mexer

  2. jose carlos Pacheco 15 de fevereiro de 2012 16:13

    Estou de pleno acordo com a denuncia efetuada, isso tudo ofende a população num geral fazendo com que os incautos sejam ludibriados e julguem de maneira estupida e mesquinha, além do que sejam lesados moral e socialmente com tamanha mesquinhes nas atitudes dessas pessoas que se fazem presentes no vídeo acima postado.

  3. Luis 15 de fevereiro de 2012 17:58

    A corda tá apertando

  4. ferreira 16 de fevereiro de 2012 00:18

    isso não vai dar em nada,o edir vai acionar uns 60 advogados e vai ficar por isso mesmo!

  5. josevaldo 16 de fevereiro de 2012 01:37

    eu nao vejo nada demais em querer ajudar esse rapaz ,veja que ele sai até feliz eu tenho certeza que há mta gente desse jeito triste e ninguem faz nada agora qdo acha alguem p ajudar vem esse pateta com processo há vai procurar o oque fazer se vc quer continuar no homosexissualismo problema é seu mais tem gente que quer sair.

  6. Victor 16 de fevereiro de 2012 11:29

    Esse Bisco Claudomir parecia que tava lutando Muay Thai isso sim, segurando o cara do pescoço… só falto a joelhada.

  7. Sophya - RJ 17 de fevereiro de 2012 10:54

    Acho que seria fundamental a oitiva da “vitima” em questão. Haja visto, ter sido o vídeo reduzido e com isso privando as pessoas de verem como o rapaz se sentiu apos a ajuda espiritual que recebeu. Importante salientar, que ele não foi trazido ali contra sua vontade, ao contrario, foi ele quem, com suas próprias pernas, se dirigiu ao local para pedir ajuda, o que ao final expressou com suas próprias palavras, estar se sentindo muito aliviado e consequentemente, muito bem. Ora, se a pessoa em questão esta feliz, o que faz com que pessoas totalmente alheias ao fato, se sintam tao incomodadas ao ponto de entrar com uma ação penal,por um episodio no qual ela não teve nenhuma participação, direta ou indireta?? Acho que tem gato escondido nessa tuba!!

  8. wallace 20 de fevereiro de 2012 22:16

    o importante é que ele está falando grosso !!! Antes falava fino !!

  9. sandra rozeno coimbra 21 de fevereiro de 2012 04:52

    Eu naõ posso dizer,que naõ tenho nada contra os homoxessuais.pois se assim dizer estou sendo hipócrita.isso eu nao sou,busco sempre falar a verdade haja o que houver.como seres humanos,respeito sim; mas,essa condição sexual não.acho maligno esse comportamento desses homens que pratica.Romanos1;32 Deus diz,que esses homens,que pratica tais coisas,incluindo tambem mulheres que mudaram o modo natural,são todos digno de morte,os que tais coisas praticam,não somente as fazem,mas tambem aprovam os que assim procedem.Deus nao aceita nenhuma pratica homoxessual.tá na biblia,ele nunca vai aceitar,assim como Deus,nunca vai pecar,isso e impossivel acontecer.a naõ ser,que se arrependam,mude de vida e pratica.quer saber de uma coisa?se Deus aborrece os que tais coisas praticam,entao Deus e homofobico?quem vai processar Deus por isso.se foi ele que criou todas as coisas,e tambem nós seres humanos,Deus não irá mudar,porque alguem quer que ele mude.quanto ao edir Macedo,este homem maligno,e mentiroso.ele e todo seu imperio babilonico,vai virá pó,quando jesus retornar nessa terra.todos nós iremos comparecer diante do tribunal de Deus,todos vão prestar contas;tenham cometido bem ou mal,todos serao julgados segundo suas praticas.o dinheiro roubado de edir Macedo,nao vai comprar um lugar no céu ,não,tudo esta registrado no livro da memoria de Deus,ele nao esquecerá de nada.esse homem e um falso profeta que esta conduzindo multidões para ser destruido junto com ele,da justiça de Deus ele não vai fugir não….

  10. elizeu caitano 22 de fevereiro de 2012 13:12

    para o final dos tempos, veremos muitos falssos profetas temos que observar se realmente tem fundamentos, tais comportamentos

  11. luza 29 de fevereiro de 2012 07:47

    Ainda bem que Deus é espirito invisível,se fosse visível seria julgado também!
    As igrejas pastores,etc.pregam o evangelho,agente escuta !
    Pratica!Se Deus escuta e muda sua vida!
    Esta é a certa,segue!
    Se Deus não responde !Sai,esse não é dele,simples!não!
    Porque tanta briga.?
    Deus existe, é bom e poderoso! e J U S T O J U I Z!

  12. Alves Tahir Naqqash 6 de março de 2012 13:14

    Acho que o Edir e seus pastores deveriam fazer uma visita nos hospitais, especialmente o do Câncer para curar todas aquelas pessoas.

    Se têm o poder da cura, nada mais justo do que fazer visitas regularmente a todos os hospitais onde estão todos acometidos dos mais diversos tipos de enfermidades.

  13. Edi Terezinha Tomazoni 15 de março de 2012 08:44

    A batalha pela humanização, é tão antiga, quanto o homem das cavernas, fazer interpretações equivocada, acusar. Conheço pessoas que foram curadas de câncer, mas nem todas são curadas! O negativismo a ausência de fé, o medo, a falta de atitude, também matam, Deus é justiça.

  14. Paula 26 de abril de 2012 06:12

    Exsite uma nova tend~encia de investigação que advoga que o ser-se gay tem a ver com as hormonas recebidas pelo feto em determinados periodos da gestação. Então, se é um feto masculino e recebe um excesso de hormonas femininas vai desenvolver cerebralmente uma tend~encia gay pois a sua perceção hormonal vai ficar enviesada,assim, percebe os estimulos vindo do mundo masculino como apelativos. Quando nasce, é tarde demais para reverter esse quadro pois esse condicioante hormonal já está instalado e só se revela muito mais tarde quando a criança é mais crescidinha. Na verdade, não é culpa de ninguém. Foi a biologia que fez um “zig” em vez de um “zag”. Pronto! Simples, assim.

  15. Novato 27 de setembro de 2012 15:53

    Essa pessoa deve ser mais uma que o macedao paga para fingir que tacom alguma coisa conheço gente que ja foi la fingir

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.