Igreja Católica de Maringá tem imagem usada por gays para promover evento – Confira…

Parada gay está marcada para 20 de maio em Maringá, no norte do Paraná, e o movimento organizador da “parada gay” usou a imagem da Igreja Católica – Catedral como é conhecida por milhares pessoas no Brasil e no mundo para divulgar o evento nas redes sociais. Confira e comente…

O cartaz utilizado para divulgar a parada de lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e transgêneros (LGBT), em Maringá, no norte do estado, causou discussão na cidade. Isso porque existe a menção à Catedral Basílica Menor de Nossa Senhora da Glória, principal ponto turístico da cidade, no cartaz. A manifestação está programada para 20 de maio.

Nesta segunda-feira (16), a arquidiocese de Maringá afirmou que o departamento jurídico foi acionado para que sejam tomadas previdências.

Ao G1, o arcebispo de Maringá Dom Anuar Battist afirmou que achou os cartazes desrespeitosos. “A Catedral antes de ser um símbolo de Maringá, é um símbolo religioso da fé da maioria dos maringaenses e, por essa razão, lamentamos o uso do cartaz”, afirmou Dom Battisti. Ainda segundo o arcebispo, a Igreja não quer impor valores e princípios a ninguém e passa uma mensagem que acredita ser o melhor para a sociedade, mas respeitosamente, não concorda com todos os comportamentos.

“O símbolo de Maringá é a Catedral e o arco-íris é o símbolo da diversidade. Eu não vi nenhum desrespeito. Até porque nós também somos filhos de Deus. Eu não vi maldade nenhuma”, afirmou o presidente da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (AGLBT), Toni Reis.

Para Reis seria desrespeito se tivesse ocorrido alguma blasfêmia ou agressão a uma imagem.

Robson Girardello integrante do Maringay, responsável pela organização da parada, afirmou que a ideia do material de divulgação é uma alusão ao álbum “The Dark Side of the Moon” do Pink Floyd.

“Simbolicamente, é algo que entra inteiro e direto de um lado, e sai plural do outro, mostrando suas diversas e verdadeiras formas”, diz trecho da coluna publicada por Girardello no site do Maringay.

O material não chegou a ser impresso. De acordo com a Maringay, o cartaz é um rascunho da campanha postado na internet.

-texto acima por: Bibiana Dionísio-G1/PR

Assista matéria do G1/PR pela repórter Natálya Garay/Maringá e comente…

Imagem de Amostra do You Tube
post inforgospel.com.br - com informação G1/PR – 16/04/

11 comentários sobre “Igreja Católica de Maringá tem imagem usada por gays para promover evento – Confira…

  1. Jaqueline Gilmária 17 de abril de 2012 13:53

    Eu naum concordo naum, pois isso sim é uma fauta de respeito contra a igreja católica. Agora samos nós católicos que queremos protestar contra esses tipos de absurdo.

  2. Arthur 17 de abril de 2012 15:36

    Tenho 17 anos e sou de São Paulo e sou de uma família de católicos,mas eu respeito quem é do movimento gay. Eu sei que os organizadores do evento não causar polêmica a respeito. Uma coisa. Já que o cartaz é uma alusão ao “Dark Side of the Moon” do Pink Floyd,eu explico. Esse disco serviu de inspiração muitas coisas neste mundo e gosto de ouvi-lo sempre que eu quiser. Bom,eu não tenhoesse disco,mas ouço pela internet via Youtube.

  3. wilson 17 de abril de 2012 16:40

    Se uma simples indignação e cometarios de nossa parte ao ver um casal gay em publico nos torna homofobico, eu não concordo com essa atitude desse pessoal usar um simbolo católico que tantos nos orgulha para divulgação de uma parada que fere a moral e o bons costumes da popularção consevadora de maringa, devemos repudiar e usar da mesma lei para nos proteger e exigir o devido respeito que merecemos, devemos dizer não a parada gay em nossa cidade.

  4. Wolfgang 17 de abril de 2012 18:36

    Não vejo problema no cartaz. É um ponto turístico da cidade na qual há de se realizar a parada do orgulho LGBT. A mesma catedral já foi usada como simbolo da cidade até p anunciar cerveja, pq não ser usada como um símbolo da marcha da diversidade?!
    Ora, acho q o problema não é o cartaz em si; o problema é a sociedade que não tolera a existência de sere humanos homossexuais.

  5. Jorge Pacheco 18 de abril de 2012 22:13

    Inoportuno e ofensivo e de um tremendo mal gosto esse cartaz, usar um
    simbolo religioso para produzir grosserias, pois isso é um grande
    desrespeito aos Católicos de Maringá e de todo o Brasil, poderiam ter
    usado outros locais e Maringá tem vários outros pontos, mas não
    causaria polemica, o que querem é polemizar querem chamar atenção,
    quem quer ser respeitado, deve respeitar, pois seu direito termina
    onde começa o meu.

  6. Jota 19 de abril de 2012 01:05

    Parabéns! Os mesmos católicos que deveriam postar amor, paz e caridade entre os seus irmãos, são os primeiros a rejeitar uma publicação. Jesus NUNCA deixou de lado um dos seus sequer. Ele preferia andar do lado dos excluídos, dos humilhados, porque ele veio ao mundo para salvar, para propagar o amor. E quem somos nós para criticar se isso está certo ou errado? Os Católicos precisam de uma vez por todas acabar com essa mania besta de acreditar nas IMAGENS. E não venham me dizer que não, porque eu sei que é; se não fosse assim, vocês não ligariam pra imagem, mas sim pelo DEUS amor e Luz, que tanto nos quer bem. Rezariam para Deus sem pensar na atitude do outro, mas pediriam PERDÃO e fariam a caridade FORA da igreja e não só na hora do ofertório. E antes que me chamem de ateu ou qualquer coisa assim, eu sou Católico, fiz toda a minha catequese, frequento e participo da igreja. Gosto da Religião Católica, mas as atitudes de nós católicos, são REPUGNANTES. Porque preferem acreditar que uma foto dessas é desrespeitosa à RELIGIÃO (sim, porque muitos de nós confundem a religião com Deus) mas agem como ratos de sacristia que não fazem de nada para acolher os nossos irmãos. Continuemos assim e só afastaremos as pessoas da “Santa Madre” igreja – jvargas.johnny@gmail.com

  7. Tôto 20 de abril de 2012 12:56

    Triste é ver que os que se dizem católicos não ousam defender o simbolo mor de sua religião, onde dizem ser a casa de Deus. onde se reunem para tratar das coisas de Deus. daqui a pouco, vão colocar seios em Jesus e dizer que ele tambem era gay. mas a biblia repudia os rapazes alegres, isto porque ela diz que Deus criou homem e mulher, e não existe uma terceira criatura de deus. mas como em tudo o cão tenta imitar a deus, fazer o que né.

  8. Tôto 20 de abril de 2012 13:11

    Quando pedirem pra igreja católica fazer um casamento homem com homem ou mulher com mulher é que quero ler sobre a posição da igreja católica sobre o assunto. vamos ver se vai haver a intolerancia que há quando exigem o batismo das pessoas para efetuá-lo. vamos ver se o ministrante, ou padre, ou bispo, ou arcebispo ou cardeal irá batizar o joão do sexo frágil ou a maria do sexo dominador. quando quizerem trocar caricias no átrio da santa madre igreja para ver se a aprovação é total, veremos a posição que tomamos hoje é a mais correta. em tempo, não afastamos ninguem da igreja, as pessoas se afastam. de Deus não afastamos ninguém somos nós que nos afastamos com nossos atos. e também em tempo, Não é a igreja que determina quem é ou não de Deus, Ele próprio exercerá este juízo. Pessoas zelosas, especiais e de boas obras.

  9. maso 27 de abril de 2012 20:19

    O arco íris é símbolo da aliança de Deus com o homem após o dilúvio, portanto é um símbolo cristão.
    O movimento gay também adotou o arco íris como bandeira e o usa para identificar o movimento.
    Este enxerto que fizeram aí parece mais para identificar o movimento da Nova Era que tem a fusão da pirâmide com o arco íris. Aproveitaram a forma da catedral e criaram o quadro. É só procurar na internet o portal do tempo, o caminho do logos, o caminho para a quarta dimensão, p portal de entrada dos avatares.

  10. Alberto Mohallem Murad 21 de maio de 2012 23:02

    A Catedral de MGA é apenas um cartão postal. A Igreja Católica é o local no qual se tem mais GAYS , inclusive PADRES. Quando criança fui molestado por 2 em uma pequena cidade do Norte do Paraná. #FATO

    Falso Moralismo do Arcebispo!

  11. toninho 15 de agosto de 2012 15:22

    Deus disse amais uns aos outros como a si mesmo,a propria igreja catolica afasta o seus ermãos ,com essa descriminação,perante a deus somos tds iguais,

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.


9 − 5 =