Pastor Marcos esta preso mas “evangélicos não são estupradores” e “católicos não são pedófilos”

A prisão do pastor Marcos Pereira líder da Igreja ADUD acusado de estupro de fiéis da própria denominação, esta sendo alvo de cobertura quase que total da mídia nacional. Esta cobertura foi duramente criticada pelo colunista da Veja Reinaldo Azevedo.-Confira e comente…

Segundo Azevedo, a mídia estaria atuando de forma parcial na cobertura do caso, e generalizando ao estender a caricatura feita em cima de Marcos Pereira a todos os evangélicos.

“Se [Marcos Pereira] cometeu os crimes de que é acusado, que fique 800 anos na cadeia. O que sei — e a patrulha pode desistir que não cedo a esse tipo de pressão vagabunda — é que evangélicos não são estupradores ou tendentes ao estupro, assim como católicos não são pedófilos ou tendentes à pedofilia”, escreveu Azevedo.

O jornalista diz ainda em seu texto, que “dá quase para tocar no clima de preconceito” existente na imprensa brasileira contra os evangélicos.

“Como já apontei aqui — e apontarei outras 500 vezes se necessário —, a existência de um ativo preconceito antirreligioso na imprensa brasileira, os idiotas perdem a modéstia e perguntam: ‘O que você vai dizer agora?’. Vou dizer o óbvio: cadeia para Marcos Pereira se for culpado, como defendi cadeia para padres pedófilos. Qual o mistério? [...]O preconceito antirreligioso da nossa imprensa é, na verdade, anticristão (antievangélico e anticatólico). Em relação ao islã, por exemplo, dá-se o contrário: busca-se provar, por exemplo, que atos terroristas são dissociados da religião. Qualquer orientalismo é sempre bem-vindo”, constatou Reinaldo Azevedo.

Segundo o jornalista, há má vontade da mídia ao publicar, por exemplo, que o pastor Marco Feliciano já havia saído em defesa de Marcos Pereira anteriormente, numa situação distinta da atual: “‘Ah, Fulano de tal, evangélico, já defendeu Marcos Pereira; Beltrano também…’ Certamente não o defenderam porque fosse um estuprador, não é mesmo? Aliás, entendo que a notícia merece tal destaque justamente porque nos parece especialmente incompatíveis estas duas realidades: o fato de o sujeito ser um líder religioso e, ao mesmo tempo, um estuprador. ‘Ah, ele já era acusado de muita coisa…’ É verdade! Desde o tempo, por exemplo, em que o movimento AfroReggae, ausente do noticiário (eventualmente aparece como um berço de heróis), atuava em parceria com ele. Em fevereiro do ano passado, José Júnior, o coordenador do movimento, acusou Pereira de planejar a sua morte. Nunca ficou claro o motivo. O certo é que brigaram”, publicou Azevedo.

-Confira o post na integra pelo colunista e blogueiro da Veja Reinaldo Azevedo e comente…

Se pastor cometeu todos os crimes de que é acusado, que fique 800 anos na cadeia! O que sei é que evangélicos não são estupradores, assim como católicos não são pedófilos! Ou: O pastor e um vídeo do AfroReggae

Já recebi aqui uns “trocentos” comentários sobre o tal pastor Marcos Pereira, da Igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias. Ele é acusado de ter cometido vários estupros e de ter se associado ao narcotráfico, e se investiga até a possibilidade de envolvimento com um homicídio. Está preso. Se cometeu os crimes de que é acusado, que fique 800 anos na cadeia. O que sei — e a patrulha pode desistir que não cedo a esse tipo de pressão vagabunda — é que evangélicos não são estupradores ou tendentes ao estupro, assim como católicos não são pedófilos ou tendentes à pedofilia.

Nessas horas, dá quase para tocar no clima de preconceito, de tal forma ele se adensa. “Esses evangélicos são mesmo uns falsos moralistas… Vejam lá!”. Ou ainda: “Esses evangélicos são contra o casamento gay, mas abrigam estupradores”. Ou por que não: “Todo moralista, no fundo, é mesmo um pervertido”. Parafraseando Musil sobre Kakânia (ele falava de outro assunto…), em Banânia, tendemos a achar que todo moralista é um pervertido, mas ainda não chegamos ao requinte de considerar todo pervertido um moralista…

Como já apontei aqui — e apontarei outras 500 vezes se necessário —, a existência de um ativo preconceito antirreligioso na imprensa brasileira, os idiotas perdem a modéstia e perguntam: “O que você vai dizer agora?”. Vou dizer o óbvio: cadeia para Marcos Pereira se for culpado, como defendi cadeia para padres pedófilos. Qual o mistério? NOTA À MARGEM: o preconceito antirreligioso da nossa imprensa é, na verdade, anticristão (antievangélico e anticatólico). Em relação ao Islã, por exemplo, dá-se o contrário: busca-se provar, por exemplo, que atos terroristas são dissociados da religião. Qualquer orientalismo é sempre bem-vindo. Se aparecer algum sugerindo que comer capim purifica a alma, o defensor dessa purificação será tratado como Santo Agostinho jamais seria porque Santo Agostinho, por óbvio, é incompatível com capim.

“Ah, Fulano de tal, evangélico, já defendeu Marcos Pereira; Beltrano também…” Certamente não o defenderam porque fosse um estuprador, não é mesmo? Aliás, entendo que a notícia merece tal destaque justamente porque nos parece especialmente incompatíveis estas duas realidades: o fato de o sujeito ser um líder religioso e, ao mesmo tempo, um estuprador. “Ah, ele já era acusado de muita coisa…” É verdade! Desde o tempo, por exemplo, em que o movimento AfroReggae, ausente do noticiário (eventualmente aparece como um berço de heróis), atuava em parceria com ele. Em fevereiro do ano passado, José Júnior, o coordenador do movimento, acusou Pereira de planejar a sua morte. Nunca ficou claro o motivo. O certo é que brigaram.

Amigos? Ah, ele foram, sim!!! E como!!! Vejam o vídeo abaixo, em que José Júnior canta as glórias de Marcos Pereira. Pergunta óbvia: digamos que Júnior tenha sido enganado… Por que os evangélicos, que o elogiaram o pastor que está preso, não podem entrar na mesma categoria? Respondo: porque José Júnior, na imprensa, é considerado um “ativista social”, acima do bem e do mal, e os evangélicos são vítimas do tal preconceito a que me referi. No vídeo abaixo, peço que vocês prestem atenção à fala de José Júnior, a partir de 4min24s (transcrevo-a em seguida):

Imagem de Amostra do You Tube

A Fala de José Júnior
José Júnior – “Pastor, as igrejas, geralmente, têm uma postura muito pacifista, o que é natural, mas a gente percebe que a Assembleia de Deus dos Últimos Dias, que é a sua igreja, na verdade, é um grupo de guerreiros que vai no meio do front mesmo, e que o senhor não usa arma de fogo, mas utiliza a palavra de Deus como se fosse uma ponto 30 e sai fuzilando todo mundo”

“A palavra de Deus como uma ‘Ponto 30’”!!! Belas palavras, sem dúvida, não é mesmo?, para designar uma ação religiosa. José Júnior fosse outro, certamente renderia um tratado sobre algo mais ou menos assim: “Diz-me que metáforas usas e te direi quem és…”.

Que fique claro: o pastor estava proibido de entrar no presídio Moniz Sodré havia quatro anos porque existiam severas desconfianças sobre a natureza e os efeitos de sua pregação. Voltou por intermédio do AfroReggae.

“Olhem o Reinaldo tentando arrastar o sacrossanto AfroReggae, que acha que a palavra de Deus deve ser usada como uma ‘Ponto 30’, para a aluvião que colhe o pastor Marcos Pereira”!!! Não estou tentando arrastar nada nem ninguém. Até hoje, não se sabe direito por que José Júnior e Pereira brigaram. Sei que já havia uma penca de acusações contra o pastor quando faziam trabalho juntos. O rompimento, depois, foi estrepitoso.

Estou exercendo o jornalismo como gênero didático: estou demonstrando que o pastor Marcos Pereira, a despeito das suspeitas e acusações, era aplaudido por um monte de gente, tanto por aqueles que a imprensa adora detestar, como os cristãos, como por aqueles que a imprensa adora amar, como o AfroReggae.

E não, sob nenhuma hipótese, a palavra de Deus pode ser usada como uma “Ponto Trinta”. É ruim como fato e é ruim como metáfora.

PS: O vídeo acima é o primeiro de uma série de quatro. Estão todos no YouTube, se é que não se dará um jeito de tirá-los de lá…

Por Reinaldo Azevedo

post inforgospel.com.br – com informação Veja.com/Reinaldo Azevedo – via Gospel+

13 comentários sobre “Pastor Marcos esta preso mas “evangélicos não são estupradores” e “católicos não são pedófilos”

  1. Moysés Magno 13 de maio de 2013 21:58

    A opinião do jornalista Reinaldo Azevedo é a mesma que a minha.Tenho frizado sempre que possível a canalhice do preconceito contra os evangélicos.Os dois pastores se transformaram em motivos para generalizar os ataques.Só cego não vê.E,por certo o mentor de tudo isso é a Rede Globo e seus assemelhados que ocultam suas razões.Ainda: o espetacular crescimento dos evangélicos logicamente mexe com a imprensa marron e muitas outras “cabeças coroadas”!
    Sabemos que as portas do inferno jamais prevalecerão contra a Igreja de CRISTO JESUS!

  2. ROBERTO COHEN 13 de maio de 2013 22:09

    EU ACHO E’ QUE ESTAO FAZENDO UMA COVARDIA COM ESSE PASTOR, TALVEZ ELETENHA COMETIDO ALGUM ERRO, MAIS TRANSFORMARAM ELE EM UM MONSTRO DA NOITE PARA O DIA, E ONDE ESTAO OS EVANGELICOS QUE SAO TAO PRONTOS A CONDENAR? DEVERIAM DEFENDE-LO!

  3. Dr Rivaldo 14 de maio de 2013 07:27

    o Estado é laico apenas no papel…

  4. GUTO 14 de maio de 2013 14:08

    Como assim ‘onde estão os evangélicos para defendê-lo?’
    Como pode defender ou acusar alguém sem provas. Só porque é pastor ele é isento de fazer uma atrocidade, estuprar etc? Caso seja culpado tem que pagar pela sua ação, ainda mais por se tratar de um ‘exemplo’ para a sociedade.
    Cresci em lar evangélico a vida toda, e sempre, SEMPRE, os líderes são falso moralistas, o dinheiro sempre falou mais alto, na Assembléia de Deus na minha cidade tinha até ATA que era lida na frente de quem estava em falta com o dízimo. Eu era obrigado a ir na igreja pelos meus pais, hj não piso mais em uma igreja evangélica. O templo verdadeiro é nada mais, nada menos que nós mesmos, e se estamos em dia com Deus e com nossas boas ações, é isso que vale, cada um cuidando das próprias ações.

  5. nonato 14 de maio de 2013 17:43

    Eu concordo penamento com Reinaldo Azevedo, há sim um indicio muito forte de preconceito quando se trata dos evangélicos, principalmente quanto a tal rede globo que tem o prazer de fazer a maior chacota nos seus noticiários.
    Esqueceram do que as Igrejas Evangélicas tem feito por esse pais e por essa sociedade, tirando pessoas das drogas, do alco, da prostituição do crime etc.
    Se alguém é criminoso que page pelo seu erro, no entanto não pode condenar toda uma comunidade por causa de uma pessoa, quantos políticos são acusado do mesmo crime, quantos padres são acusados do mesmo crime, quantos pais são acusado do mesmo crime contra sua própria família, mas pouco se ouve falar na mida deles porque será? será que fazem parte do mesmo grupo. Os Evangeliários não vive dando mídia para eles nós nos concentramos em Deus e não em trazer problema a pessoa alguma. Não estou defendendo o Pr. marcos se errou que pague pelo seu erro. No entanto deixe de preconceito, quem tem preconceito religioso tem preconceito de tudo, de pobre, de negro, de nordestino em fim.

  6. Ary Martins Pachêco 15 de maio de 2013 10:49

    Olha gente, isso está mesmo que angu de caroço, é uma desarrumação total, mentes voltadas em pensamentos e palavras que a uma cabeça de um leigo faz um verdadeiro estrago. Se fala de uma igreja que procede assim e por isso não sou mais… leva ao leigo uma mensagem negativa, pois sua cultura não é lá muito boa e aí ele fica pensando que é um idiota. Vamos esperar o julgamento do pastor.

  7. Milena 16 de maio de 2013 15:14

    tudo verdade isso ai .. concordo plenamente! essa mídia qer manipular todo mundo .. e olha estão ate conseguindo .. pq ja vi pessoas q se dizem evangelicas concordarem com isso . nn defendo o pastor Marco pq antes dele ser Pastor ele é ser humano imperfeito assim como nós .. mas defendo os evangelicos qe estão sofrendo por tanta acusações .. a mídia faz isso ´para atingir os evangelicos. acordemos! precisamos ´de Deus! #Todo aquele q se levantar contra o povo de Deus será lançado por terra. #obra do inimigo toda essa acuzação!
    se Ele for culpado .. ki justiça seja feita! #se ele for inocente, que Deus o ajude a enfrentar todas essas afrontas do mau e lhe dê Vitória!

  8. Carlos 21 de maio de 2013 10:30

    Resposta a GUTO ,
    CARA ATÉ AGORA NÃO TEM NENHUMA PROVA E AS TESTEMUNHAS JÁ DISSERAM EM PÚBLICO QUE FOI TUDO ARMAÇÃO DO JOSE JUNIOR E DO ROGERIO .MESMO COM AS SUPOSTAS VÍTIMAS DECLARANDO A FARSA , AINDA ASSIM O PASTOR ESTA PRESO , BASEADO EM QUE ? ABISURDO. ONDE ESTA ESSE ESTADO LAICO.

  9. allan nicasso 24 de maio de 2013 16:00

    que injusto o que estao fazendo en contra do pasor,Marcos Pereira. Pura difamacao contra uma pessoa que tem feito trabalhos sociais e tem feito o bem bandos de bandodos manipuladores.

  10. gloria 8 de junho de 2013 15:55

    Em todo tempo, sempre ouve falar em perseguição evangélica,mas agora foi longe essa acusação. O fato é estão tentando calar a voz do povo de Deus, com acusações, difamando o evangelho para que a verdade venha resplandecer,para que pessoas sejam libertas das drogas, vicios,lares sejam restituidos pelo poder da santa palavra de Deus. Com tudo isso até jesus voltar e levar o povo dele, muitos pastores ou homens e mulheres que já experimentaram deste evangelho que transforma vidas, que não tinha outrora valor nenhum para essa sociedade corrupta, em joia de valor impactando outras vidas, será assim.

  11. claudio 17 de junho de 2013 16:48

    olha se eu fosse o pastor marcos.demitiria os incompetentes dos advogados
    que o defendem pessoas que cometam atrocidade bem pior e réu confesso
    estão soltos .
    abre o olho pastor seus advogados são incopetentes

  12. romildo dias de santana 28 de agosto de 2013 15:54

    é verdade o povo da mais ouvido a satanas do as palavras de DEUS quando um homem sabio como marco feliciano que defende a razõ de DEUS ,SE levanta para esta defesa os homens maliguinos que nen tem e nem conhece apalavra da verdade é claro que vai acusa marcos feliciano olha na cara daquele tal de deputado gean que nao tem nada de deus a nao se demonis prostituiçao que tem espiritos imundo de homens sexuais a biblia dIS eM apocapis que os afeminados nao erdarão o reino de DEUS e as pessoa ensitem em dar apoio para satanas. pararabens marco feliciano por defender a obra do nosso senhor jesus

  13. Augusto 1 de setembro de 2013 22:44

    Esse safado deveria ja estar morto, que queime no inferno…
    vem pra goias, aqui agente costuma ensinar safados, como vc, e sua coja.
    Marcos feliciano e outro, que deveria estar junto com esse pulia…

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.


6 + = 11