Igrejas são fechadas por causa do barulho nos cultos na Nigéria – ORE

70-igrejas-fechas-na-cidade-lagos-nigeria-fotoUma das maiores cidade da África fez mudanças na lei e as mesmas afetaram os cultos religiosos. Lagos é a segunda maior cidade da Nigéria, com cerca de 7 milhões de habitantes tentam resolver o problema de “ruídos”, e até 2020 pretende tornar a cidade “livre de barulhos alto”. -Entenda e ORE…

Com sete milhões de pessoas vivendo em uma época de tempos difíceis e ainda tentando resolver os problemas de70-igrejas-fechas-na-cidade-lagos-nigeria-mapa uma superpopulação, um dos objetivos da cidade é tornar a cidade livre de barulhos até 2020.

Esta decisão tomada pelos governantes que vem já de algum tempo, resultou no fechamento de 10 igreja entre 2007 e 2009. Em 2014 o projeto alcançou seu ápice, ordenando o encerramento das atividades de 24 igrejas na cidade.

70-igrejas-fechas-na-cidade-lagos-nigeria-culto-1Até o final do mês de Junho deste ano foi encerrado os serviços de 70 igrejas, 20 mesquitas e também alguns hotéis e casas noturnas, a quais são acatadas reclamações de vizinhos dos estabelecimentos pelo governo local e assim determina os fechamento dos estabelecimentos.

Bola Chabi um funcionário da Agência de Proteção Ambiental da cidade disse em entrevista com relação as igrejas que “não vão permitir mais a existência de igrejas improvisadas no estado.” Ele justifica que a maioria dos cultos são feitos em edifícios inacabados ou em tendas que não tem capacidade de conter o “barulho” causado pela celebração.

Tnji Bellow, outro comissário ambiental acrescentou a imprensa local que: “Não é certo que as mesquitas e igrejas70-igrejas-fechas-na-cidade-lagos-nigeria-culto incomodem outras pessoas com o som de suas atividades, simplesmente porque estão adorando a Deus”.

No entanto, ele também afirma que em alguns casos, na mesma rua existe quatro ou cinco igrejas que realizam os serviços simultaneamente. “Isto é inaceitável, não vamos tolerar”, concluiu.

70-igrejas-fechas-na-cidade-lagos-nigeria-cristaoO atual presidente da Nigéria, Muhammadu Buhari que é muçulmano, tem demonstrado grande complacência com as atividades do grupo extremista Boko Haram, que domina o norte do país e tem sistematicamente matado cristãos nos últimos anos.

NOTA: Continuemos a orar pelos cristãos nigerianos, que sofrem perseguição violenta de grupos e de governantes. ORE. -Amém…

post inforgospel.com.br – com informação CristianExaminer – via noticiascristianas.com – 20/06/16

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.