Mês: agosto 2016



Dólar em alta e menor intervenção do BC

O dólar fechou a quinta-feira, 18, em alta de 1,02%, a R$ 3,2381. Foi o sexto pregão consecutivo com a moeda americana em alta e o mercado já prevê o dólar em R$ 3,2525 em setembro.

O comportamento do câmbio levou o Banco Central a anunciar na mesma quinta, no fim do dia, que vai reduzir nesta sexta-feira, 19, sua intervenção diária nos negócios. — Exame

Sem categoria
Comente aqui


STF derruba lei dos estacionamentos no PR

Nesta quinta-feira (18), o Supremo Tribunal Federal (STF) derrubou uma lei estadual do Paraná que regulamentava a cobrança em estacionamentos e determinava que o valor cobrado deveria ser proporcional ao tempo utilizado pelo cliente. Para os ministros, não cabe ao poder público interferir na taxa de cobrança dos estabelecimentos.

Veja mais.

Comente aqui


Retomada difícil e planejamento

Apesar da melhora de alguns indicadores econômicos a indústria e o comércio seguem demitindo.

Em 18 estados brasileiros o nível de desemprego supera a 10%. Um caos.

Para 2017 as previsões de crescimento oscilam entre 1,5% a 1,8%, sendo que  nenhuma aponta crescimento no patamar de 2%.

Pela percepção do mercado a retomada econômica será lenta e gradual, ou seja, a retomada será árdua e muito difícil.

Por este cenário um dos bens mais preciosos a ser cuidado é o planejamento estratégico e de curto e médio prazo, pelo empreendedor, e o das finanças pessoais pelo consumidor.

Comente aqui


Energias solar e eólica ganham força

A dependência brasileira de hidrelétricas para a produção de energia parece estar com os dias contados. Em 25 anos, a matriz do país mudará radicalmente com a ajuda de fontes alternativas, como a eólica e a solar. Essa é a conclusão do relatório New Energy Outlook 2016, produzido pela Bloomberg New Energy Finance (BNEF).

Veja mais

Comente aqui


Professora processa alunos

A falta de hierarquia e respeito recebidos em casa tem repercutido em agressões físicas e morais aos professores em sala de aula.

É o supra sumo da falta de noção de civilismo e cidadania.

Vejam aqui como uma professora da UNICAMP respondeu a um um grupo de alunos truculentos que tentaram lhe intimidar.

Quem não aprende cidadania por amor, aprende pela dor, infelizmente.

Comente aqui
 

Devolução de imóveis financiados

A notícia do dia é o agravamento da situação da inadimplência nas contratações de imóveis financiados.

Reflexo da profundidade da crise.

Aumentou o índice de devolução dos imóveis financiados ainda na fase de contratação direta com as construtoras.

Resulta disso muitos desacordos em relação aos valores a serem devolvidos pelas construtoras aos clientes arrependidos.

Muitas de modo abusivo querem devolver aos clientes somente a menor parte do valor como condição para pactuarem rescisões contratuais. No entanto, o STJ já pacificou entendimento de que as construtoras podem reter para si somente o teto/máximo de 20% do valor pago.

A negociação não se localizando neste patamar,  recomenda-se ao cliente inadimplente procurar um advogado para intervir em seu favor na situação.

Sem categoria
Comente aqui