O “lado B” das pesquisas eleitorais

A divulgação das sondagens de intenção de voto costuma dar destaque à pesquisa estimulada – quando o entrevistador apresenta ao entrevistado uma lista de candidatos previamente definida. Como o próprio nome diz, o entrevistador dá um estímulo para que a pessoa responda.

Quem estuda levantamentos eleitorais, porém, costuma afirmar que, no atual momento, vários meses antes da campanha, é preciso dar atenção à pesquisa espontânea – quando o entrevistador não interfere e o entrevistado fala o que vem à sua cabeça.

A espontânea do último Datafolha mostra que, hoje, praticamente só há dois candidatos relevantes na cabeça do eleitor: Lula e Bolsonaro. E, nesse critério, a diferença entre os dois é bem menor do que na estimulada. O petista é citado de cabeça por 17% dos eleitores como o candidato em quem votariam para presidente; e Bolsonaro por 11%. Os demais nomes alcançam no máximo 1%.

O mais curioso é que 19% dos entrevistados (mais do que os eleitores de Lula e Bolsonaro) dizem que pretendem votar e branco ou nulo. E uma gigantesca parcela dos brasileiros não soube apontar de cabeça nenhum nome em quem gostaria de votar.

Os números podem ser explicados pelo fato de a eleição ainda estar distante e suscitar pouca atenção para a maioria das pessoas. Mas há quem veja nesses dados a janela de oportunidade para o surgimento de um nome “novo”, que vença a rejeição que parte expressiva dos brasileiros tem em relação aos políticos tradicionais. (Fernando Martins, Gazeta do Povo)

**OBS do Blog – A liderança de Lula nas pesquisas de opinião não impressiona e não significa esse monumental apoio popular que os apressados lulistas querem imprimir. Significa, na verdade, apenas “maior presença de Lula na lembrança das pessoas, especialmente aquelas mais identificadas com o populismo apregoado pelo cidadão”. Nada que o aproximar das eleições e a presença maior de outros nomes na mídia eleitoral como opções para o voto não possa mudar.

A liderança de Lula nas pesquisas realizadas com tamanha antecedência das eleições, com percentuais muito inferiores à sua rejeição, significam mais ou menos o que o glacê significa para o bolo. É vistosa, faz muita espuma, mas tem a grande probalidade (especialmente matemática) de virar fumaça quando o candidato for confrontando no processo eleitoral com a sua verdadeira face. Aquela que foi desnudada nas investigações e que por enquanto teima em sair da lembrança das pessoal envolvidas pela crise financeira e econômica criada pelo próprio projeto de empoderamento político que a turma do Lula “estruturou”.

Ah! E mais. Até as eleições muita água pode rolar por de baixo da ponte. Para bom entendedor, isto basta.

Comente aqui


ParanáPrevidência homenageia aposentados em Londrina

A PARANAPREVIDÊNCIA realizou nesta quinta-feira (30) a entrega de menções honrosas aos servidores estaduais aposentados em 2016 de Londrina e Região. 526 servidores encerraram suas atividades no ano passado.

O diretor-presidente da PARANAPREVIDÊNCIA, Wilson Quinteiro, destacou a importância dos serviços prestados pelos servidores ao Estado do Paraná. “Nós somos gratos pelo tempo precioso dedicado por cada servidor nas mais diversas áreas de atividade no nosso Estado”, afirmou.

Quinteiro aproveitou a oportunidade para desejar que os servidores, agora aposentados, aproveitem seu tempo da melhor maneira possível. “Seja no empreendedorismo, em novas atividades ou na dedicação à família, espero que vocês saibam não só aproveitar o tempo que possuem, mas também valorizar cada minuto”, completou.

Estiveram presentes na solenidade a reitora da Universidade de Londrina professora doutora Berenice Quinzani Jordão, o presidente da Câmara de vereadores da cidade, Mário Takahashi e a chefe do Núcleo regional de Educação do município, Lúcia Cortez, entre outros presentes.

No próximo dia 07 de dezembro serão homenageados os servidores aposentados de Maringá e região e, no dia 13, os de Paranaguá e demais municípios do Litoral (Assessoria de Comunicação/ParanáPrevidência).

Comente aqui


Gilmar Mendes mandou soltar mais uma vez o “rei do ônibus”

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes decidiu soltar, mais uma vez, o empresário Jacob Barata Filho, conhecido como o “rei dos ônibus” no Rio de Janeiro (RJ). É a terceira vez que o ministro revoga a prisão de Barata. O executivo estava em prisão preventiva após decreto do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2).

Barata Filho havia sido preso em julho durante a Operação Ponto Final, desdobramento da Lava-Jato que apurou esquema de pagamento de propina a políticos e fraudes em contratos do governo fluminense – à época comandado por Sérgio Cabral (PMDB) – com empresas de transporte público.

Gilmar libertou o empresário em agosto, impondo-lhe medidas cautelares alternativas, como o recolhimento domiciliar noturno e em fins de semana e feriados. O executivo, no entanto, voltou a ser preso no mesmo mês e Gilmar voltou a liberá-lo. Um mês depois, a Segunda Turma do STF confirmou a decisão do ministro, relator do caso na Corte. (Valor Econômico).

** OBS do Blog – Mas como o Ministro Gilmar Mendes vem mandando soltar acusados de corrupção no STF!? Quanta coincidência.

Comente aqui


UBER fará parceria com SMILES

A partir do primeiro trimestre do ano que vem as corridas realizadas pelo consumidor pelo Uber poderão receber pontuação no programa Smiles.

O reverso também poderá ser realizado, ou seja, o associado Smiles poderá comprar com as suas milhas créditos para utilização do Uber.

Como pode se ver o Uber veio para ficar e já está alargando fronteiras. Ou os taxistas se ajustam à nova realidade ou serão extintos.

Sem categoria
Comente aqui


Quinteiro foi recebido pelo Comando da Polícia Militar do Paraná

 

Foi realizada nesta quarta-feira (29), na Associação da Vila Militar (AVM) da Polícia Militar em Curitiba, reunião entre o presidente da Paraná Previdência, Wilson Quinteiro, e representantes das entidades de classe da Polícia Militar do Paraná, com o objetivo de estreitar laços entre a PMPR, a categoria e a instituição responsável pelo sistema previdenciário dos funcionários públicos do Estado. Representando a AVM, estiveram presentes o presidente, Coronel Washington Alves da Rosa; o vice-presidente, Coronel Porcides; e demais diretores.


O encontro contou ainda com a presença do secretário Chefe da Casa Militar, Coronel Elio de Oliveira Manoel; o comandante-geral da PMPR, Coronel Maurício Tortato; o comandante do Corpo de Bombeiros, Coronel Fabio Mariano de Oliveira; o diretor de Pessoal da PMPR, Coronel Zanata; o chefe do Gabinete de Relações Institucionais da PMPR, Tenente-Coronel Carlos Eduardo Rodrigues Assunção, o presidente da Assofepar, Coronel Isaias de Farias; o presidente do Clube dos Oficiais, Coronel Vendrameto; o presidente da APRA/PR, Sargento Orélio Fontana; e a presidente da SBSS, Sargento Lucinda. Continue lendo

Sem categoria
Comente aqui


Será que quando prenderem ela se tocará?

Esta saiu na revista Veja, que ultimamente anda bem “vermelha”, mas mesmo assim deu seu “pitoco”  (pitoco mesmo) na narizinho.

“Gleisi Hoffmann deveria estar inventando álibis para escapar da cadeia, que ficou mais próxima com a denúncia feita pela procurada geral da República Raquel Dodge. A presidente do PT tem de explicar a história muito mal contada dos quatro milhões e meio de reais que embolsou. Em vez disso, Gleisi se dedica, no momento, a provar que a crise parida por Lula e ampliada por Dilma foi obra do vice Michel Temer. O atual presidente seria o responsável pela farra dos gastos públicos, pelos 13 milhões de desempregados e até pelas delinquências cometidas por Lula e pelo poste que fabricou. Ao contrário do que pensam os líderes da seita petista, os brasileiros já não aceitam ser tratados como um bando de idiotas. A eleição municipal de 2016 foi um aviso que eles não entenderam. Só vão acordar depois do fiasco marcado para outubro de 2018.“

Comente aqui


Ciro Gomes: a esquerda vai minguando cada vez mais

Ciro Gomes ao centro com o seu irmão Ivo Gomes, prefeito de Sobral (CE)

Não bastassem as denúncias de corrupção envolvendo diretamente o pré-candidato à presidência em 2018 Ciro Gomes (PDT), os qual se encontra, em conjunto com o seu irmão Cid Gomes, sob investigação da Polícia Federal por desvios de dinheiro público (R$ 300 milhões) de prefeituras do Ceará (aqui), agora seu outro irmão, Ivo Gomes, prefeito de Sobral (CE), se vê às voltas com a Justiça Eleitoral que acabou de lhe cassar, no dia 27/11, o mandado de prefeito por corrupção eleitoral ocorrida no último processo eleitoral municipal em que se elegera (veja aqui).

É mais um baluarte da esquerda nacional com familiares rodeados por implicações com a justiça e a corrupção.

Desse jeito em 2018 o Bolsonaro vai acabar ganhando por W.O.

3 Comentários


O BRDE assinou com a FNP

No dia 27 de novembro, durante a 72º Reunião Geral Frente Nacional dos Prefeitos – FNP, em Recife, o diretor Financeiro do BRDE, Odacir Klein, assinou um Acordo de Cooperação com a FNP que objetiva fornecer suporte e apoio técnico para o desenvolvimento de projetos de financiamento do Programa BRDE Municípios, que inclui também Mobilidade Urbana e o PMAT, pelos municípios participantes do Programa de Fortalecimento da Governança Local e da Articulação Interfederativa.
O Acordo consiste em um projeto da FNP com financiamento da Delegação da União Europeia no Brasil que objetiva fornecer apoio técnico e institucional aos municípios, prioritariamente aos integrantes do g100, para o desenvolvimento e conformação de projetos de modernização da administração tributária e dos setores sociais básicos para o PMAT.
O programa atende ao edital da União Europeia para o fortalecimento das associações de autoridades locais, terá duração de três anos e desenvolverá também ações sobre Parcerias Público-Privadas e Transparência e Accountability.(Ascom/BRDE)

Comente aqui


Bancos pagarão 10 bilhões a poupadores

Após 30 anos de disputa na Justiça, foram acertadas ontem as bases de um acordo financeiro para a reposição de supostas perdas de poupadores com os planos econômicos das décadas de 1980 e 1990. O acerto foi feito entre a Advocacia Geral da União (AGU), a Frente Brasileira dos Poupadores (Febrapo) e a Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

O valor inicial das ações é superior a R$ 10 bilhões, montante que está provisionado pelas instituições financeiras, sendo R$ 4,6 bilhões apenas no Banco do Brasil.

A minuta do acordo será apresentada na segunda-feira à AGU para ser submetida ao Supremo Tribunal Federal (STF). No documento, deverão constar Continue lendo

Comente aqui


Pessuti dá prazo para expulsão de Requião do PMDB

O ex-governador Orlando Pessuti vai esperar só até fevereiro para a direção nacional do PMDB afastar o senador Roberto Requião do comando estadual do partido. Pessuti espera essa decisão e, caso ela não se confirme, ele e seu grupo devem se filiar em outra sigla.

Nesta sexta-feira, 24, ao jornalista Rogério Galindo, na Gazeta do Povo, Pessuti relatou as diferenças e agruras da convivência com Requião nos últimos sete anos. “Não temos nenhuma relação de amizade, nenhuma convivência politica partidária, não existe condições para isso”, disse.

“Em 2010, ele (Requião) impediu minha candidatura a governador em uma manobra de última hora. Em 2012, não abriu espaço para minha candidatura a prefeito de Curitiba. Em 2014, novamente não foi possível essa candidatura. Em 2016, ele optou em ter o filho dele como candidato a prefeito. De novo, um fracasso, (Requião Filho) ficou em quinto lugar na disputa”, completou Pessuti.

O ex-governador e atual presidente do BRDE disse que está na “luta” para retomar o controle do PMDB do Paraná. “O PMDB nos foi retirado a força. O Requião arrebentou o cadeado, invadiu o partido, fez uma ata na porta do partido, foi pegar uma assinatura na casa de membros do diretório. E isso ficou para ser resolvido na justiça e não foi resolvido, ficou pra ser resolvido na comissão executiva nacional do PMDB e não foi”, disse. (Fonte: Fabio Campana).

Comente aqui