dilma

 

Recorde histórico

No primeiro trimeste deste ano foi batido o recorde de servidores públicos federais demitidos em virtude de envolvimento com corrupção.

Foram 142 servidores demitidos, num recorde histórico desde 2003.

O que atinge o paîs em cheio e macula a sua imagem não é o fato de termos hoje um ex-presidente preso, mas um sistema corruptivo enraizado em que “alguns” se acham acima da lei para praticar a corrupção.

1 Comentário


Honestidade nem daqui para frente

Ministro do STF Roberto Barroso, mandando indiretas em palestra hoje na abertura do 7º Encontro de Resseguros do Rio de Janeiro.

“Hoje, no Brasil, nessa reação às transfeormações, há dois lotes, o lote dos que não querem ser punidos pelos malfeitos que fizeram, o que consigo entender, é da natureza humana. E tem um lote pior, dos que não querem ser honestos nem daqui pra frente e gostariam que tudo permanecesse como está. É gente que não sabe viver sem que seja com o dinheiro dos outros, sem que seja com dinheiro desviado. A reação é muito evidente. As transformações estão atingindo pessoas que sempre se julgaram imunes e impunes, e por essa razão, porque achavam que o direito penal nunca ia chegar a elas, cometeram uma quantidade inimaginável de delitos”.

—————————

PS – Aqueles que estão a defender a revisão do posicionamento sob STF quanto a prisão em segunda instância ou estão no “segundo lote” ou são inocentes úteis, sem saber, a serviço da impunidade e resistência contras as mudanças necessárias para moralizar a vida pública no país.

Comente aqui


As demonstrações de “amor” e “cidadania” da esquerda

A decretação da prisão de Lula anteontem pelo Juiz Sérgio Moro e os movimentos de defesa e proteção a ele, que desde então vem sendo realizados pelos partidários e militantes dos diversos partidos do espectro da esquerda anacrônica do país, estão nos dando a oportunidade de, mais uma vez, testemunharmos as demonstrações de “amor”, “cidadania”e civilidade com que esta esquerda age quando as decisões institucionais contrariam os seus interesses ideológicos e estratégias políticas.

Vejam aqui alguns exemplos da expressão de “amor” e “cidadania” exercidos nos últimos dias pelos integrantes da referida esquerda. Vejamos:

– Homem agredido em frente ao Instituto Lula sofreu traumatismo craniano;

– Suspeito de agredir homem no Instituto Lula foi vereador do PT;

– Homem agredido no Instituto Lula segue internado;

Ainda, em “homenagem”  do Dia do Jornalista, que ocorre na data de hoje, vejam o que os militantes fizeram:

– Repórter da CBN é agredido por militantes no Sindicato dos Metalúrgicos;

– Jornalistas são ameaçados em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos no ABC;

– Entidades de classe repudiam agressões a jornalistas no Sindicato dos Metalúrgicos no ABC;

Estes são apenas alguns exemplos do que pode ser encontrado às dúzias nas mídias sociais sobre o assunto.

Como diz o velho ditado, “o diabo faz a panela mas não faz a tampa”.

Em outras palavras, a esquerda anacrônica do país, que tanto ejacta verborragias dizendo que o PT, o Lula e sua turma vem sendo vítimas da odiosidade, perseguição e violência provindos da direita fascista e “dazelites” do país, de tempos em tempos deixa vazar aos olhos da opinião pública as suas reais matizes históricas ligadas às lutas de classe (no sentido bélico) e as suas atitudes, também históricas, violentas, anti-democráticas e de intolerância.

No entanto, graças à perda do monopólio das mídias pelo Estado e pelas instituições políticas, com o que a esquerda anacrônica ainda não se assentou, atualmente é possível a população enxergar a realidade das entranhas ideológicas e das estratégias de quem continua a agir como se não estivesse sendo flagrado nas suas atitudes e intenções.

Enquanto esta turma/turba continuar agindo assim, continuará perdendo todas, especialmente os corações dos brasileiros.

A falta de capacidade de reflexão, autoanálise e de humildade, da esquerda do país está corroendo as suas raízes e assim continuará até o falecimento total dela. E os incautos que ainda teimam em dar guarida/apoio a estas inconsequências, gradativamente vão se desnudando ao rídiculo.

Comente aqui


Charge: Lula tinha razão, o STF é acovardado

Depois do show de horrores e subterfúgios jurídicos que se viu ontem no julgamento do HC de Lula no STF, a sensação que se tem está bem reproduzida pela charger de hoje.

Somente quem tem formação técnica em direito tem a clara noção da extensão das bizarisses e inadequações cometidas ontem pelo STF para salvar Lula da prisão. Mas fazer o que? Brasileiro não desiste nunca de fazer papel ridículo e, por isso, o País nunca se tornará uma nação desenvolvida e próspera, livre da corrupção, porque os corruptos sabem de antemão que estão imunes a punição.

3 Comentários


Em véspera de julgamento do LULA é bom relembrar de PALOCCI

Hoje, dia 23/01/2018, é véspera do julgamento do Lula pelo TRF4 em Porto Alegre (RS), e é sempre bom relembrar aos incautos, que ainda sonham e fazem devaneios sobre a suposta inocência do ex-presidente, que além do julgamento que ocorrerá amanhã, está ainda por rolar muita água por baixo da ponte das revelações das ligações escusas de Lula com o poder.

Segue abaixo, no vídeo, a primeira parte do depoimento bombástico de Antonio Palocci concedido ao juiz Sérgio Moro em Curitiba e que coloca “pá de cal” sobre Lula, Dilma e todos os interligados a estes no esquema de corrupção que desviou BILHÕES de reais dos cofres públicos e que hoje vem ocasionando o caos econômico que o país vem atravessando, fechamento de universidades públicas, cancelamento de bolsas de pesquisas, elevação de preços do combustível, luz, água, telefone, etc, desemprego de mais de 12 milhões de brasileiros, dentre outros infortúnios que os brasileiros vem sofrendo ultimamente.

Assistam:


Como foi acima mencionado, esta é somente a primeira parte do depoimento de Palocci ao Juiz Sérgio Moro. Se quiserem assistir às demais partes vejam por aqui.

Vale a pena assistir para se ter noção da dimensão do caráter (ou a falta de) do maior “inocente” jamais visto na história deste país..

2 Comentários


Lula, um funcionário da Odebrecht

JATINHO USADO POR LULA PODE TER SAÍDO DE SUA ‘CONTA CORRENTE’ COM A ODEBRECHT

PARECIA SER DE LULA O JATINHO ‘DA ODEBRECHT’ QUE ELE USAVA
Diário do Poder
v
A Odebrecht colocou à disposição do ex-presidente Lula um jato executivo capaz de levá-lo a qualquer lugar do mundo, ora a serviço da empreiteira, ora para uso pessoal. Ele agia como se o jato fosse de sua propriedade. Integrantes da força-tarefa da Lava Jato suspeitam que o luxuoso Gulfstream G200 pode ter sido adquirido para o petista tão logo ele deixou a presidência da República, no final de 2010.
V
Uma das linhas de investigação é sobre a suposta compra do jatinho no âmbito da “conta-corrente” de Lula delatada pela própria Odebrecht.
 V
A suspeita de “uso exclusivo” decorre da informação de que Lula teria escolhido pessoalmente a tripulação do Gulfstream.
 V
Lula usou esse jato a serviço da Odebrecht ou cumprindo agenda pessoal, segundo revelou o ex-diretor Alexandrino Alencar.
 V
Alexandrino Alentar, que foi preso na Lava Jato, fez acordo de delação premiada e reforçando acusações de tráfico de influência contra Lula.
Comente aqui


Manifestaçōes mixaram. Fechem as fronteiras.

A cúpula do PT prometeu um “ato monstro” em Porto Alegre no dia 24/01, data do julgamento do recurso do Lula pelo Tribunal Regional Federal (TRF4).

Havia a promessa, inclusive, da presença dele na manifestação. Mas como esperado a prometida bomba provavelmente virará um traque.

Prevendo o mico na manifestação e a confirmação da sua condenação, Lula mandou avisar esta semana que não irá a Porto Alegre e a organização da mobilização já transmitiu a mensagem aos seus comandados de que cada um deve se manifestar de onde o estiver.

Em Maringá, para a manifestação pró-Lula marcada para o próximo dia 13 na câmara municipal da cidade, os senadores fomentadores da manifestação local (Requião e Gleise) também acabaram de dizer que não vem. Atiçaram a tropa, mas afinaram.

São os caciques vermelhos se escondendo do mico que se avizinha. Esbravejar pela internet, como eles sempre fazem, é fácil, difícil mesmo é encarar a realidade das ruas.

Fechem as fronteiras, o Luleco poderá tentar a fuga da prisão que está cada mais próxima.

7 Comentários


“Herança maldita” do PT no BNDES

Editorial Gazeta do Povo

Tesouro Nacional será chamado a cobrir calotes de pelo menos três países, consequência do uso político e irresponsável do BNDES durante o governo petista.

Em época de aperto fiscal urgente, o Tesouro Nacional – ou, em outras palavras, o contribuinte brasileiro – está sendo chamado a pagar pela irresponsabilidade de governos anteriores no manejo de empréstimos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O primeiro aporte já foi feito, ainda em dezembro de 2017: foram R$ 124 milhões, para compensar um calote de US$ 22,4 milhões do governo de Moçambique. E, segundo o jornal Folha de S.Paulo, o rombo não deve parar por aí no caso do país africano, e o Tesouro pode acabar obrigado a repassar cerca de R$ 1,5 bilhão, já que as dívidas moçambicanas com fornecedores brasileiros chega a meio bilhão de dólares.

O Tesouro entra na equação graças ao Fundo de Garantia à Exportação, que é obrigado a cobrir os calotes de governos estrangeiros quando não honram compromissos com empresas brasileiras que assinam os contratos para atuar no exterior. Segundo o BNDES, esse tipo de garantia é oferecido por praticamente todos os países industrializados, como maneira de proteger suas empresas de riscos políticos nos países com os quais essas companhias fazem negócios. O problema não é, portanto, a existência em si da garantia, mas as Continue lendo

Comente aqui


Promoção perdível

Tem ficado cada vez mais evidente que o tempo de glória do PT já passou. Com uma crise interna, membros do alto escalão sendo investigados, um líder maior condenado e podendo ser preso a qualquer momento, uma ex-presidente com uma retórica fraca e bravejando aos quatro cantos que sofreu um golpe são alguns dos fatos que mostram o abismo que o partido vive.

Mais adentro do abismo, temos o novo fracasso que é a venda do livro de Dilma Rousseff, intitulado de “A vida quer é coragem – A trajetória de Dilma Rousseff”, exemplar que não emplacou no gosto do brasileiro. Uma famosa rede de livrarias, vendo o fracasso evidente do exemplar, decidiu reduzir o preço para alavancar as vendas. O preço simbólico de R$ 2,99, mesmo valor de um cafezinho preto, é quase uma medida para se livrar o quanto antes do livro e seu fracasso de vendas. (Fabio Campana).

1 Comentário