André Vargas, o “conselheiro” de Youssef

1aFernando Tupan

O mais novo escândalo do PT é a ligação do deputado federal André Vargas (PT), vice-presidente da Câmara dos Deputados ao doleiro Alberto Yousseff, preso pela Polícia Federal na Operação Lava Jato. A operação já levou ainda o ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa, para a cadeia e investiga a lavagem de dinheiro de políticos ligados ao petismo.

A revista “Veja” revela que Vargas, um dos coordenares da campanha de Gleisi Hoffmann (PT), tem relações muito próximas com Youssef, o doleiro da Petrobras e do PT. Diz a Veja: “Entre os mais assustados com a investigação das irregularidades na Petrobras e seus enredos paralelos, figura o deputado André Vargas (PT), vice-presidente da Câmara. A Polícia Federal já descobriu que o petista, assim como Paulo Roberto Costa, tinha estreita relação com o doleiro Youssef, aquele que lavaria as propinas recebidas nas obras da Petrobras.”

A ligação do petista com o doleiro é antiga, segundo Veja: “Vargas e Youssef são amigos, moram na mesma cidade (Londrina, no Paraná) e, segundo os agentes [da Polícia Federal], conversavam com frequência. Em mensagens de celular e telefonemas, combinavam encontros em aeroportos, portos de gasolina e até na casa do próprio deputado.”

Ao tentar explicar toda essa intimidade, e esses encontros secretos, Vargas se complicou, segundo a revista: “Vargas, veja só, alega que dava conselhos sobre finanças e investimentos ao amigo, um notório conhecedor dessas engrenagens, cujo nome figura em histórias policiais há mais de uma década. “Ele me procurava para avaliar investimentos, colher informações, trocar ideias”.

Sem categoria

9 comentários sobre “André Vargas, o “conselheiro” de Youssef

  1. Alan Grenn 1 de abril de 2014 8:21

    Mais um dos PTralhas foi descoberto e isto explica porque o PT ganha eleições, e’ pura corrupção!

  2. arlindo barbosa 1 de abril de 2014 12:59

    Se ganhar eleição é ser corrupto, quem ficou no poder no Brasil nos últimos 50 anos?, veja
    a relação dos demais deputados.

  3. MisterPep 1 de abril de 2014 13:45

    é por isso que não querem de jeito nenhum a CPI da Petrobrás…

  4. João Luiz 1 de abril de 2014 15:46

    Na verdade não eram conselhos, sim informações privilegiadas para que o amigo pudesse obter dividendos na ceara pública. Enfim, o que fazer com tais lucros auferidos (digo … )?

  5. Eleitor Esclarecido 1 de abril de 2014 15:49

    Esse cara é o mesmo que faltou com respeito com o Sr. Joaquim Barbosa quando ele foi ao Congresso. Mais um petista hipócrita e mentiroso… se enriquecendo com o dinheiro do povo e dos acionistas da Petro. Como dizia uma pessoa folclórica do nosso Paraná: CADEIA NELES!!!

  6. José Pedriali 1 de abril de 2014 18:39

    não misture as coisas, sr. arlindo, para defender o deputado andré vargas. uma coisa não tem a ver com a outra. ele terá que explicar seu relacionamento com o doleiro e pagador de propinas alberto youssef. o resto é churumelas.

  7. valter 1 de abril de 2014 22:16

    Imagine a candidata sendo assessorada por este sujeito, se eleita ele pode via a ser presidente de uma estatal paranaense para poder “investir” nos cofres da mesma.

  8. GILDOCAVALAHERI 1 de abril de 2014 22:42

    A DESCULPA DESTE DEPUTADO É QUE A PASSAGENS COMERCIAL FICAVA MAIS CARA. A GASOLINA QUE O JATO GASTOU E SÓ COMPARAR. QUE DESCULPA DEPUTADO, ACHA QUE SAMOS BESTA.

  9. roberto 6 de abril de 2014 0:03

    esse deputado além de ser mais um corrupto do pt,ainda quis manchar a imagem do nosso único defensor,ministro joaquim barbosa,esse sim um verdadeiro brasileiro,homem de envergadura,cárater.
    esse vargas não passa de um quadrilheiro vagabundo!!!

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.