Lula, que culpou a mulher morta, agora culpa Palocci

No primeiro depoimento de Lula a Moro, o ex-presidente responsabilizou sua esposa Marisa, que já havia falecido, pelo interesse o tríplex do Guarujá.

No segundo, agora sobre um terreno e um apartamento doados pela Odebrecht, a culpa é de Palocci, que na semana passada admitiu que o ex-presidente recebeu propinas da empreiteira.

Lula sugeriu que Palocci mentiu para se livrar da prisão. “Ele está preso há mais de um ano, tem o direito de ser livre”, disse.

“Eu fiquei muito preocupado com a delação do Palocci, porque ele poderia ter falado ‘Eu fiz isso de errado, eu fiz isso’. Ele, espertamente, disse: ‘não é que eu sou santo’ e pau no Lula. ‘Não é que eu sou santo’, que é um jeito de você conquistar veracidade na tua frase. Eu fiquei com pena disso”, afirmou, segundo o Estadão. E, segundo a Folha de S.Paulo, Lula classificou Palocci de “frio, calculista e simulador”.

Trinta anos juntos, e só agora, uma vez delatado, Lula descobre esses defeitos do companheiraço.

Sem categoria

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.