Absolvição de Gleisi prenuncia libertação de Lula na semana que vem

A absolvição de Gleisi Hoffmann pela 2º Turma do STF – que desprezou as delações e coleta de dados, incluindo o farto e incriminador registro de telefonemas entre os envolvidos na operação que resultou no aporte de R$ 1 milhão em sua campanha para o Senado, em 2010 – é um recado claro, contundente, inequívoco: Lula será solto na próxima terça-feira.

É quando essa mesma turma, composta em maioria pelos libertadores gerais da Nação e malabaristas impudicos da jurisprudência – Toffoli. Lewandowski e Gilmar -, analisará o pedido da defesa do presidiário para suspender os efeitos de sua condenação (por unanimidade) pelo TRF4. O trio é contrário à prisão após condenação em segunda instância. Nesse quesito tem o apoio de Celso de Mello, que, no entanto, tem seguido a jurisprudência da corte, que autoriza a prisão. Fachin é defensor da prisão nessas circunstâncias.

Lula cumpre pena de 12 anos e um mês na Superintendência da Polícia Federal de Curitiba por corrupção e lavagem de dinheiro.

A defesa quer Lula livre e solto até que os recursos – cuja procedência sequer foi analisada pelo TRF4 – sejam julgados pelo STF e STJ, assim como os inevitáveis embargos dos embargos dos embargos dos embargos embargantes. Quer também que, uma vez suspensos os efeitos da condenação, ele possa, à revelia da Lei da Ficha Limpa, participar da campanha presidencial como um arcanjo que soa a trombeta da redenção nacional se sua volta ao poder for chancelada nas urnas.

Lula está preso desde 7 de abril. No dia do julgamento, estará completando dois meses e 19 dias no xilindró – um aposento exclusivo, sem grades, tevê e ar-condicionado. Um luxo para poucos!. Lula já pode, portanto, ir arrumando as malas e encomendar as cachaças de sua preferência.

Que tal uma nova missa sacrílega, ponto alto de sua despedida dos “companheiros” e “companheiras”, para comemorar a libertação e consagrá-lo para a batalha das trevas contra a luz, da injustiça contra a lei, da mentira contra a verdade? Opa, tudo ao contrário, na visão dos petistas…

Não faltará “religioso” para esta meritória tarefa!

Sem categoria

3 comentários sobre “Absolvição de Gleisi prenuncia libertação de Lula na semana que vem

  1. Carlos 21 de junho de 2018 22:02

    Fez-se justiça à Senadora Gleisi Hoffmann. Quiçá se faça justiça também ao ex Presidente Lula, com certeza.

  2. LUIZ 22 de junho de 2018 15:04

    Tomara que não, ninguem ia guentar mais vc chorando e esperneando sem parar igual a uma criançinha ramelenta e mimada!!!!O choro é livre coxinha!!!

  3. José Azevedo dos Passos 26 de junho de 2018 18:33

    Que vergonha? Tínhamos um enorme respeito pela justiça, pois achávamos que era a única esperança de ver maus políticos fora de combate. Mas qual ! Essa segunda turma é uma desgraça total. Homens que deveriam ser exemplo de correção e honestidade estão demonstrando total irresponsabilidade e atuando como se fossem assessores de alguns investigados e já julgados. Não dá mais pra aguentar. Nossa esperança é que um novo presidente limpe de vez esse mundo de podridão.

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.