Lula e Bolsonaro, os sacaneados pela mídia

O ex-presidente Lula virou réu ontem mais uma vez!

Agora sob a acusação de ter recebido um milhão de reais para intermediar negócios com o governo da Guiné Equatorial.

Ele já responde a nem sei quantos processos por corrupção e outros crimes. Perdi a conta.

E já foi condenado também. Condenado pela ninharia de um tríplex que não é dele (coisa do Moro, que fez isso para ganhar um ministério no governo Bolsonaro).

Lula é vítima da mídia golpista, que inventou um monte de mentiras sobre ele. E se cala sobre os milhões, bilhões desviados por Aécio Neves de Furnas e FHC da Petrobras.

Jair Bolsonaro está sob a artilharia da mídia esquerdopata por causa de uma “movimentação atípica” de irrisório R$ 1,2 milhão na conta de um ex-assessor do filho Flávio na Assembleia Legislativa do Rio.

O Coaf, antro de petistas que fecharam os olhos para os crimes praticados pelos chefes do partido, e poupou também os tucanos, apontou que a mulher de Bolsonaro recebeu um cheque de R$ 24 mil do tal assessor.

O que são um milhão de reais e um tríplex (que nunca foi dele) que teriam sido destinados a Lula diante de tanto bem que ele fez ao país?

O que são os R$ 24 mil reais depositados na conta de Michelle Bolsonaro comparados aos bilhões que o PT e os tucanos roubaram e do que Bolsonaro vai fazer de bom para o país?

Injustiçados ambos, pois de nada sabiam!

A mídia, golpista ontem, esquerdopata hoje, não poupa os que fazem sacrifícios de toda ordem, a começar por suas reputações, para melhorar a vida dos pobres e permitir um futuro melhor para todos os brasileiros!

Sem categoria

2 comentários sobre “Lula e Bolsonaro, os sacaneados pela mídia

  1. Francisco Seidel Neto 16 de dezembro de 2018 6:45

    TUDO CRIME , SEU IDIOTA. Não interessa se é R$1,00 ou R$1.000.000,00. É crime, IMBECIL….Parcial do CARALHO. Chupa rola de trogloditas Bozonário e familiares. Vagabundo metido a letrado…

  2. José Pedriali 18 de dezembro de 2018 18:02

    Obrigado pelas palavras amáveis, gentis, estimuladoras, gratificantes…

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.