Mês: setembro 2011



Dilma se mantém mais popular do que Lula e FHC, diz pesquisa CNI/Ibope

O efeito dominó que já derrubou cinco ministros e dezenas de ocupantes de altos cargos no governo federal não foi suficiente para abalar a popularidade da presidente Dilma Roussef, que, de acordo com uma pesquisa divulgada hoje mantém índices de aceitação superior a de seus dois antecessores, Luiz Inácio Lula da silva e Fernando Henrique Cardoso.

A avaliação positiva de Dilma é maior do que as dos dos ex-presidentes nas terceiras pesquisas de popularidade CNI/Ibope das suas gestões. Enquanto 71% aprovaram Dilma Rousseff à frente do governo neste mês, 69% aprovaram a maneira de governar de Lula na terceira pesquisa do seu primeiro mandato. Em relação a FHC, 57% o aprovaram como presidente em setembro de 1995.

A avaliação do governo Dilma também supera a das gestões dos ex-presidentes. Enquanto o governo da presidente Dilma foi avaliado como ótimo ou bom por 51% dos entrevistados em setembro, em setembro do primeiro ano do governo Lula, o percentual foi de 43%. No mesmo período do primeiro ano de FHC, sua gestão recebeu aprovação de 40%.

Sem categoria
1 Comentário


Prato típico de Marialva terá uva

A Secretaria de Cultura e Turismo de Marialva está lançando o Concurso Gastronômico do Prato Típico do município. O principal objetivo é a valorização da gastronomia local, através do resgate da cultura e/ou hábitos que possam justificar a institucionalização do prato que venha a destacar o município no turismo gastronômico.

De acordo com a Diretora de Turismo, Cristina Jacometto, o Concurso tem como foco a valorização e o respeito à cultura local do município. “Os cozinheiros podem ficar à vontade para criar seus pratos. Pedimos que os participantes dêem a devida relevância a nossa cultura gastronômica. Uma das regras mais importantes é a inclusão da uva em suas receitas, nas mais diversas formas”, disse.

A inscrição será gratuita para cada participante, e as fichas de inscrição estãodisponíveis na Casa da Cultura Hélio Depieri, situada na Rua Formosa nº 1215,com os telefones (44) 3232-1807 ou 8811-0812.

Sem categoria
Comente aqui


Justiça inocenta maringaense presa com traficante no Rio

Marcela Camargo Barbosa Cleberson Alves Araújo

Foto de Marcela e Cleberson divulgada em jornais do Rio de Janeiro

Por recomendação do Ministério Público, o juiz Rudi Baldi Loewenkroni, da 34ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, relaxou a prisão da maringaense Marcela Camargo Barbosa, de 20 anos, que foi presa no início de junho no Rio juntamente com Cleberson Alves de Araújo, de 28 anos, transportando ecstasy, haxixe, LSD e a droga sintética conhecida como MD.

Na época a polícia informou que eles chegaram ao Rio de avião e a droga não foi detectada pelos equipamentos do Aeroporto Internacional Tom Jobim. Cleberson, que já tem passagem pela polícia por tráfico de drogas, e Marcela acabaram sendo presos em uma blitz da Polícia Militar.

Em um fundo falso da mala do casal os agentes encontraram as drogas, que, se vendidas, renderiam R$ 35 mil, segundo cálculos da polícia fluminense.

De acordo com o advogado criminalista Eli Florêncio da Luz, sua cliente “foi presa injustamente, pois desconhecia que Cleberson levava consigo as substâncias entorpecentes”. O MP entendeu não haver participação de Marcela no crime.

“Essa decisão foi importante para que Marcela possa ter seu nome limpo, pois é uma moça digna e de conduta ilibada”, diz o criminalista.

1 Comentário


Seminário em Paranavaí busca soluções para reduzir gases poluentes na atmosfera

Profissionais de destaque no cenário ambiental brasileiro e internacional vão apresentar informações atualizadas sobre o meio ambiente

Entre as alternativas para se reduzir o efeito estufa provocado pela emissão de gás carbônico (CO2) na atmosfera, será apresentada no Seminário Paraná Emissão Zero proposta de se criar no Estado uma instituição governamental responsável pela certificação de áreas de preservação. Assim, produtores rurais passam a ser remunerados por preservarem a natureza, por meio da venda desses certificados a entidades que necessitem neutralizar emissões de poluentes.

O evento está acontecendo nesta quinta-feira no Teatro Municipal de Paranavaí. Quem promove é o Sindicato Rural de Paranavaí e a Sociedade Rural do Noroeste do Paraná.

 Participam dos debates profissionais de destaque no cenário ambiental brasileiro e internacional, que, conforme o Coordenador da comissão organizadora do evento, Demerval Silvestre, ”contribuirão, com seu conhecimento e experiência, para enriquecer as discussões e orientar o encaminhamento da proposta”.

São especialistas, mestres e doutores (PhD) nas mais diversas áreas ligadas ao meio ambiente, que abordarão informações atualizadas sobre desenvolvimento rural, meio ambiente, recursos hídricos, conservação da biodiversidade, avaliação de impacto ambiental, manejo florestal, biometria florestal, gestão ambiental, gerenciamento, administração pública, e outras.

Sem categoria
1 Comentário


Gato de duas caras entra para o Livro dos Records

Gato Janus

Janus, o gato de duas caras completou 12 anos neste mês

Afinal, é UM gato ou são dois? Bem, o corpo é de um, mas como tem duas caras, cada uma recebeu um nome e assim Frank e Louie entraram para o Guinness, o Livro dos Records como o gato Janus, que sobreviveu por mais tempo.

Nascido no dia 9 de setembro de 1999, neste mês, Janus, ou Frank e Louie, completou 12 anos.

Janus, na mitologia greco-romana, é o deus das transições e ele tem duas caras no mesmo rosto.

É a mesma coisa que acontece com este gato de Massachusetts (EUA). Este fenômeno de duplicação crânio-facial é chamado de diprosopia (o prefixo “di” significa “dois” e “prosopia” é o sufixo que indica “relativo à face) e acontece por causa de uma proteína – agora você vai dar risada – chamada Sonic Hedgedog, em homenagem ao personagem de videogames.

Essa condição é bastante rara e, mais raro ainda, é que o portador consiga sobreviver por tanto tempo.

Comente aqui


PSD reúne simpatizantes em Maringá

O presidente em Maringá do mais novo partido político brasileiro, o PSD, Divanir Braz Palma, recebe hoje, às 18 horas, com um café no Hotel Bristol Maringá, prefeitos, vereadores e políticos da região interessados em ingressar no partido.

O Partido Social Democrático vai orientar a todos os novos filiados sobre os procedimentos e prazos legais para participação nas eleições municipais do ano que vem. A reunião é importante para o novo partido e os seus novos filiados e todos aqueles que desejam ingressar no PSD, em Maringá e região.
Sem categoria
Comente aqui


Páreo duro entre os cafés da região

No dia 7 de outubro, no Centro de Convenções “Dr. Décio da Silva Bacelar”, em Mandaguari, ocorre o tradicional Encontro dos Cafeicultores, quando serão conhecidos os vencedores da etapa regional do Concurso Café Qualidade Paraná 2011, cuja degustação aconteceu no último dia 8.

Nesta edição, 13 amostras concorrem ao melhor café da regional Maringá. Segundo os degustadores, a expectativa é de páreo duro.

Sem categoria
Comente aqui


Eles estiveram entre nós

irmaos villas boas

Orlando e Cláudio vieram a Maringá visitar o primo Geraldo Mansolelli

O Fastástico, da Rede Globo, deu uma importante contribuição à memória nacional ao mostrar o trabalho dos sertanistas Orlando, Cláudio e Leonardo Villas-Bôas no estudo e proteção dos indígenas, além do desbravamento do Brasil Central, região que até a 2ª Guerra Mundial era praticamente desconhecida.

O quadro Expedição Roncador-Xingu, conduzido pelo repórter Rodrigo Alvarez, tenta reconstituir os passos dos Villas-Bôas na verdadeira Expedição Roncador-Xingu, em 1946.

Um fato que os maringaenses desconhecem é que os irmãos Orlando e Cláudio Villas-Bôas já estiveram em Maringá. Leonardo já tinha morrido.

Foi na década de 70, quando os indigenistas vieram a Maringá visitar o primo Geraldo Mansolelli, que na época morava próximo onde hoje é o shopping Mandacaru Boullevard. Lá passaram o dia e contaram animadamente suas aventuras pelas florestas brasileiras, como eram os índios, enfim, como era o Brasil até então desconhecido.

Vale lembrar que eles se encantaram com a beleza de Maringá, que já na época era uma cidade que chamava a atenção por sua pujança e beleza.

O pioneiro Geraldo morreu há 20 anos, mas sua família continua em Maringá, como sua mulher Josefa e o filho Giovanni Mansolelli, funcionário da Copel.

Na época, os Villas-Bôas já eram uma lenda, constantemente destacados em reportagens de TV, jornais e revistas. Vejam o que Darcy Ribeiro fala dos indigenistas em seu livro “Confissões”, ilustrado por ninguém menos que o arquiteto Oscar Niemeyer:

Orlando Villas-Bôas

Orlando Villas-Bôas

“os Villas Bôas dedicaram todas as suas vidas a conduzir os índios xinguanos do isolamento original em que os encontraram até o choque com as fronteiras da civilização. Aprenderam a respeitá-los e perceberam a necessidade imperiosa de lhes assegurar algum isolamento para que sobrevivessem. Tinham uma consciência aguda de que, se os fazendeiros penetrassem naquele imenso território, isolando os grupos indígenas uns dos outros, acabariam com eles em pouco tempo. Não só matando, mas liquidando as suas condições ecológicas de sobrevivência.” (RIBEIRO, Darcy. Confissões. São Paulo: Companhia das Letras, 1997, p. 194)

Comente aqui


Vladão volta sem ter ido. Mas, será que fica?

Antes mesmo que fosse oficialmente afastado, o prefeito de Paiçandu conseguiu na Justiça uma liminar que anula a decisão da Câmara de afastá-lo por 90 dias.

A decisão da Justiça é resultado do trabalho do advogado Sérgio Jacomini, assessor Jurídico da Câmara de Ivatuba que especializou-se em defender prefeitos em dificuldades. Entre seus clientes está Milton Martini, cassado pela Câmara de Sarandi e que está a um passo de retornar à prefeitura.

O curioso da história é que Jacomini ganhou grande experiência como assessor da Câmara de Paiçandu, onde Vladão era vereador. Na época, ele foi fundamental na cassação do prefeito Moacyr Oliveira.

Em matéria publicada neste sábado no O Diário, Jacomini já apontava alguns erros cometidos pela Câmara, que mais demonstravam interesses políticos do que irregularidades cometidas pela administração municipal.

Dizia o advogado que os vereadores tentavam impedi-lo de preparar a defesa do prefeito, inclusive lhe negaram acesso aos documentos necessários para a montagem da defesa.

Bem, a volta de Vladão significa que a vice-prefeita Maria Rita não precisa mais se apressar em preparar o vestido que usaria na posse, segunda-feira, mas também não precisa guarda-lo, pois nada significa que o prefeito não será novamente afastado.

Afinal, os vereadores têm em mãos uma série de irregularidades que teriam sido cometidas pela prefeitura. E já ficou claro que a partir de agora ele tem apenas dois aliados no Legislativo.

 

Em tempo: Vladimir da Silva, o Vladão, ainda não estava afastado, já que a Câmara não conseguiu notifica-lo.

Comente aqui


Ex-árbitro vai preso por dirigir embriagado e atropelar pedestre

O ex-árbitro de futebol Oscar Roberto Godói, que em fevereiro foi baleado durante um assalto e permaneceu vários dias no UTI, foi preso na tarde deste sábado em São Paulo após atropelar um pedestre.

Segundo a polícia, o ex-árbitro, eu agora é comentarista em uma rede de TV, estava embriagado.

O pedestre está internado, mas não corre risco de perder a vida.

1 Comentário