Hotéis de Maringá surpreendem participantes dos JUBs

CBDU considera que os hotéis de Maringá estão desenvolvendo mais ações do que as previstas no Programa Bem Receber

 

O grupo dos gestores do Programa Bem Receber no Whatsapp está repleto de elogios de chefes de delegações e atletas aos hotéis que os hospedam durante os Jogos Universitários Brasileiros (JUBs) Fase Final e dos gerentes de hotéis aos competidores. Segundo os gestores, todos os hotéis se empenharam em cumprir integralmente o programa e estão realizando ações a mais do que as que foram solicitadas.

 

O Bem Receber é o programa da Confederação Brasileira de Desporto Universitário (CBDU), organizadora dos JUBs, que define detalhes para a hospedagem dos milhares de atletas vindos de todos os Estados Brasileiros para participar dos jogos. Em Maringá, o programa começou a ser definido nos primeiros meses deste ano e começou a ser implantado em julho, quando o Maringá e Região Convention & Visitors Bureau, que apoia a captação do evento, promoveu treinamentos em hospitalidades para funcionários dos hotéis e várias reuniões foram feitas com gerentes de hotéis, tanto em grupo quando individualmente, para definir o atendimento às delegações.

 

“O que estamos vendo agora é resultado do compromisso da hotelaria maringaense com o bom atendimento aos atletas, árbitros e comissões técnicas”, disse a superintendente do Convention Bureau, Yara Linschoten, que esteve pessoalmente em contato com os gerentes de hotéis durante os meses de preparação. “Desde hotéis de alto padrão até os mais econômicos mostram o mesmo empenho em agradar e estão conseguindo com uma série de ações”.

 

Recepção calorosa

As delegações de Goiás e Ceará foram saudados na porta ao chegarem ao Hotel Golden Ingá, no Centro da cidade. Faixas e cartazes de boas-vindas, bandeiras de seus Estados, balões coloridos, brindes e toda a atenção dos funcionários fizeram parte da recepção, mas a hospitalidade continuou quando os gerentes Cláudio Crepaldi e Sueli Yarê colocaram todos recursos do hotel à disposição dos atletas e dirigentes, como academia, piscina, sala de jogos.

 

“É tradição no Golden Ingá tratar da melhor maneira possível qualquer cliente, mas neste caso estamos oferecendo um atendimento diferenciado porque sabemos que estamos recebendo clientes diferenciados, jovens universitários que vieram para representar seus Estados e é importante que levem uma boa imagem de Maringá. Esta boa imagem começa com a acolhida dada pelo hotel”, diz o gerente de Hospedagem do Golden, Cláudio Crepaldi.

 

“A qualidade no atendimento precisa continuar durante todo o período da hospedagem, mas além do hotel contar com uma equipe bem treinada, tivemos o apoio dos gestores do Bem Receber da CBDU e o acompanhamento do Convention Bureau, através da Yara (Linschoten, superintendente Executiva do Convention)”, completou a também gerente Sueli Yrie.

 

“Nosso Bem Receber acontece todos os dias. Obrigada Sibele e seu adorável Hotel Astória”. A frase foi publicada em uma rede social pela chefe da delegação do Pará elogiando a recepção e atendimento oferecidos pelo Hotel Astória, onde a proprietária, Sibele Sola, coordena pessoalmente o atendimento aos atletas.

 

No Hotel Avalon, o management Erasmo Ramos acompanha de perto, pelas redes sociais, tudo o que acontece na hotelaria maringaense durante os JUBs e todos os dias publica elogios, tanto aos hotéis quanto à equipe do Bem Receber. Segundo ele, ao atender um evento do porte dos JUBs os hotéis maringaenses estão demonstrando que estão preparados para qualquer desafio.

 

Ações inéditas

 

Mesmo com a experiência de terem participado de incontáveis eventos da CBDU, os gestores do Programa Bem Receber se dizem surpresos com a hospitalidade dos hotéis maringaenses. Segundo o gestor Dorival de Pinho, o programa vem sendo melhorado a cada edição dos JUBs e neste ano trouxemos várias ações a serem implementadas pelos hotéis. O surpreendente é que cada hotel atendeu à risca o programado e ainda fez a mais, cada hotel implementou suas próprias ações.

 

O coordenador de Hospedagem da CBDU, Paulo Souza, diz que a cidade entendeu a importância de receber um evento do porte dos JUBs e está dando o seu melhor. “O programa orienta os hotéis sobre como proporcionar um ambiente olímpico, mas o que vemos é que, além das ações propostas pela CBDU, os hotéis estão fazendo a mais, apresentam suas próprias ações”, explica.

 

Segundo o coordenador, este sucesso é resultado da boa aceitação do programa pelos hotéis e ao acompanhamento que o Maringá e Região Convention & Visitor Bureau fez desde que Maringá se candidatou a sede dos jogos.

 

Ele entende que o exemplo dado pelos hotéis de Maringá vai servir de exemplo para outras cidades que sediarão os JUBs de agora em diante e também para as ações do Bem Receber.

 

“A hotelaria é o segmento que recebe os maiores investimentos da CBDU em um evento destes e precisamos que proporcione um ambiente de alto nível para os atletas, que são universitários e amanhã serão profissionais que vão falar da experiência e da cidade que os hospedou ou serão atletas de alto rendimento que representarão o Brasil em competições internacionais”.

Sem categoria

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.