E o que dizer dos ataques ao maior bioma brasileiro?

As derrubadas e os incêndios na floresta amazônica voltaram com a corda toda no governo Temer. Ainda mais agora que reduziram os programas de proteção, tirando recursos (já parcos) d0 IBAMA, que está perdendo o pouco da capacidade de fiscalização que tinha. Quem acompanha o noticiário nacional do dia-a-dia sabe o que está acontecendo no Pará, onde o processo de devastação da floresta ganha um ritmo alucinante. Esta é apenas mais uma crônica da tragédia anunciada.

Sem categoria

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.