Quem perde é a Justiça

Sérgio Moro não é objeto da manifestação na Câmara, mas do lado de fora, os que se julgam detentores do monopólio do patriotismo gritam “viva Moro!” a todo instante. Sempre soube por meio de advogados respeitáveis e juristas destacados, que juiz tem que ser discreto, só falar nos autos e julgar com base nas provas que estão contidas no processo. Juiz não é pra ser garoto propaganda. Quando busca os holofotes e vira alvo de bajulação, tem sua credibilidade abalada. É a Justiça que perde com isso.

Sem categoria

12 comentários sobre “Quem perde é a Justiça

    • Justiceiro 14 de janeiro de 2018 7:05

      Tá rindo do povo brasileiro ou do vampiro Temer?

      • Josenilton 15 de janeiro de 2018 14:35

        lembra do Lukas, cartunista do O Diário? Tinha 1 personagem que dizia: “Eu si divirto”.

  1. Francisco Manuel Agulhas 13 de janeiro de 2018 13:53

    Só na tua cabeça de petralha

    • ANESIO 14 de janeiro de 2018 15:09

      Coxa foi à rua derrubar Dilma e… sifu… Gasolina a R$ 5,00 e nenhum protesto… Fim dos direitos trabalhistas e nenhum protesto… Fim da aposentadoria e nenhum protesto… Que coisa, hein?

  2. Antonio 13 de janeiro de 2018 14:19

    Esta raça deve estar satisfeitisimos com o vampiro Temer, bando de covardes.

  3. Wilson 14 de janeiro de 2018 6:06

    Os canalhas do MBL e outras tranqueiras montaram as fotos para parecer que tinha mais gente na manifestação deles, veja no blog do fotografo Tabajara Marques as fotos verdadeiras e veja que na manifestação pró Lula tinha mais ente;

    http://tabajaramarques.blogspot.com.br/

    • Sergio 16 de janeiro de 2018 5:21

      Realmente as imagens dos patos amarelos foram manipuladas, tinha uns 300 a 400 pessoas no máximo no ato dos patos amarelos.

  4. Wilson 14 de janeiro de 2018 6:07

    Digo: na manifestação pró Lula tinha mais gente.

  5. ANESIO 14 de janeiro de 2018 14:54

    Verdade, o Santo Moro inventa Direito Penal próprio para condenar Lula, com base em falsas denúncias do MPF. Aliás, as acusações do MPF não foram as da sentença do Moro. Processo NULO, “ab initio”. Moro admite que não houve desvios da Petrobrás para Lula. Logo, sequer seria competente para apreciar a causa, pois a Lava Jato só existiu por causa da Petrobrás, forçada pela delação de Youseff, que recebeu as benesses de Moro, que o deixou continuar rico. Assim, a competência para apreciar suposta ação penal seria a Justiça federal do Rio de Janeiro, a qual foi usurpada por Moro. Por outro lado, não há prova alguma contra Lula. O apartamento de Guarujá JAMAIS foi dele.

    • ANESIO 14 de janeiro de 2018 15:05

      Léo Pinheiro, dono da OAS, mentiu, como co-réu, e não como testemunha, depois de negar várias vezes, como testemunha, que o apartamento fosse destinado a Lula. Isso porque, além de diminuição de sua pena, também seria inocentado o seu filho. Depois de tanta tortura psicológico, Léo Pinheiro, o mentiroso, cedeu ao Torquemada Moro, apesar de a OAS ter dado o apartamento em garantia de financeiamento à Caixa Econômica Federal e ter declarado perante juízo falimentar, em ação de Recuperação Judicial, que o apartamento era da empresa. Ademais, no final desta semana, uma juíza de Brasília mandou penhorar o famigerado apartamento da OAS por dívidas com outra empreiteira, reconhecendo que a OAS é a verdadeira proprietária, o que derruba definitivamente a loucura de Moro de que o imóvel fosse de Lula.

      • maso 15 de janeiro de 2018 18:11

        tao segurando meus comentarios uai!
        ,
        Assim como os 600 milhoes do Maluf , que tantas vezes ele disse que nao era dele, voltaram para ocofre da republica, eese ap. que Lula diz que nao e dele volta pra OAS e garante pagamento de dividas.

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.