Detalhe, apenas detalhe…

Empossado ontem,  Rubem Novaes enalteceu o novo governo porque lhe deu carta branca dirigir o Banco do Brasil sem ingerências políticas. Um dia depois de criticar os governos anteriores por gerências indevidas na instituição, o novo presidente do BB  nomeou para o cargo de assessor especial da presidência  o funcionário de carreira Antônio Hamilton Rossel Mourão. O fato do rapaz ser filho do vice-presidente da república é apenas um detalhe.

Sem categoria

35 comentários sobre “Detalhe, apenas detalhe…

  1. Décio 8 de janeiro de 2019 19:53

    Que vergonha….

  2. Francisco 8 de janeiro de 2019 21:25

    Antes promoções de funcionários antigos de casa… profissionais concursados e técnicos do que indicações políticas sem critérios não acha blogueiro?

    • Thiago 9 de janeiro de 2019 6:13

      O cara passou pelos governo Itamar, FHC, Lula, Dilma e Temer e não teve promoção, ai com 7 dias como vice presidente Bozo e papai aumentam o salário do cara de 11 mil para 36 mil. Os militares são nepotistas e corporativistas por formação!
      A nomeação do Carlos Marum para i Co selho da Itaipu pode ser legal, mas é imoral, assim se pronunciou o Mourão. E ai, em relacao ao seu filho, procede? Ou dois pesos duas mefidas?

      • Francisco 9 de janeiro de 2019 12:10

        O cara teve promoções sim sua anta… do contrário não teria chegado a gerente e aos cargos administrativos que atingiu!

        Só emperrou nos últimos postos pois esses sofrem interferência política sabidão.

        O gente burra essa raça petista viu…

        • Messias Mendes 10 de janeiro de 2019 19:13

          Porque você acha que todo mundo que critica os absurdos do governo Bolsonaro é petista? Procure um tratamento contra a ptfobia.

          • Francisco 10 de janeiro de 2019 20:16

            Tem ke der completo idiota pra ñ enxergar que a galera anda criticando Bolsonaro é a mesma que acredita na santidade do Lula… vc por exemplo kkk

            • Messias Mendes 11 de janeiro de 2019 11:14

              Nunca disse que Lula é santo, nem o tenho como meu ídolo se é que quer saber. O que escrevi várias vezes, foi sobre a sentença condenatória, com base em análises técnicas de vários juristas, que viu nela um viés político, que ficou muito claro com a ida de Moro para um super-ministério de Bolsonaro. Pra você, todos os críticos do Bolsonaro são petistas e idiotas. Saiba que muita gente que nunca teve qualquer simpatia pelo PT anda reconhecendo a tragédia que a eleição de Bolsonaro pode ter sido para o Brasil. Acorda pra vida.

  3. João Maria 8 de janeiro de 2019 22:01

    Do Rodrigo Miceli
    “É claro que a promoção do filho do Mourão para ganhar 37 mil pega mal. Que seja concursado, que já tivesse carreira longa no Banco do Brasil, ok. Mas não foi uma decisão inteligente, politicamente falando. O que mais impressiona, no entanto, é que antes dele ocupar este cargo, quem ocupava era um Petista indicado – dizem -, desqualificado, e que ganhava não 37, mas 100 mil reais! Como não ficamos sabendo disso? Ainda bem que, após duas décadas de silêncio, a mídia começou a trabalhar.”

    • Fabricio 8 de janeiro de 2019 22:19

      Como dizem, pagando falam até verdades ….

      • Thiago 9 de janeiro de 2019 6:15

        Mas o Jair Bolsonaro disse nas eleições que acabaria com o preenchimento de cargos públicos com parentes de políticos. Disse que iria moralizar o país e limpar dos sangesugas.

    • Joao Maria 9 de janeiro de 2019 5:44

      Comedores de alfafa transgenero fazem comentarios tipicos do bozo. Roubar nome de outro cidadao e crime. Alguns topicos do comentario do Joao Maria bozo. Nao uso acento no nome e nao comento apos as 21:00 horas. Durmo cedo.

  4. Domingos Aparecido 8 de janeiro de 2019 22:05

    O cara é preparado, funcionário de carreira há mais de 18 anos no banco, tem diplomas e doutorado das melhores universidades do mundo. Messias, pega leve essa não funcionou. Não podemos perder a esperança, eu creio que a “reforma tributária” vai sair e o Imposto Único será implantado. Em breve não teremos mais caixa dois.

    • Messias Mendes 8 de janeiro de 2019 22:10

      Informo na postagem que ele é funcionário de carreira. Mas que a ascensão rápida, do dia pra noite, é danada de esquisita, isto é.

      • Fabricio 8 de janeiro de 2019 22:21

        Esquisito ė a fortuna da finada Maria Letícia vendendo Avon….

      • Fabricio 8 de janeiro de 2019 22:31

        Rapido foi o filho do Lula, fez uma cópia de matéria no Google, entregou como trabalho dele e recebeu 2,5 milhões….

        Esse sim foi da noite pro dia, aliás do copiar e colar, em apenas alguns clicks….

        Esse filho do mourao demorou um pouco mais, apenas 18 anos para ganhar 37 mil por mês trabalhando

        Messias menos, menos ……

        • Messias Mendes 9 de janeiro de 2019 0:13

          Pra defender o governo de Bolsonaro e seu vice, você não esquece o Lula. Vire o disco.

          • Fabricio 9 de janeiro de 2019 6:57

            Sobre essa matéria não tem o que ser defendido, não existe nada de errado, simples assim.
            Esquerda cria tempestade onde não existiu, distorce entre outros.
            Se fossem tão preocupados com a moralidade, com o dinheiro publico seriam os primeiros a denunciar os roubos que ocorreram no governo do pt, as coisas estranhas entre outros.
            Tem que ter isenção e moral para apontar alguém, não aponta um bandido mas aponta outro, no mundo jornalístico isso tem nome além de ser imoral, reconhecer os erros de quem defendemos….
            Mas ė claro o Lula foi preso sem prova, Jesus que mundo da loucura vcs vivem …

          • José Paulo 9 de janeiro de 2019 7:20

            E o escrevinhador, para defender a esquerdopatia e o lula, não esquece do Presidente Bolsonaro, eleito pela maioria do povo brasileiro. Mas o fato de ter sido eleito é apenas um detalhe.

      • Fabricio 8 de janeiro de 2019 22:48

        Esquisito foi ver o Lula tentando virar ministro da Dilma da noite pro dia, né BESSIAS, como entregar o papel, corre, o homem vai ser preso….

        Essa esquerda socialista é uma piada ..

          • José Paulo 9 de janeiro de 2019 7:22

            E eu já acho que o escrevinhador tem fixação, quiçá verdadeira paixão, pelo Presidente Bolsonaro.

            • Messias Mendes 9 de janeiro de 2019 10:15

              A diferença , meu caro, é que Bolsonaro está no poder, e falar dele , de suas ações, é fundamental nesse momento. Quanto a Lula, o cara tá preso. Não há porque se estar falando dele o tempo todo, a não ser quando houver fato novo que justifique um comentário. Quanto ao meu pensamento, o que escrevo sobre Bolsonaro, este é um direito que eu tenho. Se você não concordar, siga o conselho do grande Geraldo Vandré: pegue sua viola e vá cantar em outro lugar.

              • fabricio 9 de janeiro de 2019 15:23

                Messias, da entender que na época de Lula e Dilma você falava sobre os roubos, sinceramente nao me recordo.

                Acordo de delação do Palocci incriminando Lula, dizendo que o mesmo coagia os fundos de pensão controlados pelos bandidos do Pt a investir em empresas sem ter certeza do retorno, preocupados apenas com as propinas e vantagens, um rombo de 50 bilhões que ficou para os trabalhadores pagarem.
                Bom isso nao é relevante imagino….
                Antes de falar para eu abrir um bloq e escrever o que acho melhor, isso só prova sua parcialidade dos fatos importantes.

                • Messias Mendes 10 de janeiro de 2019 19:10

                  Não é não. Não é mesmo parcialidade. Eu jamais ficaria me aborrecendo em blogs que não gosto.

                  • Victor H dugo 11 de janeiro de 2019 13:29

                    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

              • José Paulo 10 de janeiro de 2019 20:45

                Mas não vou mesmo. Apesar do lulopetismo, ainda usufruímos da liberdade. E a mesma liberdade que você tem de escrever, eu tenho de discordar. E vice-versa. Ou será que, como esquerdista que é, a “democracia” só vale se for do seu jeito?

                • Messias Mendes 11 de janeiro de 2019 11:11

                  Não me é gratificante ter aqui leitor que se sente desconfortável.Discordar é uma coisa, isso até aprecio. Mas nem sempre os comentários ficam só no campo da discordância. E quando isso acontece é que eu repito que a porta é a serventia da casa.

                  • José Paulo 11 de janeiro de 2019 21:20

                    Primeiro: não estou desconfortável. Segundo: nunca ofendi o escrevinhador, mas apenas apresento argumentação quanto às teses esquerdistas, na maioria das vezes contrárias à lógica das coisas. É apenas isso…

      • João Maria 8 de janeiro de 2019 23:05

        18 anos de carreira tendo ocupado diversos cargos de gerência dentro da empresa, acredito que não foi Ascenção rápida e sim tardia, talvez diante da posição política do pai.

  5. Thiago 9 de janeiro de 2019 6:17

    A direita é muita engraçada acredita no papai noel General Mourão kkkkk vamo ri vamo ri. Haja óleo de peroba para passar na cara desses sem vergonha.

    • Fabricio 9 de janeiro de 2019 17:53

      Dilma gerentona do Brasil
      , kkkkkkkkkk

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.