Canais infantis incitam o consumo

Olá pessoal!

No dia 13 de agosto, último domingo, a reportagem da jornalista Pauline Almeida falou da publicidade e da propaganda direcionadas às crianças para estimular o consumo.

Sem o acompanhamento dos responsáveis, os pequenos estão sujeitos a um “bombardeio” de informação. Além disso,  as propagandas não estão apenas no intervalo da programação.

A matéria alerta os adultos para que observem com mais cuidado o que as crianças estão assistindo e o que elas começam a pedir.

Canais infantis do Youtube são armadilhas para crianças

 

 

Merchandising

A inserção de publicidade fora do horário comercial é uma ferramenta da propaganda chamada merchandising, entenda: merchandising [‘mɜɹtʃəndajzɪn]: substantivo masculino

1.econ mkt conjunto de atividades e técnicas mercadológicas que dizem respeito à colocação de um produto no mercado em condições competitivas, adequadas e atraentes para o consumidor.
2.mkt pub citação ou aparição de determinada marca, produto ou serviço, sem as características explícitas de anúncio publicitário, em programa de televisão ou de rádio, espetáculo teatral ou cinematográfico etc.
3.mkt pub intensificação dos esforços de exibição de um determinado produto para o público.

O que fazer?

É assim que a criança “de repente” quer um sandália, um tênis ou brinquedo! Cada família escolhe o que considera adequado e nem é preciso proibir tudo, mas é fundamental acompanhar o conteúdo oferecido à turminha nos canais infantis.

Abração da Equipe O Diário na Escola!

 

 

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.