Escritório da SEET em Guarapuava é um exemplo de fomento ao esporte em toda a região

Orlando Gonzalez

O Escritório Regional da Secretaria de Estado do Esporte e Turismo (SEET), em Guarapuava, é o tipo do espaço do Governo do Paraná que realmente valoriza o esporte, no apoio, criação e participação direta em eventos no município e em várias cidades da região. Que esbanja em disposição para se levar o esporte sempre adiante é Edson Pereira de Andrade, 54 anos, sendo 36 voltados à área de esporte de formação, rendimento e gerenciamento. +ESPORTE

 

Há dois anos à frente do ERET/Guarapuava, que vem a ser a décima regional da SEET, Andrade também valoriza o apoio do município na valorização ao esporte local e regional. “Trata-se de uma parceria incondicional. A prefeitura nos cede o local para o escritório e nos atende com segurança e manutenção do espaço físico. Uma parceria realmente muito importante para o fomento do esporte em Guarapuava e região”.

 

E não é por acaso que o escritório regional avança em competições esportivas. Andrade é professor de Educação Física, graduado em Licenciatura Plena pela Universidade Estadual de Ponta Grossa, pós graduado em Fisiologia do Exercício, pós graduado em Alfabetização de Jovens e Adultos. Especialista em Gestão Esportiva e Gerenciamento de Projetos. Técnico esportivo nas modalidades de voleibol e basquetebol. Também atuou como Gestor de Esportes na Secretaria de Esportes de Ponta Grossa e Guarapuava, diretor de Esportes do Clube Princesa dos Campos e Clube Guaíra em Ponta Grossa, Coordenador do Departamento de Educação Física do 13º Batalhão de Infantaria Blindado e ainda faz parte do quatro do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado do Paraná desde 2005.

 

O escritório atende as demandas da SEET, auxiliando os gestores dos municípios participantes na organização da documentação necessária, inscrições, divulgação de cursos e capacitação para a participação nas fases dos Jogos promovidos pela Secretaria de Esporte e Turismo do Paraná, na orientação sobre os projetos implantados e outras demandas.

Entre as atividades desenvolvidas pelo escritório é importante destacar a criação do Campeonato Regional de Pesca Esportiva, que teve no ano passado 12 etapas divididas nos municípios que fazem divisa com o Rio Iguaçu, sendo considerado sucesso em todas as etapas, e que possibilita o desenvolvimento de uma nova e importante modalidade do esporte, que oportuniza o turismo e passa a ser uma nova fonte de renda para os ribeirinhos e secretarias municipais envolvidas. Em 2018 a competição será iniciada em julho.

 

Outra situação importante é o projeto “Futebol da Amizade”. Jogo de futebol 7 envolvendo prefeitos e vice-prefeitos dos municípios da regional. O evento ocorreu no fim do ano e finalizou o calendário de 2017. Para 2018, o município de Rio Azul já fez a solicitação de sediar o evento.

A Copa Regional 10/260 de Futebol 7 Master, criada em 2018 e que contou com a participação de 16 municípios. Dividida em quatro grupos, com sedes em Bituruna, Cruz Machado, Candói e Porto Barreiro e a final realizada no município de Laranjeiras do Sul. Nesse projeto os atletas envolvidos são divididos em três faixas etárias, devendo jogar dois atletas de 35 anos, dois atletas de 45 anos e dois atletas de 50 anos. Essa proposta resgatou a participação de jogadores de futebol que não tinham uma competição oficial e por esse motivo estavam abandonando as chuteiras. O projeto foi um grande sucesso, tanto que para a próxima etapa 22 municípios estão confirmados.

 

Outro torneio, a Copa Máster de Voleibol de quadra. Evento criado nesse ano e que atendeu a 12 municípios, no masculino e feminino, para atletas acima de 30 anos. O torneio alcançou os objetivos e ao mesmo tempo homenageou o atleta Paulo Neves, professor e técnico de voleibol que faleceu no ano de 2017. E sempre abrindo espaço para parceiros, desta vez a Liga de Voleibol de Guarapuava prestou grande apoio.

 

O ERET/Guarapuava ainda realiza os Jogos da Cantuquiriguaçu, JARCANS, com a participação de 20 municípios em diversas modalidades. Todos os municípios fazem parte da Associação dos Municípios da Cantuquiriguaçu. O destaque das disputas é a Campeira, prova tradicionalmente gaúcha de laço, que envolve famílias inteiras nas disputas.

 

“Temos o Festival Esportivo Recreativo e Cultural da Reforma Agrária, que atende aos assentamentos Ireno Alves do Santos, Marcos Freire, Dez de Maio e Acampamentos Herdeiros de Primeiro de Maio, Guajuvira, Alojamento, Ponte e Lambari. São aproximadamente 800 pessoas envolvidas diretamente na competição, nas modalidades de Futebol 7, Futsal, Bocha e Truco. Em 2018 ainda vamos realizar a Prova Rústica, “Correndo pela Vida”, que tem caráter beneficente e que ocorre por meio dos patrocinadores e inscrições, e o valor arrecadado é revertido aos hospitais Santa Tereza e São Vicente do município de Guarapuava. O campeonato está previsto para setembro. E, dentre as várias atividades, a Copa R10 de Futebol de Campo, nas categorias Livre e Sub-17. Evento que ocorre para atender a demanda de pedido dos municípios que ficam sem eventos esportivos nesse período. A previsão é de atendermos um número aproximado de 30 equipes nas duas categorias”, comemora o chefe do ERET/Guarapuava.

 

O Escritório Regional de Guarapuava atende a 31 municípios: Antônio Olinto, Bituruna, Campina do Simão, Candói, Cantagalo, Cruz Machado, Espigão, Alto Iguaçu, Foz do Jordão, General Carneiro, Goioxim, Guarapuava, Inácio Martins, Irati, Laranjeiras do Sul, Mallet, Nova Laranjeiras, Paula Freitas, Paulo Frontin, Pinhão, Porto Barreiro, Porto Vitória, Quedas do Iguaçu, Regouças, Reserva do Iguaçu, Rio Azul, Rio Bonito do Iguaçu, São Mateus do Sul, Turvo, União da Vitória e Virmond.

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.