Brasileiro da Série D



Maringá FC apresenta lateral e volante e chega a 23 jogadores para a temporada 2019

Romeu e William. Foto: Rodrigo Araújo/Maringá FC

Orlando Gonzalez

O elenco do Maringá Futebol Clube está quase pronto para a temporada 2019. O time tem duas competições importantes pelo caminho. O Campeonato Paranaense, que começa em janeiro e o Brasileiro da Série D, muito provavelmente a partir de abril. Na manhã desta quarta-feira (12), o Cachorrão apresentou mais dois reforços para a temporada, e agora já são 23 jogadores no elenco.

 

Os novos contratados são o lateral esquerdo Willian Machado, 22 anos, ex-Brasil de Pelotas-RS e o volante Romeu, 20 anos, ex-Coritiba. Ambos assinaram contrato com validade até a encerramento da participação do Maringá no Campeonato Brasileiro da Série D.

 

O diretor de Futebol Paulo Regine disse que a equipe tem algumas negociações em andamento e que o Tricolor poderá anunciar mais três contratados para a próxima temporada.

 

Elenco para 2019:

Goleiro: Victor Golas (ex-KF Trepça’89 do Kosovo), André Ferlini (Ex-Velo Clube / SP) e Guilherme Santos (ex-REC Rolândia / PR)

Zagueiros: Alex Fraga (Maringá FC), Marcelo Xavier (Ex-Cuiabá / MT), Marcos Arthur (Ex-Carlos Renaux / SC) Sheldon (Base Sub-19) e Matheus Rodrigues (Base Sub-19);

Laterais direitos: Alef (Ex-Marcílio Dias / SC) e Jean Neves (Ex-Cuiabá / MT)

Laterais esquerdos: Júnior Prego (Maringá FC) e Willian Machado (Ex- Brasil de Pelotas / RS);

Volantes: Nem (Água Santa / SP), Renan Paulino (Ex-Atlético PR), Gustavo Silva (Base Sub-19) e Romeu (Ex- Coritiba / PR);

Meio-Campistas: Zé Mário (Ex-São José / RS) e Geovane Magno (Ex-Penapolense / SP);

Atacantes: Dandan (Maringá FC), Everton (Maringá FC), Welton Paraguá (Maringá FC), Tiago Orobó (ex-Qadsia – Kuwait) e Matheus Paraná (ex-Nacional de Rolândia).

Comente aqui


Maringá FC perde de 3 a 0 para o Caxias e acaba eliminado da Série D

Maringá é superado pelo Caxias. Foto: Luiz Erbes

Orlando Gonzalez

Neste domingo (10) o Maringá Futebol Clube realizou a sua pior partida no Campeonato Brasileiro da Série D, e justamente no momento em que a vitória era o único resultado que interessava para o time avançar às oitavas de final. No Estádio Centenário, em Caxias do Sul/RS, o Caxias venceu o jogo de volta pela segunda fase por 3 a 0.

 

Com o resultado, o time maringaense acabou eliminado, enquanto os gaúchos agora enfrentam o Uberlândia/MG. E o segundo jogo eliminatório será em Caxias do Sul. +ESPORTE

 

Na partida deste domingo, o Caxias foi para cima e pressionou o Maringá, que não conseguiu desenvolver o seu bom futebol, de marcação e jogadas ofensivas. Com isso, e apoiados pelos torcedores locais, o Caxias abriu o placar aos 5 minutos, com Éder. O segundo gol saiu aos 13 minutos, por intermédio de Júnior Alves.

 

Na etapa inicial, o Maringá só conseguiu chegar mesmo com algum perigo com o atacante Bruno Batata, aos 40 minutos.

 

Diante da boa vantagem, na etapa final, o Caxias administrou o resultado, mas aos 4 minutos Gilson, de cabeça, quase marcou o terceiro, não fosse a boa defesa do goleiro Matheus. Aos 7 minutos, porém, o lateral direito Lito tentou cortar de cabeça e mandou, contra, para as redes do Maringá.

 

Depois do terceiro gol, o Maringá de lançou, de fato, ao ataque, e aos 26 minutos, após cobrança de escanteio de João Pedro, Bruno Batata concluiu, mas o goleiro Gledson praticou a defesa. O time maringaense insistiu, mas sem sucesso, enquanto o Caxias teve mais duas boas chances, e o goleiro Matheus, de novo, foi figura importante com importantes defesas.

 

FICHA TÉCNICA:

Local: Estádio Centenário (Caxias do Sul)

Caxias – Gledson; Cleiton, Junior Alves, Jean e Julinho; Gilson, Rafael Gava, Éder (Túlio Renan), Diego Miranda e Nathan (Caio); e Wesley (Foguinho). Técnico: Luiz Carlos Winck.

Maringá – Matheus; Lito, Alex Fraga, Robinho (Renan Costa) e Denis Neves; Carlão, Serrato, João Pedro e Juba;  Paulinho (Dandan) e Bruno Batata. Técnico: Fernando Marchiori.

Comente aqui


Maringá Futebol Clube decide em Caxias do Sul futuro no Brasileiro da Série D

No domingo passado times empataram de 1 a 1 no WD. Foto: Rodrigo Araújo/Maringá FC

Orlando Gonzalez

O Maringá Futebol Clube decide, neste domingo, o seu futuro no Campeonato Brasileiro da Série D. A partir das 16h, o Tricolor encara o Caxias, no Estádio Centenário, em Caxias do Sul. A partida é válida pela rodada de volta da segunda fase e somente o vencedor avança à terceira fase. Como não existe saldo de gol, e o primeiro jogo disputado em Maringá terminou empatado de 1 a 1, no domingo passado, uma vitória simples no tempo normal assegura o Maringá na próxima etapa, assim como uma vitória nas cobranças de penalidades máximas, se a partida terminar empatada mais uma vez.

 

O time maringaense está confiante, principalmente pelo bom volume de jogo imposto diante do rival no primeiro duelo entre as equipes. Por isso, e como somente o vencedor avança, mesmo jogando fora de seus domínios e tendo a maioria de torcedores contrários, o Maringá FC vai para cima do Caxias. +ESPORTE

 

Para o compromisso, o técnico Fernando Marchiori vai poder colocar o time com força máxima. Lito, que passou mal antes do primeiro jogo e João Pedro, que dependia de uma nova regularização de sua documentação na CBF, estão à disposição da comissão técnica.

 

Desta maneira, o Tricolor maringaense deve iniciar a partida com Matheus; Lito, Robinho, Alex Fraga e Denis Neves; Carlão, Serrato, João Pedro e Juba; Paulinho Moccelin e Bruno Batata.

Comente aqui


Maringá Futebol Clube vai com força máxima para cima do Caxias

Foto: Rodrigo Araújo/Maringá FC

Orlando Gonzalez

O Maringá Futebol Clube vai entrar em campo no domingo (10)  com força máxima para o segundo confronto frente ao Caxias/RS pela segunda rodada da segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D. Agora, o técnico Fernando Machiori é quem resolve a melhor formulação tática para tentar superar o rival em seu campo. O jogo de domingo, às 16h, será no Estádio Centenário, em Caxias do Sul. +ESPORTE

 

Pelo bom desempenho, principalmente no último jogo, o meia-atacante Paulinho Moccelin que, inclusive, caiu na graça da galera, é o primeiro nome na relação dos efetivos. É evidente que Marchiori não fará grandes mudanças, até porque é necessário padrão de jogo, justamente agora na etapa em que os erros devem ser evitados, e que existe a obrigação da vitória.

 

No jogo de domingo, a vitória é o único resultado que interessa para ambos os times. Se ocorrer novo empate, a definição do classificado será nas cobranças de penalidades máximas.

 

O elenco Tricolor tem viagem agendada para a madrugada de sexta-feira com destino ao Rio Grande do Sul.

 

O provável Maringá para o jogo é o seguinte: Matheus; Lito, Robinho, Alex Fraga e Denis Neves; Carlão, Serrato, João Pedro e Juba; Paulinho Moccelin e Bruno Batata.

Danilo Gonzalez – Email: [email protected] Celular – (44) 9843-4677

Comente aqui


Mineiro apita decisão entre Caxias e Maringá FC no domingo pela Série D

Orlando Gonzalez

A Comissão de Arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) realizou no início da tarde desta terça-feira (5) o sorteio que definiu os árbitros para as rodadas de fim de semana dos Campeonatos Brasileiros. A partida de volta da segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D, entre Caxias e Maringá FC, domingo (10), às 16h, no Estádio Centenário, em Caxias do Sul, terá trio mineiro. +ESPORTE

 

O comando do jogo será de Ronei Cândido Alves. Ele vai contar com os assistentes Marconi Helbert Vieira e Marcyano da Silva Vicente, todos da CBF.

 

O Tricolor maringaense precisa da vitória para avançar às oitavas de final. Um novo placar igual vai forçar a definição do classificado às cobranças de penalidades máximas. No último domingo (3), os times empataram de 1 a 1, no Estádio Willie Davids, em Maringá.

Danilo Gonzalez – Email: [email protected] Celular – (44) 9843-4677

Comente aqui


Maringá Futebol Clube e Caxias empatam de 1 a 1 no Willie Davids pelo Brasileiro da Série D

Meia-atacante Paulinho Moccelin foi o principal nome do Maringá em campo. Foto: Rodrigo Araújo/Maringá

Orlando Gonzalez

Não faltou emoção no primeiro jogo entre Maringá Futebol Clube e Caxias na tarde chuvosa deste domingo (3) no Estádio Willie Davids, em Maringá, pela segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D. O jogo terminou empatado por 1 a 1, e agora as equipes realizam o segundo jogo da etapa mata-mata no próximo domingo (10), no Estádio Centenário, em Caxias do Sul. O vencedor avança, e caso ocorra novo empate o classificado à terceira fase será conhecido nas cobranças de penalidades máximas. +ESPORTE

 

No jogo, o Tricolor entrou desfalcado de Lito e João Pedro. O lateral direito passou mal e não reuniu condições de jogo, enquanto o meia-atacante depende de uma nova regularização de sua documentação no BID para defender o time no segundo confronto. São jogadores titulares, que inclusive participaram do jogo em Poços de Caldas/MG, na última rodada da fase de classificação.

Atacante Bruno Batata briga com a zaga do Caxias. Foto: Rodrigo Araújo/Maringá FC

Mesmo assim, o Maringá FC foi mais ´produtivo´ em campo. E logo no início, aos 4 minutos, em jogada pela esquerda de Paulinho Moccelin, que bateu forte e a bola ´beijou´ o a trave esquerda do Caxias.  E o time de Maringá, de fato, esteve melhor, criou as melhores jogadas nos primeiros 45 minutos, e três grandes lances para balançar as redes do rival, mas a equipe falhou na última bola. O Caxias atuou mais defensivo.

 

Na etapa complementar, o time gaúcho saiu para o jogo, e buscou linha ofensiva. Assim, o jogo ficou mais aberto, mas o rival balançou as redes primeiro. Após jogada pela esquerda, Wesley, aos 14 minutos, mandou para as redes do Tricolor maringaense. Dois minutos depois, o mesmo Wesley sofreu pênalti. O goleiro Matheus recebeu passe de volta de teve que dominar sem as mãos, se atrapalhou e teve que cometer a falta dentro da área, no próprio Wesley, que cobrou para fora.

 

O lance fez o Tricolor voltar para o jogo. E, na base da pressão o gol veio em cobrança de penalidade máxima. Aos 23 minutos, o lateral Cleiton tocou a mão na bola, na área do Caxias, e o árbitro Paulo Henrique Schleich Vollkopf marcou pênalti para o Maringá. O atacante Bruno Batata bateu no canto direito de Glédson, e empatou o jogo.

 

Depois, ambos os times criaram boas jogadas na linha de frente, e pelo lado do Maringá o meia-atacante Paulino Moccelin foi o jogador mais importante, mas o time, de uma maneira geral, não conseguiu balançar novamente as redes do Caxias.

 

FICHA TÉCNICA:

Local: Estádio Willie Davids (Maringá)

Maringá FC – Matheus; Danilo, Alex Fraga, Robinho e Dênis Neves; Carlão, Serrato, Lucão (Rafael Bastos) e Juba (Dandan); Paulinho Moccelin e Bruno Batata. Técnico: Fernando Marchiori.

Caxias – Gledson; Cleiton, Júnior Alves, Jean e Julinho; Marabá (Rafael), Gilson e Diego Miranda; Éder (Caio), Nathan e Wesley (Foguinho). Técnico: Luiz Carlos Winck

 

Árbitro: Paulo Henrique Schleich Vollkopf

Auxiliares: Leandro dos Santos Ruberdo e Cícero Alessandro de Souza, do Mato Grosso do Sul

Cartão amarelo: Serrato (Maringá), Júnior Alves, Marabá e Gledson (Caxias)

 

Público pagante – 1.687 pessoas

Público total – 1.767 pessoas

Renda – R$ 34.745,00

Danilo Gonzalez – Email: [email protected] Celular – (44) 9843-4677

Comente aqui


Em decisão de 180 minutos, Maringá Futebol Clube recebe o Caxias pelo Brasileiro da Série D

Paulinho Moccelin. Foto: Rodrigo Araújo/Maringá FC

Orlando Gonzalez

O Maringá Futebol Clube estreia hoje na segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D. Será a primeira decisão do Tricolor na competição. Um jogo de 180 minutos, e o time que somar o maior número de pontos ou saldo de gols, em caso de uma vitória para cada lado, avança. O primeiro tempo deste confronto acontece no WD, e o Maringá FC espera contar com o apoio do torcedor nas arquibancadas. A partida começa às 16h, e os ingressos custam R$$ 30 – cadeiras cobertas e R$ 20 – arquibancadas descobertas. +ESPORTE

 

O elenco está focado em conquistar os três pontos, e uma vitória com bom saldo de gols será fundamental, já que o jogo de volta será no próximo domingo (10), no Estádio Centenário, em Caxias do Sul. Os jogadores até gravaram um vídeo, compartilhado nas redes sociais, chamando o torcedor para o estádio, e prometendo empenho em campo no jogo de hoje.

 

O técnico Fernando Marchiori tem três problemas para o confronto. O zagueiro-artilheiro Alex Fraga, que está ´baleado´ em razão de lesão muscular e até poderá ficar à disposição, mas dificilmente estará 100%. Os outros, Ícaro, expulso de campo no último jogo da etapa classificatória contra a Caldense/MG, que vai cumprir suspensão automática e João Pedro, com problema de documentação. Ocorre que o jogador, acertado por 4 anos com o Maringá, teve o seu contrato encerrado com o Coimbra/MG e, desta maneira, a documentação precisa ser atualizada, e o jogador novamente registrado no Boletim Informativo Diário (BID).

 

Marchiori deve manter a base que empatou com a Caldense de 1 a 1, mas o anúncio oficial de quem começa jogando vai ocorrer momentos antes da partida.

 

O jogo terá arbitragem de Paulo Henrique Schleich Vollkopf. Ele será auxiliado por Leandro dos Santos Ruberdo e Cícero Alessandro de Souza, do Mato Grosso do Sul.

Comente aqui


Zagueiro-artilheiro Alex Fraga é dúvida no Maringá FC para jogo com o Caxias

Zagueiro Alex Fraga. Foto: Rodrigo Araújo/Maringá FC

Orlando Gonzalez

Chamado de zagueiro-artilheiro pelos cinco gols anotados no Campeonato Paranaense de 2018, Alex Fraga conquistou o torcedor do Maringá Futebol Clube. Peça importante no esquema tático do técnico Fernando Marchiori, o zagueiro, porém, não tem presença certa no jogo de domingo, às 16h, contra o Caxias/RS, no Estádio Willie Davids, no primeiro confronto entre as equipes pela segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D. +ESPORTE

 

Fraga realiza tratamento para ganhar condição de jogo. Ele acabou se contundindo na última partida da primeira fase, no empate de 1 a 1 com a Caldense, em Poços de Caldas/MG. Ainda no primeiro tempo acusou lesão muscular e acabou substituído no intervalo. O jogador tem mais dois dias para se recuperar totalmente e garantir uma vaga no time efetivo maringaense para o primeiro jogo mata-mata contra os gaúchos.

 

Outro que está vetado para a partida é Ícaro, o substituto de Fraga contra a Caldense, que acabou expulso de campo, e terá de cumprir suspensão automática.

Zagueiro Alex Fraga. Foto: Rodrigo Araújo/Maringá FC

O técnico Fernando Marchiori não anunciou o time considerado titular, mas ele deve repetir a formação que iniciou o confronto em território mineiro.

 

O confronto com o Caxias, segundo melhor time na primeira fase da Série D, é no sistema mata-mata, em duas partidas. Apesar da boa campanha na largada da competição, o Caxias tem como única vantagem o direito de realizar o segundo jogo em casa, que será no próximo dia 10.

 

Por isso, o Tricolor necessita de uma vitória com boa diferença de gols, para usar essa teórica vantagem e avançar no Brasileiro. Caso cada equipe vença uma partida, o saldo de gols no confronto vai definir o classificado. Persistindo o empate, o classificado será definido em cobranças de penalidades máximas. E o time que somar mais pontos – uma vitória e um empate – obviamente que avança na competição.

 

Time treina forte

O elenco maringaense treina forte para o primeiro decisivo contra os gaúchos. Nesta sexta-feira a comissão técnica agendou treino tático, às 16h, no Centro de Treinamento Tricolor (CTT). E a atividade se repete no sábado, às 9h, no mesmo local.

 

“Nossa semana foi intensa, com muitos treinos, estudos e concentração. Sabemos da qualidade do Caxias, uma equipe experiente, muito compacta e que fez a segunda melhor campanha da competição na primeira fase. Sem dúvida isso tudo é levado em conta na preparação do time. Tenho certeza que domingo estaremos concentrados e faremos um grande jogo para conseguir um bom resultado em casa, com o apoio da nossa torcida”, projetou o atacante Bruno Batata.

 

Ingressos em promoção

A diretoria espera contar com o apoio da torcida e tem promoção de ingressos até o sábado, véspera do jogo, com valores de R$ 10,00 para o setor da arquibancada descoberta e R$ 15,00 as cadeiras cobertas. No domingo, os ingressos voltam aos valores normais, R$ 20,00 descoberta e R$ 30,00 coberta.

 

Os ingressos são encontrados no site www.ingressonacional.com.br ou nos pontos de venda: Loja Esporte Fino Store, CT do Maringá Futebol Clube, Posto Canadá ou Panificadora Ariane.

 

REFORÇO

O elenco pensa no Caxias, mas a diretoria já vislumbra a terceira fase da Série D. Por isso, o time ganha mais um reforço. Trata-se do volante franco, 25 anos, ex-Rio Claro/SP. O jogador ainda defendeu Joinville, Mogi Mirim, Cabofriense e Macaé.

Comente aqui


VÍDEO – Elenco do Maringá FC convoca torcida para o jogo contra o Caxias

Elenco do Maringá FC convoca torcida para o jogo de domingo, às 16h, contra o Caxias, pelo Brasileiro da Série D. A partida acontece no Estádio Willie Davids, e o Maringá precisa de uma boa vitória, já que o segundo jogo da etapa eliminatória será em Caxias do Sul, no dia 10. +ESPORTE

Comente aqui


Maringá FC realiza promoção de ingressos antecipados para o jogo de domingo contra o Caxias

Orlando Gonzalez

O Maringá Futebol Clube espera contar com a sua torcida no primeiro jogo da segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D, às 16h do próximo domingo (3), contra o Caxias/RS, no Estádio Willie Davids, em Maringá. Para tanto, realiza promoção de ingressos antecipados. +ESPORTE

 

O torcedor que adquirir antecipado o ingresso vai pagar R$ 15 para o setor das arquibancadas cobertas e R$ 10 nas descobertas. A promoção é válida até o sábado (2). No domingo, dia do jogo, os preços serão os que vinham sendo vendidos anteriormente: R$ 30 para as cobertas e R 20 nas descobertas.

 

Os ingressos estão à venda nos seguintes locais: CT do Maringá FC, Panificadora Ariane, Posto Canadá e na Loja Esporte Fino Store. Pela internet, no endereço….

Comente aqui