Handebol feminino

Handebol feminino do Paraná



Goleira do handebol de Maringá é contratada pelo Pinheiros/SP

Orlando Gonzalez

O Pinheiros/SP, maior clube de handebol do Brasil, está de olho nos atletas de Maringá. É que além do acerto com o armador direito Arthur Pereira, de 22 anos, para a equipe principal masculina, o time paulistano também está levando a goleira Renata Bornia Dias de Souza, de 17 anos.

 

A atleta começou no handebol maringaense em 2013. Disputou várias competições, do infantil ao adulto. E nesta trajetória, é claro, o que não faltou foram pódios e títulos. Foi tricampeã cadete, bicampeã juvenil, campeã nos Estadual Sub-17 e Paranaense Adulto, e ainda acumulou dois vice-campeonatos, nos Jogos Abertos do Paraná e Jogos da Juventude do Paraná.

Além de defender a equipe da Associação Maringaense de Handebol, Renata também atuou pelo Colégio São Francisco Xavier, nos Jogos Escolares do Paraná. No último campeonato de handebol da Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE), esteve em quadra na equipe do técnico Vinicius Piffer Breschiliare, e o São Francisco encerrou como a terceira melhor equipe do Brasil.

Renata inicia no próximo dia 20 os treinamentos na equipe paulistana.

Contato – (44) 9843-4677 – Email: [email protected]

Comente aqui


Ex-Miss Alto Paraná hoje é professora e árbitra de handebol

Orlando Gonzalez

A jovem Karina Vasconcelos é um grande exemplo de dedicação em busca de sonhos. E as metas da hoje professora de Educação Física sempre estiveram ligadas ao esporte, mais especificamente à modalidade de handebol. Com 26 anos, já obteve muitas conquistas, sempre conciliando o esporte com os estudos. A grande virada em sua vida, entretanto, ocorreu fora das quadras, mas não distante do público.

O início foi no handebol mesmo. Desde os 9 anos já corria atrás da bola no João Honório Luiz. Praticando, mas nesta fase era mais ou menos como uma brincadeira, saudável, de criança. Ainda tinha tempo para o karatê. Também foi campeã em diversas competições regionais e, inclusive, no Paraguai conquistou um título, aos 11 anos. Com o passar do tempo, começou a defender as equipes do colégio Agostinho Stefanello e posteriormente do município de Alto Paraná em competições da Liga de Handebol do Paraná (LHPR) e do Governo do Paraná

Depois desse período se aventurou às passarelas. Em 2011, se inscreveu para o concurso de Miss Alto Paraná, e venceu, justamente no dia 16 de abril, dia de seu aniversário de 20 anos. No ano seguinte participou do Miss Paraná. Não conseguiu a coroa, mas de 68 participantes esteve entre as 17 mais belas do Paraná, feito muito comemorado por parentes e amigos. “Ninguém acreditava em mim. Acho que só a minha família. Foi muito bom ter tido essa experiência fora das quadras. Primeiro ser escolhia a Miss Alto Paraná e depois de ter participado do Miss Paraná. Emocionante mesmo. Minha cidade se orgulhou de mim”, relembra.

Aí, com a autoestima lá em cima, não parou de sonhar com os ´pés no chão´. Voltou a praticar handebol, mas na areia, e na sequência o indoor novamente, e foram vários títulos na carreira, atuando por Alto Paraná, Nova Esperança, Araçatuba/SP e São Paulo/SP.

Em 2017, mais duas grandes conquistas: “Fiz o curso de arbitragem da Associação Paranaense de Árbitros de Handebol e fui a segunda melhor do curso. Quero muito atuar em 2018. Realizar um grande trabalho. Mais uma situação bacana em 2017 foi que consegui me formar no curso de Educação Física. Agora vou me dedicar ao bacharelado”.

 

Comente aqui


Gisele Costa, a melhor do handebol de Maringá em 2017

A armadora Gisele Costa foi um dos nomes fortes da equipe de handebol feminino de Maringá na temporada 2017. Teve a responsabilidade de ´fazer´ o time jogar. Defendeu a equipe no título do Campeonato Paranaense, vice-campeonato dos Jogos Abertos do Paraná, e participação na Liga Nacional de Handebol.

 

Gisele acabou escolhida como a principal atleta do handebol maringaense na temporada 2017, em avaliação dos técnicos Valmir Fassina e Tião Fernandes.

Comente aqui
 

HANDEBOL AO VIVO – Equipe feminina de Maringá realiza treino descontraído no Ginásio Chico Neto

É quase folga para a equipe de handebol feminino de Maringá, campeã paranaense de 2017 e vice-campeã dos Jogos Abertos do Paraná. Nesta quinta-feira (7), a equipe realizou treino alternativo no Ginásio Chico Neto.

Handebol feminino de Maringá realiza treino descontraído no Ginásio Chico Neto

Publicado por Orlando Gonzalez em Quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Comente aqui
 

Atleta de handebol do São Francisco Xavier na Seleção Brasileira

Orlando Gonzalez

A meia direita Lauani Pereira Rocha, atleta de handebol do Colégio São Francisco Xavier e da Associação Maringaense de Handebol, foi convocada para realizar treinamentos na Seleção Brasileira Sub-16.

 

A atleta já esteve na Seleção Brasileira nesse ano, quando participou do primeiro acampamento com outras 80 escolhidas. Agora, entre 21 estudantes-atletas do Brasil, foi chamada novamente. O acampamento será de 14 a 21 de dezembro, em São Bernardo do Campo/SP.

Comente aqui


Colégio São Francisco Xavier conquista títulos na Liga Metropolitana de Handebol

Orlando Gonzalez

O Ginásio Chico Neto foi palco no último sábado das decisões de handebol, no feminino e masculino, válidas pela Liga Metropolitana de Maringá. O Colégio São Francisco Xavier também disputou o campeonato e foi duas vezes campeão.

Na categoria Sub-17, as duas equipes 1 e 2 do colégio se encontraram na final, e a vitória ficou com a equipe 2, por 17 a 15. Pela categoria Sub-14, o São Francisco Xavier pegou Sarandi na final e venceu por 16 a 10.

Comente aqui


Handebol feminino de Maringá em ação no Ginásio Chico Neto visando os Jogos Abertos do Paraná

Handebol feminino de Maringá trabalha no Ginásio Chico Neto pensando nos Jogos Abertos do Paraná 2017

Handebol feminino de Maringá trabalha no Ginásio Chico Neto pensando nos Jogos Abertos do Paraná

A post shared by Orlando Gonzalez – Assessoria (@orlandomgonzalez) on

Comente aqui


Handebol de Maringá ´briga´ por títulos no Paranaense adulto feminino e masculino

Orlando Gonzalez

O handebol da Cidade Canção entra em ação neste fim de semana com o propósito de conquistar os títulos feminino e masculino do Campeonato Paranaense de Handebol adulto. A competição da Liga de Handebol do Paraná (LHPR) entra na sua fase semifinal com os confrontos programados para o sábado, a partir das 17h, no ginásio de esportes do Centro Esportivo Jardim Paulista.

 

O time masculino da Prefeitura de Maringá / Unimed / Unicesumar joga às 17h contra a equipe de Foz do Iguaçu pelas semifinais. Em caso de vitória, fará a final contra o ganhador de Londrina e Campo Mourão.

 

Depois será a vez das garotas de Maringá entrarem em quadra para o duelo contra Matelândia, às 18h30. O resultado positivo colocará a Prefeitura de Maringá / Unimed / Unicesumar na decisão diante do ganhador de Cascavel e Campo Mourão.

 

Os campeões da temporada 2017 serão conhecidos no domingo, no mesmo local, às 13h30, com a final feminina e, às 15h, com a decisão masculina. A entrada é franca para as duas rodadas.

Comente aqui