Superliga masculina



CBV pode confirmar Copel Telecom na próxima Superliga. Definição ocorre no dia 30

Orlando Gonzalez

O Copel Telecom / Maringá Vôlei, décimo primeiro colocado na Superliga masculina 2017/2018, acabou rebaixado à Superliga B. Mas a posição final na tabela mantém a equipe com chances de participar da elite do voleibol nacional na próxima edição caso alguma equipe desista de participar ou não reúna condições exigidas Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). E como penúltimo colocado, pelo regulamento, o Copel Telecom será a primeira equipe convidada para disputar a Superliga. E esta possibilidade de voltar à elite do voleibol evoluiu nos últimos dias. + ESPORTE

 

Tudo em razão da frágil situação do time de voleibol de Canoas/RS, eliminado nas quartas de final da última temporada pelo campeão Sada/Cruzeiro/MG, que está com os salários em atraso com o elenco. E o time, assim como as demais equipes confirmadas para a Superliga 2018/19, tem que confirmar a inscrição no evento até o próximo dia 30. E no regulamento da CBV, há a informação que para disputar competições as equipes têm que apresentar quitação e não possuir qualquer dívida com jogador contratado para a temporada anterior.

 

A partir de 30 de maio a CBV deverá se pronunciar sobre os próximos participantes da Superliga masculina 2018/19.

Danilo Gonzalez – Email: [email protected] Celular – (44) 9843-4677

Comente aqui


Copel Telecom / Maringá Vôlei pode voltar à Superliga masculina

Orlando Gonzalez

O Copel Telecom / Maringá Vôlei encerrou a sua participação na Superliga masculina 2017/18 na décima primeira posição, com 10 pontos, e acabou rebaixado à Superliga B. Mas a posição, passa a ser privilegiada caso alguma equipe, das 12 que vão disputar a próxima temporada – 10 da atual Superliga e os dois que sobem da Superliga B -, desista de participar do campeonato. E o blog foi informado que duas equipes já manifestaram o desejo de abrir mão do campeonato. Assim, o Copel Telecom será o primeiro time convidado para disputar a próxima temporada. É claro que qualquer desistência só será oficializada após o fim da Superliga. +ESPORTE

 

No regulamento da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) consta que caso ocorra alguma desistência, o décimo primeiro colocado será convidado. Caso não aceite, o décimo segundo, o terceiro da Superliga B, e assim sucessivamente, até se definir o número exato de 12 participantes.

Danilo Gonzalez – Email: [email protected] Celular – (44) 9843-4677

Comente aqui
 

Rebaixado, Copel Telecom vence Vôlei Renata e agora torce por desistência para voltar à Superliga

Orlando Gonzalez

O Copel Telecom / Maringá Vôlei encerrou na noite deste sábado (18) a sua participação na Superliga masculina 2017/18. No Ginásio Chico Neto, que recebeu bom público, a equipe maringaense foi melhor que o Vôlei Renata e ganhou a partida por três sets a zero, com parciais de 28 a 26, 25 a 22 e 25 a 20. A terceira vitória em 21 jogos na competição não salvou a equipe do rebaixamento, que na verdade ocorreu na derrota de três sets a um para o Minas Tênis, em Maringá.

Agora a equipe espera que haja uma desistência entre as doze equipes para a próxima temporada. Assim, será o primeiro time convidado pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), com reza o regulamento, para voltar à elite. O regulamento diz que, com a provável desistência de alguma equipe, o décimo primeiro colocado será convocado, o décimo segundo colocado, o terceiro da Superliga B e assim sucessivamente.

Na partida deste sábado (17), no Ginásio Chico Neto, em Maringá, o Copel Telecom derrotou o Vôlei Renata, por três sets a zero, pela Superliga masculina. As parciais foram de 28 a 26, 25 a 22 e 25 a 20. +ESPORTE

Copel Telecom x Vôlei Renata pela Superliga masculina

A post shared by Orlando Gonzalez – Assessoria (@orlandomgonzalez) on

Com o resultado, o Copel Telecom somou 10 pontos e fechou na décima primeira posição, já que o JF Vôlei perdeu para o Corinthians, em Guarulhos/SP, por três sets a um (25 a 20, 33 a 31, 17 a 25 e 25 a 19) e se manteve com oito pontos.

 

Após a realização da última rodada da fase de classificação, se garantiram na segunda fase os oito melhores: Sada Cruzeiro, SESC-RJ, Sesi, Taubaté, Minas, Corinthians/Guarulhos, Vôlei Renata e Canoas. Não passaram à próxima fase, mas se mantiveram na elite Montes Claros e Caramuru/Ponta Grossa.

Danilo Gonzalez – Email: [email protected] Celular – (44) 9843-4677

Comente aqui


VÍDEO – Copel Telecom vence o Vôlei Renata por 3 sets a 0 pela Superliga masculina

Copel Telecom 3 x 0 Vôlei Renata pela Superliga masculina

A post shared by Orlando Gonzalez – Assessoria (@orlandomgonzalez) on

Em partida disputada na noite deste sábado (17), no Ginásio Chico Neto, em Maringá, o Copel Telecom derrotou o Vôlei Renata, por três sets a zero, pela Superliga masculina. As parciais foram de 28 a 26, 25 a 22 e 25 a 20.

 

Com o resultado, a equipe somou 10 pontos e fechou na décima primeira posição, já que o JF Vôlei perdeu para o Corinthians, em Guaraulhos/SP, por três sets a um, e se manteve com oito pontos.

Comente aqui


VÍDEO – Copel Telecom pronto para encarar o Vôlei Renata no Ginásio Chico Neto

Orlando Gonzalez

A equipe do Copel Telecom volta a jogar neste sábado (17) contra o Vôlei Renata, às 21h30, no Ginásio Chico Neto, em Maringá. Será a última apresentação da equipe na fase de classificação da competição.

 

Na partida, o time maringaense precisa do resultado positivo e de um tropeço do JF Vôlei, contra o Corinthians, em Guarulhos, para se assegurar na décima primeira posição.

 

A posição é importante para o time. É que se alguma equipe desistir da próxima temporada, o Copel Telecom será o primeiro a ser convocado pela CBV para voltar à elite do vôlei brasileiro. +ESPORTE

 

EQUIPES PROVÁVEIS:

Copel Telecom: Ialisson, Alê, Wennder, Kaio, Ricardinho, Alisson Bastos e Daniel (líbero). Técnico: Alessandro Fadul

 

Vôlei Renata: Rodriguinho, Vissotto, Vini, Junior, Diogo, Renan e Facundo (líbero). Técnico: Horacio Dileo

 

Obs: imagens do treino de sexta (16).

@gonzalezorlando

www.radiomaringa.com.br

http://blogs.odiario.com/orlandogonzalez/

https://www.facebook.com/profile.php?id=100011095815065

Comente aqui


Copel Telecom finaliza preparação para jogo contra o Vôlei Renata

Orlando Gonzalez

A equipe do Copel Telecom finalizou há pouco a sua preparação para a partida deste sábado (17) contra o Vôlei Renata, prevista para as 21h30, no Ginásio Chico Neto, em Maringá. Será a última apresentação da equipe na fase de classificação da competição. O treino foi de bastante movimentação e a equipe demonstrou otimismo para o jogo deste sábado.

 

Na partida, o time maringaense precisa do resultado positivo e de um tropeço do JF Vôlei, contra o Corinthians, em Guarulhos, para se assegurar na décima primeira posição.

 

A posição é importante para o time. É que se alguma equipe desistir da próxima temporada, o Copel Telecom será o primeiro a ser convocado pela CBV para voltar à elite do vôlei brasileiro.  +ESPORTE

 

EQUIPES PROVÁVEIS:

Copel Telecom: Ialisson, Alê, Wennder, Kaio, Ricardinho, Alisson Bastos e Daniel (líbero). Técnico: Alessandro Fadul

 

Vôlei Renata: Rodriguinho, Vissotto, Vini, Junior, Diogo, Renan e Facundo (líbero). Técnico: Horacio Dileo

Comente aqui


Copel Telecom sofre a 19ª derrota na Superliga masculina

Foto: Montes Claros

Orlando Gonzalez

O Copel Telecom / Maringá Vôlei realizou, neste sábado (10) a sua penúltima apresentação na Superliga masculina 2017/18. Em partida realizada no Ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros/MG, a equipe de Maringá abriu um set a zero na equipe local, mas finalizou o jogo com derrota de três sets a um. Foi a décima nona derrota da equipe em 21 jogos disputados. O próximo compromisso do já rebaixado Copel Telecom acontece no sábado (17), às 21h30, no Ginásio Chico Neto, em Maringá.

 

Na partida deste sábado, a equipe de Maringá venceu o primeiro set com parcial de 25 a 20. No segundo, o Montes Claros reagiu e fez 25 a 22. No terceiro, o Montes Claros ganhou por 25 a 20. Com a derrota parcial de dois sets a um o Copel Telecom não se encontrou mais em quadra e levou de 10 pontos no quarto set: 25 a 15.

 

O time da Cidade Canção se despede da Superliga no próximo sábado, em casa, contra o Vôlei Renata. Precisa da vitória e de um insucesso do JF Vôlei, contra o Corinthians, em Guarulhos, para encerrar o campeonato na penúltima posição. +ESPORTE

 

Hoje a colocação passa a ser a única esperança para o Copel Telecom retornar à Superliga 2018/19, mas somente se houver alguma desistência entre os 12 times para a próxima edição. Assim, será o primeiro time convidado para voltar à elite do voleibol brasileiro.

 

COPEL X JF VÔLEI

O Copel tem duas vitórias e soma sete pontos. O JF Vôlei tem três vitórias e oito pontos. A situação do Copel é tão ruim que a equipe só consegue superar os mineiros em pontos – isso quer dizer vencer e torcer por tropeço do JF na última rodada. Se o Copel empatar em número de pontos (8) com o JF, mesmo assim ficará na última posição, já que perde no número de vitórias, que é o primeiro critério e desempate.

 

CLASSIFICAÇÃO

Os piores

11 – JF Vôlei 8 pontos – 3 vitórias

12 – Copel Telecom 7 pontos – 2 vitórias

 

Obs: primeiro critério de desempate (vitórias)

Danilo Gonzalez – Email: [email protected] Celular – (44) 9843-4677

Comente aqui
 

Montes Claros/MG vence SESC e joga Copel Telecom à Superliga B

Foto: Sérgio Vieira/SESC

Orlando Gonzalez

O Montes Claros/MG afundou de vez o Copel Telecom / Maringá Vôlei para a Superliga B de 2018/19. Enquanto alguns ainda acreditavam na possibilidade, inexistente, de que a equipe maringaense pudesse superar os mineiros no set average, como o blog antecipou, o Montes Claros eliminou com qualquer possibilidade, agora no número de pontos ganhos. No jogo de terça (6), o time venceu o SESC, no Ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio Janeiro, por três sets a um, com parciais de 25 a 23, 19 a 25, 26 a 24 e 25 a 19.

 

Com o resultado, os mineiros subiram para 16 pontos, na décima posição, e não podem mais ser alcançados pelos rebaixados JF Vôlei, décimo primeiro, com oito pontos, e pelo lanterna Copel Telecom, que tem sete pontos. Restam apenas duas rodadas para o fim da fase de classificação. +ESPORTE

 

O que sobrou para o Copel Telecom é tentar se garantir na décima primeira posição e torcer para que ocorra alguma desistência. Assim, será o primeiro time a ser convidado para a Superliga 2018/19.

 

CLASSIFICAÇÃO

Últimos colocados

10 – Montes Claros 16

11 – JF Vôlei 8 (rebaixado)

12 – Copel Telecom 7 (rebaixado)

Danilo Gonzalez – Email: [email protected] Celular – (44) 9843-4677

Comente aqui