JMJ 2019



Hino da JMJ 2019

Já ouviu o hino oficial da Jornada Mundial da Juventude 2019?

© World Youth Day

Letra convida os jovens a seguir o exemplo de Maria

As autoridades religiosas do Panamá apresentaram o hino oficial da Jornada Mundial da Juventude 2019. O nome da música é “Eis aqui a serva do Senhor, faça-se em mim segundo vossa palavra”, composta por Abdiel Jiménez, um catequista e salmista da Paróquia de Cristo Ressuscitado, em San Miguelito, Panamá.

O hino escolhido foi analisado pelo Dicastério Vaticano para os Leigos, a Família e a Vida juntamente com outras 50 propostas. A letra, em espanhol, convida os jovens a seguir o exemplo de Maria e é uma preparação para a JMJ, que acontece em janeiro de 2019.

Fonte: aleteia
Comente aqui


JMJ 2019 será em janeiro

Cardeal explica por que JMJ Panamá 2019 acontecerá em janeiro

Por Miguel Pérez Pichel

Jovens panamenhos na JMJ Cracóvia 2016/ Crédito: Flickr de Swiatowe Dni Miodziezy Krakow2016 (CC BY-NC-ND 2.0)
Comente aqui


Confira o Logo da JMJ 2019

JMJ 2019 já tem logo: o Panamá, a Cruz Peregrina, Nossa Senhora, os cinco continentes

JMJ 2019 já tem logo: o Panamá, a Cruz Peregrina, Nossa Senhora, os cinco continentes

A Jornada Mundial da Juventude 2019 já tem seu logo oficial. A imagem foi apresentada neste domingo (14/05) pelos organizadores da JMJ, que se realizará no país de 22 a 27 de janeiro de 2019.

Na imagem, estão representados o istmo do país, o Canal do Panamá, a Cruz Peregrina e a imagem de Nossa Senhora com um coroa de cinco pontos, indicando os cinco continentes. As figuras aparecem formando um coração.
A criação é de uma jovem de 20 anos, que participou de várias Jornadas desde muito pequena: Ambar Calvo é uma estudante de arquitetura na Universidade do Panamá.

Ela explica que o Canal simboliza o caminho do peregrino que descobre em Maria o meio para se encontrar com Jesus; a silhueta do Istmo panamenho representa o local de acolhida; e os pontos na coroa de Maria os peregrinos de cada continente.
Seleção

O logo foi escolhido entre 103 propostas que foram avaliadas por um júri integrado por especialistas em desenho gráfico, marketing e outras profissões do ramo, que selecionaram as melhores três ideias. Mas a escolha definitiva ficou a cargo do Comitê Executivo da JMJ, com o Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida.
Pequeno país, grande coração

O Arcebispo de Cidade do Panamá, Dom José Domingo Ulloa Mendieta, declarou-se emocionado com o talento da juventude panamenha, porque este desenho “conseguiu captar a mensagem que desejamos enviar aos jovens do mundo, a pequenez do nosso país, mas a grandeza do nosso coração, aberto a todos sem exclusão”.

“Os jovens são a reserva moral e humana de nossas sociedades e da própria Igreja, eles são capazes de transformá-las por inteiro, positivamente, se formos capazes de ensinar-lhes a amar como Jesus fez conosco”, destacou ainda o Arcebispo panamenho.

Fonte: Rádio Vaticano
Comente aqui


Cruz da JMJ chega ao Panamá

Cruz peregrina da JMJ será entregue aos jovens do Panamá no domingo

Neste domingo, 9, Domingo de Ramos, será celebrada a 32ª Jornada Mundial da Juventude (JMJ) em nível diocesano. No Vaticano, 200 pessoas de várias dioceses do Panamá, de países da América Central e do México estarão reunidos para a entrega da Cruz Peregrina e do ícone de Nossa Senhora pelas mãos dos jovens poloneses de Cracóvia.

O evento, organizado pelo Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, começa nesta quarta-feira, 5, para analisar os resultados da JMJ da Polônia e para refletir sobre o futuro dos jovens católicos na sociedade atual.

Para o sábado, 8 de abril, está previsto um encontro com o arcebispo do Panamá, Dom José Domingo Ulloa Mendieta, que vai apresentar as principais características da JMJ de 2019, a organização do evento e os aspectos pastorais. A reunião da manhã será concluída com a celebração de uma missa, ao meio-dia. No final da tarde, os participantes se encontrarão na Basílica de Santa Maria Maior, em Roma, para a Vigília Mariana.

Durante a noite, tanto os jovens na Itália quanto os jovens no Panamá estarão reunidos em oração, em Vigília pela entrega da Cruz Peregrina e do ícone mariano da JMJ. Da América, às 3 horas da manhã de domingo, 9 de abril, eles estarão acompanhando ao vivo, direto do Vaticano, a entrega dos símbolos da Jornada que serão recebidos por 25 jovens do Panamá, um de cada país da América Central e um do México.

Fonte: Catholicus
Comente aqui


Onde acessar informações sobre JMJ 2019

O recente anúncio dos dias de realização da Jornada Mundial da Juventude, na Cidade do Panamá, entre 22 e 27 de janeiro de 2019, deu início à contagem regressiva para o maior evento jovem do mundo.

Portanto, falta menos de dois anos para o grande encontro do Papa com os jovens após a memorável jornada em Cracóvia, em julho de 2016.

Então, quem quiser obter informações corretas sobre o evento  nas redes sociais pode seguir alguns conselhos.

Assim como em Cracóvia, a hashtag do evento é #Panama2019.

No Facebook, a página global da Jornada Mundial da Juventude está disponível em diversos idiomas: assegure-se de escolher a região correta para receber as informações na sua língua. Enquanto o logo do Panamá não é definido, a página manterá o logo da JMJ da Polônia.

Arquidiocese do Panamá

O site da Arquidiocese do Panamá é extremamente social friendly: está presente no Twitter, no Facebook, no Instagram e no Youtube.

Para incentivar a participação na JMJ 2019, a Arquidiocese preparou um vídeo sobre o país anfitrião.

Comente aqui


JMJ 2019 será em janeiro

Esta é a data oficial da JMJ Panamá 2019

Comente aqui


JMJ 2019 no Panamá

Próxima Jornada Mundial da Juventude será no Panamá

Evento católico ocorrerá em 2019, após edição na Polônia

A próxima edição da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), um dos principais eventos organizados pela Igreja Católica, será realizada no Panamá em 2019. O boato veio à tona ontem (31) e foi apurado pela ANSA durante reuniões sobre os preparativos da JMJ que ocorrerá neste ano, em Cracóvia, na Polônia, entre os dias 26 a 31 de julho, e a qual será presidida pelo papa Francisco.

A proposta do Panamá foi levada a Francisco pelo cardeal hondurenho Oscar Rodríguez Maradiaga, um estreito colaborador do Papa e coordenador do “C9”, grupo de nove purpurados que estudam a reforma da cúria, além de representante influente do episcopado da América Latina.

A primeira JMJ presidida por Francisco foi a do Rio de Janeiro, em julho de 2013. O evento no Brasil também se tornou a primeira viagem internacional do argentino Jorge Mario Bergoglio, eleito Papa em março daquele ano. (ANSA)

Fonte: JB
Comente aqui