Servo Sofredor



Bendita seja a Tua Cruz, Senhor!

Leitura: Is 52,13 – 53,12 (Paixão do Senhor – Ano C)

13Ei-lo, o meu Servo será bem-sucedido; sua ascensão será ao mais alto grau. 14Assim como muitos ficaram pasmados ao vê-lo — tão desfigurado ele estava que não parecia ser um homem ou ter aspecto humano —,15do mesmo modo ele espalhará sua fama entre os povos. Diante dele os reis se manterão em silêncio, vendo algo que nunca lhes foi narrado e conhecendo coisas que jamais ouviram.

53,1”Quem de nós deu crédito ao que ouvimos? E a quem foi dado reconhecer a força do Senhor? 2Diante do Senhor ele cresceu como renovo de planta ou como raiz em terra seca. Não tinha beleza nem atrativo para o olharmos, não tinha aparência que nos agradasse.

3Era desprezado como o último dos mortais, homem coberto de dores, cheio de sofrimentos; passando por ele, tapávamos o rosto; tão desprezível era, não fazíamos caso dele.

4A verdade é que ele tomava sobre si nossas enfermidades e sofria, ele mesmo, nossas dores; e nós pensávamos fosse um chagado, golpeado por Deus e humilhado!

5Mas ele foi ferido por causa de nossos pecados, esmagado por causa de nossos crimes; a punição a ele imposta era o preço da nossa paz, e suas feridas, o preço da nossa cura.

6Todos nós vagávamos como ovelhas desgarradas, cada qual seguindo seu caminho; e o Senhor fez recair sobre ele o pecado de todos nós.

7Foi maltratado, e submeteu-se, não abriu a boca; como cordeiro levado ao matadouro ou como ovelha diante dos que a tosquiam, ele não abriu a boca.

8Foi atormentado pela angústia e foi condenado. Quem se preocuparia com sua história de origem? Ele foi eliminado do mundo dos vivos; e por causa do pecado do meu povo foi golpeado até morrer.

9Deram-lhe sepultura entre ímpios, um túmulo entre os ricos, porque ele não praticou o mal nem se encontrou falsidade em suas palavras.

10O Senhor quis macerá-lo com sofrimentos. Oferecendo sua vida em expiação, ele terá descendência duradoura, e fará cumprir com êxito a vontade do Senhor.

11Por esta vida de sofrimento, alcançará luz e uma ciência perfeita. Meu Servo, o justo, fará justos inúmeros homens, carregando sobre si suas culpas.

12Por isso, compartilharei com ele multidões e ele repartirá suas riquezas com os valentes seguidores, pois entregou o corpo à morte, sendo contado como um malfeitor; ele, na verdade, resgatava o pecado de todos e intercedia em favor dos pecadores.

ORAÇÃO PARA SEXTA-FEIRA DA PAIXÃO DO SENHOR

Pai Santo, a Cruz do Teu amado Filho nos incomoda e atrai. Vemos nela, oh Deus, muita, injustiça, crueldade, sofrimento, morte e ao mesmo tempo, nossos corações pelos olhos da fé experimentam a força do perdão e da misericórdia, Fruto do Teu infinito amor pela humanidade inteira.  A cruz Jesus nos faz compreender o Teu amor de Pai, oh Deus, linguagem dos céus para que todos os homens pudessem entender e experimentar a toda graça e benção da salvação preparada para aqueles que creem em Ti, Senhor.  Louvores para todo o sempre, pela cruz redentora  que nos deu conhecer  Teu Amor, oh Deus.

Obrigado, Senhor, pela eloquência da Cruz de Cristo, do amor doação, feito entrega e salvação. Permitimos Te falar alto em nossos corações nesse dia grande, Sexta-feira da Misericórdia, quando precisamos da Tua graça e benção. Cremos e esperamos em Ti, Senhor. Tua Cruz que agora vemos, é nossa esperança e nossa fé. Agora vemos com o coração o amor derramado em cada gota de Sangue, em cada ferida,  no corpo de Jesus pregado na cruz. E doravante só podemos adorar e proclamar: Bendita e louvada a Cruz de Jesus, madeiro santo, fonte da vida nova, vitória de Deus no mundo.

Jesus Cristo, dispusestes a carregar a Cruz, a enfrentar o calvário, experimentastes o horror da morte, humilhado por nossos pecados. Suplicamos que mais uma vez nos ajude a carregar a cruz que enfrentamos em nossas vidas, muitas vezes imposta a nós pelo nosso próprio orgulho, outras pelo mal do coração do ser humano, tentações e ciladas do inimigo. Fostes, oh Senhor Jesus, traído por um gesto de afeto e carinho, por uma amigo, por aquele que caminhava Contigo e partilhava da Tua companhia e presença. Também nós sofremos pelas traições que somos vítimas, que geram dor, angústia, medo, nos deixam decepcionados e desaminados. Ajude-nos com Tua força, o Jesus, a seguir adiante, na fidelidade à verdade da nossa vida, aos nossos valores de fé cristã, ainda que a dor seja intensa e mesmo que significa nossa morte social, profissional, familiar comunitária. Revigora com Tua Cruz, nas Tuas santas chagas do corpo e  da alma, a nossa fé, nossa opção por Ti, Senhor Jesus.

Nesse dia da Tua Paixão, do Teu amor por nós, provado na Cruz, reconhecemos que  a Tua Cruz, de ontem e de hoje, torna-se mais pesada pelos nossos pecados. Oh Senhor Jesus, é grande nossa consternação e lamento pelas dores que ainda Te causamos, pela crucificação que realizamos todas às vezes que pecamos, pela indiferença, pela falta de fé, pela preguiça de rezar e conhecer a Palavra, pela recusa do amor e da misericórdia. Livra-nos, o Senhor, das atitudes também de traição a Ti, que colocam Teu Nome e Tua fé em risco, que fazem  calar Tua Voz e ofuscam a esperança e a alegria que vem de Ti, do Teu triunfo pela Cruz, que tudo renova, cura e liberta. Fortalece-nos com Teu Santo Espírito, meu amado Cristo, curando-nos de tibieza, da luxuria, gula, inveja, libertando-nos da fraude, da sedução, da manipulação, da busca pelo prazer e do ter, dos vícios e da corrupção. Que Teu Santo Espírito venha sobre nós, para queimar todo desejo torpe, especialmente a tentação de usar Teu Nome e Tua Fé, para obter vantagens pessoais, econômicas e políticas, e sociais. Ajude-nos também a rezar, orar pelos nossos inimigos, a sermos sempre fiéis a Tua Cruz e jamais ceder ao que desagrada Teu Coração. Vem Santo Espírito, sopra em nós o renovo da Cruz. 

Diante da Cruz,  santa bendita por Ti, Santo de Deus, nossos corações são gratos porque pensaste em cada um de nós, amando-nos até o fim, o Senhor Jesus. Tu és vencedor na aparente derrota da Cruz. Triunfastes sobre todo o mal,injustiça e desamor, apontando caminhos de esperança quem vem do Céus, vem de Deus que tanto nos ama. Tua Santa Cruz nos ensina que o amor e a misericórdia são as forças que podem salvar o mundo, transformar os corações, recuperar a fé e alegria. Clamamos com toda força de nossos lábios e pulmões, numa prece de esperança que a Tua Cruz redentora, oh Jesus, possa encontrar acolhida na vida de cada irmão que está cansado e ferido, caído pelas estradas de uma existência fria, sem afeto, e sentido. Ajude-nos a ressuscitar, a vencer todo mal e pecado, a experimentar a Vitória do amor de Deus, provado no altar da Cruz, no lenho da nossa salvação e redenção. 

Oh Maria, mulher das dores, mãe desolada pela morte de Jesus na Cruz, inspire-nos atitudes de adoração e testemunho da Cruz salvadora de Cristo. Ensina-nos a ficar também em pé, diante das cruzes dos nosso problemas e dificuldades diárias, tu que és nossa mãe. E nesse dia, pedimos a graça também de receber o Corpo chagado de Cristo em nosso colo, chorar sua morte, sofrer com sua paixão e cruz, de tal modo que sintamos o amor e misericórdia jorrar em nós, a nos perdoar de nossos pecados e nos converter para uma vida nova. Virgem dolorosa, que tuas dores e lágrimas de mãe nessa Sexta-feira Santa sirvam-nos como memória e necessidade de santidade em nossos corações e mentes, atitudes e pensamentos, para uma nova Páscoa, que sepulta todo mal e pecado e nós, e faz resplandecer todo bem e amor, toda graça e benção de uma vida em Deus. Ave-Maria…

 

 

Comente aqui