Padre Claudenir Bernardino de Matos morre em acidente de carro em Rondônia

diácono

É com pesar que a Arquidiocese de Maringá comunica o falecimento do padre Claudenir Bernardino de Matos(41) pertencente ao clero de Maringá.

Padre Claudenir morreu durante um acidente de carro na noite dessa quarta-feira (11) em Rondônia. Ele estava em missão na Diocese de Guajará-Mirim desde 2015, dentro do projeto “Igrejas Irmãs”, da CNBB. O presbítero era administrador paroquial da Basílica do Divino Espírito Santo em Costa Marques-RO.

O acidente aconteceu na BR 429 no município de Costa Marques. O veículo dirigido pelo padre caiu da ponte do Rio Queimado, conhecida na região por ser muito perigosa e já ter sido causa de muitas mortes. Padre Claudenir havia celebrado missa em uma comunidade do interior e estava retornando para casa.

“Perdemos um grande e jovem missionário”, diz o arcebispo de Maringá, dom Anuar Battisti. “Estamos muitos tristes. É uma dor muito grande para todos nós”, comenta.

Amanhã (13) o corpo do presbítero será transladado do município de Costa Marques-RO para o aeroporto de Porto Velho-RO com destino a Maringá-PR.

Assim que chegar ao aeroporto de Maringá, o corpo será levado à paróquia Santo Cura d´Ars em Paiçandu, cidade em que os familiares do padre residem.

O sepultamento será realizado sábado (14) no cemitério Rainha da Paz em Maringá, sem previsão de horário.

De família paiçanduense, Padre Claudenir Bernardino de Matos nasceu em 20 de maio de 1974 e foi ordenado padre dia 10 de julho de 2009 na Paróquia Santo Cura D’Ars em Paiçandu.

Após ser ordenado,trabalhou na paróquia São Mateus Apóstolo em Maringá até janeiro de 2015, quando foi designado para a missão em Rondônia.

Cidade

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.