Confusão á vista na Divisão de Acesso

 

E essa agora? O Foz do Iguaçu protocolou recurso junto ao Tribunal de Justiça Desportiva da Federação Paranaense de Futebol para que o processo no qual perdeu seis pontos por escalação irregular de jogador seja apreciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva da CBF. A medida, duas semanas depois do time ser derrotado no julgamento do Pleno do TJD, tem indicativos interessantes. O clube da fronteira, que tem Domingos Moro como advogado, não entraria numa batalha como essa se não tivesse informações seguras de que vai obter êxito. E se isso acontecer, vai se estabelecer uma bandalheira no futebol do Paraná. O STJD dando ganho de causa para o time da fronteira, forçará a anulação da fase semifinal da Divisão de Acesso que resultou na classificação das equipe de Londrina e Toledo para a Primeira Divisão em 2012. Toledanos e londrinenses, que não têm nada com isso, estão jogando para definir o título da competição. Na quarta-feira o primeiro encontro terminou em 0 a 1 para o LEC e neste domingo os times jogam a segunda partida no Estádio do Café, em Londrina. Isso (o recurso do Foz) não vai acabar bem.

 

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.