Mês: abril 2012



Metropolitano Maringá encara Grecal em campo neutro

O Metropolitano Maringá estreia na Divisão de Aceso do Campeonato Paranaense nesta terça-feira diante do Grecal de Campo Largo. O jogo será, às 15h30, no Estádio Emílio Gomes, em Iraty, já que o campo de Campo Largo não foi liberado pela comissão de vistoria da Federação Paranaense de Futebol. O técnico Ivair Cenci viajou para o centro-sul com apenas uma dúvida em relação ao time titular que vai enfrentar o Grecal. Alcântara e Ganso disputam a condição de titular na lateral-esquerda. Ainda sem poder contar com o atacante Warley, que depende de regularização de documentos, Cenci terá o zagueiro Alex Noronha, que estava no Paranavaí. O time para início de jogo é: Leandro; Alcântara (Ganso), Alex Norinha, Fernando e Adriano Peixe; Carlos Lima, Bruno, Thiago Henrique e Cléber Lucas; Tiago Augusto e Augusto César. Além do atacante Warley, o lateral- direito Alan é outro que ainda não pode atuar, já que precisa concluir a documentação de sua transferência. Outro jogador que estava disputando a Primeira Divisão e deve acertar com o time maringaense é o atacante Souza, que estava no Roma Apucarana.

 

Comente aqui


Grêmio Maringá desafia Nacional de Rolândia no Willie Davis

O Grêmio Maringá, que tem comando técnico de Play Freitas, joga no Estádio Willie Davids, nesta terça-feira, às 15h30, diante do Nacional de Rolândia. É a largada para a Divisão de Acesso do Campeonato Paranaense que destinará duas vagas à elite do Estadual em 2013. Dez equipes disputam a competição. No alvinegro, o técnico Play realizou um treino de reconhecimento do estádio municipal ma manhã desta segunda-feira, mas não divulgou oficialmente o time titular. No elenco que o site do clube divulga, a maioria do grupo é constituída por ex-jogadores do Rio Preto. São eles: Cléo (lateral-direito), Pablo, Rafael Silva e Esteves, zagueiros, Assolan (lateral- esquerdo), além de Júlio César e Luiz Cláudio (meias); do também paulista Osvaldo Cruz vieram Andresson (volante) e Bruno Andrade (atacante); são do Paraguai o volante Crispim e o meia Makanaki. Estava no futebol da Arábia Saudita o meia Mario Zan. O volante Rocha veio do Iraty. Do próprio Grêmio são: Alberto (goleiro), Pedro (lateral-direito), Haikar e Renan (zagueiros), Nei e Alemão (volantes), Batata e Raí (atacantes).

Rádio Atalaia

A partida entre Grêmio Maringá e Nacional de Rolândia terá transmissão pela equipe esportiva da Rádio Atalaia (1.310 kHz) com narração de Toni Silva, reportagem de Ilivaldo Maciel, comentário de Marcelino Silva e plantão de Antônio Marcos.

Comente aqui


Opnnus Maringá tem sequência decisiva de jogos no Chico Neto

O Oppnus Maringá faz uma sequência decisiva de jogos no Chico Neto pela Liga Nacional de Futsal que, acreditam dirigentes, pode colocar a equipe na zona de classificação à próxima fase da competição. Neste sábado o time enfrenta a equipe do V&M Minas, adversário diretor na briga pela qualificação. Os mineiros estão, como os maringaenses, fora na zona verde, em 18º lugar com seis pontos, dois a mais que os maringaenses. Na segunda-feira o desafio será mais complicado, já que o time do técnico Xepa vai encarar o Intel/Orlândia, equipe do craque Falcão. OS paulistas estão na segunda colocação, atrás apanas do Corinthians. Para a quinta-feira, o duelo será com os gaúchos do Carlos Barbosa que ocupam a sexta colocação na competição

Comente aqui


Laudos do Willie Davids foram enviados no prazo, diz secretário

Os laudos da vistoria realizada no Estádio Willie Davids por comissões da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Vigilância Sanitária foram enviados na tarde de ontem à Federação Paranaense de Futebol. Com isso, a partida de estreia do Grêmio Maringá na Divisão de Acesso do Campeonato Estadual poderá ser realizada normalmente. Respeitando-se a interdição para as cadeiras descobertas, como foi no ano passado. Um público de até 4 mil pessoas poderá ser acomodado na ala das cadeiras cobertas. O blog conversou na tarde de ontem com o secretário de Esportes e Lazer e Chefe de Gabinete, Walter Guerlles, que estranhou a manifestada revolta do presidente do GM, Aurélio Almeida. “Não havia nenhum risco de o estádio não ser utilizado. Estamos fazendo a nossa parte, liberando o campo para as duas equipes sem cobrança de taxas, e ainda assim somos obrigados a sofrer esse tipo de desnecessária pressão”, disse.

Com a tabela atualizada pela Federação Paranaense, para adequar o calendário às necessidades do Paraná Clube, que disputa a Copa do Brasil e Brasileiro da Série B, os jogos em Maringá serão os seguintes: Grêmio Maringá x Nacional (1º/5 – terça-feira), Metropolitano Maringá x Iguaçu (9/5 – quarta-feira), Grêmio Maringá x Paraná Clube (12/5 – sábado), Metropolitano Maringá x Paraná Clube (14/5 – segunda-feira), Metropolitano Maringá x Grêmio Maringá (21/5 – segunda-feira), Metropolitano Maringá x Cincão de Londrina (27/5 – domingo), Grêmio Maringá x Cascavel (31/5 – quinta-feira), Metropolitano Maringá x Grecal (3/6 – domingo), Grêmio Maringá x Junior Team (6/6 – quinta-feira), Grêmio Maringá x Cincão de Londrina (10/6 – domingo), Metropolitano Maringá x Junior Team (13/6 – quarta-feira), Grêmio Maringá x Grecal (17/6 – domingo) Metropolitano Maringá x Serrano (18/6 – segunda-feira), Grêmio Maringá x Metropolitano Maringá (24/6 – domingo), Metropolitano Maringá x Cascavel (30/6 – sábado), Grêmio Maringá x Serrano (8/7 – domingo) e Metropolitano Maringá x Nacional (14/7 – sábado).

 

Comente aqui


Ivair Cenci tem mais um desafio no futebol de Maringá

Poucos profissionais do esporte tem no currículo as anotações de Ivair Cenci em relação ao futebol profissional de Maringá. O treinador ascendeu com o Grêmio Maringá em 2001 para a Primeira Divisão do Paranaense, repetiu o feito dirigindo o Galo Maringá, em 2005, e foi o responsável pela passagem do Metropolitano Maringá da Terceira para a Segunda Divisão em 2010. Cenci não admite que exista um segredo para tantas conquistas. Segundo ele, a seriedade no trato com o grupo, a determinação de todos os envolvidos e muito trabalho resultam em conquistas. “Superar as dificuldades com muito empenho, ter o comprometimento de dirigentes e jogadores e apoio da torcida, são fatores indispensáveis”, considera. Por acreditar nas possibilidades de Maringá resgatar a condição de disputante da categoria principal do futebol no Estado, Ivair Cenci aceitou mais uma vez o desafio e está no comando da comissão técnica do Metropolitano Maringá que estreia na Divisão de Acesso no próximo dia 1º de maio, em Campo Largo, jogando diante do Grecal. “Estamos enfrentando muitas dificuldades poi os recursos não são muitos. Temos um grupo que deverá ser reforçado ao longo da competição, mas estamos certos de que alcançaremos nossos objetivos se encontrarmos o apoio necessário”, disse. Reconhecendo o Paraná Clube como um dos favoritos para ficar com uma das duas vagas, Ivair Cenci aposta em chegar ao quadrangular final. “Não será uma competição fácil. Temos concorrentes que merecem respeito, mas acreditamos na nossa força”, resumiu.

Elenco ainda não está pronto

A diretoria do Metropolitano Maringá confirma contatos com diversos jogadores que só poderão se apresentar ao clube após o término do Paranaense da Primeira Divisão, que terá a rodada final neste final de semana. O presidente Zebrão deve confirmar no início da próxima semana os acertos com o goleiro Colombo, do Corinthians-PR, Robenval, zagueiro do Roma e Souza, atacante, também do time de Apucarana, além do defensor Alex Noronha e do meia Alex Rocha, ambos do Paranavaí. O atacante Tiaguinho, que esteve no próprio Metropolitano na temporada passada também deve ser confirmado. Uma das contratações de maior impacto foi a do atacante Tiago Augusto, que estava vinculado ao Grêmio Maringá no ano passado e que conseguiu a sua liberação através de ação judicial. O jogador esteve para se transferir para o futebol de Portugal na temporada passada e isso só não aconteceu pois, segundo o atleta, houve dificuldades na negociação com o ex-clube. O meia Layon, que estava no Paraná Clube e é filho do ex-jogador Adoílson, também faz parte do elenco. No domingo passado o Metropolitano realizou jogo-treino diante da equipe amadora do Santa Cruz de Monte Castelo com vitória por 4 a 0. Ivair Cenci aprovou a prática. “O adversário exigiu bem do nosso time e o treino nos serviu para fazer importantes observações”, disse. Nesta quinta-feira um novo jogo-treino vai acontecer, em Cambira, contra selecionado local. O time provável para início de jogo é Peixe; Renan, Fernando e Alcântara; Layon, Soares, Cléber e Pedrinho; Augosto César e Thiago Henrique. Tiago Augusto, que se recupera de lesão, deve ser poupado, mas Cenci espera contar com ele na estreia contra o Grecal, no dia 1º de maio, em Campo Largo.

 

 

Comente aqui


Opnnus encara Campo Mourão em busca da liderança isolada

O Oppnus Maringá entra em quadra nesta quarta-feira, às 20h30, diante do Campo Mourão, no Ginásio de Esportes Chico Neto, pela Série Ouro do Campeonato Paranaense de Futsal. A partida terá transmissão pela Rádio Ingamar de Marialva (1.130 kHz) com narração de Tony César. Os maringaenses jogam para assumir a liderança isolada da competição, já que somam os mesmos 13 pontos de Ponta Grossa e Marechal Rondon. O técnico Xepa não poderá contar com o ala Bruno, suspenso por acúmulo de cartões amarelos. É o único jogador sem condições de atuar, já que não existem atletas sob cuidados do departamento médico.

No treino que realiza na manhã de hoje, no local do jogo, o treinador definirá a relação dos atletas para a partida. O posto de Bruno está sendo disputado po Lorinho e Thiago. Os demais componentes do grupo são: Danilo e João Paulo, goleiros; Roberto, Régis e Valtinho, fixos; Marcel, Jardel, Jorge Alex e Butina, alas, e os pivôs Evandro e Alan.

 

Comente aqui


Oppnus vence Cascavel fora de casa e se mantém líder da Série Ouro

O Opnnus Maringá confirmou nesta quarta-feira a boa fase no Estadual de Futsal da Série Ouro e obteve a terceira vitória fora de casa na competição. O time do técnico Xepa superou o atual campeão do Estado, o Cascavel, por 4 a 3 e assumiu isoladamente a liderança do torneio. Os maringaenses chegaram a abrir um placar de 4 a 0. Na segunda etapa os cascavelenses pressionaram e conseguiram descontar, mas não tiveram forças para evitar a derrota em casa. Como a partida que seria disputada em Maringá neste sábado, diante do Guarapuava, foi transferida, o time maringaense estará de folga até o próximo dia 20 quando  volta a jogar, no Chico Neto, contra o Campo Mourão.

Comente aqui


Times maringaenses para Segundona ainda estão em ‘marcha lenta’

 

Não há nada de promissor em relação à participação das equipes maringaenses na Divisão de Acesso do Campeonato Paranaense deste ano. Tanto Grêmio Maringá como Metropolitano Maringá ainda não apresentam nada de concreto para alimentar as esperanças de seus torcedores. No GM, time do empresário Aurélio Almeida as dúvidas são as mesmas de temporadas anteriores. O confirmado técnico Play Freitas ainda não se apresentou e o elenco está sendo comandado, em treinos físicos que acontecem no gramado do Antigo Aeroporto, pelo preparador Simão Popovicz e pelo auxiliar-técnico Ademar Scarpeline. Um grupo de jogadores (incluindo amadores da região) está sendo analisado para posterior integração definitiva ao time. Mas o campeonato começa em 20 dias! No caso do Metropollitano, o impasse maior é diretivo. O empresário angolano Carlos Rodrigues, que no ano passado fez parceria para administrar o clube por 20 anos, não regressou da Europa e o comando da agremiação está com o vereador Zebrão. Ele já acertou contrato com o técnico Ivair Cenci que vem trabalhando com alguns jogadores já acertados, casos de Thiago Henrique, Bruno, Rocha (ex-Iraty) e Thiago Augusto, atacante que disputou a Terceirona do ano passado pelo Grêmio Maringá. Consta que já há acerto com atletas que defendem equipes da Primeira Divisão do Estadual. Foram citados Warley (Londrina), Rudy e Alex Noronha (ACP) e Souza (Roma Apucarana). Fala-se em uma parceria com o Arapongas, que estaria disposto a ceder parte do seu bom elenco para os maringaenses. Entre os diretores não há consenso sobre os caminhos a serem tomados e a tendência é de que importantes colaboradores como os médicos Durvalino Gusmão e Maicon se afastem do time.

Comente aqui


Coxa defende liderança contra o Leão em Curitiba

 

 Jogando em casa diante do Cianorte, o Coritiba tenta manter a liderança na classificação do returno do Campeonato Paranaense, neste domingo, a partir de 18h30. O time coxa branca tem 18 pontos e nem pode pensar em tropeço, já que os rivais Atlético e Londrina, têm dois pontos a menos e também lutam para a conquista da fase. O técnico Marcelo Oliveira pode ter o retorno do meia Rafinha e do atacante Marcel, ambos liberados após se recuperarem de contusões. Eles participaram do treino de sexta-feira no CT da Graciosa e do treino recreativo da manhã deste sábado. O Atlético enfrenta a equipe do Corinthians, no Estádio Janguito Malucelli O Londrina, que vai jogar em casa contra Operário de Ponta Grossa, também está no páreo. O Tubarão e precisa da vitória e, no mínimo, um empate do Cianorte na capital, contra o Coxa, para seguir com chances. Em Paranavaí, no Estádio Waldemiro Wágner, o ACP faz jogo dramático diante do Rio Branco de Paranaguá. O time é vice-lanterna na classificação geral e precisa de triunfo para se manter com chances de evitar o rebaixamento para a Divisão de Acesso em 20013. A diretoria do ACP optou por cobrar preço único do ingresso, R$ 10, e liberar a entrada no estádio para mulheres. Outro joga com ameça de descenso pairando é o Roma Apucarana. A equipe joga fora de casa contra o Iraty, último colocado na tabela, e resultado diferente de vitória vai complicar a situação do clube.Em Arapongas acontece o encontro entre equipes que têm os mesmos objetivos. Arapongas e Toledo se enfrentam de olho em uma das vagas na Série D do Campeonato Brasileiro ainda neste ano. Na briga pelo direito de disputar a quarta divisão do futebol nacional estão o Arapongas e o Cianorte, com 32 pontos, o Londrina, que tem 29, e Toledo, somando 25 pontos. Os dois melhores vão representar o Estado na competição.

Comente aqui


Grêmio Maringá apresenta elenco e Comissão técnica para a Segundona

 Um dos representantes de Maringá na Divisão de Acesso do Campeonato Paranaense que terá início no próximo dia 1º de maio, o Grêmio Maringá já tem definido o seu elenco e também a comissão técnica. A diretoria do clube apresentou via seu site na última segunda-feira-feira os componentes do grupo que terá a missão de conquistar uma das vagas para a elite do Estadual em 2013. O técnico é Play Freitas, o mesmo que orientou o time na temporada passada. Com o ex-jogador Gerson Lente como diretor técnico e Alzumiro Brunieri na função de diretor de futebol, o Alvinegro conta ainda com Ademar Scarpeline (auxiliar), Simão Popovicz (fisicultor) e Alex na preparação de goleiros, além do massagista Reis e o mordomo Aíltom. Segundo a diretoria os jogadores que compõem a equipe foram selecionados em clubes que disputam os diversos estaduais por todo o País. Não há entre eles nenhum mais conhecido. Do elenco de 2011 também são poucos que permaneceram. Inclusive o jogador que mais se destacou nas disputas da Terceira Divisão no ano passado, Thiago Augusto, está fora da relação, já que acertou e treina com o outro time da cidade, o Metropolitano Maringá.  Os jogadores anunciados são: goleiros – Túlio Lima, Diego e Juninho; laterias-esquerdos – Ralph e Vinícius; laterais-direitos – Tony e Cléo; zagueiros – Pablo, Rafael, Miltão e Fábio; volantes – Gustavo, Crispim, Fabinho, Alemão, Baduka e Anderson; meias – Jô, Giovane, Rafael, Cabrine, Rafinha e Mário Zan; atacantes – Lila, Alex Lima, Diego, Bruno Andrade e Clécio. Os dirigentes anunciam para o próximo dia 15 o lançamento de campanha para agrupar sócios-torcedores que possam contribuir na sustentação do clube. A estreia do Grêmio Maringá será no feriado do Dia do Trabalho, às 15h30m ,o Estádio Willie Davids diante dol Nacional de Rolãndia. No mesmo dia o Metropolitano Maringá jogará em Campo Largo, contra o Grecal. As demais equipes que disputam a Divisão de Avesso são: Paraná Clube, Junior Team e Cincão, ambos de Londrina, Serrano, de Prudentópolis, Foz do Iguaçu e Cascavel.

 

Comente aqui