Médicos de todo mundo discutem os remédios biossimilares

Brasília sedia, de 26 a 28 próximos, o 7º Fórum Latino-americano e o 8º Brasileiro de biossimilares. O objetivo do congresso que em anos anteriores reuniu mais de 500 profissionais é discutir a comercialização de novos fármacos biossimilares, e também as questões regulatórias, científicas, mercadológicas e educacionais.

Os biossimilares são cópias autorizadas (desenvolvidas após a expiração das patentes) dos medicamentos biológicos, que são produzidos a partir de células vivas. Porém, não podem ser considerados genéricos.

Para o reumatologista Dr Valderilio de Azevedo, professor de uma das organizadoras do evento, a Universidade Federal do Paraná, A biotecnologia é uma ferramenta inovadora da indústria farmacêutica para tratamento de doenças como câncer, diabetes, artrite reumatoide, hepatites, psoríase, escleroses múltiplas, entre outras, mas tem sido alvo de muitas discussões. Em todo o mundo o assunto vem sendo tema de debates há cerca de 10 anos, com ênfase nos medicamentos biossimilares, ainda pouco conhecidos entre a população”.

Uma das principais preocupações dos médicos, destaca ele, é ir além da além qualidade dos produtos: “Nos preocupamos também com a intercambialidade dos biossimilares com os produtos de referência, ou seja o que pode acontecer com um paciente que ora usa o produto de referência e ora usa o biossimilar no mesmo tratamento ou vice-versa”.

     O encontro terá 19 palestrantes brasileiros e 11 internacionais no Centro de Eventos e Convenções de Brasília: Cintia Sternberg, Daniela Cerqueira, Elezer Lemes, Fabio Teixeira, Hellen de Carvalho, Luiz Piva Jr, Mauro Scharf Pinto, Oderi Ramos Jr., Priscila Torres, Rosiane Rocha Egg, Sergio Kowalski, Valdair Pinto, Manoel Carlos, Gilcemara Pileggi, Odery Ramos e Dr Valderilio de Azevedo; Cristian Flórez (Colômbia), Eduardo Mysler (Uruguai), Freddy Faccin Lazo (Venezuela), Gilberto Castanheda (México), Ingrid Schwarzenberguer (Canadá), João Gonçalves (Portugal), Melanie Royce e Thomas Feliz (EUA), Oliver Rocero (Hungria), Pablo Matar (Argentina) e Robert Moots (Reino Unido).

    No dia 26 acontecerá também um curso pré forum, sobre biossimilares para leigos e jornalistas, com palestrantes internacionais. No site e no blog do Conteúdo Médico (www.conteudomedicom.br) tem a programação completa e onde se inscrever, até o próximo dia 10.

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.