Mês: agosto 2011



SESCAP-PR lança a campanha E-Lixo em Umuarama

Mais um passo em contribuição ao meio ambiente foi dado pelo SESCAP-PR no interior do Estado. Depois de contabilizar o sucesso da ação para recolher lixo eletrônico em Toledo, foi a vez da regional de Umuarama lançar oficialmente a campanha E-Lixo. A cerimônia aconteceu na manhã desta sexta (26) no auditório da Prefeitura Municipal.

O projeto realizado pelo SESCAP-PR tem como objetivo o recolhimento de materiais eletroeletrônicos sem utilidade para que seja descartado corretamente, além de conscientizar a população quanto aos riscos oferecidos por esses produtos. O trabalho conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Umuarama, do Instituto Federal do Paraná (IFPR) e da empresa PARCS Lixo Eletrônico.

Equipamentos como computadores, monitores de TV, rádio, telefone (inclusive celulares) e pilhas, terão como ponto de entrega no dia 16/9 um caminhão da prefeitura na rua Tangará, 3066, em frente a Asuscmar no Jardim Iguaçu. No dia 23/9, haverá ponto de recebimento na praça Miguel Rossafa. No dia 30/9 a feira do produtor (fundo do estádio Lúcio Pipino) será o local de recolhimento. Já no mês de outubro, a coleta será feita no centro poliesportivo, no dia 7/10; na praça Tamoio, dia 14/10, e na praça Santos Dumont, no dia 21/10. Nessas datas, tanto empresas como a população em geral, poderá descartar os equipamentos eletrônicos tidos como resíduos, sem utilidade.

O IFPR, que vai ceder alunos para ajudar nas coletas semanais, fará uma avaliação dos computadores recolhidos para reaproveitamento. As máquinas que foram recuperadas serão destinadas para entidades assistenciais da cidade. A participação da PARC Lixo Eletrônico será de vir à Umuarama para recolher os materiais e emitir certificado de destinação correta.

Para o secretário de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo, Antonio Carlos Favaro, esta é mais uma ação efetiva de tratamento de resíduos que acontece em Umuarama. “Eu parabenizo a iniciativa do SESCAP-PR e de toda a sociedade participativa que nos procura com projetos tão importantes como este. O E-lixo é mais uma ação, somada a outras que coloca Umuarama no cenário mundial quando o assunto é meio ambiente”, relatou.

Comprometimento
O presidente do SESCAP-PR, Mauro Cesar Kalinke, participou da cerimônia de lançamento e convocou os empresários de serviços e a população para a participação no E-lixo. “Trata-se de uma campanha brilhante já iniciada em Toledo e agora em Umuarama. Nós, do SESCAP-PR, acreditamos na necessidade de conscientização ambiental e na valorização de ações sustentáveis que beneficiem a todos de um modo geral”, conclama.

Apoio
O empresário de serviços, Gefferson dos Santos Abreu, parabenizou a iniciativa e vai apoiar os trabalhos. “Essa campanha vai beneficiar as empresas, as organizações assistenciais que poderão receber equipamentos para ajudar pessoas carentes, além da destinação correta do que não pode ser mais utilizado”, disse. Da mesma forma, o empresário, Roberto Aparecido dos Santos, presidente do Sindicato dos Contabilistas de Umuarama (Sincouma), vai apoiar o projeto reservando um espaço de coleta permanente na sede do sindicato até o final da campanha.

Expectativa
Para o diretor regional do SESCAP-PR em Umuarama, Hélio de Souza Camargo, a campanha já tem mobilizado empresários e entidades. “Com as parcerias que temos e estamos buscando, a campanha tem tudo para ser um sucesso. A expectativa é que 20 toneladas sejam coletadas no período”, acredita.

Sem categoria
Comente aqui


SESCAP-PR defende legislação específica para serviços terceirizados

A composição de um projeto único, denominado “marco regulatório” para o segmento de serviços terceirizados, a partir de um amplo debate entre representantes de entidades patronais e laborais. Este foi o objetivo do seminário “Terceirização do Mercado de Trabalho” ocorrido na quinta-feira, dia 25, no Sindicato do Comércio Varejista (Sincoval), em Londrina, que contou com a participação efetiva da diretoria do SESCAP-PR.

O deputado federal Roberto Santiago (PV-SP), vice-presidente da União Geral dos Trabalhadores (UGT) e relator na comissão especial que trata o assunto na Câmara dos Deputados, encabeçou as discussões. Segundo ele, há 22 projetos sobre terceirização tramitando no Congresso Nacional, mas é necessário um projeto único mais abrangente que atenda às necessidades atuais. “Não vamos tratar de nenhuma especificidade. Vamos trabalhar a contratação e a legalidade jurídica do assunto. Vamos cuidar das preocupações das entidades patronais contratantes e contratadas, assim como dos interesses dos trabalhadores e governos”, disse o deputado.

Para Luiz Mauro Lebelém, diretor da Câmara Setorial de Serviços em Recursos Humanos do SESCAP-PR, a proposta do deputado parece ser autêntica dentro das necessidades. Com certeza não vai atender 100%, mas numa escala de zero a dez vamos chegar no sete. Hoje, ainda estamos no estágio dois. Isto significa um grande avanço”, avalia.

Chega de Enunciados
Para o presidente Mauro Kalinke, a criação de uma lei específica para o setor é necessária e urgente para que os empresários tenham segurança para realizarem suas atividades e o SESCAP-PR tem trabalhado nos últimos anos para homologar essa regulamentação. “Não podemos ser regulados por um anunciado de TST [súmula do Tribunal Superior do Trabalho]. Precisamos de uma legislação específica”, disse, ao afirmar que a ausência dessa legislação acaba beneficiando os maus empresários.

Consenso
Proposições das frentes sindicais dos trabalhadores são divergentes às da classe patronal, no entanto ambas defendem a regulamentação. “Do jeito que está empresas, trabalhadores e contratantes estão perdendo. Toda a classe necessita da regulamentação”, afirmou o presidente da Federação Nacional dos Trabalhadores em Serviços, Asseio e Conservação (Fenascon), Moacyr Pereira. No debate, o representante laboral colocou em pauta questões, como a responsabilidade solidária ou subsidiária; atividade-meio, atividade-fim; igualdade de direitos; e precarização.

Representação do SESCAP-PR
O SESCAP-PR esteve representado no Seminário pelo presidente Mauro Kalinke, pelo 2° vice-presidente, Expedito Barbosa Martins; pelo diretor da Câmara Setorial de Serviços em Recursos Humanos, Luiz Mauro Lebeleme pelo diretor de Administração e Finanças Adjunto, Paulo Roberto Gaertner.

Sem categoria
Comente aqui
  

Espírito Santo sedia o 14° ENAMPE – Encontro Nacional da Micro e Pequena Empresa

O Espírito Santo sedia hoje e amanhã (4 e 5) o Encontro Nacional da Micro e Pequena Empresa (14º ENAMPE). O evento é aberto a todos os interessados que poderão fazer sua inscrição não mais pelo site da Femicro-ES, mas na abertura do evento.

Esta é a terceira vez que o ENAMPE é realizado em solo capixaba. Neste ano, lideranças, autoridades e empresários debaterão a importância dos Estados brasileiros sancionarem suas leis estaduais de apoio às MPEs. No processo de implementação da Lei Geral no Brasil, mais de 50% dos municípios sancionaram suas leis, um número não expressivo de acordo com as lideranças do Movimento Nacional das Micro e Pequenas Empresas (MONAMPE)

Em Vila Velha o Enampe ocorrerá na Prefeitura Municipal, que receberá as lideranças do Monampe, Conampi e de outras entidades nacionais. Já em Cariacica, o Society Gauchão foi escolhido para abrigar o evento, que apresentará mesas-redondas, palestras e debates tratando de assunto gerais ligados às Micro e Pequenas Empresas e Empreendedores Individuais.

Hoje, ao meio dia, eu converso com o prefeito de Vitória, João Carlos Coser, e no final da tarde com o prefeito de Vila Velha, Neucimar Ferreira Fraga. É impressionante o trabalho realizado no Estado e o sincronismo dos poderes executivos. Nesta sexta, pela manhã, acontece a abertura oficial do evento.

Sem categoria
Comente aqui