Mês: dezembro 2013



Projeto Integrar; obrigação do governo

O governador Beto Richa e o presidente Junta Comercial do Paraná, a Jucepar, Ardisson Akel, lançaram agora em Dezembro, o Projeto Integrar. O objetivo é facilitar os processos de abertura, alteração e baixa de empresas no Estado que neste ano, teve mais de 46.500 novas empresas abertas e consequentemente novas vagas de emprego.

A implementação do Projeto Integrar está prevista na Lei Geral da Micro e Pequena Empresa Estadual, sancionada recentemente pelo governador com o apoio do Fórum Permanente das MPEs no Estado. Este projeto, em resumo faz parte da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios, a chamada Redesim, que ainda no Paraná anda a passos lentos.

Contudo, a Junta comercial oferece a pesquisa de viabilidade e reserva do nome empresarial e consulta de viabilidade de endereço para obtenção de alvará. Saiba que hoje, para abrir uma empresa, o empresário precisa passar por diversos órgãos de registro, fiscalização e licenciamento como a Junta Comercial, as Receitas Federal e Estadual, prefeitura, Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária.

Com o novo projeto, tudo será integrado na Junta Comercial. Ou seja, pelo Estado. O empreendedor dará entrada única na documentação, o que trará mais segurança nos registros e facilidade na abertura de empresa.

A grande verdade é que o governo não faz mais do que a sua obrigação em criar facilitadores para o desenvolvimento dos pequenos negócios. Os contadores, por sua vez, investem tempo sem remuneração para direcionar esse trabalho. Tudo em prol de minimizar as dificuldades que o empresário enfrenta para legalizar o seu empreendimento.

Comente aqui


Deloitte debate questões contábeis e tributárias com executivos de Maringá

Nesta quarta, dia 11, a empresa Deloitte promove em Maringá um café da manhã com grupo de executivos para discutir os “Pontos contábeis e tributários de atenção no fechamento das demonstrações financeiras de 2013”. A empresa, que atua internacionalmente, convida empresários e especialistas interessados no assunto para participar do debate. O evento é gratuito e acontece no Hotel Deville. Inscrições com Suéllin Santiago pelo e-mail [email protected]

O grupo e convidados devem debater questões técnicas relacionadas a empresas controladas em conjunto com a atualização de provisões e estimativas, assim como Impairment (ativo fixo,intangível, goodwill); reconhecimento de receita e realização do IR Diferido; Vida útil do imobilizado e subvenções para investimento.

Em resumo, o foco é desenvolver da melhor forma os demonstrativos de encerramento de exercício. De acordo com assessoria de imprensa da Deloitte, a empresa se propõe a apresentar de forma prática o tema com foco no tratamento fiscal no período do RTT (Lei 11.941/09) e na expectativa de novo tratamento fiscal com a extinção do RTT (MP 627/13) – temas que tem preocupado a comunidade empresarial nos últimos anos.

 

Sobre a Deloitte

 A Deloitte oferece serviços nas áreas de Auditoria, Consultoria, Consultoria Tributária, Financial Advisory e Outsourcing para clientes dos mais diversos setores. Com uma rede global de firmas-membro em mais de 150 países, a Deloitte reúne habilidades excepcionais e um profundo conhecimento local para ajudar seus clientes a alcançar o melhor desempenho, qualquer que seja o seu segmento ou região de atuação.
No Brasil, onde atua desde 1911, a Deloitte é uma das líderes de mercado e seus cerca de 5.000 profissionais são reconhecidos pela integridade, competência e habilidade em transformar seus conhecimentos em soluções para seus clientes. Suas operações cobrem todo o território nacional, com escritórios em São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Curitiba, Fortaleza, Joinville, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Recife, Ribeirão Preto e Salvador.

“Deloitte” refere-se à sociedade limitada estabelecida no Reino Unido “Deloitte Touche Tohmatsu Limited” e sua rede de firmas-membros, cada qual constituindo uma pessoa jurídica independente. Acesse www.deloitte.com/about para uma descrição detalhada da estrutura jurídica da Deloitte Touche Tohmatsu Limited e de suas firmas-membros.

Comente aqui