Mês: junho 2011



Red Bull Hare Scramble Ezberg 2011

Blazisiak vence pela 5ª vez consecutiva e entra para a história da prova.

Uma das mais difíceis provas do calendário do Hard Enduro de toda a história aconteceu na Áustria, este ano. Realizada dentro de uma pedreira e Já considerada quase impossível de ser vencida, este ano foi ainda pior, com apenas 9 pilotos completando a prova. Destes 9, nada menos que 7 pilotos estavam de KTM.

Este ano a provamarcou também a estréia de Stefan Everts, 10 vezes campeão de Mundial de MotoCross e que hoje é “apenas” diretor de corrida da equipe KTM no Mundial da modalidade. Everts foi o melhor entre os 1500 pilotos no prólogo da prova, realizado dentro da montanha de ferro no coração da província austríaca da Estíria. Já o vencedor Blazusiak, um piloto polonês de 28 anos, reforçou sua posição de melhor no Extreme Enduro com mais esta vitória, dele que já se sagrou campeão Mundial de Enduro Indoor este ano.

Fonte:

Thomaz Magalhães®

Imprensa & Relações Públicas

 

Comente aqui


Steffi Laier, a melhor mulher do mundo no motocross

Stephanie Laier nasceu em 1985, uma alemanzinha loirinha que aos cino anos de idade fez a sua primeira corrida de moto. Aos três havia corrido de bicicleta. Agora, aos 25, piloto oficial da KTM no mundial feminino de  motocross, é a sensação, o fenômeno das pistas. Está dominando o mundial de WMX, o feminino do Motocross desta temporada, em busca do seu quarto título.

A tri-campeã mundial Steffi Laier com o tetra Antonio Cairoli, pilotos da KTM

Mas  vem de longe seu domínio no cenário do motocross.  Antes de ser tri-campeã mundial no WMX, foi tri também no AMA, o maior campeonato das Américas, em 2001, 2002 e 2003. E seguiu com os títulos no mundial WMX em 2005, 2009 e 2010.

Gosta de comida chinesa, de pasta italiana, ouve rap, música pop e se diverte esquiando n’água e pilotando karts. Nasceu em  Heidelberg e mora em Dielheim, na Alemanha.  Tem 1,74 m de altura e pesa 68 quilos, a mais competente piloto de motocross da atualidade, favorita em todos os campeonatos que disputa. No mundial deste ano está numa acirradíssima contenda, especialmente com a italiana Chiara Fontanesi, da Yamaha, e a alemã Larissa Papenmeier, também da KTM.

Steffi Laier vem de mais duas vitórias seguidas no mundial, em Castigilone de Lago na Itália e em Senkvice na Eslováquia, quinta etapa, onde já alcançou uma pequena folga de 9 pontos na classificação do mundial. E larga de novo como favorita em Oreoha Vas, na Eslovênia, no próximo dia 17 de julho. A KTM de Steffi domina também o Campeonato Mundial de Marcas.

Fonte:

Thomaz Magalhães®

Imprensa & Relações Públicas

 

Comente aqui


Equipe oficial da Troller no Rally dos Sertões

A Troller voltará a disputar o Rally dos Sertões 2011, depois de quase dez anos afastada da competição, com o utilitário Troller T4 e em parceria com a equipe Território Motorsport. A equipe oficial vai competir na Categoria Production, onde são mantidas as principais características de fábrica dos veículos, com dois Troller T4. Pilotos e navegadores estão sendo definidos pelo chefe da equipe, Edu Piano, da Território Motorsport. A largada do Rally dos Sertões será em 9 de agosto.

“O Rally dos Sertões sempre esteve nos plano da Troller pelo alto nível de exigência da competição. É o ambiente ideal para nossos produtos. Nossa equipe volta na Categoria Production porque com a manutenção das principais características originais somente veículos construídos para serem fortes e robustos alcançam bons resultados”, comemora Wilson Vasconcellos, gerente-geral da Troller.

A última participação oficial da Troller no Rally dos Sertões foi em 2002, com vitória antecipada na categoria Production Diesel. Em 2009 e 2010, a Troller cedeu carros para a cobertura da imprensa, levando fotógrafos e jornalistas por todo o roteiro de mais de 5.000 km, mas sem entrar na competição.

“Estamos de volta aos Sertões para chegar entre os primeiros. A parceria com a Território Motorsport vem para marcar esse retorno da Troller como equipe de ponta, pois juntamos a excelência do produto com a experiência de quem conhece muito dos Sertões”, diz Vasconcellos Filho.

Troller T4 Production

“O Troller T4 é um veículo projetado para o off-road e precisou de poucas adaptações, como a colocação de gaiola de segurança, bancos tipo concha e sistema antichama, exigidas pela FIA para a proteção do piloto e do navegador”, diz Edu Piano, quatro vezes campeão do Rally dos Sertões, três delas com o caminhão Ford F-4000. “O Sertões é uma prova longa e sempre existe a possibilidade de imprevistos e acidentes. Mas o Troller já provou em diversas oportunidades que tem qualidades para superar esse desafio. Estamos confiantes de fazer um ótimo rally.”

O Troller T4 dos Sertões é equipado também com amortecedores duplos, rodas e pneus especiais de competição com lateral reforçada e nova calibração do motor, que elevou a potência para 240 cv. Tem ainda um tanque extra de combustível de 85 litros, dois estepes e caixa de ferramentas instaladas no compartimento traseiro. Somado aos 70 litros do tanque original o Troller T4 terá nos Sertões 115 litros de combustível.

Todos os demais itens são originais, incluindo motor, transmissão, diferencial, caixa de direção e ponto dos amortecedores. O veículo de fábrica pesa 2.050 kg e com a instalação da gaiola de segurança atingiu o peso mínimo de 2.100 kg exigido na categoria Production.

Força e versatilidade

O Troller T4 tem motor diesel 3.0 MWM International, originalmente com 163 cv. Possui tração 4×4, diferencial traseiro autoblocante e freio a disco nas quatro rodas. Sua carroceria, produzida em compósito especial, é resistente a impactos e imune à corrosão. O vão livre do solo de 215 mm, o ângulo de ataque de 50 graus e a capacidade para enfrentar áreas alagadas de até 800 mm de profundidade são outros atributos que mostram a sua vocação off-road.

Fonte:

Imprensa Troller

 

Comente aqui


Modelos de carros nacionais viram peças de coleção

Da paixão pelos carros antigos e o hobby do automodelismo de rádio controle, é que surgiu a Classics RC, empresa especializada em personalização exclusiva de carros na escala 1/10. As bolhas, como são chamadas as carrocerias, são feitas em policarbonato de alta resistência para suportar o impacto sofrido pelas miniaturas quando são encaixadas nos chassis – carros elétricos.

Segundo Marcelo Torns, este segmento está tomando conta dos brasileiros aficcionados por carros, representado por um público muito diversificado, principalmente com a popularização dos chassis elétricos, que são silenciosos e de simples manutenção. E tem uma vantagem, são velozes também, podendo chegar facilmente aos 100 km/h, dependendo da configuração escolhida e o proporcional investimento. Se você é um novato, ou se você é um ‘hobbysta’ experiente, o rádio controlado elétrico pode oferecer a velocidade e o divertimento que procura com pouquíssimo, ou quase nenhum trabalho, somente carregando as baterias e colocando no carro.

Ele conta ainda que, como é responsável por reproduzir a personalidade de cada carro e do dono dele, para desenvolver cada projeto, reúne o maior número de fotos e dados sobre o veículo do cliente e, a partir disso, modifica os adesivos, as rodas, e todos os detalhes necessários para que fique o mais próximo do original.

Seu primeiro cliente a encomendar uma miniatura igual ao modelo original – uma Caravan 79 foi o representante comercial Aélcio de Sousa Júnior. “Queria poder acelerar um carro de controle remoto, mas que fosse do jeito da minha Caravan. E não é que ficou igualzinho. Até as rodas (um modelo cromado) ficaram idênticas”, revela entusiasmado o representante.

Torns conta que personalizou um modelo Opala 75 amarelo para um menino de 7 anos e logo após, a irmã de 11 anos encomendou um também. “Quando entreguei o carro com a bolha pronta do Opala 75 nas cores rosa ‘chiclete’ e branco, os olhos da menina brilhavam, e na ocasião vestia roupas nas cores do carro. Parecia que havia ganhado uma boneca, mas era um automodelo de controle remoto,”, brinca Marcelo.

O cliente decide se quer um carro estático – para colocar de enfeite ou se quer que sua miniatura ganhe um chassi (com direito a motor elétrico e controle remoto). Na maioria das vezes, os donos dos carros querem ver mesmo são as suas réplicas acelerando.

Da inauguração, em novembro de 2010 até hoje, foram mais de 300 bolhas personalizadas entregues, que vão dos modelos totalmente originais até os modelos dos carros dos pilotos de arrancada. Na Classics RC o cliente poderá encontrar alguns modelos como: Opala e Caravan (ano 75 a 79); Gol, Parati e Saveiro (ano 91 a 96 e geração 3) ; Maverick ; Passat (ano 74 a 77); Fusca (ano 53) e Fafá ; Mustang (ano 66 e 2008); Voyage (ano 2010) ; Camaro (ano 68 e 2010), entre outros. Para outras informações consulte o site www.classicsrc.com. Siga também pelo twitter: @classics_rc.

Fonte:
Cássia Magalhães

Assessora de Imprensa – CLASSICS RC

Comente aqui


A Ducati Multistrada 1200 S venceu o Pikes Peak International Hill Climb

Pelo segundo ano consecutivo a Ducati Multistada 1200 venceu o  lendário Pikes Peak International Hill Climb, prova de montanha  disputada desde 1916, nas Montanhas Rochosas, em Colorado Springs, nos EUA. Pilotada por Carlin Dunne, de 28 anos de idade e dono da Ducati Santa Barbara, na Califórnia, além de largar na pole-position,  estabeleceu o novo recorde da prova, com 11 min 11 seg 32/100.

Vencer  de novo o desafiador  Pikes Peak International Hill Climb, também conhecido como a “Corrida das Nuvens”, sublinhou a versatilidade para qualquer uso e terreno da Ducati Multistrada. São 20 Km de corrida, partindo de 2.862 metros de altitude, para a linha de chegada a 4.300 metros. A Ducati Multistrada 1200 enfrentou o penoso percurso contando com os seus quatro diferentes modos para acertos da suspensão, potência do motor e controle de tração, alcançados a um toque de botão no guidon, o mesmo sistema tecnológico embarcado em todas as Ducati Multistrada 1200, com as alternativas Sport, Touring, Urban e Enduro Riding. A Multistrada 1200, tida como um marco na indústria motociclística, começa a reescrever a história do Pikes Peak International Hill Climb, uma das mais antigas e difíceis provas de moto do mundo, competição vencida anteriormente por outra motocicleta da marca de Borgo Panigale, a Ducati Hypermotard 1100.

Mais informações: www.ducatibrasil.com.br –  SAC – 0800 774 6464

Fonte:

Thomaz Magalhães®

Imprensa & Relações Públicas

 

Comente aqui


Revisão automotiva antes das férias de julho

Escolher produtos reconhecidamente bons e serviços de qualidade garante a segurança do viajante

A revisão automotiva deve ser feita constantemente, porém, se o motorista se prepara para uma viagem de férias, como a de julho, por exemplo, é imprescindível passar por uma oficina mecânica ou centro automotivo de confiança, para garantir que está tudo bem com o veículo antes de pegar a estrada. “Este procedimento é super importante, pois disso depende a segurança de grupos ou famílias inteiras que saem em viagem.”, destaca Luiz Roberto Ghidini, Gerente de Vendas da DECAR.

O motorista precisa estar atento para possíveis peças danificadas e, sempre que puder trocar certas partes quando atingirem uma determinada quilometragem. “Nas revisões devem ser verificados freios, suspensão, pneus, motor, sistema de iluminação, estepe, extintor de incêndio, palhetas do limpador de para-brisa. É necessário ficar atento, pois a suspensão e os freios precisam obedecer às datas de revisões periódicas, por se tratarem de itens de segurança. Além disso, correias, velas e cabos de ignição, embreagem são itens importantíssimos para longevidade do veículo.”, destaca Ghidini.

A melhor maneira de obter um serviço com garantias e qualidades é escolher estabelecimentos automotivos que ofereçam serviços com profissionais devidamente qualificados e produtos de reconhecida qualidade. “A escolha da marca do produto a ser trocado é a etapa fundamental no processo, pois existem várias opções no mercado e nem todos tem a mesma qualidade. A Decar, que trabalha com a marca própria DC, por exemplo, oferece itens com qualidade para suspensão como bandejas, braços, homocinéticas, terminais, pivôs, entre outros; para freio, há pastilhas, discos, tambores, cilindros de roda, entre outros; para o motor bronzina, válvulas, anéis, pistões, entre outros; e, para a direção, articuladores, caixas de direção, etc.”, enumera Luiz Roberto.

Em se tratando de carros, sempre é bom desconfiar de serviços e produtos muito baratos, ou seja, abaixo do preço justo de mercado.  “Claro que é importante a busca de melhores preços, porém sem esquecer da qualidade, afinal, a segurança é valiosa e não pode ser colocada em risco por questão de economia.”, aconselha o Gerente de Vendas da DECAR.

Mas cuidar do veículo e do seu bom funcionamento deve ser uma atitude frequente, pois disso depende a vida útil do veículo que já sai de fábrica com esta recomendação. “Existe uma cultura que quando o veículo ainda é novo, o motorista tem por hábito fazer as revisões periódicas, porém, com o passar do tempo, este cuidado é abandonado e as visitas às oficinas acontecem somente quando há um problema no carro. E é justamente por isto que antes de viajar deve-se pelo menos fazer esta revisão básica, a fim de evitar contratempos ou até acidentes.”, finaliza Luiz Roberto.

Especializada nas linhas de motor, câmbio, suspensão e freios para veículos leves, a Decar oferece mais de 25.000 itens para veículos nacionais e importados e atua com 120 representantes comerciais em todo Brasil.

Para conhecer mais acesse www.decar.com.br.

Fonte:

es.ti.lo press

Jornalista Responsável: Euracy Campos

Apoio: Carol Prado/Alessandra Sabbag/ Roberta Dias

Comente aqui


O Fiat 500 ganha pontuação máxima de satisfação dos clientes na Alemanha

O Fiat 500 ficou em primeiro no “Estudo de Satisfação de Proprietários de Veículos” da J. D. Power and Associates, conhecida agência que, desde 2002, realiza pesquisas de mercado para determinar o quanto motoristas alemães estão satisfeitos com seus carros e suas marcas. A prestigiada premiação ocorreu ontem em Berlim, na editora Axel Springer.

Com uma pontuação total de 81.8% na categoria “minicar”, o Fiat 500 ficou em primeiro lugar em uma classificação tradicionalmente liderada pelos modelos alemães e japoneses.

O estudo, realizado mundialmente todos os anos, mede o grau de satisfação de clientes com base em 67 características em quatro categorias diferentes, cada qual com um peso específico. Apelo (desempenho, design, conforto, funções) corresponde a 32% da pontuação total, qualidade e confiabilidade do carro correspondem a 26%, custos operacionais (combustível, seguro, manutenção e reparos) a 22%, enquanto satisfação com a concessionária da marca corresponde a 20% da pontuação total.

Especificamente, o “Estudo de Satisfação de Proprietários de Veículos” realizado na Alemanha se baseou em 17.158 pesquisas on-line focadas em motoristas que possuíam seus veículos a dois ou mais anos e que, durante esse tempo, haviam viajado uma média de 38.700 quilômetros. A pesquisa se focou somente em modelos de nove categorias – de minicar a SUVs – e se baseou em pelo menos 50 perguntas.

O resultado mais interessante desta edição foi a opinião expressa por clientes alemães sobre os critérios mais importantes – apelo de desempenho, compartimento de passageiros e lataria – onde o Fiat 500 recebeu pontuações máximas três vezes. O veículo urbano da Fiat também se destaca na multidão em termos de despesas operacionais. Em resumo, com este prêmio o Fiat 500 – que já recebeu muitos prêmios por seu design e tecnologias implementada – enfatiza os altos níveis de qualidade do carro e o compromisso dos Automóveis do Grupo Fiat de constantemente melhorar o atendimento ao consumidor e o desempenho de rede de concessionárias.

Fonte:

Fiat PRESS

 

 

Comente aqui


Assovepar fala sobre as placas de identificação nas revendas associadas

A cidade de Curitiba e Região Metropolitana concentram cerca de 1200 revendas de veículos. Entre elas estão as lojas associadas a Associação dos Revendedores de Veículos Automotores no Estado do Paraná ( Assovepar) que possuem a placa de identificação da Entidade. Os lojistas associados são submetidos ao Código de Ética da Assovepar, ao Código de Defesa do Consumidor e são revendedores que estão há muito tempo no mercado de automóveis, o que se torna um dos pontos de grande importância para a boa negociação do consumidor.
De acordo com o diretor de Serviços da Assovepar, Gilberto Deggerone as lojas com placa de identificação da Associação têm o compromisso de oferecer mais transparência nas negociações zelando pela boa imagem e pela qualidade do produto. Além de apresentar ao cliente um atendimento com competência e ética.
As placas representam o vínculo da revenda com a Assovepar e cada lojista têm em seu estabelecimento um exemplar que o identifica como loja associada. As placas estão geralmente em lugares visíveis e contém, além da logomarca da Associação, um selo de certificação em marca d’água com o ano de validade da placa e o nome da revenda.
As revendas associadas a Assovepar oferecem ainda o suporte necessário, consultas sobre o histórico do carro, vistorias, revisões, entre outros procedimentos que visam a satisfação plena na negociação. Outro fator que difere essas revendas, segundo o diretor da Assovepar, é a assistência jurídica. “Se houver algum problema em um veículo vendido por lojas associadas nós cobramos desse estabelecimento a solução imediata do problema e prestamos a assistência jurídica necessária”, informa Deggerone.
O consumidor que desejar obter mais informações sobre as lojas associadas deve acessar o site oficial da Assovepar www.assovepar.com.br ou ligar para (41) 3014-7150.

Fonte:
Evidência Comunicação Integrada
Suelen Santos / Ines Dumas / Ana Paula Righetto

Comente aqui


Veículos SsangYong já podem contar com Piloto Automático Dalgas

Acessório chega para completar a lista de equipamentos para conforto e segurança do motorista

Os kits de Piloto Automático Dalgas agora podem ser instalados nos principais modelos da montadora SsangYong. O acessório é compatível com os  modelos Actyon e Kyron 2.3L Gasolina e 2.0L Diesel. A novidade chega para ampliar a gama de equipamentos de segurança e comodidade nos veículos da marca.

Com o Piloto Automático Dalgas, é possível manter a velocidade programada automaticamente, sem que o condutor precise manter a perna esticada, poupando esforço muscular e dores lombares. O motorista pode evitar cansaço na estrada, multas por descuido na velocidade e a tradicional preocupação com o velocímetro. Além disso, o acessório colabora com a economia de combustível.

O acessório possui comando de alavanca fixado na coluna de direção e três botões que permitem o controle das funções do piloto com a ponta dos dedos. A instalação dos kits de Piloto Automático Dalgas não exige cortes na fiação do carro, pois eles são compostos de peças específicas para cada tipo de veículo, garantindo praticidade e maior rapidez na instalação.

Testado, o produto é uma das melhores e mais seguras opções de conforto e segurança para o consumidor. Os kits específicos de Piloto Automático Dalgas para veículos SsangYong já estão disponíveis no mercado, sendo uma excelente oportunidade de negócio para as concessionárias e consumidores.

Fonte:

Opção Assessoria

Ana Maria / Adriana

www.dalgas.com.br

 

Comente aqui


Produtos para pilotos profissionais e amadores

Se você gosta de competir e não admite ficar para trás, a Ciao é a sua marca. São vários itens e acessórios, como macacões, sapatilhas, balaclavas, entre outros. Todos os produtos foram homologados pela FIA, para serem utilizados nas mais exigentes competições.

Chega ao Brasil uma nova marca de roupas e acessórios para pilotos profissionais e amadores: a Ciao (pronuncia-se tchau). Com o conceito inovador, a marca contará com o total de 50 itens, como macacões, luvas, sapatilhas, cinto de segurança, balaclavas, entre outros. Todos os produtos Ciao são homologados pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e Confederação Internacional de Kartismo (CIK), em respeito a todas as leis de segurança para a prática do esporte. Foram meses de análises, junto aos laboratórios credenciados, para garantir a máxima segurança na pista.
A Ciao foi criada pelo empresário Ely Behar, que atua no mercado há mais de 20 anos, e já viveu a experiência bem sucedida de trazer uma marca do setor para o Brasil e América Latina (Sparco) e levar uma marca nacional para o mundo (Lico). Com a Ciao, o empresário sintetiza todo esse conhecimento.
A fabricação dos 50 itens da Ciao ocorre em diversos locais do mundo. No Brasil, haverá também uma fábrica própria para a produção dos macacões personalizados. Os produtos serão vendidos com exclusividade na U|Racer (www.uracer.com.br), loja mais completa do automobilismo no Brasil.
“A Ciao conta com uma linha completa de produtos e acessórios para pilotos profissionais e amadores e amantes do esporte. Nosso diferencial estará no custo, oferecendo produtos de qualidade, mas a preços mais acessíveis. Vale destacar que todos os itens são homologados pela FIA e CIK. Foram vários meses de análises e a submissão aos mais rigorosos testes, já que a segurança é um dos nossos principais objetivos”, explicou Behar.
A ação de lançamento da marca contará com alguns pilotos oficiais, como Sérgio Jimenez, Danilo e Denis Dirani, três grandes kartistas nacionais, e Gabriel Sereia, jovem promessa do esporte.
Test Drive
A confiança na qualidade dos produtos Ciao fez a marca criar uma espécie de Test Drive, para que os clientes possam conhecer os seus produtos e devolvê-los no prazo de 15 dias, caso não estejam satisfeitos.
Política de Devolução: o produto só poder ser devolvido se estiver em bom estado, sem estragos ou aparente mau uso. A embalagem também deve apresentar as mesmas condições do dia da compra.

Para conhecer a linha completa dos produtos Ciao, confira o site: www.ciao.com.br

Na U|Racer, veja a página dos itens que já estão à venda: www.uracer.com.br/sistema/listaprodutos.asp?IDLoja=14251&Y=2313713113770&Avancada=1&Adicional1=71822&gclid=COCYw_6bu6kCFYxL2godMy-o8g&Pag=1
Fonte:
FGCom
Fernanda Gonçalves / Andre Stepan
www.fgcom.com.br

 

Comente aqui